TAP deve garantir os bilhetes emitidos pelo Programa AMIGO

Publicado em Deixe um comentárioblogueiros

Nos últimos anos, verifica-se que os consumidores têm alterado seu hábito de consumo em relação à forma de pagamento, com o intuito de acumular “pontos/milhas” em seu cartão de crédito, que possibilitam, dentre outros benefícios, obter a conversão em bilhetes aéreos nacionais e internacionais. Assim, muitos consumidores optaram por aderir ao “Programa AMIGO”, vinculado a empresa AVIANCA Brasil, que integrava […]

Entidades civis de defesa do consumidor enviam carta a Bolsonaro

Publicado em Deixe um comentárioblogueiros

Em razão das manifestações do presidente Bolsonaro, no final do mês passado, declarando que ainda permanecia em dúvida quanto ao possível veto da franquia da bagagem despachada, várias entidades de defesa do consumidor, que integram o Sistema Nacional de Defesa do Consumidor (SNDC), viram-se na obrigação de enviar uma carta ao presidente, com o intuito de ressaltar a necessidade de […]

Uma oposição tão ilusória como descabida

Publicado em Deixe um comentárioblogueiros

Devido às incertezas que pairam sobre a cobrança de bagagens, consequente da aprovação pelo Congresso da Medida Provisória 863/2018, ora submetida à apreciação do Executivo, insta considerar, entre outros aspectos relevantes, que: 1. A ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) opõe-se à retomada da franquia, adotando como pretexto o fato de que a sua adoção contribuirá para que as empresas […]

Congresso aprova o fim da cobrança da mala despachada

Publicado em Deixe um comentárioblogueiros

Desde ontem (22), os consumidores estão comemorando o fim da cobrança da mala despachada, assunto incluído na Medida Provisória 863/2018, que autoriza a participação de até 100% de capital estrangeiro em companhias aéreas brasileiras. Há mais de três anos, a ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) determinou a cobrança da mala despachada através da Resolução 400 – “Condições Gerais”. Mas, […]

Abaixo-assinado contra as cobranças de bagagens, de assentos e aos preços abusivos das passagens aéreas

Publicado em Deixe um comentárioblogueiros

Desde ontem, a sociedade civil está divulgando, em rede social, protestos contra os abusos impostos pelas empresas aéreas, um abaixo-assinado virtual contra a cobrança das malas despachadas, de assentos e aos preços abusivos que têm sido cobrados por essas companhias. Nos últimos anos, os passageiros aéreos estão “fartos” por ser surpreendidos com as cobranças adicionais impostas pelas empresas aéreas (assento […]

Defeito mecânico no ônibus gera atraso e consequente indenização ao passageiro

Publicado em Deixe um comentárioblogueiros

A passageira Z.M.A.E. ajuizou ação contra uma empresa de ônibus  em virtude do defeito mecânico (perda do freio) no veículo, que impôs uma espera de três horas na rodovia, até que fosse providenciado um novo ônibus para substituí-lo. A consumidora sustenta que ela e os demais passageiros tiveram que permanecer em um local perigoso, causando medo e angústia passíveis de ser […]

Medida Provisória nº 863/2018 inclui o fim da cobrança da bagagem despachada

Publicado em Deixe um comentárioblogueiros

Na semana passada (25/4), a comissão mista do Congresso aprovou a Medida Provisória n.º 863, que ampliou de 20% para 100% a entrada de capital estrangeiro em companhias aéreas nacionais. Naquela oportunidade, o relatório do senador Roberto Rocha (PSDB-MA) incluiu no projeto a gratuidade do despacho de malas e a reserva de 5% dos voos para a aviação regional. Essa […]

Cancelamento dos voos da Avianca: direitos dos passageiros

Publicado em Deixe um comentárioblogueiros

Nos últimos dias,  os consumidores têm deparado com frequentes cancelamentos  e atrasos impostos pela empresa aérea Avianca. Diante dessa inusitada situação, muitos passageiros sentem-se inseguros em relação aos seus direitos, pois não podem prever se a empresa executará os trajetos previamente contratados. Segundo informações divulgadas pela imprensa, a dívida da Avianca está estimada em R$ 580 milhões. Diante do risco de perder […]

Operadora de turismo responde pelos serviços de hospedagem divulgados em seu site

Publicado em Deixe um comentárioblogueiros

No mês passado (22/3), a 33ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo condenou uma operadora de turismo ao pagamento de R$5 mil por danos morais ao consumidor em virtude de ofertar, em seu site, imagens de acomodações de hospedagem que não eram compatíveis com a realidade do local contratado. O consumidor ajuizou a […]

Parque de diversões: atuação do Ministério Público

Publicado em Deixe um comentárioblogueiros

Tornaram-se frequentes acidentes ocorridos em parques de diversão, sendo que alguns com resultado letal. O cuidado que deve cercar essa atividade nem sempre é suficiente para evitar resultados danosos aos usuários. Quase sempre, quando acontece esses infortúnios, as empresas que exploram o serviço procuram eximir-se da obrigação de indenizar, apontando os frequentadores como desidiosos, por agirem com negligência deixando de […]