Obrigado, mulheres!

Publicado em Sem categoria

Gostei muito das homenagens feitas por vários clubes de futebol ao Dia Internacional da Mulher, ainda que não entenda porque haja apenas 24 horas por ano dedicadas àquelas que gestam a vida. Foi emocionante ver mulheres chegando ao Mineirão, para ver Cruzeiro x URT, em grupo, sozinhas, em par, formando casais. Negras, pardas, brancas, ruivas, loiras, jovens, crianças, idosas, adolescentes, adultas, enfim, gente de todo tipo aproveitando para incentivar o time do coração.

Muitas estavam no Gigante da Pampulha pela primeira vez, o que deixou a noite ainda mais especial. Graças à distribuição de ingressos feitos pelo clube celeste e a Minas Arena, mais um passo foi dado rumo à igualdade de gêneros e financeira.

Mas se estratégias como essa e a feita por outros clubes podem ser ocasionais, as campanhas exigindo tratamento, salários e direitos iguais precisam ser permanentes. Assim como aquelas para impedir o absurdo que é a violência contra a mulher, que a cada levantamento nos deixa mais assustados.

Como tanto li e ouvi nos últimos dias, lugar de mulher é onde ela quiser. Pode ser no estádio, jogando futebol, tocando em uma banda de rock, dirigindo caminhão, narrando jogos, pilotando avião, fundando e administrando empresas, servindo o exército.

E se você é machista, está na hora de rever seus conceitos. O mundo evoluiu e é bom você fazer isso também.

Um comentário para “Obrigado, mulheres!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *