Skip to main content
 -
Denyse Lage Fonseca é formada em Letras e especialista em educação a distância. É autora de artigos enciclopédicos (InfoEscola.com) e de materiais didáticos (Portal Acessaber) que tratam de diversificados conteúdos relativos à Língua Portuguesa, da qual gosta desde criança. Como professora, atuou em diferentes níveis de ensino.

“Está” ou “Estar”?

Share this...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Nas situações de fala, é comum não pronunciarmos o “r” final dos verbos. Desse modo, “estar” vira “está”. Daí, surgem dúvidas quanto à diferença entre essas formas verbais. Para eliminá-las de uma vez por todas, proponho a você que complete as frases a seguir com “está” ou “estar”:

A rosa __________ linda!

A rosa deve __________ linda!

(Foto: Denyse)

Na primeira frase, encaixa-se a forma “está” para a referência ao estado em que a rosa se encontra: A rosa está linda. “Está” é a 3ª pessoa do singular (Ele/Ela) – “A rosa” = “Ela” – do presente do indicativo (aquele modo verbal que exprime “certeza”). Já a forma no infinitivo “estar” (com o “r”) insere-se na segunda frase: A rosa deve estar linda! É interessante observar que o verbo “estar” vem geralmente acompanhado de outro verbo (o “auxiliar”). Nesse caso, forma uma locução verbal: “deve estar”.

Vejamos outras ocorrências:

A noiva está nervosa.

A noiva vai estar nervosa. (“vai estar” = locução verbal)

Agora, vamos observar outros exemplos de verbos cuja semelhança nas formas costuma gerar dúvidas:

“Vê” X “Ver”

Ele vê o ônibus passando na rua todo dia.

(“vê” = 3ª pessoa do singular do presente do indicativo)

Ele pode ver o ônibus passando todo dia.

(“ver” = forma infinitiva antecedida do verbo auxiliar “pode”)

“Parti” X “Partir”

Eu parti o bolo para os convidados.

(“parti” = 1ª pessoa do singular do pretérito perfeito do indicativo)

Eu devo partir o bolo para os convidados.

(“partir” = forma infinitiva antecedida do verbo auxiliar “devo”)

Para concluir, é importante reforçar que a forma infinitiva do verbo (com o “r” no final) geralmente aparece antecedida de outro verbo. Está certo, pessoal?

Confira outros artigos!

Desafio: Pontuação

“Chegar em” ou “chegar a”?

“Mas” ou “Mais”?

Share this...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

38 comentários em ““Está” ou “Estar”?

  1. Legal o espaço aberto para você. Rara a preocupação com o português hoje em dia. Espero que o blog continue. Muito útil para meu trabalho e também para minha cunhada que está se preparando para vestibulares. Sempre compartilho os links com ela. Parabéns para ti.

    1. Olá, Tiago!

      Sinto-me lisonjeada com a sua cuidadosa opinião sobre o meu blog!

      Fico imensamente feliz por saber que o meu blog constitui em uma ferramenta importante para o seu trabalho e para os estudos realizados por sua cunhada!

      Muito obrigada por compartilhar os links! Ficarei na torcida para que ela seja aprovada!

      Grata pelo incentivo!

      Volte sempre!

      Denyse.

    1. Oi, Davi!

      O verbo “estar” (com “r” no final) vem geralmente antecedido de outro verbo. Por isso: “vou estar”.

      Na frase que você apresentou, registra-se a presença do gerundismo (essa junção de três verbos). Recomenda-se que o gerundismo seja evitado. Assim, você pode dizer: “Estarei viajando.”.

      Muito obrigada por interagir comigo, algo muito importante para mim!

      Volte sempre!

      Denyse.

    1. Oi, Alaide!

      Sinto-me imensamente lisonjeada com as suas palavras tão positivas!

      Muito obrigada por interagir comigo, algo muito gratificante para mim!

      Fica o meu convite para que você volte sempre!

      Denyse

    1. Olá, Maria Antônia!

      Fico extremamente feliz por saber que tirei uma dúvida sua de anos!

      Muito obrigada por interagir comigo, algo muito importante para mim!

      Fica o meu convite para que você retorne sempre!

