OAB-RJ não quer saber de Snipers abatendo bandidos armados com fuzis

A ideia romântica do malandro carioca, que cometia pequenos furtos de pessoas distraídas, ficou na história

Adeus, bandidagem armada (foto: Google images)

A comissão Especial de Estudos em Direito Penal da OAB/RJ veio a público, através de nota oficial, se manifestar contrária à utilização de Snipers para o abate de bandidos armados com armamento de guerra e de uso restrito das forças armadas.

Diz a nota:

 “qualquer ordem proferida pelo governador do Estado para que bandidos, ainda que armados, sejam executados ou abatidos, sem que haja uma agressão injusta, atual ou iminente (requisitos da legítima defesa), deverá ser considerada uma ordem manifestamente ilegal. Lembrando que aquele que cumpre ordem manifestamente ilegal, ainda que em obediência, será responsabilizado”.

Desse modo, a Comissão endossa o que deveria ser óbvio: exceto em pontuais situações exculpantes e justificantes é ilícito matar quem quer que seja, bem como é ilícito proferir ordens nesse sentido. Portanto, espera-se que as autoridades sejam demovidas desse devaneio e que elaborem a política criminal carioca seriamente com base na lei, e não em conflito com ela.”

A violência no Rio de Janeiro, assim como em outros estados da federação, já passou dos limites aceitáveis. Entre 2011 e 2015, a violência no Brasil matou mais pessoas que a Guerra da Síria (Dados do Fórum Brasileiro de Segurança Pública – FBSP).

Esta violência é agravada nas comunidades mais carentes, antigamente denominadas favelas. Nestes locais, geralmente de difícil acesso, com ruelas e becos, residem, em sua maioria, pessoas obreiras, trabalhadores de menor poder aquisitivo, que se tornam reféns da marginalidade.

Estes chegam a impor suas próprias normas, lei do silêncio, cobram por “proteção”, taxas dos comerciantes, etc…

Hoje, os bandidos estão fortemente armados, ostentando arsenais de longo alcance, que disparam projéteis a mais de um quilômetro, impedindo qualquer aproximação para sua prisão.

Nas trocas costumeiras de tiros, inclusive entre gangues rivais, bandidos e policiais, colocam em risco a vida de pessoas que residem naquelas localidades, podendo ser atingidas por balas perdidas.

Assim como a criminalidade evoluiu, a interpretação das normas jurídicas penais também deve evoluir, não se permitindo a estagnação do direito, sob pena de sua total inaplicabilidade para a sociedade, transformando-a em letra morta da lei.

A legitima defesa é um dos excludentes de culpabilidade. Diz o artigo 25 do Código Penal;

“Entende-se em legítima defesa quem, usando moderadamente dos meios necessários, repele injusta agressão, atual ou iminente, a direito seu ou de outrem.”

Uma pessoa desfilando armamento de guerra em vias públicas, no meio da população, se não for interpretado como iminente agressão, nada mais poderá sê-lo.

A utilização de Snipers, nestes casos, é o meio necessário para repelir a agressão iminente, ou acredita-se que um policial iria faze-lo, com um revólver de calibre 38, com a certeza de ser alvejado?

Recriminar a utilização de Snipers, nestas circunstâncias, é virar as costas para a realidade e transformar as leis em inútil compêndio legal.

Dr. Bady Curi Neto

 

Por: Bady Curi Neto, advogado, professor, ex-juiz eleitoral do TRE-MG e sócio fundador do escritório de advocacia empresarial que leva o seu nome

55 comentários em “OAB-RJ não quer saber de Snipers abatendo bandidos armados com fuzis

    1. Verdade. Os cursos de direito são todos esquerdistas.
      O Gilmar Mendes é comunista.
      O Barro Também.
      O Joaquim Barbosa também é.
      Pelo visto possui muito conhecimento de causa.

      Mas a culpa é do Lula!!!!!
      E do PT também.

      1. Mauro,
        Não somente os cursos de Direito. A comunidade acadêmica tem uma cultura esquerdista. Isto foi incutido na cabeça dos alunos durante anos a fio, veja o que tem ocorrido nos diversos cursos das Universidades. Esta verdadeira “lavagem cerebral” foi imposta com muita “competência” enquanto a direita estava adormecida.

      2. Prezado Mauro,

        Até hoje eu não entendi os conceitos “de esquerda” e “de direita” que, desde o início desta polarização, tanto se fala.

        Às vezes acho que tem algo a ver com o “de a pé” ou o “de maior”, etc.

        Mas, vamos às dúvidas:

        Ser de esquerda é apoiar a liberdade de expressão, tal como falam dos “esquerdopatas” por apoiarem leis de incentivo à cultura? Ou é ser contra a liberdade de expressão e sufocar a cultura, como vem ocorrendo com este DESgoverno “de direita”?

        Obs,: Em Cuba não existe liberdade de expressão. Então, pela lógica, eles não devem ser “de esquerda”.

        Ser de esquerda é ouvir críticas da mídia sem, muitas vezes, ter direito ao contraditório? Ou é ameaçar os meios de comunicação, como muito o fez este DESgoverno tão logo sofreu críticas?

        Obs.: Me lembro bem que, na Venezuela, Hugo Chavez caSSou as emissoras que se opuseram ao seu DESgoverno. Então a Venezuela é “de esquerda”?

        Ser de esquerda é ser contra a doutrinação ideológica já em nível pré-escolar, ou agir como os milicianos de MAO TSE Tung que doutrinavam os chineses com Livro Vermelho e na base do porrete, como também pretende este DESgoverno?

        Ser de esquerda é criticar a ação de snipers sobre comunidades de pretos de tão pobres e pobres de pretos, ou também fazer uso de uma das máximas de MAO TSE e que dizia que “todo poder nasce da ponta de um cando de fuzil”?

        Obs.: A China, que sempre fez um bom uso do fuzil, foi o país pioneiro em cobra a conta da bala da família do fuzilado, é uma país “de direita”?

        Enfim, a confusão é tanta que ando não sabendo muito bem sobre estes novos conceitos “de esquerda” ou “de direita” que tanto temos falado por aqui, os dois sem qualquer nexo com as verdadeira doutrinas sócias e econômicas fundo da questão, o socialismo e o capitalismo.

        Mas isto também não me surpreendo porque, desde o momento em que as pessoas passaram a pensar com as pontas dos dedos, fazendo uso exclusivo do cérebro unineuronal zapzaPIANISTA, onde o WhatsApp vem potencializando o processo de imbecilização coletiva, acho que o que se passa por aqui são dois novos modelos: o capitalismo de esquerda e o comunismo de direita.

        O país está mesmo de ponta a cabeça.

        E DESgovernado.

        1. Apesar de meio irônico e sarcástico, seu comentário é interessante. Eu aprendi que esquerda e direita estão relacionados à política econômica adotada pelos governos, que vai de total controle do estado sobre os meios de produção e a economia à quase isenção total de sua interferência na produção de bens e serviços e no mercado.por outro lado, em termos de comportamento, temos resumidamente uma escala que vai de progressistas a conservadores. E não interessa o modelo econômico que a pessoa goste. O que aconteceu é que muitos idiotas começaram a chamar progressistas de “esquerda” e conservadores de “direita”. E como as universidades e a imprensa estão impregnadas de pessoas ideologizadas, esse pessoal “comprou” pra si e a vender “pros outros” que ser a favor de escolhas e liberdades individuais, tema essencialmente progressista, é ser “de esquerda”. Ser conservador nos costumes é ser “de direita”. Mas a igreja, a Coreia do Norte, países islâmicos e Cuba estão aí pra provar que ser conservador não é ser “de direita” e que isso não está ligado ao fato do estado controlar a economia. O Japão tem governos de centro-direita e sua população é essencialmente conservadora. Os países nórdicos são capitalistas, com alguma pequena intervenção estatal na economia mas uma ação social forte do governo, e são essencialmente progressistas nos costumes. Então, me dá preguiça quando a discussão vai pra esse lado, pois temos 2 eixos de comoortamento, um econômico e outro social, onde podemos ter posições em quaisquer dos 4 quadrantes.

          Abs

  1. OAB NÃO SERVE PARA NADA, NÃO AJUDA EM NADA, E QUER MANDAR NO BRASIL, AQUI TEM MUITO “CHEFE” PARA POUCOS INDIOS…………….TEM DE CORTAR AS ASAS DESSA CORJA…SNIPERS PRA CIMA DOS VAGABUNDOS…..

    1. Ô Silva, tem muito bucharel por ai que não consegue aprovação no exame da OAB, ou consegue depois da enésima tentativa, e fica com ojeriza dizendo cobras e lagartos. Nesses centenas de milhares de casos o efeito do despreparo é gritar contra o filtro. Tem de existir um critério de admissão, pois, para lidar com o direito é necessário um lastro mínimo.
      Ao meu ver a crítica que deve ser feita à OAB é a sua atuação elitista – praga nefasta nestas plagas – pois, lá em Brasília a cumeeira do órgão ao invés de lutar pela prerrogativa dos “advos”, da efetivação da cidadania e da prevalência e funcionalidade da ordem jurídica passa a vida tentando ficar bem com os poderosos de plantão. Sacumé né; ar condicionado, tapete felpudo, carrão com vidro fumê, charuto, whisky importado, indicação e de quebra opíparas prebendas como se dizia no Século XIX!

    2. Prezado Carlos Augusto Rodrigues da Silva,
      Nao podemos radicalizar e nem generalizar. Pessoalmente, tenho maior respeito pela Ordem dos Advogados, sou advogado militante ha mais de 26 anos. Como toda instituição democrática, possui diversidade de opiniões. Não concordo com a opinião da OAB do Rio de janeiro, mas disto é feito a democracia. abcs

      1. Por favor, algo a dizer sobre a atitude do governador do Rio sobrevoando de helicóptero regiões pobres do Rio, acompanhado por atiradores da PM, que atiravam.

  2. Adoro ver os assuntos que os binários gostam de discutir.
    É tanta sandice, que parece um teatro surreal. Um teatro do absurdo.
    Quem tem licença para matar no Brasil? As nossas leis permitem essas ações?
    Quem defende bang-bang deveria se candidatar. Não deve ser difícil, afinal a bancada da bala existe e a cada dia a horda de alucinados aumenta.
    Mas o teatro de absurdo não para.
    Como o bom sendo não existe, as entranhas imundas de mentes doentias acabam sendo expelidas.
    Expelidas não pode onde deviam, mas pelas redes sociais.
    De qualquer, não deixa de ser Interessante ver fascistas, alguns pertencentes à clãs, agrupamentos e mesmo “raças” que teoricamente se colocam contra “o” holocausto, entendido como UM, E APENAS UM E EXCLUSIVO evento desencadeado pela extrema direita na Alemanha e Itália que devesse ter combatido.
    Mas eles defendem a mesma coisa. E de forma seletiva.
    Há gente das forças armadas que traficam armas e armam traficantes e milicianos.
    Mas milicianos têm autorização para matar. Mais do que isso, chegam até ser condecorados pelos quadrilheiros que se apossaram do Palácio do Planalto.
    Não é triste?

    1. Mauro,
      Ninguém tem licença para matar, por isso existe o instituto da legitima defesa como excludente de culpabilidade. Lado outro não existe lei que permite bandidos fortemente armados colocarem em risco eminente os cidadãos de bem, ou vc acha que desfilam com fuzis apena como adorno ou adereço de vestimenta? Por fim, milicianos que matam ou militares que vendem armas são bandidos também.

  3. Sabe outros órgãos que são infestados de comunistis, socialistis, marxicistis?
    – As Universidades Federais. Essas sim são verdadeiros CFCs (CENTRO DE FORMAÇÃO DE COMUNISTAS).
    – O PT, quando alardeava aos quatro cantos que estava abrindo uma Federal por dia. Eles camuflavam a verdadeira intenção, que era de abrir Centros de Comunistas pelo Brasil afora. Só hoje temos a exata noção disso. Essas Universidades comem o dinheiro do contribuinte para o estudante comunistis ficar lá 15 anos tomando bomba, porque não tem tempo de estudar, pois são muitas reuniões na UNE para discutir a revolução e a resistência.

      1. Mauro,
        já que acha que entende de ‘binários’, o que significa:
        0100 1111
        0110 1100
        0110 0000
        0110 0001
        ?
        códigos binários são fantásticos, juntando vários viram um universo!
        enquanto quebra a a cabeça pra saber o significado, saiba que com ‘binários’ se constroem máquinas poderosas e se não fossem ‘eles’, não haveria progresso eletrônico, na medicina, no combate ao crime, na máquina que você escreve as bobagens que comenta aqui….etc.
        Pra falar mau(com u mesmo) de algo que não entende, é….?
        Se não sabe o significado do código binário acima, VAI ESTUDAR e para de ouvir o pt pois vc está ficando por fora de um dos conhecimentos mais avançados que temos atualmente!

        1. História

          Página do artigo “Explication de l’Arithmétique Binaire”, 1703/1705, de Leibniz.
          O matemático indiano Pingala apresentou a primeira descrição conhecida de um sistema numérico binário no século III a.C.,[5] representando os números de 1 a 8 com a sequência (usando símbolos modernos) 001, 010, 011, 100, 101, 110, 111 e 1000.[6]

          Um conjunto de 8 trigramas e 64 hexagramas, análogos a números binários com precisão de 3 e 6 bits, foram utilizados pelos antigos chineses no texto clássico I Ching.[7] Conjuntos similares de combinações binárias foram utilizados em sistemas africanos de adivinhação tais como o Ifá, bem como na Geomancia do medievo ocidental.

          Uma sistematização binária dos hexagramas do I Ching, representando a sequência decimal de 0 a 63, e um método para gerar tais sequências, foi desenvolvida pelo filósofo e estudioso Shao Yong no século XI. Entretanto, não há evidências que Shao Yong chegou à aritmética binária.

          O sistema numérico binário moderno foi documentado de forma abrangente por Gottfried Leibniz no século XVIII em seu artigo “Explication de l’Arithmétique Binaire”. O sistema de Leibniz utilizou 0 e 1, tal como o sistema numérico binário corrente nos dias de hoje.

          Em 1854, o matemático britânico George Boole publicou um artigo fundamental detalhando um sistema lógico que se tornaria conhecido como Álgebra Booleana. Seu sistema lógico tornou-se essencial para o desenvolvimento do sistema binário, particularmente sua aplicação a circuitos eletrônicos.

          Em 1937, Claude Shannon produziu sua tese no MIT que implementava Álgebra Booleana e aritmética binária utilizando circuitos elétricos pela primeira vez na história. Intitulado “A Symbolic Analysis of Relay and Switching Circuits”, a tese de Shannon praticamente fundou o projeto de circuitos digitais

  4. Perguntinha básica.
    – O cara passa 4 anos estudando filosofia para aprender a pensar, certo?
    – Pois bem, 4 anos aprendendo a pensar, e quando forma vai defender o PT? Pode jogar esse curso de filosofia fora, pois não aprendeu a pensar, ele aprendeu a se transformar em quadrúpede.
    – E com relação a OAB é a mesma coisa. Tal como as Federais foram entupidas de socialistis, comunistis, marxicistis, essa instituição está lotada de Filósofos do Direito que foram formados nos Centros de Formação de Comunistas, os CFCs, que se tornaram essas Federais.

    1. Aqui vai minha crítica ‘filosófica’ à filosofia.
      A frase é famosa e uma professora a falou na sala de aula até arrepiada de tanta emoção…
      PENSO, LOGO EXISTO.

      Eu tinha 8 ou 9 anos e fiz a pergunta pra ela que quase em deu uns cascudos:
      “Sôra, o cara usa o pensamento que é abstrato pra confirmar a própria existência?
      Ele deve ter sido um grande ‘boco moco’!
      (não se falava ‘mané’ na época, a ‘qualificação’ boco moco veio da propaganda de um guaraná)

      Concordando com o Rogério, concluo que tanto a filosofia quanto a oab querem ensinar a pensar não importando com o que é certo, errado ou ficção.
      Basta ‘impor’!

  5. AS VANGUARDAS DO ATRASO
    Uma das manifestações claras do gramscismo, é o aparelhamento das instituições estatais e para estatais(,associações de classe, sindicatos, movimentos, ONGs, reitorias/diretórios acadêmicos etc.) por militantes/devotos/crentes da Igreja Marxista ( que vão desde a ralé da militância até os pseudos- intelectuais chamados de “orgânicos”).
    É uma praga que toma conta de tudo para, como lhes determinou o guru Gramsci, preparar o terreno cultural visando a instauração da ditadura marxista ( ou seja, a morte da democracia, da liberdade, dos direitos humanos). É como um tumor cancerígeno que por metástase vai se se espalhando por todos os órgãos até a morte do doente.
    Entre os países ainda não destruídos pelo câncer do totalitarismo marxista, o Brasil é um dos mais afetados pela doença. Aqui é quase tudo aparelhado, tomado pela vanguardas do atraso (PT, PCdoB, PSol, PSTU): são as OABs, UNE, Sindicatos/centrais sindicais, reitorias de universidades, diretórias acadêmicos, ONGs, CNBB, ABI etc

    1. Uma manifestação clara da indigência mental dos seguidores do Bozo (Boçalnaro) é a criação de inimigos fictícios e utilização de cortinas de fumaça para fugir da realidade objetiva de desmonte do Brasil pelo governo mais medíocre da nossa história, que envergonha os brasileiros pelo mundo afora.
      O Xodó da Vovó traz uma discussãozinha que deve ter sido retirada de algum manualzinho do MBL e de outros agrupamentos de binários.
      Mas como as universidades estão sendo destruídas (o Bozo só destrói) e os cursos de filosofia, sociologia, e outros de ciências humanas e sociais vão desaparecer, as próximas gerações não se interessarão pelo tema, todos se tornarão discípulo do Olavo de Carvalho e acreditarão que o sol gira em torno da terra e que a terra é plana e que a Revolução Francesa foi um movimento marxista, estimulado pelo bolcheviques.
      Mas a culpa é dp LULA e do PT (como já falei de quem é a culpa, espero que os fascistas seguidores do Bozo ou será Boçalnaro, incluindo o Xodó da Vovó, tragam algum argumento novo).

      1. Mauro, o bobalhão cacarejante, um típico membro da ralé da ralé da militância bovina do lulopetismo, cujo único argumento é o “kakarejo” e rotular as pessoas daquilo que ele é: um devoto, idolatra de político corrupto.
        Não me meça pela sua régua de marionetizinha de Igreja política, não sou como vcs esquerdiotas: não idolatro e não me ajoelho e rezo para para ninguém e, muito menos, para políticos e partidos políticos/panelas/movimentos. E não tenho guru, líder: nada e ninguém faz ou escraviza a minha a cabeça: atenho -me aos fatos históricos, à lógica e aos princípios mais caros da humanidade: os ideais iluministas, humanistas, liberais e democratas.
        Diametralmente oposto ao que marionetes como vc são, sou livre e independente para criticar o quê e quem quer que seja. Eu posso criticar Bolsonaro, Trump, Olavo, a ditadura de Maduro, o PT, PSL, PSDB, PCdoB, DEM, Psol e o cacete! Vc, ao contrário, não tem moral e credibildade nenhuma para isso, simplesmente porque o seu cerebrozinho de 2 esquisofrênicos neurônios é visivelmente escravizado pela idolatria religiosa aos seus ídolos e pelos dogmas da decadente igreja do populismo esquerdiota.
        Eu tenho os fatos e a independência total para dizer que Lula e Dilma protagonizaram os 2 piores e mais nefastos e corruptos governos da história do Brasil. Eu posso dizer que Bolsonaro e seus filhos demostram ser quase tão imbecis–mas não corruptos — quanto as antas Lula e Dilma.Eu posso dizer que Damares e Ernesto Araújo compõem uma dupla de patetas. Eu posso afirmar que Olavo de Carvalho está ficando gagá. Eu isenção e moral para me indignar com os esquemas de ‘rachadinhas”, e querer que Flávio Bolsonaro e todos aqueles que praticam essa corrupção sejam devidamente investigados, condenados na forma da lei e presos em 1a instância (recorram da prisão, como nos países evoluídos).
        Mas posso também afirmar que:
        –Jamais cometeria a suprema imbecilidade de, com meu voto, contribuir p/ devolver a chave dos cofres públicos e os destinos do País à quadrilha que o assaltou e afundou nessa profunda recessão econômica, administrativa e moral, quase transformando-o numa Venezuela.;
        –Apesar da burrice dos Bolsonaros, só a nomeação de 2 sumidades como Paulo Guedes e Sérgio Moro (além de um ministério montado sem o toma lá da cá de sempre) sinaliza que o Brasil pode sair do fundo do poço que Lula e Dilma e romper com décadas de atraso populista.
        Por fim, uma duvida: enquanto a forma de sua escrita demonstra que vc deve ter idade acima de uns 40 anos, o conteúdo dela deixe entrever uma mente meio infantilizada, eivada de disparates e que não diz coisa com coisa. Seria só uma impressão falsa ou, o que é mais provável, uma clara manifestação de retardamento mental?

          1. Se servir p/ alguma coisa, segue com rápidas correções:

            Mauro, o bobalhão cacarejante, um típico membro da ralé da ralé da militância bovina do lulopetismo, cujo único argumento é o “kakarejo” e rotular as pessoas daquilo que ele é: um devoto, idólatra de político corrupto.
            Não me meça pela sua régua de marionetizinha de Igreja política, não sou como vcs esquerdiotas: não idolatro, e não me ajoelho e rezo para para ninguém e, muito menos, para políticos e partidos políticos/panelas/movimentos. E não tenho guru, líder: nada e ninguém faz ou escraviza a minha a cabeça: atenho -me aos fatos históricos, à lógica e aos princípios mais caros da humanidade: os ideais iluministas, humanistas, liberais e democratas.
            Diametralmente oposto ao que marionetes como vc são, sou livre e independente para criticar o quê e quem quer que seja. Eu posso criticar Bolsonaro, Trump, Olavo, a ditadura de Maduro, o PT, PSL, PSDB, PCdoB, DEM, Psol e o cacete! Vc, ao contrário, não tem moral e credibilidade nenhuma para isso, simplesmente porque o seu cerebrozinho de 2 esquisofrênicos neurônios é visivelmente escravizado pela idolatria religiosa aos seus ídolos e pelos dogmas da decadente igreja do populismo esquerdiota.
            Eu tenho os fatos e a independência total para dizer que Lula e Dilma protagonizaram os 2 piores, mais nefastos e corruptos governos da história do Brasil. Eu posso dizer que Bolsonaro e seus filhos demostram ser quase tão imbecis–mas não corruptos — quanto as antas Lula e Dilma. Eu posso dizer que Damares e Ernesto Araújo compõem uma dupla de patetas. Eu posso afirmar que Olavo de Carvalho está ficando gagá. Eu tenho isenção e moral para me indignar com os esquemas de ‘rachadinhas”, e querer que Flávio Bolsonaro e todos aqueles que praticam essa corrupção sejam devidamente investigados, condenados na forma da lei e presos em 1a instância (recorram na prisão, como nos países evoluídos).
            Mas posso também afirmar que:
            –Jamais cometeria a suprema imbecilidade de, com meu voto, contribuir p/ devolver a chave dos cofres públicos e os destinos do País à quadrilha que o assaltou e afundou nessa profunda recessão econômica, administrativa e moral, quase transformando-o numa Venezuela.;
            –Apesar da burrice dos Bolsonaros, só a nomeação de 2 sumidades como Paulo Guedes e Sérgio Moro (além de um ministério montado sem o toma lá da cá de sempre) sinaliza que o Brasil pode sair do fundo do poço que Lula e Dilma nos legou e romper com décadas de atraso populista.
            Por fim, uma dúvida: enquanto a forma de sua escrita demonstra que vc deve ter idade acima de uns 40 anos, o conteúdo dela deixe entrever uma mente meio infantilizada, eivada de disparates e que não diz coisa com coisa. Seria só uma impressão falsa ou, o que é mais provável, uma clara manifestação de retardamento mental?

    2. KKKKK. Mais um olavete, aluninho do Olavo de Carvalho.
      O Xodó da Vovó ainda paga pro maluco e vomita as asneiras que aprende aqui: A Globo é comunista!!!!! Só faltou falar dos comunistas infiltrados no Itaú e na FEBRABAN.

  6. Governo do Psol (J.R. Guzzo)
    “A situação descrita nas linhas a seguir é um pesadelo. A Universidade Federal do Rio de Janeiro, a responsável pelo Museu Nacional que acaba de ser destruído num incêndio administrativamente criminoso, não é mais uma universidade. Foi expropriada do patrimônio público e entregue a partidos políticos de esquerda, numa privatização oculta em que as despesas continuam sendo pagas pelo contribuinte, como sempre foram e serão, e o comando passou a pertencer particularmente ao PSOL. O reitor é Roberto Leher, filiado ao PSOL. A vice-reitora é Denise Fernandes Lopez, filiada ao PSOL. O pró-reitor de graduação é Eduardo Gonçalves, filiado ao PCB. O pró-reitor de Planejamento, Desenvolvimento e Finanças é Roberto Antonio Gambine Moreira, filiado ao PCdoB. A pró-reitora de Extensão é Maria Mello de Malta, filiada ao PSOL. O pró-reitor de Pessoal é Agnaldo Fernandes, filiado ao PSOL, e o decano do Centro de Ciências Jurídicas e Econômicas é Vitor Mario Iorio, do PSOL. Ou seja: não sobrou nada para ninguém. Como, num país tido como “republicano”, pode acontecer uma coisa dessas? As universidades brasileiras, pagas a peso de ouro pelos impostos tirados da população, deveriam obviamente ser dirigidas pelos mais capazes.”
    (…)
    Ps: substituir “pela” por “pelas”, e “para estatal” por “paraestatal” no meu comentário.

    1. Para ser filiado ao PSL não pode ter cérebro.
      É a mesma característica dos seguidores do Bozo (ou será Boçalnaro?).
      Vivem numa realidade paralela. Em outro planeta ou em um laranjal

    2. Xodó da Vovó, procure um psiquiatra…
      Se ja estiver em tratamento, peça a ele para trocar a medicação.
      VC delira!!!!!!
      Mas eu sei que a culpa é do Lula e do PT.

  7. Olá Neto, tadim do direito penal, quando chega, chega atrasado, estrambelhado e escleorosado. Num serve para nada a não ser para efetivar a manutenção da infraestrutura para preencher o que determina e o que quer a superestrutura, neste sentido, muito sugestivo a nomenclatura bem ao gosto do SBSteiras com palavras que para muitos soam atuais e com verniz modernoso.
    Se houvesse vontade e compromisso seria o caso de bloquear a entrada das armas no país. Mas, isso exige planejamento atuação firme e menos efeitos de fumaça. Ai sim, indo a raiz do problema maiores danos seriam evitados. Entretanto não é isso que se quer. Vede que a MEGA apreensão de armas nas vizinhanças do BOZO em minutos saiu da imprensa. E não foi o caso de garrucha enferrujada, é o caso de a maior apreensão de armas realizada no continente em todos os tempos.
    Enquanto o palavrório prospera os investimentos na educação, saúde e assistência social vão sendo diminuídos. Tudo para a melhoria do grupinho do topo da pirâmide, mas com muita gente da base, a choldra, batendo palmas e dando cambalhotas. Eita ferro!

    1. Ué, mas os ídolos do Idólatra, o santo Lulinha- Paz -e -Amor pelas Propinas e a santa Dilma de Pasadena não tiveram mais de 13 anos de desgoverno para “bloquear a entrada de armas no País” ? Os mais de 13 anos de clePTocracia não foram suficientes, mas as 13 semanas do Bolsonaro o são?!?
      Será porque, como “isso exige planejamento atuação firme e menos efeitos de fumaça”, estavam muito ocupados em promover uma gigantesca roubalheira e farra inesgotável com dinheiro público?
      Ou será porque “os investimentos na educação, saúde e assistência social” foram sendo sendo diminuídos para a melhoria do grupinho do topo da pirâmide” que cometeu o maior assaltos aos cofres públicos da história, além de quebrar as finanças do País “como-nunca-antes”?!?

      1. Ô Mendes, larga de bobiça, faça um esforço incomensurável, ainda que seja uma única vez (Apenas para o efeito ilustrativo, pois não o suponho dessa espécie: se o canalha soubesse o valor da honestidade, só por canalhice seria honesto um único dia . Mas, você é cheio da má vontade, sempre inviezado, sempre atarracado, não conhece outro modo senão a tacanhice).
        O PT foi o Governo que mais investiu na PF. Adquiriu viaturas, aeronaves, equipamentos, edificou novas sedes, admitiu pessoal, treinou pessoal. Trata-se de fatos incontestáveis. São medidas necessárias, adequadas e eficazes. Contudo não suficientes, pois foram apenas treze anos. Deve e pode continuar.
        Tudo feito segundo os PRINCÍPIOS REPUBLICANOS, portanto, ao ser sucedido deveria ser valorizado, mantido a continuidade, pois, são estruturas do Estado e destinadas ao serviço e bem estar do povo. Mas, sem chances, pois o imbecil que esta no Planalto só visa destruir, isso logo se vê. E, para maior dos pecados ainda tem gente da escumalha que apoia a política excludente e odiosa.

      2. Ô Mendes, já que abri exceção de me dirigir a você depois de longos meses, vale a oportunidade de informá-lo que acerca da aquisição da Refinaria nos EUA houve um dado, imperativo, econômico determinante. Quando a refinaria foi adquirida o óleo fedorento, chamado petróleo, era comercializado a US 114 o barril, para logo em seguida cair para a casa dos US 30, então, por questão de lógica insuperável, essa defasagem resulta em prejuízos, prejuízos em todo e qualquer setor que seja submetido a uma CONTINGÊNCIA dessa magnitude. Tanto é que outras petroleiras mundo afora sofreram prejuízos.
        Contudo, todavia, entretanto essa é a análise no curto espaço de tempo. A abordagem no médio e longo prazo resulta diferente. Então, para que não haja a inadmissível distorção o crivo tem de ser aplicado a vista dos montantes aplicados, da estratégia adotada, dos objetivos buscados, pois a não ser assim ficaremos nesse seu reme reme pedestre que não serve para nada; ou melhor serve sim, parece picada de muriçoca ou pernilonga, mas no dia seguinte a gente não se lembra mais.

        1. Ô, Idólatra,
          Não tenho absolutamente o mínimo interesse em que vc se dirija a mim.
          Seu discurso é uma verborrágica e enfadonha repetição dos clichês, lugares-comuns e bordões do lulopopulismo. É velho, cheira a mofo do séc 19/20.
          O que um discurso de um adorador, de um mero devoto, me acrescentaria, de alguém que aqui se ajoelha todos os dias para, embevecido de adoração, rezar a sua ridícula adoração ao “Lulinha Paz e Amor”.
          Que serventia tem a fala de quem vem aqui para, como afirmou o médico psiquiatra e ensaísta inglês, Theodore Dalrymple, “idolatrar outro mortal, abdicando de sua própria humanidade”?
          Não há diálogo com aqueles que “são imunes à verdade porque conseguem distorcer a realidade, fazendo com que ela corresponda à ideia que formam dela” como definiu bem Robert D. Hare (em “Sem Consciência”). Não como debater com alguém cuja cegueira ideológica o impede de enxergar pelo menos uma nesga, o vulto, do Tsunami de incompetência, corrupção e retrocesso que foram os nefastos governos Lula e Dilma.
          Mas há uma coisa, em todas essas suas piruetas verborrágicas, falaciosas e dogmáticas, de que extraio alguma serventia: um prato cheio de exemplos do retrocesso que representa o populismo e o sectarismo político de cunho religioso, principalmente aqueles sub-produtos dos “evangelhos” da decadente religião secular marxista. Pois, como alguém interessado nessa patologia psicossocial, tenho amadurecido uma tese de que uma das causas de nosso eterno patinar no atraso advém dessa coisa mítico-religiosa que caracteriza os povos latinos: o culto a personalidade, o político como um pai/salvador, a demonização do empreendimento/lucro, a atribuição dos fracassos a um demônio ( o imperialismo, as “elites rapinosas”), a utopia religiosa, o messianismo na política, e por aí vai).
          Desculpe uma certa franqueza incisiva, mas não há aqui absolutamente nada de pessoal!

      3. O Xodó da Vovó deve estar comendo alguma coisa estragada….
        Deve sonhar com o Presidente Lula todos os dias.
        Aposto que a cueca dele tem a foto do Lula estampada.
        O birutinha, como os fascistas, e demais seguidores do Bozo (pu será Boçalnaro) apoia armamento e não dá valor à vida. Sempre foram contra qualquer tipo de desarmamento (deve votar em candidatos da bancada da bala), mas acha que o culpado é o PT.
        Se não choveu a culpa é do PT. Se choveu, também é. kkkkkkkk
        O fracasso retumbante do governo do Bozo (pu será Boçalnaro) também é culpa do PT.
        Quem mandou fazer um grande governo e sair com uma popularidade superior a 80%?
        Qualquer coisas que se compare com uma coisa magnífica é sempre medíocre.

        1. Õ, bobalhão cacarejante de cérebro atrofiado pelo vírus vírus da “Zika” paulofreire/gramsciniana nas escolas:

          À época, o Brasil como todos os países emergentes exportadores de matéria prima se beneficiou da voracidade da China, o que impulsionou fortemente o crescimento do PIB desses países (tanto que TODOS os outros emergentes cresceram a taxas SUPERIORES às do Brasil). Foi assim que, principalmente no período de 2004 a 2009, o preço das commodities (matérias primas) valorizou enormemente, fazendo jorrar bilhões de dólares nos BRICs. Chovendo dólares no Brasil (tanto que nos permitiu juntar uma reserva de mais de 300 bilhões, superando a dívida externa), a liquidez monetária subiu aos céus (dinheiro sobrando no mercado), o que propiciou uma enorme expansão do crédito.
          Desenhando: pela lei da oferta/procura, se entra muito dólar o seu valor cai, entendeu, ANTA?
          Mesmo assim, 300 bi de dólares corresponde hoje a 1,2 trilhão de reais. Compare isso ao aumento da dívida pública interna deixado por Lula/Dilma de 5 trilhões. Ou seja, Lula/Dilma aumentou em quase 4 trilhões a dívida pública no mesmo momento em as importações da China jogaram no País 300 bilhões de dólares (1,2 trilhão de reais).
          Mas falar de economia para um cérebro zikado é o mesmo que falar na língua grega: o bobalhão kakarejante não vai entender nada.

      4. Quanta asneira do Xodó da Vovó.
        Os 320 bilhões de dólares de reservas (mais uma herança do governo Lula, que chegou a ser mais de 450 bilhões, além de ter pagado a dívida externa e se tornado credor mundial) é que ainda não deixou o dólar bater 5,00 reais.
        Inflação em alta, desemprego em alta e os capitais externos passando longe apesar do Bozo (ou será Boçalnaro?) ficar de quatro para o maluco (mas inteligente) do norte.
        O PIB despenca e os comunistas que trabalham no mercado financeiro já começam a falar em crescimento NEGATIVO do PIB.
        Esse vexame nunca “havia ocorrido na história deste pais”.
        Graças à culpa do LULA e do PT ele não é maior.

      5. A Culpa é do Lula e do PT!!!!!! (agora precisamos de argumentos para fundamentar as culpas!)
        O Xodó da Vovó e Olavete (aluno do Olavo de Carvalho, o terraplanista e defensor da teoria geocentrista) não poderia dar em outra coisa que não isso…
        Para a infelicidade dele e dos seguidores do Bozo (ou será Boçalnaro) especilizados em fake news, a FGV (espero que saibam do que se trata…) concluiu que “O período de junho de 2003 a julho de 2008 foi a fase de maior expansão para a economia brasileira das últimas três décadas, indica estudo divulgado nesta quinta-feira (11) pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre), da Fundação Getulio Vargas (FGV). Nesses cinco anos, a indústria se expandiu, as vendas do comércio registraram alta e a geração de emprego e renda cresceu. A análise foi realizada pelo Comitê de Datação de Ciclos Econômicos, coordenado pelo ex-presidente do Banco Central Affonso Celso Pastore, e teve participação de mais seis economistas. Segundo o estudo, que considerou dados a partir de 1980, o bom desempenho da economia começou seis meses após a posse do ex-presidente LULA.
        REALMENTE A CULPA É DO LULA E DO PT!!!!!

  8. Neto, as recusas de patrocínio, os pronunciamentos de persona non grata, os fechar de portas, os ouvidos moucos e o consequente cancelamento da peruada aos EUA já é o canto do cisne de Bolso Nabo? É coisa do Bozo, alcunhado de o breve ou seria o brevíssimo?

    1. Vc pensa em sequestrá-los? Sozinho ou com a ajuda dos milicianos e do Queiroz? Ou com a ajuda dos assassinos da Marielle?
      VC os conhece?
      De que esgoto VC veio?
      Deve ter sido parido da mesma forma que macunaíma, não foi?

  9. Independente de culto ou credo.
    Bandido armado de fuzil não é bandido é soldado.
    E já que o RIO tornou-se terra de soldados bandidos e milicianos.!!
    Fooooooogo!!!!
    Pq eu e nem vc temos armas para combater soldados armados.
    Quem porta fuzil nas ruas é soldado, seja bandido ou polícia.

    1. Discussão bizarra. Tipo, VC prefere ser rico e com saúde ou pobre e doente?
      Será que o músico que foi alveja do 80 tiros portava alguma coisa? Um fuzil ou um violão?
      Os fascistinhas criam realidades paralelas absurdas com a intenção de sancionar o absurdo.
      Adoram factóides. Criam factóides e fake news e chafurdam na lama, querendo que creiamos que se encontram voando em nuvens.
      Reflexo e agentes de uma sociedade doente.
      Não refletem nem quando o Bozo (ou será Boçalnaro?) é humilhado pelo prefeito de N. York:

      O prefeito de Nova York, Bill de Blasio, comemorou pelo Twitter o cancelamento da viagem do presidente Jair Bolsonaro à cidade, onde ele receberia o prêmio Pessoa do Ano, organizado pela Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos.

      “Jair Bolsonaro aprendeu do jeito difícil que nova-iorquinos não fecham os olhos para a opressão. Nós expusemos sua intolerância. Ele correu. Não fiquei surpreso – valentões geralmente não aguentam um soco”.
      “Seu ódio não é bem-vindo aqui”.
      “O ataque de Jair Bolsonaro a direitos LGBTQ e seus planos destrutivos para o nosso planeta se refletem em líderes demais – incluindo no nosso país. TODOS devem se levantar, falar e lutar contra esse ódio temerário”.
      Na última sexta-feira, o porta-voz da Presidência, Otávio do Rêgo Barros, disse em nota que Bolsonaro cancelou a ida aos EUA por causa de protestos: “Em face da resistência e dos ataques deliberados do prefeito de Nova York e da pressão de grupos de interesses sobre as instituições que organizam, patrocinam e acolhem em suas instalações o evento anualmente, ficou caracterizada a ideologização da atividade”, disse.
      O Museu de História Natural de Nova York havia se recusado a sediar o evento. Além disso, ao longo da semana, algumas empresas retiraram o patrocínio à premiação após pressão de ativistas.
      Ideologição segundo a trupe é não ser de extrema-direita ou não ser fascista. Que fique bem entendido.
      Mas a culpa é do PT e do Lula (presidente que saiu do governo, depois de 8 anos de felicidade e prosperidade com mais de 80% de aprovação popular!!!!!

  10. Vejo a oab de duas formas
    1- a oab quer manter assassinos vivos pra terem mais clientes
    2- oab quer auto defesa, sabe como é, matam(não vão) nas audiências, quebram sigilo comunicando entre si(defesa/acusação) pois são ‘miguinhos’, querem acordo(palavra que deveria ter circunflexo pois não estavam dormindo) pra ‘facilitar’ as causas(adv. ‘miguinhos’ ganham/dividem muitas) sem esfôrço, têm montes de habeas corpus prontos pra soltar qualquer bandido em qualquer tipo de crime, recorrem à jurisprudência encontradas na internet sem entender ‘patavina’ e nem querem aprofundar no assunto, existem ‘prizidentis’ de oab regionais que não saem do fórum todos os dias da semana pra bater papo o dia inteiro e encaminharem acordos(deveria ter circunflexo também), nas cidades pequenas não existe o mínimo sigilo e muito menos ética profissional(fofogados: fofoqueiros que advogam tratando clientes como gado)…
    são protetores de assassinos( ou não? ) e por isso temem snipers!

    Alguém complemente ou desminta…e comprove!
    (ps: se desmentir e comprovar, certamente será um advogado)

  11. É incrível como nós relegamos nossos policiais a se subordinarem a leis que os colocam sempre em desvantagem a criminosos. Gostaria muito de ver esses pseudoadvogados no lugar dos policiais enfrentando bandidos.
    Do jeito que tratamos nossos policiais, vai chegar um tempo que ninguém mais irá querer exercer essa profissão, que simplesmente tem de existir até mesmo antes de uma nação ser formada.
    Policiais brasileiros, acho que passou da hora de vocês lavarem as mãos!

  12. Não foi achado nenhum fuzil.
    Nenhum metralhado portava fuzil.
    Uma coisa é a realidade. Outra é o quadro desenhado com a finalidade de esconder a barbárie e as más intenções.
    E os fascistas e seguidos do Bozo (ou será Boçalnaro?) se escondem atrás quadro desenhado com a finalidade de esconder a barbárie e as más intenções.
    Quanta idiotice!!!
    Ontem o governador do Rio de Janeiro sobrevoou Angra dos Reis, de helicóptero, de onde snipers atiraram contra a população, a pretexto de combater os bandidos. Witzel é um genocida, que mais cedo ou mais tarde, será submetido a um tribunal internacional por crimes contra a humanidade. Mas, antes disso, precisa ser detido.
    Witzel aparece em Angra dos Reis em um jogo de cena mortal, ocupando um helicóptero que dispara do alto contra casas humildes. Depois, vai comemorar seu banquete de sangue hospedando-se em um hotel de luxo com a família, sem revelar quem está pagando as diárias. É um bufão que, se tivesse coragem mesmo, estaria na linha de frente enfrentando o PCC.
    Witzel é de mesma farinha de Marcelo Bretas, Sérgio Moro, do procurador militar Carlos Frederico de Oliveira Pereira, que não apenas ordenou a soltura dos dez militares envolvidos no assassinato do músico Evaldo Rosa dos Santos, e catador de material reciclável Luciano Macedo como deu um parecer endossando os assassinatos.
    Na entrevista ao Estado, ele disse que “se eles (os militares presos) soubessem que aquele carro era de pessoas que não eram bandidas, eles não fariam isso. Os caras não saíram de casa para matar os outros”, diz o subprocurador ao Estado.
    A manifestação é a comprovação sangrenta de duas suspeitas sobre direitos humanos.
    A primeira, é que a Justiça Militar não é isenta para julgar os seus. O parecer de Carlos Frederico conspurca toda a Justiça Militar. A segunda, é que o excludente de ilicitude de Sérgio Moro é endosso, sim, para a ampliação dos assassinatos. Carlos Frederico usou ao pé da letra o argumento.
    Em seu parecer, o subprocurador Pereira considerou que os militares não descumpriram as regras de conduta, porque “tentavam salvar um civil da prática de um crime de roubo”.
    Hoje em dia, não há ameaça maior à democracia e aos direitos básicos do que os estímulos de Witzel à violência policial.

    Mas a culpa é do PT e do Lula!!!!!

  13. Até hoje eu não entendi o conceito “de esquerda” e “de direita” desde o início desta polarização.

    Às vezes acho que tem algo a ver com o “de a pé” ou o “de maior”, etc.

    Mas vamos às dúvidas:

    Ser de esquerda é apoiar a liberdade de expressão, tal como falam dos “esquerdopatas” por apoiarem leis de incentivo à cultura? Ou é ser contra esta liberdade de expressão e sufocar a cultura, como vem ocorrendo com este DESgoverno “de direita”?

    Obs,: Em Cuba não existe liberdade de expressão. Então, pela lógica, eles não devem ser “de esquerda”.

    Ser de esquerda é ouvir críticas da mídia sem, muitas vezes, ter direito ao contraditório? Ou é ameaçar os meios de comunicação, como muito o fez este DESgoverno, tão logo sofre(u) críticas?

    Obs.: Na Venezuela o Hugo Chavez caSSou as emissoras que se opuseram ao seu DESgoverno. Então a Venezuela é “de direita”, pelo visto.

    Ser de esquerda é ser contra a doutrinação ideológica já em nível pré-escolar, ou agir como os milicianos de MAO TSE Tung que doutrinavam os chineses com o Livro Vermelho e na base do porrete, como também pretende este DESgoverno?

    Ser de esquerda é criticar a ação de snipers sobre comunidades de pretos de tão pobres e pobres de pretos, ou também fazer uso de uma das máximas de MAO TSE e que dizia que “todo poder nasce da ponta de um cando de fuzil”?

    Obs.: A China, que sempre fez um bom uso do fuzil, foi o país pioneiro em cobrar a conta da bala da família do fuzilado. Deve ser é uma país “de direita”, claro.

    Enfim, a confusão é tanta que ando não sabendo muito bem sobre estes novos conceitos “de esquerda” ou “de direita” que tanto temos falado por aqui, os dois sem qualquer nexo com as verdadeiras doutrinas sócias e econômicas envolvidas na questão, o socialismo e o capitalismo.

    Mas isto também não me surpreendo porque, desde o momento em que as pessoas passaram a pensar com as pontas dos dedos, fazendo uso exclusivo do cérebro unineuronal zapzaPIANISTA, onde o WhatsApp vem potencializando o processo de imbecilização coletiva, acho que o que se passa por aqui são dois novos modelos socioeconômicos: o capitalismo de esquerda e o comunismo de direita.

    O país está mesmo de ponta-cabeça.

    E DESgovernado.

  14. Até hoje eu não entendi estes conceitos “de esquerda” e “de direita” tão falados desde o início desta polarização.

    Às vezes acho que tem algo a ver com o “de a pé” ou o “de maior”, etc.

    Mas vamos às dúvidas:

    Ser de esquerda é apoiar a liberdade de expressão, tal como falam dos “esquerdopatas” por apoiarem leis de incentivo à cultura? Ou é ser contra esta liberdade de expressão e sufocar a cultura, como vem ocorrendo com este DESgoverno “de direita”?

    Obs,: Em Cuba não existe liberdade de expressão. Então, pela lógica, eles não devem ser “de esquerda”.

    Ser de esquerda é ouvir críticas da mídia sem, muitas vezes, ter direito ao contraditório? Ou é ameaçar os meios de comunicação, como muito o fez este DESgoverno, tão logo sofre(u) críticas?

    Obs.: Na Venezuela o Hugo Chavez caSSou as emissoras que se opuseram ao seu DESgoverno. Então a Venezuela é “de direita”, pelo visto.

    Ser de esquerda é ser contra a doutrinação ideológica já em nível pré-escolar, ou agir como os milicianos de MAO TSE Tung que doutrinavam os chineses com o Livro Vermelho e na base do porrete, como também pretende este DESgoverno?

    Ser de esquerda é criticar a ação de snipers sobre comunidades de pretos de tão pobres e pobres de pretos, ou também fazer uso de uma das máximas de MAO TSE e que dizia que “todo poder nasce da ponta de um cando de fuzil”?

    Obs.: A China, que sempre fez um bom uso do fuzil, foi o país pioneiro em cobrar a conta da bala da família do fuzilado. Deve ser é uma país “de direita”, claro.

    Enfim, a confusão é tanta que ando não sabendo muito bem sobre estes novos conceitos “de esquerda” ou “de direita” que tanto temos falado por aqui, os dois sem qualquer nexo com as verdadeiras doutrinas sócias e econômicas envolvidas na questão, o socialismo e o capitalismo.

    Mas isto também não me surpreendo porque, desde o momento em que as pessoas passaram a pensar com as pontas dos dedos, fazendo uso exclusivo do cérebro unineuronal zapzaPIANISTA, onde o WhatsApp vem potencializando o processo de imbecilização coletiva, acho que o que se passa por aqui são dois novos modelos socioeconômicos: o capitalismo de esquerda e o comunismo de direita.

    O país está mesmo de ponta-cabeça.

    E DESgovernado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.