Locadoras recebem dose dupla de Jessica Chastain

por Marcelo Seabra

A atriz Jessica Chastain anda trabalhando tanto que os cinemas mal dão conta de exibir todos os seus filmes. Recentemente, conferimos os premiados A Árvore da Vida (Tree of Life, 2011) e Histórias Cruzadas (The Help, 2011), que chamaram a atenção e o último rendeu a ela indicações ao Oscar, Bafta e Globos de Ouro. É uma pena que tenham passado direto o ótimo drama O Abrigo (Take Shelter, 2011) e o policial Em Busca de um Assassino (Texas Killing Fields, 2011), não tão brilhante, mas também interessante. Ambos já estão disponíveis nas locadoras.

O Abrigo é um longa extremamente bem feito e, acima de tudo, bem interpretado. Michael Shannon, o agente Nelson Van Alden da série Boardwalk Empire e o General Zod do esperado novo longa do Homem de Aço, é o protagonista. Curtis, um pai de família de 35 anos, começa a ser atormentado por visões apocalípticas de uma tempestade que virá para destruir tudo, causando um novo dilúvio bíblico. A primeira providência do sujeito é começar uma obra de ampliação do abrigo em seu quintal, tradição em casas de cidades sulistas norte-americanas que costumam ser atacadas pela natureza.

Em sua obstinação pela melhoria do abrigo e conseqüente salvação de sua família, Curtis acaba sacrificando aquilo que lhe é mais caro: exatamente a família. Os conflitos em casa começam e a esposa (vivida por Jessica) passa a ter dúvidas quanto à sanidade do marido, assim como o resto da cidade – e o próprio Curtis. Para piorar, o fato da mãe do sujeito ter sido atacada cedo por um tipo de demência traz mais dúvidas quanto à veracidade das visões. A tensão cresce lentamente, mas atinge níveis alarmantes. A parceria entre Shannon e o diretor e roteirista Jeff Nichols deu tão certo que eles já apresentaram Mud (2012) em Cannes, e o novo trabalho foi bastante elogiado.

Já Em Busca de um Assassino traz Jessica num papel menor, deixando como protagonistas Sam Worthington (de Avatar, 2009) e Jeffrey Dean Morgan (o Comediante de Watchmen, de 2009). Worthington continua sem mostrar muito serviço, cumprindo seu papel sem muito brilhantismo. Cabe a Dean Morgan roubar a cena como o policial experiente e de fora da cidade, contrastando com o colega, um detetive inexperiente que cresceu na região. Os dois personagens são chamados para investigar a morte de uma jovem que estava desaparecida e foi encontrada nos campos dos arredores de uma cidade do Texas (o que justifica o título original).

A investigação não é das mais empolgantes, mas a diretora Ami Canaan Mann mostra ter estilo próprio, mais reflexivo que o do pai, o consagrado Michael Mann (de Inimigos Públicos, de 2009). Há uma preocupação no sentido de construir um passado e as relações entre os dois e os que o cercam, o que torna a história mais atrativa. A garota vivida por Chloë Grace Moretz (de Sombras da Noite, de 2012) amarra a trama e traz mais tragédia a um longa já pessimista.

A exemplo de Michael Fassbender (de Prometheus, entre outros), Jessica Chastain parece ser onipresente. Outro dos seis filmes dos quais ela participou em 2011, Coriolano (Coriolanus), também chega ao mercado de homevideo este mês. Não falta é oportunidade para conferir o talento dessa californiana que se tornou famosa de uma hora para outra e já parece indispensável ao cinema.

Ralph Fiennes, ator e diretor de Coriolano, com Gerard Butler, Jessica e Brian Cox no Festival de Toronto

Sobre opipoqueiro

Marcelo Seabra - Jornalista e especialista em História da Cultura e da Arte, é o criador de O Pipoqueiro. Tem matérias publicadas esporadicamente em sites, revistas e jornais. Foi redator e colunista do site Cinema em Cena por dois anos e colaborador de sites como O Binóculo, Cronópios e Cinema de Buteco, escrevendo sobre cultura em geral. Pode ser ouvido no Programa do Pipoqueiro e nos arquivos do podcast da equipe do Cinema em Cena. Twitter - @SeabraM
Esta entrada foi publicada em Filmes, Homevideo, Indicações, Personalidades e marcada com a tag , , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Uma resposta para Locadoras recebem dose dupla de Jessica Chastain

  1. Pingback: Diretor reúne amigos para história de gângsteres | opipoqueiro

  2. Pingback: Ralph Fiennes estreia na direção com Shakespeare | opipoqueiro

  3. Pingback: Os Melhores & Os Piores de 2012 | opipoqueiro

  4. Pingback: Duas análises do novo Homem de Aço | opipoqueiro

  5. Pingback: Michael Shannon é um Homem de Gelo | opipoqueiro

  6. Pingback: Amor Bandido traz o Tom Sawyer moderno | opipoqueiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *