Mais uma de Pikes Peak: quer subir o morro de minivan?

Publicado em Sem categoria
Realmente a edição 2013 da subida internacional de montanha de Pikes Peak está cada vez mais parecida com a Corrida Maluca do desenho animado – aquela magistralmente redescoberta pela propaganda do Peugeot 208, com direito ao impagável cachorro Muttley (aliás, Peugeot 208 como o que Sebastien Loeb levará ao topo dia 30). Já se viu praticamente de tudo (o blog mostrou muita coisa) e, quando você acha que já viu de tudo, aparece mais uma obra de engenharia sobre rodas capaz de desafiar a lógica. Eu já havia comentado que a Honda (HPD) inscreveu 11 modelos no desafio de 156 curvas e 20 quilômetros rumo ao topo dos EUA, mas alguns deles ainda eram mantidos em sigilo.

Coube ao próprio “motorista” de um deles, o francês Simon Pagenaud, que venceu domingo sua primeira corrida na Indy, em Detroit, revelar o brinquedo preparado para a PPIHC. Sim, uma minivan Odyssey, que manteve bastante coisa do modelo original:  carroceria, painel, climatização (se funciona é outra história). O coração é um V6 3.500cc turbo com 530 cavalos alegremente disponíveis e ancorados num diferencial Acura, com direito a freios Brembo de pista. Pagenaud é mais um que cresceu admirando os ralis no quintal de casa e tem experiência em provas regionais da modalidade, além de ser rápido em qualquer tipo de coisa com quatro rodas e motor…

Só para esclarecer, não se trata da minivan mais veloz da história, porque Renault e Cosworth tiveram a mesma ideia nos anos 1990. A francesa instalou um V10 de F-1 na sua Espace, que era pilotada em exibições por Alain Prost. Já a segunda, que ainda pertencia à Ford, fez o mesmo em uma Transit. Mas ainda assim, é um verdadeiro haras para subir o morro… E mais emoção garantida…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *