A dor da decepção

Quem sofre por ter se decepcionado pode ter dificuldades para confiar novamente no outro. Em algum momento você colocou ali a sua alma inteira, pensando que era alguém e não você quem o enchia de vida.

Mas você descobre que aquilo que você pensava que não mudaria, muda. Então essa pessoa na qual você tinha uma fé cega demonstra que nem ela era infalível, nem você enxergava claramente com os olhos abertos. Na verdade, você percebe que a decepção é fruto dessa cegueira de esperar muito dos outros e esquecer, em parte, a sua responsabilidade.

Contudo, é preciso dizer que para cada decepção chega a hora da sua superação, mesmo que primeiro seja preciso passar pelo filtro do perdão. Trata-se de aceitar, deixar para trás e continuar com a lição aprendida com o sofrimento.
Decepção dói, deixa marcas, mas tem cura. Todos nós somos capazes de reprocessar uma traição, uma frustração e conhecer mais de nós mesmos.

Esta entrada foi publicada em saúde emcional. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *