Crossing Lines é novo suspense policial da NBC

por Rodrigo “Piolho” Monteiro

Crossing Lines

Numa manhã nublada em Paris, o corpo de uma jovem é encontrado horrivelmente desfigurado e mutilado em um parque da cidade. O assassino foi bastante cuidadoso, não deixando para trás qualquer evidência de sua identidade ou da de sua vítima. Impossível identificá-la através de seus registros dentários ou impressões digitais e ela não figura em nenhuma lista conhecida de pessoas desaparecidas.

Ao ser apresentado ao caso, o major da Polícia Metropolitana de Paris Louis Daniel (Marc Lavoine) sabe que tem um grande enigma em suas mãos e a coisa piora quando ele relaciona esse assassinato a outro semelhante ocorrido recentemente em Londres. Em um cenário onde agências policiais não trocam informações sobre casos em andamento para não prejudicar as investigações e as jurisdições são delimitadas pelas fronteiras de cada país, Louis sente que a única forma de solucionar esse caso – e outros que cruzam fronteiras dentro da União Européia – seria a criação de uma força-tarefa especialmente para esse tipo de crime.

Assim sendo, logo ele consegue a autorização para liderar uma pequena agência de combate ao crime multinacional, composta pelo alemão Sebastian Berger (Tom Wlaschiha, de Game of Thrones), a francesa Anne-Marie San (Moon Dailly), o irlandês Tommy McConnel (Richard Flood), a italiana Eva Vittoria (Gabriella Pession), a inglesa Sienna Pride (Genevieve O’Reilly, de Episodes) e, como não podia deixar de ser, o americano Carl Hickman (William Fichtner, de O Cavaleiro Solitário, 2013), que parece ser aquele que, na visão de Luis, trará o diferencial ao grupo. Desnecessário dizer que, como em toda série policial em que uma nova força-tarefa ou unidade é montada, cada um dos escolhidos tem uma especialidade que “completa o grupo”: o alemão é um hacker experiente, a francesa é especialista em crimes de tráficos de pessoas, o irlandês tem experiência com armas e táticas e por aí vai. O americano é um excelente ex-investigador do Departamento de Polícia de Nova York especialista em traçar perfis de criminosos que é forçado à aposentadoria após um tiro na mão direita o deixar praticamente inválido, o que faz com que se torne um lixeiro em um parque em Amsterdã, Holanda.

Crossing Lines cast

Não há muitas novidades em Crossing Lines, atração criada pelos produtores Edward Allen Bernero e Rola Bauer. Tão logo o novo grupo se une o espectador é apresentado aos mesmos clichês vistos em todas as séries de TV, filmes, livros e etc no qual um grupo de pessoas com experiências diferentes – tanto de vida, quanto profissionais – se unem em um mesmo grupo para um objetivo comum. O que, apesar de ser clichê, não deixa de ser interessante. Os atores interagem de maneira competente e crível e há até a presença de Donald Sutherland (de Jogos Vorazes, 2012), como um advogado responsável por fazer a ligação entre o grupo e seus superiores, para dar mais peso à série. E, claro, aos poucos os segredos e o passado de cada integrante do time vai sendo revelado e uma mitologia própria para a série é construída.

Com dez episódios em sua primeira temporada, Crossing Lines é uma boa opção para fãs de séries como Criminal Minds e suas familiares. A segunda temporada já está confirmada, com 12 episódios, e foram anunciados como convidados Ray Stevenson (visto recentemente em Dexter) e Carrie-Anne Moss (a eterna Trinity de The Matrix). A série está sendo exibida no Brasil desde o dia 4 de setembro, todas as quartas-feiras às 22:00, pelo canal a cabo AXN.

"Você deve se lembrar de mim da cena do assalto a banco de O Cavaleiro das Trevas."

“Você deve se lembrar de mim do assalto a banco de O Cavaleiro das Trevas.”

Sobre opipoqueiro

Marcelo Seabra - Jornalista e especialista em História da Cultura e da Arte, é o criador de O Pipoqueiro. Tem matérias publicadas esporadicamente em sites, revistas e jornais. Foi redator e colunista do site Cinema em Cena por dois anos e colaborador de sites como O Binóculo, Cronópios e Cinema de Buteco, escrevendo sobre cultura em geral. Pode ser ouvido no Programa do Pipoqueiro e nos arquivos do podcast da equipe do Cinema em Cena. Twitter - @SeabraM
Esta entrada foi publicada em Estréias, Indicações, Séries e marcada com a tag , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Uma resposta para Crossing Lines é novo suspense policial da NBC

  1. Pingback: Os Jogos Vorazes continuam! | opipoqueiro

  2. Pingback: Os destaques do ano, na TV e no Cinema | opipoqueiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *