Que vergonha, senhores jornalistas

Certas manchetes deveriam ser classificadas como fakenews. Isso para se dizer o mínimo, e não adjetivá-las como de fato mereceriam

Homem que atropelou um caminhou depois de espancar petistas

A falta de vergonha na cara, que sobra na grande imprensa brasileira, é o que encoraja um vagabundo como Lula e tratar o país — a própria imprensa inclusive — da forma que trata.

Ontem, um rapaz que protestava contra o corrupto e lavador de dinheiro, em frente ao seu bunker apelidado de instituto (do quê? Do crime? Da conspiração?), foi espancado por bate-paus petistas até se chocar com um caminhão em movimento e cair desacordado, ensanguentado, no meio da rua.

Versão? Não. Fato, realidade. As imagens circulam pela internet e não deixam a menor sombra de dúvida quanto ao ocorrido. E como noticiam isso, hoje, os grandes veículos?

Estadão:“Homem que sofreu acidente em frente ao Instituto Lula tem traumatismo craniano e segue internado”.

Veja: “Manifestante atropelado em frente ao Instituto lula sofreu traumatismo craniano”.

Estadão on Line: “Homem sofre traumatismo craniano em incidente na frente do Instituto”.

UOL: “Homem que se envolveu em briga em frente ao Instituto Lula tem traumatismo craniano”.

Sinceramente, é muita covardia. É muita delinquência intelectual. É, como iniciei este texto, muita falta de vergonha na cara!

Apenas o Globo noticiou corretamente: “Homem agredido na porta do Instituto Lula tem traumatismo craniano”.

Talvez por isso o ódio que a turba vermelha destila contra o Jornal (quem nos dera a TV Globo seguisse a mesma linha editorial!).

O pior, meus caros, é que isso se repete constantemente. Quando um policial, por exemplo, é assassinado, as manchetes estampam: “policial morre”. Já quando um policial, ainda que em combate, mata um criminoso, os dizeres mudam: “policial mata suspeito”.

Quem não se cansou de ver as manchetes sobre os ataques à mísseis em Israel? “Foguetes caem sobre Tel Aviv”. Claro! Foguetes caem do céu como a chuva. Não são disparados por terroristas islâmicos, não.

Dizem que isso se dá pelo viés de esquerda da ampla maioria dos jornalistas, no Brasil e no mundo. Não sei dizer. Os poucos (jornalistas) que conheço são de fato de esquerda, mas todos coerentes e honestos na profissão, ainda que, aqui e ali, suas preferências e crenças interfiram na forma e no conteúdo de seu trabalhos.

Quando a imprensa se apequena diante dos fatos, por medo ou ideologia, a notícia perde valor e veracidade. Ato contínuo, a opinião se forma deturpada e frágil, e o campo para gente como Lula e os produtores das odiosas fakenews se abre farto. É isso o que temos assistido com insuportável frequência ultimamente.

Ou não?

Leia mais.

13 comentários em “Que vergonha, senhores jornalistas

  1. Acabei de ver na Band News, segundo testemunhas, o homem, um empresário, estava apenas passando quando foi agredido com chutes e socos pelos seguranças do Lula e do Lindenberg Farias. Segundo as testemunhas o homem não estava protestando, apenas pedia calma. O homem sofreu cirurgia. Parabéns ao jornalista.

  2. a elite perversa desse país conta com pessoas como voce, de cerebro de ameba. a midia conta com
    gente ( gente?) como voce, asno. os latifundios desse pais conta com criaturas como voce, debiloide.
    as multinacionais estrangeiras conta com humanos como voce, alienado. a direita entreguista e golpista precisa de cidadãos como voce, burro. é com voce que essas forças contam para desmontar
    meu país, sim, meu, porque seu país não é, nem de seus filhos. eles precisam das amebas, dos asnos, dos debiloides, dos alienados, dos burros. porque o pior dos humanos é aquele que sabem de onde vem a dor, mas insiste em indicar outro local. esses é qualquer coisa, menos gente.

  3. Petistas tambem eram atacados naquelas manifestacoes com patos e panelas daquele povo que nao existe mais e tem vergonha de sair de casa de novo por ter servido de massa de manobra. O cara que foi la provocar. Devia ter se reunido com os patolatras em vez de procurar confronto.

  4. Mais uma chance…ganha uma viagem a Curitiba quem acertar e falar onde o Moro está…O Lula a gente ja sabe…A proposito, se vc fosse torcedor do Cruzeiro,vc iria fazer festa na torcida do Galo?
    Quem procura , acha….oopss…acho que este blog ta me deixando confuso…será que estou ficando fascista???

  5. Ricardo, cê no mínimo tá com sindrome de abstinência (ficou tão empolgado com a decisão do Moro que esqueceu de ir cheirar uma carreira com o Aécio). Não é possível, está delirando, vendo fantasmas, baratas, sei lá o que. Cara, cê tá necessitando uma clinica de desintoxicação urgente……

    1. dá o endereço de uma aí, please!!!

      ah, parece que o Aécio tá meio indisponível no momento… meio que numa intensa crise de caganeira, hehehe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.