Vencer ou vencer

Publicado em

Dois pesos, duas medidas. Quando Barcelona e Chelsea entrarem em campo, amanhã, no Camp Nou, valendo uma vaga na finalíssima da Liga dos Campeões, o mundo estará diante de uma questão: será Messi capaz de afastar as primeiras críticas ao mágico time e devolver o brilho aos catalães? Se o Barça for eliminado, as críticas vão cair em cima do argentino, de Pep Guardiola e cia. Afinal, o time azul-grená praticamente deu adeus à chance de conquistar  Campeonato Espanhol, depois da derrota para o Real Madrid (2 a 1), em casa.

Seria uma tragédia ver o mágico time do Barça terminar a temporada sem comemorar. Espero ver o Chelsea bem fechado taticamente, apostando na velocidade de Lampard e na inteligência de Drogba. Tem a vantagem do empate e certamente jogará com o regulamento debaixo dos braços para carimbar o passaporte na decisão no Allianz Arena.

Guardiola é inteligente. Ele certamente mandará seu time impor o estilo de jogo que encanta os torcedores: toques rápidos, defesa em linha e contra-ataques mortais. Sem um centroavante fixo, a referência será Messi. E ele tem futebol para levar o time azul-grená à terceira final  da Liga dos Campeões em quatro anos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *