Anfitriões em queda

Publicado em

A Ucrânia pode dar adeus à Eurocopa hoje se não vencer a poderosa Inglaterra, na Donbass Arena, em Donetsk, pelo Grupo D. Assim, poderiam morrer abraçados os dois países-sede da competição, já que a Polônia foi eliminada depois de perder para a República Tcheca por 1 a 0. Juntos, os dois anfitriões esperavam mostrar ao mundo que estavam em ascensão e poderiam surpreender forças tradicionais da Europa. Não foi isso o que ocorreu. A Ucrânia pode não ter Shevchenko e ficaria ainda mais nula perante ao habilidoso time inglês. Se estiver em campo, o atacante pode estar fazendo seu últim jogo pela seleção, já que sua vontade é apelar para a aposentadoria. 

No Velho Continente, os favoritos dificilmente dão espaços às zebras. Se a Holanda (vice-campeã mundial na África do Sul) caiu no Grupo B, foi porque não teve organização e disciplina tática para vencer Portugal, do astro Cristiano Ronaldo. Na verdade, a chave era a mais difícil da Eurocopa e até mesmo a queda de uma das favoritas ao título, a seleção laranja, não seria uma surpresa. A Alemanha volta a mostrar sua força, liderada pelo conjunto de seu jovem time: Neuer, Boateng, Toni Kross, Ozil, Schweinsteiger, Thomas Muller e Mário Gómez são as estrelas centrais de uma equipe que tem tudo para brilhar no leste europeu.

Laurent Blanc conseguiu gradativamente arrumar a casa da Seleção Francesa, que virou o caos na última Copa do Mundo e foi eliminada na primeira fase. Graças ao trabalho sério de renovação, ele renovou os ares de esperança e afastou o mal-estar gerado pelo antecessor Raymond Domenech. Tanto é que a equipe não perde há 23 jogos e tem um dos grupos de atletas mais caros da competição. Bons jogadores como Ribery, Benzema, Nasri, Evra recuperaram o entrosamento e as atuações de destaque pela seleção e vem brilhando nos gramados ucranianos. A campeã mundial de 1998, que enfrenta hoje a eliminada Suécia, em Kiev, no encerramento da primeira fase da Eurocopa, com a pretensão de garantir o primeiro lugar do Grupo D.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *