Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Vitória hoje para buscar a liderança

Galaxy j5Antes do início do Campeonato Brasileiro, nós Atleticanos (o blogueiro confessadamente) embalamos e entramos na onda do favoritismo ao título. Me lembro até de postar e comemorar que a crônica paulista, em diversas listas, se curvava e colocava o Galo, por unanimidade, entre os candidatos ao topo da tabela ao final das 38 rodadas. Ilusão ou não, fato é que os primeiros resultados assustaram os otimistas Torcedores e provocaram um certo desdém dos mesmos comentaristas que profetizaram a nossa condição de favorito.

Os tropeços foram em alguns casos inesperados e até inexplicáveis, colocando em dúvida nossa projeção inicial. Pelo sim, pelo não, inegavelmente temos de tirar proveito da situação ocorrida e da nossa surpreendente recuperação. Surpreendente para os outros, pois afinal nós Atleticanos até esperávamos muito mais. Não fossem os tropeços nas primeiras rodadas, o Galo estaria liderando com folga a competição nesta virada de turno.

Marcelo Oliveira - jogo com Santa Cruz - 30-07-16
Fotos: Bruno Cantini/Atlético

Que a soberba, característica que fica do outro lado da lagoa, não nos atinja. A partida de hoje, contra o Santos, naquela cidade praiana, é fundamental às nossas pretensões no campeonato. Pontuar fora de casa, segundo até mesmo o nosso treinador e jogadores, é decisivo para reassumir a condição de favorito e buscar a liderança. Marcelo Oliveira conseguiu arrumar a equipe e o entendimento entre os jogadores – dentro e fora de campo – tem sido perfeito. A harmonia foi a principal arma e característica do Galo nas última dez rodadas. Venceu oito, teve um empate e apenas uma derrota.

Se mantiver esse índice de aproveitamento, o time seguramente atingirá a meta e irá levantar o caneco ao final do ano. Embora a equipe santista esteja até mais desfalcada do que o Galo, pelas mesmas razões que também já passamos – contusões, suspensões e convocações – o time não pode entrar em campo sem foco. A vitória e os três pontos hoje, no litoral paulista, podem assegurar até mesmo a liderança a partir de agora no Campeonato Brasileiro.

Vamos à luta!

JPG Genérico 468x60

2 thoughts to “Vitória hoje para buscar a liderança”

  1. Eu acho que temos o melhor elenco. No entanto não temos toda a vontade necessária de quem quer ser campeão. Afinal Robinho e FRed já foram campeões e não precisam mostrar mais nada pra ninguém. Já são super milionários. Muito distantes de nós torcedores pobres.

  2. Acho q o jogo de hj mostrou que falta muito pro Galo ser campeão.
    Primeiro tempo ruim.
    Nas últimas 5 vitórias todos os jogos tivemos um tempo ruim, além de ter nossa meta ameaçada em todos os jogos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.