ENTÃO VAMOS COMBINAR…

Publicado em Sem categoria

A marmelada alemã de domingo ainda vai render muita história, até que o Conselho Mundial da FIA dê seu veredito, em 10 de setembro, muita água vai rolar e certamente os advogados de McLaren e Red Bull vão fazer de tudo para que a Ferrari perca os pontos, tanto dos pilotos quanto no Mundial de Construtores. Ainda que nenhuma das duas tenha telhado de vidro – a primeira posa de defensora da esportividade mas deu ordens (desrespeitadas) a Jenson Button que não atacasse Lewis Hamilton na Turquia, enquanto a outra levou o próprio Mark Webber a se considerar segundo na hierarquia – estão ambas em seu direito.

E agora quase todo mundo no circo considera a manobra normal – Bernie Ecclestone, Ross Brawn (esse por motivos óbvios), David Coulthard. Seria sonhar demais acreditar que não há interesses maiores, ou hierarquias obscuras. Mas então, vamos combinar o seguinte: que a orientação fique bem clara nos briefings antes das corridas e a coisa não seja feita de forma descarada. Do contrário, nem é necessário largar no domingo. O troféu de vencedor vai para o mais rápido no treino oficial e ponto final. E tenho dito…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *