Bate-volta de Málaga: El Torcal e dólmens

Publicado em Outras cidades

Málaga e a Costa do Sol foram duas excelentes surpresas para mim. Convidada pelo Turismo da Costa do Sol, pude conhecer sobre a cultura malaguenha e visitar lugares incríveis, que me deixaram de queixo caído. Um deles é El Torcal, um dos locais naturais mais interessantes que já vi.

A cerca de 1h de carro de Málaga, com uma estrada linda, cheia de curvas e paisagens impressionantes, El Torcal é um parque natural, que foi declarado Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco e tem formações rochosas super diferentes. Nunca vi nada igual. Suas formas são curiosas e derivam da ação do mar e do vento ao longo de milhares e milhares de anos. As vistas são maravilhosas!

O nosso grupo de blogueiros fez o trajeto Verde, um dos três oferecidos pelo Centro de Visitantes. A nossa rota tinha 1,5 km e foi super tranquila, podendo ser feita por pessoas de diversas idades, sem necessidade de equipamentos ou roupas muitos especiais (roupa esportiva, claro). O trajeto Amarelo tem 3 km e o Laranja, 3,5km. Certeza que esses precisam de mais preparação física e de vestimenta.

Tínhamos um guia à nossa disposição, que sabia todo o percurso a ser caminhado. Eu não tentaria fazer o caminho sozinha porque sou bastante distraída (e com as paisagens, você vai perder o foco também!). Por isso, acredito que a melhor opção para visitar El Torcal seja com uma visita guiada. Mais informação aqui.

Para chegar, é possível ir de ônibus ou de carro. Há um ônibus que faz o trajeto dos estacionamentos para o Centro de Visitantes e que custa 2 euros.

El Torcal é um lugar que eu nunca tinha ouvido falar e que me encantou muito! Certeza que incluiria novamente numa viagem. Vale a pena demais se você está pela região e, principalmente, Málaga. Uma bate-volta imperdível!

Dólmens de Antequera – Você sabe o que são dólmens? Eu não sabia até visitar os de Antequera, pertinho de Málaga. Eles são monumentos megalíticos que eram usados, na sua maioria, como túmulos. Em Antequera, você pode ver um desses tipos de conjuntos arqueológicos mais bem conservados de toda Europa. E foi o que vimos.

Ali, estão os dólmens de Menga, Viera e Romeral. Visitamos os dois primeiros. Todos eles bem cuidados, ainda com o teto (o que não é comum no restante do continente). Esse local também é Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco, declarado em 2016. O que mais impressiona neles é o tamanho das pedras e acho que todos devem ficar pensando como, há tantos anos atrás, as pessoas conseguiam fazer essas construções sem os equipamentos e tecnologia que temos hoje.

O dólmen de Menga é o maior, tem uma antecâmara e até um poço fundo no seu final. O de Viera é bem menor e estreito e no finalzinho dele tem o local onde colocavam os corpos. É uma visita bem legal e interessante, principalmente para quem gosta de história. Outro bate-volta que você pode colocar na sua programação quando estiver por Málaga e região.

Comer – Depois de visitar El Torcal e os dólmens (o que dá para ser feito em um dia completo), antes de voltar para Málaga, recomendo ir ao Arte de Cozina. Dirigido por uma chef, Charo Carmona, esse restaurante tem a proposta de utilizar produtos típicos e produzidos na região, com um toque de modernidade. Além de estar em um edifício lindo (uma antiga casa rural e que agora tem alguns quartos para hospedar turistas), a comida é maravilhosa e muito autêntica.

Experimentamos diversos pratos tipicamente antequeranos, como as porras (sopas frias, tipo um salmorejo), ajo pimentón de grão de bico (tipo hummus), uma sopa de alho e cebola e carnes maravilhosas. Além disso, as sobremesas, como o arroz com leite, são de babar.

Mais sobre a Costa do Sol
Onde comer em Málaga: tour gastronômico

 

Gracias a la Oficina de Turismo de Costa del Sol por la invitación. Ha sido genial!

Reserve a sua hospedagem em Barcelona: https://www.booking.com/index.html?aid=1685443 
Curta o Viva Barcelona no Facebook: https://www.facebook.com/blogvivabarcelona
Siga o Viva Barcelona no Instagram: @blogvivabarcelona

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *