BRINQUEDO CARO, MAS MUITO BACANA

Publicado em Sem categoria

     Lamborghini Gallardo LP560, Ford GT, Ferrari F430, Porsche 911 GT3RS, Dodge Viper. Falar nessas supermáquinas é imaginar velocidade, potência, exclusividade e, por consequência, muitos zeros na conta bancária. Brinquedos que não são para a grande maioria dos mortais. Talvez por este fascínio é que vê-las (e fazê-las) correr se tornou programa cada vez mais popular nos principais países europeus (Itália, França, Inglaterra, Alemanha, Espanha).   Há quatro anos, as corridas para os Grã-turismo desembarcaram em terras brazucas. De início, como era de se esperar, não eram tantos carros, mas a brincadeira envolveu gente que dispensa apresentação: Wilson Fittipaldi, Andreas Mattheis, Ingo Hoffmann, entre tantos outros. Desde então, a fórmula adotada era a de dividir os pilotos conforme o grau de experiência e o retrospecto, favorecendo a formação de duplas com um amador (ou gentleman, no jargão das corridas) e um profissional. Alguém que banca as despesas, com outro alguém que empresta seu talento. Os carros respeitam o regulamento GT3 (com preparação menor) e a novidade na segunda metade da temporada será a a estreia do Audi R8LMS.   A categoria ganhou força e, além da qualidade, começa sua quarta temporada sob o signo da quantidade. Ela encampou os carros da extinta Maserati Cup (abrigados na categoria GT4) e a previsão dos organizadores é de que 35 carros alinhem domingo, em Interlagos, para a primeira etapa. Com patrocínio forte (Itaipava), a disputa de uma copa para as Superbikes, motos de 1.000cc na programação (mais tarde volto ao assunto) e uma lista de feras que não para de crescer – Marcos Gomes, Daniel Serra, Chico Serra, Mattheis, Antonio Pizzonia e um grande investimento na estrutura do evento, não será apenas mais um campeonato, mas um rival à altura para a Stock Car e o Racing Festival da parceria Fiat/Felipe Massa. Pelo menos, para assistir não é necessário ganhar na loteria ou ter nascido com o dom de acelerar. E o espetáculo é de primeira…  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *