Uma homenagem pública, eternamente registrada, a quem que tanto merece

“Não preciso nem dizer… Tudo isso que eu lhe digo… Mas é muito bom saber… Que você é meu amigo”

Foto: Google Images

Acho que sou bom com as palavras. Mais com as faladas que com as escritas, se querem saber. O que me atrapalha, no caso da fala, é o excesso de emoção. Efusividade e choro, cada um ao seu tempo, me impedem de me expressar como gostaria, e a quem gostaria.

Este post é muito particular. Será compreendido por poucos. Pessoas com as mesmas qualidades certamente se identificarão e até compreenderão, mas apenas duas almas — a minha e aquela a quem me dirijo — serão capazes de “sentir” as palavras.

Muito obrigado, meu amigo. Aliás, muitíssimo obrigado, meu irmão. Muito mais que sua ajuda, me toca a razão dela. Ser alvo de tamanho carinho é extramente prazeroso e confortante. É saber que sou merecedor; e só merecedores entendem o que nos fazem… merecedores.

Cumplicidade exige muito tempo. Por alguma razão, a nossa exigiu muito pouco. Você crê “em algo além” ; eu creio no que somos e fazemos. Boas pessoas se atraem. Bons corações se atraem. Boas intenções se atraem. Empatia, solidariedade, caridade e gratidão se atraem.

Espero jamais precisar lhe retribuir este favor, pois será sinal de uma sua aflição, por menor que seja, e não quero vê-lo sofrer, pouco importa o motivo. Mas garanto que irei te dispensar sempre, você precisando ou não, carinho, apoio e amizade incondicional. Amor fraterno. Dos grandes.

Estamos juntos! E não tem volta.

** Sem área de comentários para este post **

2 thoughts to “Uma homenagem pública, eternamente registrada, a quem que tanto merece”

  1. Ricardo,
    gostei de você logo de cara, tinha encontrado alguém com virtudes raras: dignidade, caráter, e, um enorme coração. A principal delas, que me encantou foi a coragem de dizer verdades, sem reservas. Admitir que estava errado, quando estava, foi a maior delas. Você não tem idéia de quantas vezes já falou comigo e para mim. Inestimável! Posso afirmar com certeza, que é o melhor de todos os meus amigos. Ricardo, te amo como a um irmão. “De alma para alma”. Já te sugeri e o farei de novo. Escreva um livro, nós, seus seguidores, e sua filha, merecemos. Um grande abraço ! Sua fã incondicional !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.