O Pacto entre os Poderes, anunciado pelos respectivos presidentes, é autoproteção

Por favor, leitor amigo, se encontrar um mísera vírgula fora do lugar, me avise. E não estou falando do sinal gráfico, não

O presidente da Câmara dos Deputados Rodrigo Maia, ao lado do presidenteda República Jair Bolsonaro, do presidente do Senado Davi Alcolumbre e do presidente do STF DIas Toffoli, após reunião sobre o pacto entre três Poderes (Veja On Line/Marcos Corrêa/PR)

Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados, também conhecido como “Botafogo” nas planilhas de propina do Grupo Odebrecht, foi apontado formalmente pela Polícia Federal, em inquérito com quase 200 páginas, como criminoso por ter praticado corrupção, lavagem de dinheiro e caixa 2 e 3 de campanha.

Dias atrás, na calada da noite, em sessão urgente, com votação simbólica e francamente manipulada, Maia fez aprovar a tal Lei de Abuso de Autoridade, que constrange policiais, delegados, juízes, promotores etc. Maia é também o responsável pelo não-andamento do “pacote” anticrime de Sergio Moro no Congresso.

Davi Alcolumbre, presidente do Senado, responde a dois inquéritos no Supremo Tribunal Federal, por crimes eleitorais. Em tempo: Alcolumbre, até hoje, não resolveu aquela treta do voto a mais, no dia da sua eleição. Para piorar, tem sido visto com cada vez mais frequência ao lado de ninguém menos que Renan Calheiros. Será por isso que não aprova a abertura da CPI da Lava Toga ou dos processos de impeachment contra Gilmar Mendes e Dias Toffoli?

O senador Flávio Bolsonaro, ex-patrão do tal Queiroz, quando deputado estadual estava sendo investigado pela Polícia Federal carioca. Contra si, pesavam movimentações atípicas em conta corrente; compra de imóveis com dinheiro vivo; e suspeita de “rachadinha” com seus assessores parlamentares. Neste momento, faltam apenas duas assinaturas para novo pedido de CPI (Lava Toga) no Senado, e Flávio não assinou!!

Dias Toffoli, presidente do STF, bem como seu colega de toga Gilmar Mendes, descobriram que suas esposas estavam na mira da Receita Federal, conjuntamente com milhares de outros contribuintes. Eis que Flávio Bolsonaro pede e Dias Toffoli concede a suspensão das investigações em seu desfavor. Aproveita e suspende também em relação a todos os demais suspeitos, a partir de dados compartilhados entre o Coaf e a Receita Federal, inclusive… sua esposa! E a de Gilmar, é claro.

Lá do Palácio do Planalto, Jair Bolsonaro elogia publicamente a decisão de Toffoli. Mete o dedaço na Polícia Federal do Rio de Janeiro (o chefe da PF no Rio acaba de ser “transferido para uma missão no exterior, sem prazo para retorno“), no comando do Coaf e na direção da Receita Federal. Simultaneamente, abre fogo contra o Ministro Sergio Moro, em declarações humilhantes e piadinhas vexatórias, ao vivo, em sua “live” de todas as quintas-feiras. E nunca é demais lembrar: não moveu uma só palha para reter o Coaf no Ministério da Justiça e não moveu uma só palha em favor do projeto anti-crime, com a desculpa de que a Reforma da Previdência era mais importante.

O STF vem atuando como um verdadeiro tirano autocrata, impondo à sociedade decisões atípicas, criando inquéritos sigilosos e ilegais, legislando a esmo, inventando leis e revendo jurisprudências recém-criadas. Seus ministros investem contra cidadãos, como fez Ricardo Lewandowski, contra a imprensa, como fez Alexandre de Moraes e contra instituições, como vem fazendo Gilmar Mendes, adjetivando a Lava Jato como organização criminosa e chamando os procuradores de canalhas, cretinos e afins.

Os outros dois Poderes assistem a este banho de sangue ou calados ou aplaudindo. Como calados estão os demais ministros da Suprema Corte e praticamente todo o arcabouço jurídico do País, com raríssimas e honrosas exceções.

Não restam mais quaisquer dúvidas de que o tal “Pacto entre Poderes”, anunciado por Dias Toffoli, Davi Alcolumbre, Rodrigo Maia e Jair Bolsonaro, nada mais é que um pacto de proteção mútua: eu te protejo, você me protege, todos nos protegemos. O papo furado de agenda positiva, reformas etc, era só conversinha fiada para boi dormir. E houve quem acreditasse e festejasse o bom senso e boa vontade daquela turma.

A recente decisão do STF de anular a condenação do ex-presidente do Banco do Brasil e da Petrobras, não duvidem, meus caros, é a porta de saída da cadeia para Lula e boa parte dos cleptocratas petistas e associados. Ao mesmo tempo em que o não-veto presidencial à Lei de Abuso de Autoridade é a pá-de-cal na Lava Jato. Faltará apenas a indicação de um “parça” à PGR, e assim o ciclo do abafa final se fechará para sempre.

Você pode gostar de Jair Bolsonaro. Você pode torcer para que seu governo dê certo. Você pode jurar fidelidade eterna por acreditar que sem ele o Brasil não se livrará da esquerda. Você pode tudo o quiser, claro. Mas você não pode dizer que é 100% a favor da Operação Lava jato e 100% a favor do combate, sem tréguas e irrestrito, doa a quem doer, custe o que custar, à corrupção e ao crime organizado no País. Simplesmente porque uma coisa não combina mais com a outra. 

O Brasil é claramente refém das suas mais altas autoridades e seus segredos de polichinelo. O presidente inclusive. Sergio Moro que o diga, não é mesmo?

Leia mais.

41 comentários em “O Pacto entre os Poderes, anunciado pelos respectivos presidentes, é autoproteção

    1. Petersss. Você é um bunda mole, ou, se achar mais elegante, um nádegas flácidas. O atraso de nosso país, em grande parte, devemos a pessoas iguais a você. Posso imaginar o tamanho do remorso do ventre que te pariu.

        1. Mesmo se fosse um chimpanzé ainda seria mil vezes melhor do que as ratazanas de Lula , Dilma e cia!
          E, vc, petissssteba, nem perdão por ter ajudado a eleger os 2 piores e mais corruPTos governos de nossa história seria aceito.
          Tamanho desastre que, se tivesse no Brasil, a pena de morte seria uma justa punição para tamanha irresponsabilidade.

    1. Olá Elcio, é estranho, más há paciente que não aceita a penicilina nem os recursos dos exames de imagens, tal e qual àqueles que recusam direitos. É muita viagem.

  1. Quanto rabo preso ! O honesto de verdade grita sua inocência até a morte. Não é o que estamos vendo. Que decepção ! A porteira para a corrupção está aberta.
    Ricardo, concordo com você cem por cento. Não existe o meio honesto, ou o só um pouquinho corrupto. Não existe o pequeno ou grande delito. A honestidade em todas as suas formas deve ser uma condição intrínseca do ser, vinte e quatro horas por dia. Será que estou sendo muito rígida ? Ser honesto é um dever e dá muito prazer !

    1. Soninha, vc não está sendo muito rígida e é exatamente após seu comentário cabe o meu ‘ditado’:
      Do pequeno ao grandão, brasileiro é ladrão!
      Sendo extremamente detalhista vejo até que preços tipo R$X, 99 é desonestidade.
      Ser honesto vai além de um dever, deve(tem de) ser uma ‘normalidade’ e não um comportamento surpreendente ao ponto de receber elogios.
      Tá difícil, não está?

  2. Quanto rabo preso ! O honesto de verdade grita sua inocência até a morte. Não é o que estamos vendo. Que decepção ! A porteira para a corrupção está aberta.
    Ricardo, concordo com você cem por cento. Não existe o meio honesto, ou o só um pouquinho corrupto. Não existe o pequeno ou grande delito. A honestidade em todas as suas formas deve ser uma condição intrínseca do ser, vinte e quatro horas por dia. Será que estou sendo muito rígida ? Ser honesto é um dever e dá muito prazer !
    Honestidade é dar a ” Opinião sem medo “

    1. Soninha, a honeste é um valor importante e indispensável. Platitudes. Vivemos um tempo de entorpecimento, histeria e perda de referências, assim é que a mídia manipuladora pôs muita gente a gritar: ladrão, cadeia, linchamento, corrupção bla bla bla, Uma legião de lemingues.

  3. O documento que foi chamado ” Bolsonaro, câncer do Pulmão Verde”__Amazônia, o mst recebe verbas estrangeiras, e documentos foi assinado por ___boulos,glauber braga, paulo pimenta,talíria petrone,ivan valente,e quadrilha __pt,psol e pcdob… enviaram para micron francês.
    Vamos ajuntando: artigos 8,9,10 __Lei Segurança Nacional 7170/83, para os quais não cabe IMUNIDADE PARLAMENTAR, de acordo com o Art. 32 da Emenda Constitucional 1/69.

    A hora é agora; Punição e Expurgo da vida pública destes primitivos roedores de salários e dinheiro público.

    Defender ,sim, o Brasil sempre! Antes morrer do que ceder a PÁTRIA aos traidores.
    ¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨
    A globo tem que ser processada. Apoio o apelo da ATRIZ REGINA DUARTE!
    Jornalistas aceitam dinheiro, suborno, pedindo ajuda, junto com estes, acima citado, para denegrir o PAÍS!

    AFASTA DO ESTADO! CANALHAS!

      1. O Queiroz tá na fila.
        Como é peixe pequeno, ladrãozinho de galinha, na frente dele tem um monte de corruptão da pesada: Mantega, Gleisi Hoffmann, Lindebergh, Lulinha Fenômeno, Luleco, Haddad, os outros 6 inquéritos do Lula Propina, Pimentel, Renan Canalha, Aécio, Cardoso, Arlindo Chinaglia, Vicentinho, José Menor, Maria do Rosário…

      2. Se pegarem o Queiroz, vc aceita que o Lula , Paulo Okamoto, Zé dirceu e 90 % do seu partido são ladrões?
        Vc é uma figura ridícula. Vem aqui e nos faz rir de seus comentários . Imagino sua raivinha aí, rasgando a saia quando o POVO escolheu outro governante.
        ahahahahahah!!!! ahahahahahah! CHOOOORA MARIA!

  4. Suspeito de não ser tão ilibado assim, o Partido da Toga adverte:
    Combater a criminalidade na gestão de verbas pública no Brasil faz mal para a profissão.

    Quem flagrou a prática dos delitos e liderou o engaiolamento e a recuperação de mais de 10 bilhões, que é uma pequena parte das verbas desviadas do Brasil e estancou, por ora, a continuidade da maior roubalheira política do mundo está sendo impiedosamente massacrado.

    Considerado pela parte produtiva e honesta brasileira como um herói contemporâneo após enfrentar a maior quadrilha de roubos de verbas públicas do mundo e ter seus julgamentos e condenações mantidas em instâncias superiores, Moro, MP e os juízes do TRF que confirmaram a sentença agora são desmoralizados e demonizados na mídia, perdem a moral para seguir no cargo e são acusados de serem eles os criminosos pelos bandidos e seus caríssimos advogados, bancados com verbas que não se sabe de onde vem (há quem diga que parte vem da Noruega).

    Tudo isso, com o amplo apoio dos juízes da nossa mais alta corte, cuja maioria foi nomeada a dedo pelos chefe dos próprios bandidos do quadrilhão, pode?

  5. Foto Comprometedora.
    Reparem na foto que o coitado do Bolsonaro parece estar sendo conduzido e escoltado como um elemento suspeito qualquer, sob olhares vigilantes do Alcolumbre e do Maia, tendo o Toffoli na cobertura.

  6. Infelizmente, concordo com vc Ricardo..o sistema é foda. Enfim, sendo brasileiro, torço para alguns serem presos e que se fodam os que se livrarem. Quero que a economia volte a girar. Certeza de que este governo será INFINITAMENTE melhor do que os passados! Assim, fico satisfeito pela esquerda moribunda ter saído do poder e na certeza de que vai melhorar um pouco.
    Abs

  7. No Brasil, nunca tivemos um político realmente interessado em tirar o país do buraco.
    Todos, eu disse todos, só tiveram um único objetivo na política: Enriquecimento próprio.
    Mesmo que apareça, duvido muito, esse herói político, ele terá grandes dificuldades para governar pois, o sistema o impedirá.
    E o povo? o povo? O povo fica brigando entre si procurando justificativas para tentar convencer seu oponente que o seu político de estimação roubou menos que o do outro.
    O povo não sabe votar.

    1. Calma Fred. Não é bem assim. Ou vc não anda analisando o comportamento dele, não bastem as revelações do Intercept. Não elogie tanto, prá não se decepcionar brevemente. Como disse o Glen, ainda está tudo no início. Vem chumbo grosso por aí, com certeza!

  8. Os poderes são (???) harmônicos e independentes… Parece piada de mau gosto…Masssss…. Não éhhhh….
    O poder legislativo elabora as leis e fiscaliza os atos do poder executivo…. O poder executivo executa o orçamento elaborado/votado pelo legislativo, administra o país (governo) e representa a nação (Estado)…… O poder judiciário fiscaliza/impõe a aplicação da lei… Tudo muito bonito…
    Ocorre que o jogo de interesses (escusos) é muito grande e contribui para o “embaralhamento” das atribuições/funções. Tudo em nome da defesa(?) dos interesses da sociedade.
    Não poderia nem deveria existir, a qualquer título, acordo entre partes que se fiscalizam mutuamente. Isso levará, indubitavelmente, a criação e manutenção de grandes conchavos.
    O poder judiciário, responsável pela punição de eventuais (???) irregularidades dos demais poderes, jamais poderia participar de qualquer acordo ou de dar opiniões sobre atos administrativos e de governo. Agindo dessa forma, que moral teria para julgar as falcatruas?

  9. TRANSCRIÇÃO de parte do texto de Eduardo Szklarz, publicado em 31/05/2016, em
    “Ao longo da década de 1920, Adolf Hitler era pouco mais do que um ex-militar bizarro de baixo escalão, que poucas pessoas levavam a sério. Ele era conhecido principalmente por seus discursos contra minorias, políticos de esquerda, pacifistas, feministas, gays, elites progressistas, imigrantes, a mídia e a Liga das Nações, precursora das Nações Unidas. “
    O QUE LEVOU HITLER AO PODER:
    “Os alemães tinham perdido a fé no sistema político da época. Um anti-político promoveria mudanças de verdade. Hitler sabia como usar a mídia para seus propósitos. Buscava-se um novo rosto. Hitler usava um linguajar simples, espalhava fake News. Hitler era politicamente incorreto de propósito, o que o tornava mais autêntico aos olhos dos eleitores. Defendia que toda propaganda deve ser apresentada em uma forma popular (…), não estar acima das cabeças dos menos intelectuais daqueles a quem é dirigida. Muitos alemães sentiram que seu país sofria com uma crise moral, e Hitler prometeu uma restauração. Pessoas religiosas, sobretudo, ficaram horrorizadas com a arte moderna e os costumes culturais progressistas que surgiram por volta de 1920, época em que as mulheres se tornavam cada vez mais independentes, e a comunidade LGBT em Berlim começava a ganhar visibilidade. Os conservadores sonhavam com restabelecer a antiga ordem. Apesar de Hitler fazer declarações ultrajantes – como a de que judeus e gays deveriam ser mortos -, muitos pensavam que ele só queria chocar as pessoas. Hitler ofereceu soluções simplistas que, à primeira vista, faziam sentido para todos. O problema do crime, argumentava, poderia ser resolvido aplicando a pena de morte com mais frequência e aumentando as sentenças de prisão. Problemas econômicos, segundo ele, eram causados por atores externos e conspiradores comunistas. Tudo foi embalado em slogans fáceis de lembrar: “Alemanha acima de tudo”, “Renascimento da Alemanha”, “Um povo, uma nação, um líder.”
    Será que existe alguma coincidência entre os fatos acima e a realidade que hoje vivenciamos?

  10. Continuação da TRANSCRIÇÃO de partes do texto de Eduardo Szklarz, publicado em 31/05/2016
    “As elites logo aderiram a Hitler porque ele prometeu — e implementou — um atraente regime clientelista, cleptocrata, que beneficiava grupos de interesses especiais. Os industriais ganharam contratos suculentos, que os fizeram ignorar as tendências fascistas de Hitler. Mesmo antes da eleição de 1932, falar contra Hitler tornou-se cada vez mais perigoso. Jovens agressivos, que apoiavam Hitler, ameaçavam os oponentes, limitando-se inicialmente ao abuso verbal, mas logo passando para a violência física.”
    Hitler era tão influente que, em 1938, foi capa da revista Time como personalidade do ano e, em 1939, havia quem defendesse a ideia de que “Hitler deveria ser agraciado com o Prêmio Nobel da Paz póstumo, por afirmarem que o nazista não tinha sido culpado pela Segunda Guerra Mundial e por alegarem que ele havia trabalhado pela paz em todos os sentidos.”

  11. A forma de ação da esquerda__p/t.orpe___ é tóxica, desumana e hedionda.
    A necessidade do enfraquecimento da coletividade, e da sociedade, é tão absurda, que começam com o enfraquecimento do cidadão.
    A desumanidade presente: para os socialistas, o indivíduo não tem a menor importância.Apelam para “sacrifícios em “prol” da coletividade ( grupos e sustentar a quadrilha deles).

    Só é útil o conhecimento que nos faz melhores.

    XÔ globo!

    FORA p/t.osco.

  12. Enquanto isso na república das bananas, tudo termina em pizza.
    Não, pizza não! Em futebol.
    E para as Vossas Excelências?
    Nada que um bom uísquinho amigo, ou um bom vinho importado, pago às nossas expensas, nos bastidores dos palacetes, não resolva.
    A atual velha politica do pão e circo. Pena que hoje não temos pão, nem tampouco futebol.
    Sem mais.

  13. Blogueiro, concordo com muita coisa do que você disse. Mas, parto de uma preliminar: MAGISTRADO não faz PACTO com ninguém! Ainda mais investido da MAIOR missão judicante do país, ou seja, de quem tem a ÚLTIMA PALAVRA, como julgador da instância máxima, de onde só cabe recurso prá Deus, uma vez que nem a ONU é respeitada…

  14. Amigo Ricahdo,

    Bem, como jü disse, se violar algo ou você não querer aceitar o comentürio…

    Mas, amigo, compartilho isso:

    ‪Amigos da direita,‬

    ‪Sou surdo-cego-cadeirante 24 h por dia.‬
    ‪Eu tenho ido com força atrás de doadores para realizar um sonho:‬
    ‪obter uns equips para ampliar minha vida de programador.‬
    ‪Doem, preço de um lanche com amigos:‬

    ‪Veja tbm:‬

  15. Ricardo,

    Entendo e agradeço seu ,pesar.
    Então, eu posso tentar, de modo mais ardiloso?

    É que não quero violar suas regras ou irritá-lo por violar algo.
    Vamos ver se filtra essas linhas abaixo:
    Bem, compartilhando em resumo, par ateste:

    Amigos d adireita,

    Sou surdo-cego-cadeirante 24 h por dia.
    Faço uma Vaquinha para obter uns equips para aprimorar minha
    vid ade programador.
    Doem, por favor, preço de um lanche com amigos:

    Tentar enganar o filtro que ignora endereços externos, d aseguinte forma:

    1. Endereço da Vaquinha escrito com um “x” na frente para enganar o filtro:

    Basta tirar o “x” e terá o endereço original.

    2. Agora, por extenso:
    Agá tê tê pê dois pontos barra barra vaka.me/670350

    3. Por fim, agora entre aspas:

    É isso, se não der agora, deixa para lá. Se der, se me permitir, o em
    outros posts seus.

    Obrigado, senhor Ricardo, pela oportunidade e paciência.

  16. E, por outro lado…, Moro — do governo — é o mais culto, equilibrado, jovial, moderno, inteligente, elegante. O PT? Reacionário, atrasado, brega, cafona, vigarista, picareta, de mau gosto, feio, burro e Kitsch.
    E o resto é papinho furado, — de ambos os lados — pra abafar o Sr. Moro.

  17. Ricardo Kertzman = esquerdista querendo dar de sabidão, mas tá claro que sua intenção é distorcer para falar mal do governo. Vc é uma piada!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.