Brasil: um país que ficou para trás

Férias são boas porque terminam. As minhas foram excepcionais. Uma pena que a volta nos confronte com uma triste realidade

Pátria que me pariu! (Imagem: Google)

Meus últimos dias foram bastante intensos. Percorri milhares de quilômetros e países diferentes. Me dediquei ao descanso, ao namoro com a esposa e a filha e aos prazeres mundanos.  Baco ficou com inveja! E um certo orgulho, hehe.

Mas foram dias de muito aprendizado e reflexão também. Dediquei boa parte das minhas horas a observar o redor: de pessoas a locais; de costumes a comportamentos; de regras a negócios. Meus olhos estiveram abertos como os de uma coruja insone.

Ouvi muito. Conversei com gente simples e gente importante. Até com ministro do STF. Banqueiro brasileiro, empresário alemão, garçom italiano neto de brasileiro, produtor rural espanhol,  trader senegalês, taxista russo…

O mundo ficou pequeno. O mundo ficou melhor. O Brasil também ficou pequeno. Mas ficou pior! Muito pior. Somos um arremedo de país. Um aglomerado de gente. Um local onde portar um mero celular pode lhe trazer a morte.

Uma senhora com mais de 80 anos cultiva e colhe parte de sua alimentação. Ela não espera nada do seu governo. Porém, este mesmo governo não atrapalha sua vida. Não se mete no seu negócio e não lhe toma mais de 1/3 dos rendimentos.

Um jovem mantém um pequeno comércio de bebidas. Importa, exporta, compra, vende, recebe e entrega. Declara ao fisco seu rendimento, paga o imposto e vida que segue. Nem contador possui. Não engana o Estado, e o Estado confia nele. Simples assim.

Um brasileiro que se foi é hoje um importante restauranter. Outro brasileiro possui três táxis. Dois outros começaram como garçons. Hoje possuem pequenos bares. E um último tornou-se piloto comercial. No Brasil, não conseguiram ser nada.

O Brasil mata a sua gente.  E quando não mata, a expulsa. Mas Brasil são os brasileiros. Todos os brasileiros. Nós nos matamos. Nós nos expulsamos. Nós fazemos aqui o que não fazemos lá. E nós fazemos lá o que não fazemos aqui. Eis o ciclo perverso que criamos.

O Ministro me disse: “estamos em um momento muito delicado”. E eu: o senhor poderia ajudar a não piorar. Ele respondeu: “minha tarefa é apenas guardar a Constituição”. Pensei comigo: então guarde a Constituição naquele lugar!

Pois é. Como perceberam, tô de volta.

Leia mais.

10 comentários em “Brasil: um país que ficou para trás

  1. Um povo que elege (e reelege!) porcarias como lula (e ainda tem uma significativa parcela de imbecis que o querem de volta para finalizar o seu trabalho de destruição econômica, social, política e moral do Brasil) , dilma, renan, sarney, maluf, temer etc. merece o quê?

    1. Quando você cita esses políticos até parece que temos outros excelentes pra escolher. Até parece que nossos problemas vão se resolver nas urnas… Esse é o nosso grande problema, vivemos esperando um salvador da pátria surgir das urnas, vai esperando…

    2. Qual é o primeiro político que vem a mente desses caras quando querem falar mal do Brasil e da política? O nome começa com lu e termina com la. A real é que brasileiro não presta, consequentemente, nenhum político irá prestar.

  2. Realmente, os governos europeus não atrapalham, ajudam, e como ( onde fica o livre mercado?):
    GENEBRA – Agricultores da União Europeia (UE) terão ajuda de 362,7 bilhões de euros entre 2014 e 2020, que representa 39,8% do orçamento europeu do período conforme acordo aprovado hoje pelos chefes de Estado e de governo de países-membros.
    O valor sofreu a redução de 15,7 bilhões de euros ou 4,2% da proposta original diante da pressão de países mais liberais como o Reino Unido. Porém, o dinheiro para a agricultura europeia pode chegar a 372,3 bilhões de euros se for levado em conta a reserva existente para eventuais crises, que fica formalmente fora do orçamento da Política Agrícola .

  3. Desculpe o palavreado, mas isso daqui é uma bosta de país atrasado….como não sou de “dar jeitinho”, não tenho como vazar dessa pocilga, tendo em vista que os países desenvolvidos exigem investimentos altos, diplomas etc pra conceder a cidadania.

  4. Doi e incomoda dizer á milha filha de 16 anos..que somos o “mais antigo país do futuro do mundo”. Um país com décadas de atraso causado por políticas economicas, fiscais, sociais, desses “messias” de fundo de quintal, eleitos e reeleitos por um povo que nunca se interessou por politica, cidadania e coletividade. Digo a ela sempre: sua realização pessoal e profissional…é longe daqui.

  5. A impressão que temos quando voltamos de uma viagem ao exterior é que temos um país de volta ao passado ! Ainda vivemos no final do século XIX , onde já existia a primeira linha de metrô em London e Paris ! Vivemos na época das epidemias , falta saneamento básico , faltam estradas duplicadas e seguras para quem anda de carro ou de ônibus ou caminhão , vivemos um terror de gângsters de terra sem lei o de o Sherife não pode nem defender a população porque os direitos “humanos” defendem os bandidos que matam nas esquinas por causa de um celular ! Meliantes no Brasil que cooptam di menores e sabem que nada vai acontecer a eles ! No dia seguinte estarão fora das grades, rondando trabalhadores, estudantes nas ruas! Não bastasse um governo socialista brasileiro que rouba os brasileiros em impostos impossíveis de pagar e nada dão em retorno ! Saúde , educação , segurança pública e estradas seguras nem pensar veremos neste século XXI no Brasil !

  6. Voltar de férias , o cidadão de depara com mais uma obra eu disse obra da Bhtrans , na sua rua ! Estreitam as pistas, mudam o sentido da rua sem ao menos consultar os moradores , os maiores interessados ! Cambada de socialistas , Aspones inúteis da Bhtrans que inventam a roda a cada dia afunilando e estreitando ruas e esquinas ! Esta é a diferença , no exterior passam séculos e o respeito ao cidadão pagador de impostos é mais importante do que “obras”, de engenheiros medíocres que não entendem nada de fluxo de trânsito

  7. Blogueiro, pare de reclamar, com essa vida boa que você leva, e “solta a égua” que você amarrou por aqui! Quem sabe ela vai parar nos Estados Unidos e, lá, você tira os sapatos e ficar por lá, onde é tudo maravilha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.