Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Torcedores fechados com o Galo

Tinha tempos que não sentia uma energia tão favorável como a que estamos vivendo nessa metade do primeiro turno do Brasileiro. Nem mesmo em 2012, quando fizemos um início de campeonato alucinante e o título que nos foi tirado pelas interpretações convenientes da arbitragem. Aliadas, claro, a adiamentos inexplicáveis de jogos e – a fórceps […]

Leia Mais

Galo e o jeito Sampaoli de ser

Outro momento livre e sem jogos no meio de semana vai nos permitir algo que os dois compromissos semanais comprometem. Poder resenhar sobre essa nossa vida Atleticana e o que ela nos traz e possibilita curtir. Ontem, em outro texto brilhante do nosso amiGalo Ricardo Galuppo, pude viajar no tempo e relembrar desses abnegados que […]

Leia Mais

Transparência no futebol brasileiro

Completamos a 11ª rodada do Brasileiro 20/21, com queixas que pipocaram de todos os lados, em sua maioria relacionadas à arbitragem. Nós, Atleticanos, somos as maiores vítimas desses erros que nos valeram títulos nacionais e internacionais, nesse segundo caso, o árbitro gerador foi exatamente um juizinho da CBF. Relembrar, como nesse caso, a desastrosa e […]

Leia Mais

Vitória incontestável de líder

Foi, a meu juízo, a melhor partida do Nathan desde que chegou ao Galo. O jogador foi o maestro da virada. Sua entrada foi determinante aos três importantíssimos pontos conquistados em Goiânia e a liderança isolada da competição. Somos líderes por pontos e disparados em aproveitamento. Afinal, temos uma partida a menos que os adversários […]

Leia Mais

Buscando vencer na capital do cerrado

E lá vamos nós para o território goiano em busca de pontuar na tabela. Não será no Serra Dourada, palco daquela imundice capitaneada pelo Wright, sim no Estádio Olímpico de Goiânia, com capacidade para apenas 13.500 torcedores. Como será sem público, isso poderá ser benéfico às nossas pretensões no Brasileiro. Lembrando que, em 2012, quando […]

Leia Mais

Pedido do Papai Noel ao Menin

Caro benfeitor! Não fosse sua pronta disposição, seguramente o Galo hoje estaria na turma do meio da tabela no Brasileiro e – como nos últimos quatro anos – de olho na classificação e temendo o Z4. Sua participação na nossa vida, jamais será esquecida. Parece que temos idades próximas, porém minha realização pessoal nunca sinalizou […]

Leia Mais