Bolso Júnior está sendo assado e servido numa bandeja de ouro. Bem feito

Anotem aí, meus caros: a situação do Bolsokid só vai piorar. É bom o papis se afastar, ou vai sobrar para o governo também

Cada pai tem o Lulinha que merece (Foto: Google Images / Divulgação / Redes Sociais)

No dia seguinte — ou após este, não me lembro — da divulgação da movimentação atípica na conta do tal Queiroz, escrevi um post tocando no assunto (aqui).

Três dias depois, voltei a comentar o caso do Bolso Júnior e seu “lero lero”, que só convencia ou idiotas ou fanáticos pelo Clã Bolsonaro (aqui).

No dia seguinte, diante a saraivada de mensagens na minha página do Facebook, defendendo o Bolsokid, publiquei um texto dando uma chacoalhada na turma cegueta (aqui).

Nesta quinta-feira passada, novo post sobre o assunto (aqui). Na sexta-feira, mais um (aqui). Por que esta breve linha do tempo? Porque a cada dia que passa, a situação só piora.

O JN da Rede Globo, em excelente reportagem, divulgou novos dados sobre a conta de Flávio Bolsonaro. Em apenas um mês, recebeu 98 mil reais, fracionados em depósitos de R$ 2 mil.

A Globo torce contra Bolsonaro? Sim, torce. O MP do Rio tá perseguindo o Bolsokid? Sim, está. Há outros deputados ainda mais enrolados? Sim, há. Houve quebra indevida de sigilo? Talvez.

Agora eu pergunto: tudo isso desmente o fato de o filho do Presidente Eleito ser mais um dentre os milhares de parlamentares deste país a empregar funcionários improdutivos apenas para lhes cobrar um pedágio?

Pergunto também: um político que elege-se sobre a plataforma da moralidade, da rigidez na conduta pública, do duro combate à corrupção, da transparência nos atos, pode recorrer ao STF em busca de Foro Privilegiado?

Se você acredita que sim, então o seu lugar é ao lado dos fanáticos petistas, que até hoje defendem o corrupto e lavador de dinheiro, e toda a gangue de larápios já condenada ou em processo de (condenação).

Se você acha que ainda é cedo, que se deve esperar o fim das investigações, que não há nada provado, que trata-se apenas de 98 mil reais etc, então seu lugar não é aqui, me enchendo o saco com esse papinho furado.

Se você acha que por torcer (muito!!) para este governo dar certo, ter a mais profunda revolta e ojeriza do PT e seus vagabundos, rezar para jamais cairmos nas mãos da esquerda, me fará me comportar como um tapado petista, seu lugar é em outra freguesia.

¨Ah, Ricardo, você nunca gostou do Bolsonaro. Só votou nele por ser contra o PT”. Sim, é verdade. Os posts estão todos aí para comprovar. Mas o que isso tem a ver? Acaso inventei alguma coisa contra o Bolso Júnior que não é fato?

E notem: por ora, meus caros, minha treta resume-se ao filhote. Nada contra o pai (pelo menos até o momento, hehe). “Mas assim você está dando munição ao PT”. Eu? Uma ova! Não tenho nenhum Queiroz para chamar de meu, não. Quem está dando chama-se Flávio Bolsonaro.

Aliás, é o tal negócio: quem muito fala dá bom dia a cavalo. Ele (Flávio), seu pai e seus irmãos (políticos) estão em condição muito pior que a da “mulher de César”. Fizeram a fama (da rigidez moral absoluta), que deitem na cama. E quem quiser lhes passar pano, que seja feliz.

Apenas peço que em outro lugar. Já tem idiota demais (do PT), por aqui, comportando-se como escumalha de bandido.

Leia também.

29 thoughts to “Bolso Júnior está sendo assado e servido numa bandeja de ouro. Bem feito”

  1. Quero que o Bolso Júnior seja investigado e devidamente punido.
    Só acho que, como essa é uma prática criminosa disseminada em todas as instâncias legislativas, a questão não pode ficar restrita a um único caso.Nao só é condenável essa prática como o é o privilégio abusivo (uma farra!) de nomeações de “n” assessores.
    Mas isso não pode nos desviar do gigantesco abacaxi que temos que descascar: retirar o País do fundo desse poço econômico, social, administrativo, moral, político e moral que os nefastos govs PT nos jogou. Um País quase falido, um povo endividado e desempregado, a saúde pública calamitosa , uma previdência com o pé na cova etc , tudo isso é mais do que prioritário.

  2. Quero que o Bolso Júnior seja investigado e devidamente punido.
    Só acho que, como essa é uma prática criminosa disseminada em todas as instâncias legislativas, a questão não pode ficar restrita a um único caso.Nao só é condenável essa prática como o é o privilégio abusivo (uma farra!) de nomeações de “n” assessores.
    Mas isso não pode nos desviar do gigantesco abacaxi que temos que descascar: retirar o País do fundo desse poço econômico, social, administrativo, moral, político e moral que os nefastos govs PT nos jogou. Um País quase falido, um povo endividado e desempregado, a saúde pública calamitosa , uma previdência com o pé na cova , a insegurança pública em grau elevado etc , tudo isso é mais do que prioritário, pois o povo sofrido não pode esperar.

  3. O crime está confirmado, o simples fato de não comparecerem para prestar depoimento confirma o atestado de culpa. Um acusado injustamente, quando honesto de fato, grita aos quatro cantos sua inocência. Não foi o que aconteceu. Se esconderam !!!! Você está cem por cento correto.
    A honestidade em todos os seus aspectos, está se tornando uma virtude rara. Assim caminha a humanidade! Que triste ! Abraco !

  4. Sou eleitor do Bolsonaro e assino embaixo.
    Se ele diz ter explicações, que explique então. Simples!
    Ninguém está acima da lei!
    Será que ele não imaginou que sua vida e de sua família seria totalmente vasculhada? Ingenuidade ou burrice. Ou mais do mesmo.

  5. BOM, ESSA COISA DE MITO…
    SEI NÃO, MAS BRASILEIRO ADORA TRANSFORMAR POLÍTICO EM MITO…
    ESTAMOS FUDIDOS…
    OU A LAVA JATO NOS SALVA, OU TEM MUITO LULA, AECIM, SARNEY, PARA SER DESCOBERTO…
    AGORA O CLÃ JÁ COMEÇOU COMO SE BANANIA FOSSE MONARQUIA, E CLARO, OS BOSTANARO OS MONARCAS…
    PAU NELES

  6. Torço para que este governo dê certo, torci muito para o Jair Bolsonaro ganhar, detesto petistas mas também acho que só a demora com explicações convincentes já é prova de culpa e o Flávio Bolsonaro tem que ser punido, cassado, por exemplo.
    Agora, todos sabemos que esta prática de deputados e vereadores contratarem dezenas de assessores e cobrar parte dos salários deles é antiga em todo o Brasil. Está na hora de colocarem definitivamente um ponto final nisto. Esta é uma excelente oportunidade.
    Cada político tem que ter um mínimo de funcionários e estes tem que receber salários de mercado.

  7. Não há como nega que os esquerdistas são muito competentes na oposição.
    Covas foi agredido, Serra perdeu a eleição, alvejado com um tiro de bolinha de papel, Aécio, nocauteado na política com aeroporto e perrellada do zezé.
    Agora, um acusado de ser beneficiado ilicitamente com um “baião de dois reais” é motivo para um berreiro danado visando desmoralizar o novo governo e postergar investigações sobre corrupção nos governos Dilma-Temer e aliados.

  8. Estou de acordo que continuem as investigações, mas não só sobre os depósitos alusivos a Flávio Bolsonaro, mas também que sejam investigados os outros 21 deputados, ou melhor, que seja realizada investigação sobre todos os deputados federais e estaduais. Está aí a causa de tudo isto:
    “A verba de gabinete é muito alta, R$ 111.675,59, destinada ao pagamento de salários de secretários parlamentares, funcionários que não precisam ser servidores públicos, escolhidos pelos deputados. Cada deputado pode contratar até 25 secretários parlamentares. O menor nível de retribuição previsto na Lei n° 13323/16 é de R$ 1.025,12 e o maior é R$ 15.698,21.

  9. As contribuições sindicais e partidárias alimentam os parasitas ideológicos.
    O Caixa 2, tradicionalmente bancado pelos assessores de pourra nenhuma e militantes terceirizados, em troca de privilégios precisa ser extirpado com MP do governo.

  10. Ricardo,
    Sou  a favor de Bolsonaro.
    Torço para que o governo avance grandemente.
    Não podemos ver “petista dando corda dizeodo que eles são melheres e assim ganhem
    as eleições futuras novamente e saqueem, de modo mais cauteloso, os cofres públicos.
    Sou a favor de qualquer investigação sobre o Blávio Bolsonaro.
    Mas é preciso o governo manifestar-se para deixar claro, pelo menos, quem é
    o Jair e quem é o Flávio.

    Tomemos como exemplo Jesus e Judas: Judas O traiu por trinta modas de prata.
    Mas isso não significa que Cristo foi desonesto.
    Ser discípulo não é ser o mestre.
    Livre-arbítrio existe.
    Não que eu diga que Jair Bolsonaro seja como Cristo, não.
    Mas, se com Cristo, que tinha  a mais alta posição de um
    humano, que é de ser unigênito de Deus, ou seja filho único e primeiro,
    imagine de nós, meros e simples falhos.

    Desculpe-me ter sido mais religioso neste comentário, mas
    é isso.

    Agradeço  a atenção. Fique com Deus.

  11. Bem feito sim, o cara é ladrão e hipocrita igual ao Aecio neves enquanto isso o ministro da
    “mea” justiça finge que não tá acontecendo nada . Patético isso.

    1. O anta petista! O caso F Bolsonaro é da justiça do Rio.
      Se fosse como a sua ignorancia quer, então as investigações e indiciamentos de F. Haddad, a Gleise Hoffman, Lindeberg, Renan Calheiros etc seriam da alçada do Ministto da Justica

  12. Boa. Você fala que não tem ainda nada contra o Bolso. E a filha do Queiroz lotada no gabinete do Bolso com frequência total e dando expediente como personal no Rio de Janeiro. Notícia no próprio site do Uai e em outros sites também. Fora aquela outra funcionária que vendia açai e também estava lotada no mesmo gabinete. Cuidado para não passar recibo para corrupto. Na verdade todos são farinha do mesmo saco.

  13. Blogueiro idiota. Intitula seu Blog: “Opinião sem Medo”, hipocrisia, na verdade está borrando de medo da família Bolsonaro. Além de cagão é conveniente com a roubalheira que está vindo a público. O bobalhão insiste que coisa de esquerdistas. Ah, não sabia que a Rede Globo, a revista Veja, o Estadão eram esquerdistas. Vai cagar no mato e limpar com urtiga que arde menos do que apoiar os Bolsonaros.

  14. o tempo dirá se bolsokid é culpado ou nao. Caso seja inocente duvido que os jornalecos que o acusaram vao divulgar sua inocencia da mesma maneira que divulgaram esse caso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.