Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Vamos reverter na Catedral do Horto

Caros Atleticanos, em função dos infortúnios da noite anterior, agora – já pela madrugada, no quarto do hotel em São Paulo – tentarei ser curto e objetivo sobre nossa sorte e futuro na Copa Libertadores. Acho, e digo isso com muita convicção, que o placar é perfeitamente reversível em Belo Horizonte. Merecíamos melhor resultado, em que pese as escalações cada vez mais mirabolantes do comandante.

image

O Galo, não sei por qual razão, entrou muito pilhado e facilitou o trabalho claramente mal intencionado do árbitro, motivado pela pressão da diretoria do São Paulo. Sete cartões amarelos e desfalques para a próxima partida me preocupam muito mais do que o magro 1 x 0, que deixou os dois times satisfeitos.

A julgar pela atitude dos jogadores, especialmente do Marcos Rocha, depois do gol paulista, aqui será no mínimo 4 x 0. O lateral, visivelmente, segurou o tempo ao final da partida. Outros ainda precisam se explicar. Hyuri, Clayton, Cazares (barrado até do banco), Patric como atacante, enfim quarta-feira próxima temos a obrigação de vencer e com bom saldo de gols.

image
Fotos: Atlético/Bruno Cantini

Reafirmo que, apesar das maluquices e invencionices do treinador, o Galo é muito mais time do que o São Paulo. Diga-se, o time paulista é muito ruim, na verdade. Tivesse o árbitro adotado, para os dois lados, o mesmo rigor na partida, certamente a distribuição de cartões teria sido, no mínimo, mais equilibrada. As faltas, inclusive a que originou o gol, da mesma maneira teriam sido mais aceitáveis. Na volta, esperamos outro resultado. Com ou sem água (lembram-se de R10 em 2013?), o Galo tem tudo para se classificar para as semifinais.

Disse, no início, que foram infortúnios na noite. Além da derrota e do juiz tendencioso, dezenas – talvez uma centena – de torcedores (os mesmos que compraram aquele pacote que mencionei aqui na segunda-feira), penaram com o traslado hotel/estádio. Na ida, além atraso de uma hora e meia no horário programado para saída, o ônibus levou mais de três horas no percurso. Quando os infelizes conseguiram entrar no desconfortável estádio do Morumbi, o jogo já estava com 30 minutos do primeiro tempo. Lamentável tamanho desrespeito.

37 thoughts to “Vamos reverter na Catedral do Horto”

  1. Eduardo, grande filósofo do Galo, faço minhas suas palavras e convicções. Só acho que o Galo tinha mais a mostrar mesmo sem o menino maluquinho, Datolo e Cazares, esse último tem que se explicar. Os outros nem merecem menção ao nome, ainda, espero… Mas o Galo é forte e vingador, e mais uma vez esperamos que, na bacia das almas, na esquina dos aflitos, possamos mostrar quem tem bala na agulha. São Paulo é muito feio, não acredito em dissabor diante deles. Galo sempre!

  2. Bom primeiramente temos mais time que o São Paulo, porem nosso time é mal treinado como percebemos durante as partidas o galo so tem um esquema tocar pra trás e chutão pro ataque pro prato se virar Aguirre não acrescentou nada no time não tem jogada ensaiada não tem esquema tático time totalmente destreinado, o Galo vem ganhando na raça, acho que nosso time merecia um treinador de ponta infelizmente nosso presidente mais fraco ainda não sabe da grandeza do nosso time e fez uma cagada na contratação do Aguirre muitos aqui não sabem mais o Aguirre fez a mesma coisa no Inter ele botou no banco o Lisando Lopese o Dalesandro em jogo decisivo e o que aconteceu ? o inter perdeu a torcida do Inter odeia esse cara por ficar tirando jogador importante de jogo, bom a respeito do Cazares tudo bem ele foi em boate aqui em BH antes do jogo da final contra o America, acho que a punição dele ja deu ne ? ficou fora de dois jogos da final, e a bola que o Cazares tem não to nem ligando se ele vai em boate, em festa se fica ………… to nem ai pouco importa o que importa é que ele é a única opção de meio e joga muito mais que Huyri, Clayton esse último ridículo o futebol apresentado por ele aqui no Galo e mesmo assim sem futebol algum merecem chance todo jogo ? qual a lógica nisso ? a briga pessoal do Aguirre esta prejudicando o Atlético, presidente omisso que não da uma chegada mais firme nesse treinador e cobra como deve-se cobrar, o placar é totalmente reversível, porem temos um grande ponto desfavorável galo não tem treinador se escalar mal vai jogar um libertadores fora assim como ja fez com o mineiro.

  3. No momento do gol do São Paulo, nenhum jogador do Atlético subiu para cabecear a bola. E Victor, goleiro que não sabe sair ou está inseguro, fica debaixo da trave, se você estivesse lá com certeza teria feito a defesa…

  4. Discordo que os dois times saem satisfeitos pelo resultado. Digo, pelo menos não deveria ser o caso para o Galo. O time mais uma vez entrou mais preocupado em “sobreviver” na partida, só se defendendo, do que qualquer outra coisa. Não teve saída de bola, tentava apenas passes longos. Não houve jogadas ofensivas trabalhadas, apenas algumas escapadas por conta da qualidade individual dos jogadores. O time foi símbolo de seu treinador que, a toda hora, observava o relógio, torcendo para que o jogo logo terminasse. Infelizmente, cada vez mais estou convencido que o time da Flórida Cup ainda era o de Levir e que, depois disso, o Atlético só tem perdido qualidade ofensiva e coletiva, em troca de uma suposta melhor capacidade defensiva, que não se sustenta nos números, nem nos resultados. Galo saiu da 1a Liga, perdeu com a maioria dos titulares contra o América (de orçamento infinitamente inferior) e está em posição perigosa na Libertadores. O 1 a 0 contra foi um resultado terrível porque o Galo de Aguirre não faz mais que um ou dois gols em times mais qualificados (0x2 Fla; 0x1 Cru; 1×1 ou 1×2 América; 1×2 Figueirense; 0x1 SP), não mais se impõe jogando em casa como nos tempos de Cuca ou de Levir. Portanto, um gol do SP e a coisa já se complica. A diretoria, a meu ver, tem de agir e trazer o atleticano Marcelo Oliveira, pois, senão, não teremos chances no Brasileiro e nem na Copa do Brasil. Abraços!

  5. Lamentável. Jogar sem armador é absurdo. Não há jogadas ofensivas, não há esquema tático, o time não deu um chute a gol. Que tipo de treinamento fazem no CT? A paciência se esgotou. FORA AGUIRRE. Precisamos de um técnico a altura do elenco.

  6. Kd o texto do meu comentário que publiquei há pouco mais de uma hora? Fui censurado, pq?

    1. Caro, aqui não tem censura, estava em transito retornando da província de São Paulo. Entro para mediar, de hora em hora, só não autorizo a publicação de agressões e palavras pesadas. No mais, Gaaalooo!

  7. Desculpe caro blogueiro … em 2013 tínhamos Tardelli no ataque … hoje temos quem ? rsss além do Prato dando cabeçadas na frente ..??? Yuri?? Clayton ??? haaa o miuca de 2013 caro blogueiro era comandada por nada mais nada menos que R10 !! Então vamos ser coerentes …esse Aguirre é trinador de várzea !! isso mesmo várzea !! Alô diretoria !! já deu !! Aguirre VAZA !!

  8. Boa tarde, galera! Então, a tragédia realmente não foi tão grande, pois além de ter mais time do que o SP que achou um gol na cagada como o América na final do Mineiro, o 1 x 0 é perfeitamente reversível, ainda mais em casa, garanto que pelo menos um ou dois gols a gente faz! O que me preocupa são duas coisas: a defesa, porque se tomarmos um gol, temos que fazer 3, já que o 2 a 1 pra nós classifica o SP pelo critério gol marcado fora de casa. E nossa defesa, sem Carioca e principalmente sem Júnior Urso, vai ser complicado. Eu entraria apenas com Donizete e Lucas Cândido, mas aposto que o Pardal uruguaio vai escalar o Eduardo! Patrick tem que jogar porque além da raça e da velocidade, ao lado de Urso, foi o melhor jogador ontem, ele ajuda mais na cobertura da Avenida Marcos Rocha do que Hyuri ou Clayton. Agora, não dá pra jogar sem um meia, ou o inventor resolver por Cazares ou Carlos Eduardo ou Dátolo, que tudo indica voltará no próximo jogo. Ontem, não acho que Aguirre tenha errado na escalação, mas na substituição sim! P…a! Hyuri ser preferido no lugar de Clayton é doença já, foi mudar somente nos minutos finais e outra, se o Cazares não pode entrar mais nem no decorrer dos jogos, que o dispensem então e contratem outro, oras! Eu ainda acredito, apesar do Aguirre jogar contra nós!

  9. Jogo muito violento, de ambas as equipes. O Galo errou ao aceitar a pilha do SP. Temos jogadores experientes o suficiente pra não cair nessa. Faltou também aquele último passe de qualidade, pois espaço no meio campo havia de sobra. Um legítimo camisa 10 iria deitar e rolar ontem. Pena que não temos este jogador disponível.
    Parece que o problema do equatoriano é bem maior do que estão falando. Por isso, nem no banco tem aparecido. Lamentável esta situação. Em 2012, Danilinho passou pelo mesmo problema aqui e foi dispensado. Agora, a comissão técnica está tentando proteger a carreira do jogador, pois é patrimônio do clube.

    Na volta, precisamos fazer a mesma catimba, soltar foguetes no hotel, molhar o gramado do lado da defesa adversária, pressionar a arbitragem, usar a imprensa local a nosso favor, agitar os bastidores e acuar o time paulista. Enfim, usar a mesma tática deles.

  10. Outra coisa, não entendo como um jogo tão importante quanto esse vá para um estádio do tamanho do Independência! Porque não no Mineirão, para colocar lá pelo menos 50 mil torcedores! E sobre o jogo de ontem, tem como alguém colocar na cabeça desses “cabeças de bagre” que enfiar o pé, mesmo acertando o adversário, levar amarelo, cara de macho, de zangado, isso não ajuda em nada, pelo contrário, desequilibra o time, como aconteceu! Futebol é assim, levou falta, levanta, bate a poeira e bola no chão! Os grandes jogadores sempre fazem isso, tipo o Messi! os cabeças de bagre que ficam na pilha, parecendo brigando por causa de chifre! O Galo tem muito mais time que o São Paulo e não aproveitou ontem para um melhor resultado, mesmo na casa do adversário! Se não colocar a bola no chão, no próximo jogo, aí complica a situação! Tá com raiva de bola, de alguém, vai num ringue e mete porrada,recebe porrada, no gramado é lugar de futebol! O Galo tem que dar graças a Deus que não expulsou o Marcos Rocha e o Leonardo Silva!

  11. Só tenho uma coisa a dizer: Saudades Levir Culpi! E essa história do Cazares precisa ser esclarecida. Se for indisciplina afasta logo o cara. Se não for indisciplina, demitam o técnico porque é inadmissível qualquer time jogar sem um meia armador tento um disponível!

  12. … Eita que a cabeça tá cada vez mais mexida, com a permanência desse técnico “boçal” (tem tempo que não usava essa palavra, putz !!!).
    Pessoal, já deu para o Marcos Rocha, também … estimo (na raiva) que 80% dos gols que o Galo toma é pelo lado dele (e não vai ter técnico que dê jeito nisso !!!). O cara não coopera com o torcedor, vacila demais… , faz jogadas displicentes, não faz um cruzamento que preste, vice ultimamente do “latereio” e ainda “se acha”. Douglas Santos, sofrivel e, pelo menos, mais esperto e se esconde do jogo, na maioria do tempo.
    Vou aliviar um pouco com o meio de campo, pois, é problema para o treinador, porque com os caras jogando fora de suas características, acaba abalando a confiança … e o que se vê são erros absurdos no controle do jogo, por isso partem para divididas e tudo mais.
    Voltando à zaga, dois jogadores lentos e limitados com a bola no pé, significa que teremos sempre sufoco com quem põe a bola no chão, aliás, já repararam como a bola do Galo só fica picando em campo ??? … alguem toca no chão e logo o outro dá um tapa e levanta para o passe seguinte, onde se precisa de 2 ou 3 toques para por no chão novamente ….
    Olha, os profissionais do Galo tem que evoluir, inclusive na cobrança de qualidade para o trato da bola, tem tempo que não vemos uma partida com bola no chão. O que vejo são entrevistas de jogadores dizendo que fizeram uma boa ou ótima partida e nada de reconhecimento das falhas e compromisso em melhoria.
    Avante Galo, apesar dos erros, das “invenções”e da mesmice do discurso do comando e dos comandados.

  13. Menos pior, perder por um gol jogando fora. Vamos tirar essa diferença em casa. Time jogou com muita raça, aqui é Galo bom de briga. Dois cartões foram forçados pelos jogadores, profissionais sim, atleticanos não. O Cansaço leva a esse tipo de comportamento que prejudica o time. Não entendo mesmo, como pode um atacante revelação do Brasileiro (Clayton) ser reserva de um lateral (Patric) mediano tecnicamente. Me convenci que Aguirre tem mesmo “um troço atrapalhado” na cabeça. Que parcialidade da Globo e do Juiz. Aqui é Galo contra tudo e contra todos. Nepomuceno tá caladinho, blindando Cazares. Só pode.

  14. Gostei do jogo, feio é perder de 7X1. Libertadores é isso mesmo. Os dois times são experientes no mata-mata e não queriam tomar gol nos primeiros 20 minutos. Futebol é o “ópio do povo”, deu até para esquecer do GOLPE, pena que acordei do transe. Força GALO.

  15. Me desculpe, caro Eduardo, mas com esse arremedo de técnico não vamos ganhar nem jogo de porrinha.

  16. O professor Aguirre PARDAL inventou de novo com o Patrick dizendo ser disciplina tática…Um KCT..Coitado do Prato, corre marca. tabela um dia com Carlos, recebe uma melância, tabela com o Patrick recebe outra melância, tabela com Yuri e mais uma…P… Disciplina tática teria de ser jogadores do mesmo nível…Pega um Cruzeirense e ele vai escalar o GALO melhor que esse Prof. PARDAL… Ou tem alguma coisa seria lá dentro que não sabemos …
    Um abraço..

  17. Honestamente nao entendo a revolta da torcida com o treinador. O que “os que se dizem torcedores” queriam ??? Que o Atlético fosse pra dentro do Sao Paulo no morumbi com 60 mil ? ninguem aqui viu que nos ultimos dois jogos do Sao Paulo pela libertadores, eles meteram 10 gols ???? Honestamente, eu tenho a impressao que MESMISSIMOS torcedores que ficam pressionando o treinador Aguirre, criticavam o treinador Levir que o colocava o time pra frente fora de casa e tomava gol desnecessario, custando-nos o campeonato brasileiro e o sofrimento da Copa do Brasil. Quando vem um treinador que poe o time pra segurar o resultado fora e ganhar em casa, esses “torcedores”, numa incoherencia completa et irracional, pedem a volta da tatica bumba meu boi… Francamente, eu faço parte de uma geraçao de ATLETICANOS que, ainda que cegos pela paixao, sabiam do que se trata o futebol pra vencer ! ATLETICANO nao é torcedor, e se alguem nao sabe a diferença é porque nunca foi ATLETICANO de verdade. Vamos resolver em casa essa parada, gostaria muito de ver ATLETICANOS no indepedencia, chega de torcedores Galo na veia Black, chega de mimimi, esse jogo sao 23.011 jogadores que entrarao em campo pra vencer, porque este é o nosso ideal !
    Ps: Parabéns Eduardo pelo blog, como é bom falar de ATLETICANO para ATLETICANO

  18. Com este treinador tivemos e teremos muitas dificuldades. Acredito que passaremos pelo São Paulo pela força da torcida e pelo time que mostra sim que quer ser campeão.

  19. Este projeto de presidente politico Daniel Nepomuceno deve vir a publico e dizer a torcida que errou mesmo em trazer este Aguirre que de aguerrido não tem nada, presidente seu impeachment esta próximo também! Vamos a luta na quarta feira do gular.

  20. vamos torcer para o Datalo voltar na quarta feira pois e visivelmente estamos sofrendo por falta de ciração no meio de campo,sobre o Patric apesar de não achar ele um pessimo jogador e sim muito util para o time,ontem ao meu ver não foi comprometedor e sim ajudou muito pelo lado do Marcos Rocha que como sempre os gol so sai daquele lado,precisamos remotar pois o Rafael Carioca vamos torce para o Datalo e Carlos eduardo

  21. Não tenho a menor duvida que o Aguirre sai depois do jogo contra o SP, perdendo ou ganhando,. Simplesmente porque – apos seis meses – ele nao conseguiu montar um time, dar padrao de jogo, etc. Ontem nao foi o responsavel direto, mas de novo surpreendeu na escalacao. O time do Aguirre (qualquer sejam os jogadores) não deixa jogar, mas tambem não joga! Ontem, se fossemos um pouquinho mais ousados, só um pouquinho, sairíamos com a vitória. Quanto ao Cazares, ja é hora da diretoria agir e se explicar. Algo de muito grave e muito errado esta ocorrendo. Carlos Eduardo é outro que tem que ser colocado pra jogar….Enfim, apesar da derrota estou mais confiante que contra o Racing – desde que o Aguirre faça a parte dele.

  22. Dudu ! infortúnios todos nós estamos sujeitos a eles, o phoda, é qdo tu pagas por eles . Já passei por situações iguais, e ,sei bem como é . O prejuízo,a indignação,ficam na conta da gente, já o tempo perdido e o desrespeito, ninguém paga por ele ,lamentável !
    — Qto ao jogo, GALO perdeu para ele mesmo.O chama gol tricolete, não foi testado e o único mérito do spfw, foi o tal de leco ter exercido pressão em cima da arbitragem durante toda a semana e só . Minha preocupação com o jogo da volta foi perder o Urso e o Carioca , de resto,não tenho dúvida que o GALO passa . Ia falar do ingresso fácil ,mas fica para outra ocasião,agora é foco na arapuca que será o Horto na quarta-feira que vem ,é guerra meu bom ! GALOOOOOOOOOOOOOÔ ..

  23. Eduardo, bom dia. Desculpe mas tenho que desabafar. Não dá mais para aguentar este Aguirre.Senhor Presidente Daniel Nepomuceno e Senhor Diretor de Futebol, Eduardo Maluf. vocês dois são a cara da incompetência administrativa do futebol. Estão deixando o Sr. Diego Aguirre mandar no Futebol do Galo. Um cidadão que não entende nada de futebol. Monta um time sem armadores, sendo que tem peças para isto. Ontem tinha o Carlos Eduardo no Banco e não mexeu no time, além de ter tirado o Cazares do Banco. e pior, além de tudo é mal educado, tratando a imprensa e a torcida com rispidez. Depois que a eliminação vier não adianta mandá-lo embora. Não conseguiu ganhar nem o campeonato mineiro, vai ganhar o que. Abram o olho, ainda dá tempo. Tragam outro treinador e dêem um choque de motivação nestes jogadores. Dá para ver na cara dos jogadores que eles não estão satisfeitos com o comandante. Além do mais, o estilo de jogo, querendo empatar fora (sem gols) para decidir em casa é uma tática altamente suicida. Tem que buscar fazer gols fora de casa para ter mais tranquilidade. O time não dá um chute a gol jogando fora de casa. Foi um sufoco com a URT, Independente Dell Valle e outros. Fora Aguirre. E o time não reverter, os culpados tem nome: Daniel Nepomuceno e Eduardo Maluf. Aliás, Sr. Nepomuceno, há muito tempo o Galo não tinha um presidente tão passivo, que assiste a tudo e não toma providência nenhuma. O senhor mesmo disse que o tempo de experiências tinha acabado mas as experiências continuam. Acorda Nepomuceno.

  24. Caros atleticanos, não gostei nem um pouco do jogo de ontem, parecia um ringue ao invés de jogo de futebol, o Galo parece que entrou só para não deixar o São Paulo jogar, é uma pena que um time aparentemente tão bom não consiga jogar bola. É um absurdo o Pratto ter que sair do ataque para fazer uma falta na área defensiva do Galo, e daí surgiu o gol. Acho que ninguém merecia ganhar este jogo, tamanha falta de criatividade das duas equipes. Espero um jogo bem melhor no Horto e que saiamos de lá com a classificação, afinal aqui é GALO p…..!!!

  25. Alguém precisa explicar porque o Galo se tornou um time violento e agora recordista de cartões amarelos. Também precisamos entender porque ainda não temos um cobrador de faltas. Contra o América foram dezenas de oportunidades desperdiçadas. Ontem também. O adversário soube aproveitar e venceu o jogo. Claro, o juiz ajudou muito o time paulista, mas o treinador do Galo precisa rever seus conceitos.

  26. Todos nos atleticanos sempre falamos que o Aguirre invetou Patric como atacante pelos lados, enganamos sempre a nos mesmos, quem inventou isso foi o mestre Levir, e ele fez bem os lados de campo, se entrega sempre, acho que o errados que deu certo. Patric erra muito, ontem Parto foi livre no segundo pau e o nosso Patric da massa simplismente tropeçou na bola. Mas errado são os jogadores que nada querem da vida, não são proficionais, Cazres erra e a impressa fica cobrando do Aguirre, ele tem que fazer por merecer ser escadao coisa que não provou nos seus ultimos jogos, somente jogou 3 partidas bem, nada mais fez pormerecer ser escalado. A fila anda Cazares, jogar futebol requer dedicação, estudos do adversario, doação e companheirismo . ser proficional.

  27. SAUDAÇÕES ALVINEGRAS. AQUI LHE ESCREVE UM ATLETICANO SATISFEITO E CONFIANTE. Satisfeito pois fizemos um bom jogo. Jogamos contra um time tradicional e uym dos mais beneficiados pela arbitragem. Satisfeito pois vi um time com espírito de libertadores e apesar de muitos falarem. Acredito que Patric era sim a melhor opção. O time esteve bem postado e suportou bem a pressão. Eles estavam em casa. Tinham que buscar o resultado. Claro q seria aquele Deus nos acuda.
    CONFIANTE. Estou confiante que iremos eliminar o São Paulo. O Galo vai muito desfalcado mas é ai que a coisa começa a ficar bom para o atleticano. Vamos na marra, na raça e na superação. Quarta que vem serão 20 mil vozes empurrando o Galo para mais um Jogo Épico..Vamos com tudo.P.S- Quero parabenizar o Senhor Aguirre, ontem escrevi aqui que esperava que ele estivesse em um noite iluminada. E isto aconteceu. O Galo jogou como time cascudo que se tornou e isso tem o dedo do técnico.
    VAMOS GALO, GANHAR LIBERTADORES!!!

  28. bom dia,
    o Aguirre inventou ao colocar Patric no ataque, Patric tem vontade, rapido boa marcacao mas nao da para exigir dele, jogadas de atacante.
    se o arbitro tivesse mais pulso teria expulsado o Hudson que bateu jogo todo, o thiago maia que fez falta por tras para amarelo quando ja tinha amarelo, teria expulsado tb o rocha. O que nao entendo é porque o galo entrou tão pilhado no jogo, sp comportou como time argentino dando potapés e catimba e o galo comecou a revidar, que deixasse eles baterem e jogadores deles sendo expulsos, ate o carioca que é sempre muito frio tava pilhado, nós torcedores infelizmente nao sabemos o que tá acontecendo no time do galo. Para mim como torcedor que o Cazeres jogasse bebado mas que jogasse. O galo ontem precisando de um meia com substituicoes a fazer e mais uma vez o tal “carlos eduardo” nao entrou, eu como os outros torcedores como tá o preparo deste cara, mas se ta fora de forma que levasse o capixaba para compor o banco, talvez poderia entrar e na velocidade mudar os rumos do jogo. vamos galo da para reverter este placar.

  29. Realmente ontem ficou claro que somos mais fortes mesmo com a derrota, porém eles acharam um gol e mata-mata se decide nesses detalhes.

    Espero que a torcida faça uma pressão incrível na volta, pois esse será nosso diferencial.

  30. Estava com a esperança de que acordaria hoje com o afastamento do Diego Aguirre. Mas foi o da presidente. Nosso maior ponto fraco está no banco, escalando mal o time. Treinador, definitivamente, não é. Assim como foi com o Autuori em 2014, perdemos a oportunidade de repetir 2013. Time pra isso temos. Como já disse, quem está atrapalhando é distribuidor de camisas. E a cada partida ruim, ele projeta uma possibilidade de melhora para a próxima decisão. Já está ficando sem opções. E foi um absurdo ele se recusar a responder o motivo pelo qual ele não está utilizando o Cazares. Disse para fazer outra pergunta “interessante”. Como bem disse o repórter, a pergunta era de interesse da TORCIDA do GALO. E ele simplesmente disse: “Outra!”. Para mim, sem querer crucificar a diretoria, a contratação desse técnico foi um erro e deveria ser bem digerido para evitar que ocorra novamente.

  31. Olha, sou cruzeirense de nascença e já torci muito contra o Galo, mas evoluí, cresci mentalmente. Não posso tratar como inimigo um time que também representa meu estado. Sou Cruzeiro e em segundo lugar sou Galo, e sou contra todos os times do Rio e de São Paulo, esses sim devemos torcer contra pois eles tem a Globo que já faz a propaganda deles, que invade o país com transmissão dos times desses estados e acabam influenciando os torcedores, tirando fatias dos times locais. Sobre o jogo de ontem, eu fico a pensar se era jogo ou porrada, que jogo feio, desleal, principalmente pelo lado do Galo, que já começou com o Marcos Rocha que, com uma idiotice poderia ter sido expulso logo no início do jogo! O árbitro parece que não viu, por isso não o expulsou,e pior, sem necessidade alguma! E logo depois o Leonardo Silva faz uma falta para amarelo e pouco depois fez outra falta que qualquer outro juiz o expulsaria! Na boa, esses jogadores não tem controle emocional não? Será que eles não sabem que prejudicam o time ao invés de ajudar, se forem expulsos! Acredito que eles devem pensar que fazendo cara de bravo, levando amarelo, expulsão,que ajudam o time, que a torcida gosta, só pode! que jogo mais feio, dos dois lados,catimbado, faltoso! Pô, quando os jogadores brasileiros vão aprender a jogar bola honestamente? Se um time joga violento e o outro não, automaticamente faz com que o outro controle seus ímpetos! Mas se os dois se digladiam, aí não tem jeito! Próximo jogo é jogar apenas bola, aí tem jeito para o Galo porque ele tem muito time para isso! Torcida não quer ver jogadores brigando, metendo cotovelada nos adversários,cavando falta,se jogando,fingindo, nada disso, ela quer ver um futebol honesto,justo e bonito, de preferência!

    1. Perfeito comentário, amigo, principalmente sobre a postura dos jogadores. Sobre sua evolução pessoal, lhe dou os parabéns. Eu ainda estou num estágio bem lá embaixo…

  32. Realmente o árbitro foi omisso. Tivesse um pouco mais de coragem, Marcos Rocha teria sido expulso com 2 minutos de jogo.

  33. Discordo de novo sobre as “invencionices” do treinador. Gostaria que fossem apontadas alternativas diferentes.
    Tb não entendi tamanha pilha do time. Força desnecessária. Perdemos nossos 2 melhores volantes. Perdemos Robinho. Cazares, que só pode ter/estar fazendo c@g@d@as pestilentas, parece totalmente fora dos planos. Clayton não deslancha. Hyuri, uma água. Já sofríamos com a transição para o ataque por falta de um armador, imaginem agora. E muitos cegamente jogarão a culpa no treinador. Fica + fácil assim, cômodo.
    Da p/ reverter no Horto, sim. Mas terá que ser na raça (General, não confunda com porrada) e na força da torcida.
    Provavelmente iremos de Carlos César, Clayton, Patric, Donizete, Eduardo e Lucas Cândido. É o que temos no momento. Para quem tem fé, melhor começar a rezar.
    Ah, espero que ninguém reclame de time reserva no domingo.

    1. Éh isso mesmo Santana ! Vamos reverter essa bagaça aí, a gente funciona melhor sem o ‘clima de já ganhou’ . SAN

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.