Sonho de volta

Publicado em Sem categoria

O futebol mineiro tem chance única na Copa do Brasil. Depois de 20 anos, os três maiores da capital disputam simultaneamente as oitavas de final da competição e, graças ao sorteio realizado nesta sexta-feira (20/4/2018) têm chance de finalmente estarem juntos nas quartas de final da competição. A tarefa não é das mais fáceis, principalmente porque cabe ao América enfrentar ninguém menos que o Palmeiras, atual “primo rico” do futebol brasileiro.

Mas não podemos deixar de sonhar. Ter três times das Alterosas entre os oito que restariam a disputar o título seria maravilhoso, ainda que novo sorteio pudesse impor um clássico estadual valendo vaga nas semifinais – torçamos para que, todos classificados, isso não ocorra.

Só não pode se repetir o que ocorreu na edição de 1998, ao menos para americanos e atleticanos. Enquanto o Coelho caiu diante do Sport, com empate por 3 a 3, no Independência, e derrota por  2 a 1 na Ilha do Retiro; o Galo foi eliminado pelo Paraná, que venceu no Durival de Brito por 1 a 0 e arrancou 1 a 1 no Mineirão.

Quem não decepcionou na época foi o Cruzeiro, que avançou passando pelo Corinthians .Na sequência, eliminou Vitória e Vasco, até ser batido na final pelo Palmeiras.

Em uma única outra ocasião Minas colocou três representantes nas oitavas de final do torneio mata-mata. Foi em 2007, quando, além de Atlético e Cruzeiro o Ipatinga esteve presente. O time do Vale do Aço, inclusive, chegou às quartas de final, nas quais foi eliminado pelo Brasiliense. Já o Atlético, depois de passar pelo Avaí, perdeu a vaga nas semifinais para o Botafogo, com direito a pênalti polêmico não marcado sobre Tchô, no jogo de volta, no Rio. A decepção da vez foi o Cruzeiro, eliminado pelo Brasiliense.

Agora, as cartas estão postas. Que os mineiros façam a parte deles nos gramados. Nos palcos, as coisas têm caminhado, ainda que em intensidade menor que deveria. Até por isso, vale um “VIVA” para o pessoal d’A Autêntica, casa noturna na Savassi, que, como A Obra, privilegia a música autoral. Se ainda não conhece, vale à pena.

2 comentários para “Sonho de volta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *