Para a dupla, nenhum ativo valorizou tanto, na última década, como Dias Toffoli

No mercado financeiro, os investimentos de longo prazo costumam ser mais rentáveis. Ao que parece, no mundo político-criminal também

Visionários (Foto: Google Images)

Há gente com um notável faro para os negócios. São pessoas intelectualmente privilegiadas, ainda que nem sempre utilizem o dom para o bem. Gente que passa por um simples boteco de esquina e enxerga ali uma futura franquia de sucesso. Ou investidores que compram ações a preço de pó e as revendem a preço de ouro.

Quem nunca ouviu falar de Sergio Andrade, o todo-poderoso do poderoso grupo empresarial Andrade Gutierrez? Pois é. Faz parte deste seleto grupo de visionários. Décadas atrás, resolveu ajudar nas despesas e financiar campanhas políticas de um obscuro líder sindical do ABC paulista. Não satisfeito, (não) bancou os estudos da filha deste mesmo sindicalista na Europa (em verdade, não foi Sergio — favor ler nota de rodapé).

Sergio semeou, plantou e… colheu! O tal líder sindical tornou-se presidente da República, vejam vocês. E, no exercício do mandato, alterou uma lei exclusivamente para beneficiar o bondoso amigo. Explico melhor: Lula manobrou e permitiu que a Telemar / Oi, de Andrade, comprasse a Brasil Telecom e se tornasse uma gigante do setor.

Era os idos de 2008, o auge da cleptocracia lulopetista. A coisa era tão descarada que, antes do decreto presidencial que a beneficiou, a Oi aportou R$ 15 milhões numa inexpressiva empresa de games. O dono era um notável monitor de zoológico, um tal Lulinha, “coincidentemente” filho do presidente da República. Danadinho esse Sergio Andrade, não é mesmo?

Nessa mesma época, outros dois visionários fizeram uma ousada aposta. Pinçaram um reles advogado de sindicato e o trouxeram para o governo. Em seguida, alçaram esse rapaz — com apenas 41 anos e duas reprovações (em concursos para juiz) no currículo — a ministro do STF. Provavelmente o mais novo e mais despreparado membro de uma Suprema Corte da história.

Obviamente que falo de Lula, José Dirceu e Dias Toffoli, respectivamente presidiário, presidiário e presidente do Supremo, à época Presidente da República, Ministro-chefe da Casa Civil e Advogado-geral da União. Eis aí uma grande jogada; uma grande aposta. Pois será Toffoli o responsável, 10 anos depois, por livrar da cadeia os criminosos que o identificaram, lá atrás, como um importante ativo e belíssimo investimento de futuro.

Pelo visto, acertaram na mosca!

Leia mais.

André Moragas, diretor de comunicação da Andrade Gutierrez, informou a este blog que não foi Sergio Andrade que custeou os estudos da filha do ex-presidente Lula, mas sua prima Marília, acionista e herdeira do grupo. André esclareceu ainda que, na época da compra da Brasil Telecom pela Andrade Gutierrez, Sergio Andrade não fazia parte do Conselho de Administração da empresa. Obrigado, André! A informação sobre Lurian foi corrigida e seu esclarecimento sobre a BR Telecom anotado. Grande abraço.

13 comentários em “Para a dupla, nenhum ativo valorizou tanto, na última década, como Dias Toffoli

  1. Quero ver se o novo Glenn Greenwald das alterosas apresentara alguma prova, audio ou conversa ou sera apenas mais fake news da extrema direita bozista

  2. EU SOU O NEOLIBERAL / DO DOLAR A 5 REAL / MEU VOTO FOI UM TIRO NO ESCURO / E AGORA EU ESTOU TAO DURO / QUERIA VIAJAR NAO DA PRO JAPAO / SO DA SE FOR DE BUSAO / PRA PORTO SEGURO (cantem comigo!!!)

    1. Viaja pra Curitiba: é lá que está o bandido que, além de comandar a maior roubalheira de dinheiro público, deixou, junto com a sua comparsa, o País nesta situação.
      Pede p/ ele pagar sua passagem pro Japão; afinal, só de propina da Odebrecht ele recebeu 29 milhões!

  3. Olá Inundado, você num tem chance já que o homi tá de casamento apalavrado, mas como não aguentas porque não se atira logo aos braços dele? Dois dias de sem mencionar o nome de Lulinha Paz e Amor é para você como atravessar um deserto sem camelo bem atijolado. Não se avexe, todo mundo já manjou seu queda pelo CAMPEÃO de votos em Pindorama.

    1. O Rei das Propinas é tão “campeão de votos” que até o próprio PT e seu poste (a múmia comunista do Haddad) tiveram que deletar a imagem dele e trocar o vermelho comunista pelo verde amarelo nas eleições de 2018.
      Isto porque perceberam o óbvio: que o campeão da roubalheira TIRAVA MAIS VOTOS (POR CAUSA DOS ALTOS ÍNDICES DE REJEIÇÃO) DO QUE ACRESCENTAVA.

  4. Olá Inundado, do Proer há um calote de 28 bilhões (FHC foi generoso com os barões da iniciativa privada) . Oito vezes a quantia propalada de recuperação da Lava Jato. Mas isso é um detalhe irrelevante.

  5. ô blogueiro. Já tá ficando chateado por causa do Lulinha Livre? Relaxe, porque doi menos… A propósito, vc sabia que o Lulinha foi o preso político que mais recebeu visitas de personalidades nacionais e INTERNACIONAIS? Mude o disco blogueiro, porque, repito, vc pode adoecer e aí não vamos ter mais este espaço prá divertir.

  6. Se as grandes construtoras deixaram(?) de ser o alicerce (que ironia, vejam só!) do planalto e de políticos das vizinhanças, rezemos para que outras grandes empresas não ocupem esse lugar.

  7. Ilusionistas covardes!
    A ilusão não tira ninguém de onde está.
    Ilusão é combustível de perdedores. Quem quer fazer alguma coisa, encontra o caminho do meio.
    Quem não quer fazer nada, encontra uma desculpa: GOLPE de covardia!
    Sinceramente, tem coisas que a gente não perde, se livra!
    Temos o direito de fazer que as coisas aconteçam. Nada é mais exaustivo do que a eterna pendência de uma tarefa incompleta.
    Desejo-lhes: ___ Prisão perpétua!

  8. O Temer acha que tudo deve ser negociado tudo na maciota e sem extremismos. Assim nasceu o quadrilhão que limpou os cofres da Nação sob as barbas e complacência do Esseteéfezão.
    O Bolsonaro acha que o Brasil só melhora se o Moro colocar uma viatura da Rota em cada esquina. Assim diminuiu a roubalheira e os conchavos dos atuais opositores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.