      Denyse

    1. Olá, Ana!

      Fico muito contente com os adjetivos direcionados à minha explicação!

      Para mim, é muito gratificante saber que a ajudei muito!

      Muito obrigada por interagir comigo, partilhando a sua avaliação!

      Volte sempre!

      Denyse

    1. Oi, Ana!

      Fico muito feliz com o fato de ter esclarecido o uso de “está” e “estar”!

      Muito obrigada por expor a sua opinião sobre a minha explicação, algo muito importante para mim!

      Volte sempre!

      Denyse

    1. Oi, Roberta!

      Trata-se de uma dúvida muito comum… A propósito, o post “Está ou Estar” é o mais acessado no blog!

      Fico muito feliz por ajudá-la!

      Muito obrigada por interagir comigo!

      Volte sempre!

      Denyse

    1. Oi, Jonathan!

      Uau! Fico extremante maravilhada com as suas palavras sobre o meu trabalho!

      Quero a poesia, viu? 🙂 Ficarei ao aguardo! 🙂

      Brilhante é a sua presença aqui!

      Muito obrigada por interagir comigo!

      Volte sempre!

      Denyse

  2. Boa tarde!!!!
    Tenho uma dúvida como escrever uma frase.
    “Bom demais está com você.” ou “Bom demais estar com você”
    desde já muito obrigado

    1. Olá, Alexandre!

      “Bom demais estar com você.”

      Muito obrigada pela sua presença em meu blog, algo que considero bom demais!

      Volte sempre!

      Denyse

  3. Olá Denyse,
    Até lê seu blog estava em dúvida sobre o uso de “está” e “estar”, mas agora não mais. Posso dizer que foi a melhor explicação que já tive em todas as pesquisas que fiz.
    Muito obrigado.

    1. Oi, Ângelo José!

      Nossa! Fico extremamente lisonjeada com as suas palavras sobre a minha explicação!

      Muito gratificante saber que, após ler o meu texto, você não tem mais dúvidas com relação ao uso de “está” e “estar”!

      Agradeço-lhe demais por interagir comigo!

      Volte sempre!

      Denyse

  4. Sempre tive dúvida quanto ao uso do está ou estar, essa explicação foi perfeita. Estar deverá vir acompanhado de outro verbo.
    Isso é regra ou tem exceção?

    1. Oi, Gislândia!

      Alegra-me a sua opinião tão motivadora sobre a minha explicação!

      “Estar” geralmente vem acompanhado de outro verbo. Veja um exemplo de uma exceção a essa regra:

      “Estar em casa é muito bom!” (“Estar” exprime um fato de modo geral sem referência ao sujeito).

      Muito obrigada pela presença em meu blog!

      Volte sempre!

      Denyse

    1. Oi, José Alex!

      Sinto-me lisonjeada com as suas palavras que tão cuidadosamente avaliam a minha explicação!

      Agradeço-lhe por interagir comigo, algo de que gosto muito!

      Volte sempre!

      Denyse

    1. Olá, Fábio!

      Fico feliz demais com as suas palavras que enaltecem o meu trabalho!

      Muito obrigada pela presença em meu blog!

      Volte sempre!

      Denyse

  5. Acredito que na frase: “O melhor está por vir”, está correto, mas me corrigiram dizendo que o certo é: “O melhor estar por vir”.
    Acredito que a forma que usei está correta, ou não?

  6. Parabéns Denyse!!!!

    Você foi tudo! Conseguiu sanar minha dúvida de anos… Nossa! agora sim entendi a diferença. Obrigada de coração. Que Deus te abençoe sempre!!! Mais sucesso no seu blog!

    1. Olá, Nilde!

      Nossa! Sinto-me muito lisonjeada com as suas palavras!

      Muito gratificante saber que consegui sanar as suas dúvidas de anos!

      Amém! Que Deus cubra a sua vida de bençãos também!

      Agradeço-lhe pelo envio de seu tão valioso comentário!

      Volte sempre!

      Denyse

    1. Ei, Marília!

      No contexto citado por você, o correto é “estar formando”!

      Muito obrigada por interagir comigo, algo que deixa muito feliz!

      Volte sempre!

      Denyse

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *