Dilma, Novo, as surpresas do primeiro turno, o que esperar do segundo; não perca

A mais surpreendente eleição dos últimos 20 anos ainda nos trará mais três semanas de alta ansiedade e muitas dúvidas

Vai começar tudo de novo (Foto: divulgação/Poder 360)

Acre: Deu 62% dos votos para Bolsonaro e aposentou o petista Jorge Viana. Este agora terá de pagar os próprios jantares e vinhos caros, hehe. Acabou a fase de espetar as contas no lombo dos brasileiros

Ceará: A terra do Coroné Ciro, certamente a figura mais baixa da política brasileira, dentre tantas más notícias nos brindou com um sensacional “fora, Eunício”. O atual presidente do senado vai ter de brincar de política em outro lugar.

Maranhão: Ainda que os novos eleitos não sejam nenhuma maravilha, ao contrário, o estado defenestrou de uma só vez Sarney Filho e Edison Lobão, e mandou Roseana Sarney para casa outra vez.

Minas Gerais: A maior e mais grata surpresa! Dilma e Pimentel foram “para o saco”. Aécio Neves eleito, mas restrito a míseros 100 mil votos. Partido NOVO elegeu dois deputados federais e três estaduais, e conta com enormes chances de fazer Romeu Zema governador.

Ah! Ainda que insignificante, Catatau, um vereador do porão do baixíssimo sub-clero da Câmara Municipal — aquele que “tretou” comigo — , que prometeu publicamente me processar e CORREU DO PAU, tentou ser deputado estadual, coitado. Conseguiu 8 mil votos, kkkkkkk. Alô, Catatau: seu lugar, no máximo, é de sabujo de prefeito, meu chapa!

Paraná: O estado da República de Curitiba mandou Roberto Requião comer suas mamonas em casa. Ainda que tenha eleito Zeca Dirceu e Crazy Hoffmann como contrapartida. Mas a terra de Sérgio Moro tem crédito de sobra.

Rio de Janeiro: Como não comemorar a derrocada de Eduardo Paes, sócio político da dupla Cabral/Lula, que destruiu o estado? Como não vibrar com a sova que levou um dos mais asquerosos petistas deste país, o oportunista, covarde e desqualificado Lindbergh Farias? Pena que o circuito Leblon-Ipanema elegeu Marcelo Freixo, que elegeu Jean Wyllys  e seus míseros 14 mil votos de carona.

Roraima:  Nos livrou de Romero Jucá. Sensacional!!

São Paulo: Que bom ver Mara Gabrilli eleita senadora! Escrevi sobre ela faz pouco tempo (aqui). Estava em terceiro lugar nas pesquisas. E que maravilha não ter de conviver com Eduardo Suplicy no senado outra vez. Talvez o mais inútil de todos os senadores da história brasileira.

PSDB: Conforme eu já havia escrito antes, morreu. Tornou-se um PROS da vida. Cássio Cunha Lima, Marconi Perillo, Beto Richa, Geraldo Alckmin… Que todos vistam um belo pijama ou que busquem infernizar a vida de alguém na iniciativa privada.

A esperança do partido residia em Minas. Anastasia provavelmente perderá. Sobrou João Doria, que não conta com qualquer apoio dentro do próprio partido. Se vencer em São Paulo, será o único com relevância nacional.

Irônico: o partido que menos roubou no Petrolão foi o mais atingido eleitoralmente.

Brasil: Alvaro Dias entrou digno e saiu minúsculo. Teve uma participação ridícula e grosseira com quem não deveria. Ficou com 0,8% dos votos. Não merecia nem isso.

Amoedo e Meirelles são o sonho de consumo para um outro Brasil. Mas com metade dos lares sem saneamento básico e com 6 em cada 10 brasileiros analfabetos ou analfabetos funcionais, o que nos resta mesmo são Jair Bolsonaro e Fernando Haddad.

Meirelles simplesmente foi o melhor presidente do Banco Central do Brasil e recuperou a economia após a hecatombe Dilma Rousseff. Ter o mesmo número de votos que Daciolo apenas nos mostra o que realmente somos.

Marina Silva encontrou seu real tamanho. Com 1% dos votos voltará para sua floresta. Espero que não saia mais. Se sair, que desça ao plano dos mortais e dos falhos. De falsas divindades, a cela da PF de Curitiba está cheia.

Guilherme Boulos é metade do Cabo Daciolo. Ambos estão de bom tamanho.

Geraldo Alckmin foi o retrato do PSDB. Decadente, enfadonho, repetitivo, errante, claudicante, abstrato, inseguro, indeciso, falso e sonolento. Sua administração em São Paulo foi muito boa. São Paulo é um “país de primeiro mundo“. Ainda assim, saiu numericamente comparado a 1/2 Ciro Gomes.

Por falar neste crápula, demonstrou ser o maior perigo para o país. Mentiroso, vil, irresponsável, autoritário, bolivariano, mau caráter.  Se recusou a assinar uma intimação judicial, destratou um Oficial de Justiça à saída do debate da Globo. É um ditador da pior espécie e qualidade. Não reconhece qualquer autoridade democrática. Sua vida resume-se a gritar e ofender. Vagabundo cafajeste!

Segundo Turno: Nada definido, mas Bolsonaro com vantagem por vários fatores: diferença de votos a seu favor, tendência de crescimento no nordeste, falta de palanque petista no segundo turno de vários estados, sobretudo Minas, Rio de Janeiro e São Paulo, onda antipetista, etc.

Outro fator importante pró-Bolsonaro é a abstenção. No primeiro turno já foi recorde! E estados onde não há segundo turno, historicamente apresentam índices ainda maiores. Vários redutos petistas no nordeste não terão segundo turno e isso prejudicará Fernando Haddad.

Mas o PT é uma máquina de mentiras, difamações, terrorismo e chantagem eleitoral. Lembrem-se que, em 2014, transformou Marina Silva em uma banqueira que iria tirar a comida do prato do pobre. Além disso, 99% da grande imprensa estão ao seu lado. E conta com muito dinheiro roubado para fazer campanha.

Individualmente falando, apenas duas observações resumem tudo:

Haddad é Lula. Pronto.

Bolsonaro o anti-Lula. Pronto.

Leia mais.

23 thoughts to “Dilma, Novo, as surpresas do primeiro turno, o que esperar do segundo; não perca”

  1. Ricardo,
    Como sempre, excelente análise. Perfeita. Hoje é um dia MARAVILHOSO para mim e muitas pessoas do bem. Fui dormir ontem eufórico e não parei ainda de comemorar.
    Estou aguardando estas próximas três semanas para completar minha alegria com a confirmação da vitória de JAIR MESSIAS BOLSONARO para varrer o que restou do PT.
    Espero que alguns comentaristas asquerosos que você tem aqui no seu fã clube desapareçam.
    Tem um em especial, repetitivo e cansativo que é adorador do “Lulinha, paz e amor” , não terá muito o que comentar depois da extinção do PT.

    1. Olá Murilo, o PT formou a maior bancada na Câmara dos Deputados e o maior número de governadores. Lembre-se que os governadores tem especial influência nos senadores. Logo é bom avaliar….
      A referência a varrer, asqueroso é própria dos fascistas que não sabem dialogar com o diferente e não suporta a pluralidade de ideias. Observe onde vai dar essa ausência de equilíbrio, exemplos não faltam.

      1. Cidrac,
        O que não me falta é equilíbrio. Tenho sessenta e oito anos, sou bem realizado em todos os aspectos, nunca gostei da esquerda, nem quando era jovem porque nunca fui bobo, ingênuo ou burro. Só sei dialogar com pessoas inteligentes. Espero que o presidente JAIR MESSIAS BOLSONARO enterre definitivamente esta esquerda tosca e burra brasileira que tenta desde os anos sessenta fazer do Brasil uma Cuba e Venezuela.

      2. oi CIDRAC Morcego. tà diminuindo seus textos utòpicos e pseudo comunistas? tà tristinho né. Brasil em tratamento antibiòtico, contra bactérias como vc…”coglione”!

  2. Parabéns também ao MBL que elegeu um pessoal novo (de idade e de política), dispostos a bater de frente com os caciques que sobraram. Parabéns a Janaína Paschoal, eleita Deputada Estadual por São Paulo, com a maior votação de toda a história política do Brasil. Parece que o país finalmente começou a votar de forma consciente. Bravo!!

  3. Fenômeno Bolsonaro e extrema direita assusta observadores internacionais considerando os posicionamentos anti-democráticos do candidato. Falta de auto-crítica do PT e impossibilidade de Ciro ou Alckimin de disputar o 2º turno acende o alerta do espectro do fascismo.
    A ascensão do Capitão e os posicionamentos de tendências autoritárias do general Mourão, colocam a democracia sob risco, legitimada por grande parcela da população. Tempos sombrios nos aguardam. Acontecimentos recentes como a torcida do Palmeiras gritando o nome do Bolsonaro e ameaçando matar os homossexuais é só o começo.

    1. Vamos lá ao programa de governo do Haddad/PT, que se constitui num claro PROJETO DE DITADURA PETISTA. Entre outras medidas ditatoriais, cito:
      1) Criar um Controle social da Justiça. Isso quer dizer que as sentenças dos magistrados estarão sujeitas a comitês externos ao Poder Judiciário, com membros nomeados pelo governo! Uma clara medida ditatorial, chavista mesmo, que acabaria com o Poder Judiciário.
      2) Controle social dos Meios de comunicação: pessoas nomeadas pelo governo para decidir o que a mídia pode ou não publicar. Em outras palavras: CENSURA!
      3) Fortalecer a TV Brasil ( a famigerada “TV Lula”, que emprega os “cumpanheirus” e custa 1 bilhão/ ano para os brasileiros e tem audiência próxima ao ZERO)
      4) Uma assembleia Constituinte paralela ao Congresso, como aquela que se fez na Venezuela para solidificar a ditadura chavista, que tira o poder do Congresso eleito pelo povo e o transfere para a cumpanheirada!

  4. O que o Senado federal e STF não fizeram, de cassarem os direitos políticos da aloprada Dilma, o povo mineiro fez!
    O que os péssimos e coliados políticos da assembleia legislativa de minas não fizeram, de cassarem Pimentel por causa da corrupção, o povo mineiro fez!
    Parece que os bons mineiros despertaram do pesadelo em que estavam.

  5. Pequeno grande homem, vc só falou no geral, mas nos conte aí da sua turminha de Nova Lima, se alguém foi eleito, sobre estes aí vc não abre o jogo não é mesmo?

  6. O comunismo do p/t de lula,dilma, adadi, manoela … é uma doença incurável e contagiosa.
    O problema, do comunismo-apedeutas juntos, aqui no Brasil, é querer reformar o batedor de carteiras proibindo os outros de usarem bolsos.
    ¨¨
    SOMOS JAIR 17.

  7. Olá Inundado, afirmar que 99% da grande mídia apoia o PT dá grande receptividade em gente de grupo do zap zap que acredita que não ha mais peixes no Pacífico. É isso ai, depois que a pessoa se permite dizer qualquer coisa sobre qualquer coisa, os disparates e leviandades se tornam constantes e até quando diz que a família Sarney perde eleição não informa que o Governador do PC do B foi reeleito no Maranhão. A responsabilidade e a sobriedade rareiam em muita gente.

  8. Infelizmente, muita gente não foi para o limbo aqui em Minas, pois dos deputados estaduais que não fizeram nada durante o ano todo, a não ser ferrar os mineiros, aprovando toda sorte de lei que cada vez mais faz Minas ficar menos interessante para indústria e comercio, sempre acompanhando o despreparado governador, quase todos foram reeleitos.Parece que o povo daqui não quer mudança alguma.Elegeram também alguns vereadores para deputados federais, sendo uma com uma votação bem alta, mas que nada de diferente fizeram por BH, apenas atendendo seus “projetos sociais”, ou seja o salário de deputado federal, mais as mordomias e penduricalhos é melhor do que atender a cidade onde era vereador(a).

  9. Querido Ricardo, não se esqueça do pé na bunda que o desprezível petista Wadih Damous levou do povo do Rio de Janeiro nesta eleição. O crápula não conseguiu se reeleger deputado federal!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.