O PT não gosta de trabalho. Quer que alguém pague pela preguiça dos seus políticos

Ei, você aí… Me dá um dinheiro aí… Me dá um dinheiro aí. Não vai dar… Não vai dar não… Você vai ver a grande confusão. Vou beber, beber até cair… Me dá, me dá, me dá… Oi, me dá um dinheiro aí (marchinha de carnaval, Moacyr Franco)

Imagem: Google/PT/Divulgação

O PT, em sua sanha falaciosa contra a reforma da previdência, publicou a seguinte mensagem no seu Twitter:

Você vai morrer de trabalhar ou trabalhar até morrer”

Eis a essência de um partido de esquerda: trabalhar duro é pecado! Bom é viver às custas do dinheiro dos outros, como fazem, seja através dos salários pagos pelos contribuintes; através de empregos públicos arranjados na base do compadrio; ou o mais comum, assaltando os cofres do Estado.

Para políticos de esquerda, o empreendedor (a quem chamam de empresários) é que tem de custear a boa vida de quem não quer saber de trabalho árduo e honesto. Ou por outra: alguém tem de trabalhar mais e melhor para sustentar quem quer se aposentar cedo.

O proprietário de um pequeno comércio, por exemplo, tem de arriscar o próprio dinheiro, trabalhar de sol a sol, gerar empregos, pagar impostos acachapantes, enfrentar a burocracia estatal e o arrocho das leis trabalhistas, e ainda sustentar malandro. Essa é a ótica dessa gente.

Se o empreendedor for um grande industrial, banqueiro ou comerciante, aí, sim, lascou de vez. Como é bem-sucedido e rico — muito rico — segundo o político de esquerda, tem a obrigação de dispor cada vez mais do seu lucro (legítimo!) em prol da classe dos chupins.

É por isso que estes pedinchões criam impostos sindicais, taxas obrigatórias, ONG’S, incentivos, fundo partidário, cotas sociais, bolsas diversas, pensões e tudo o que for possível para passar a mão grande vermelha no bolso de quem trabalha e produz.

Parasitas!

Leia mais.

32 comentários em “O PT não gosta de trabalho. Quer que alguém pague pela preguiça dos seus políticos

    1. hummmmmmmm… tô achando que você faz parte da turma dos chupins vagabundos, hein

      vá trabalhar, seu vagabundo preguiçoso!!

            1. Prezado analfabeto comedor de capim-limão,

              “Por que” não é a mesma coisa que “porque”, sacou? E esse símbolo (?) serve para perguntas. E mais: “a” não é “há”. Fim da aulinha de pré-primário! Agora vamos para a chibata no rabo:

              Respondendo à sua colocação, eu reclamo dos vagabundos petistas que não querem trabalhar porque sou eu — e você também, seu filhote de quadrúpede manco — que os sustento. No meu caso, quem paga as minhas contas é a minha muié (sou gigolô, ou como você diria, com esse seu português perfeito, gingolor), que é rica, hehe

  1. A DEPENDER DOs PT/Psol da vida , OS BRASILEIROS VÃO MORRER SEM TRABALHAR e MENDIGAR ATÉ MORRER.

    Inclusão social se faz, não com esmola, mas com TRABALHO!
    Mas para criar empregos são necessários investimentos produtivos (em criação e expansão de empreendimentos, com criação/ampliação direta de postos de trabalho). Os investimentos podem ser públicos e/ou privados. Ora, o Brasil não tem recursos nem para os gastos correntes, está quase quebrado: Lula e Dilma nos deixou um País com um déficit anual de 150 bilhões, além de uma dívida pública de quase 5 trilhões. Como investir se não há recursos nem mesmo p/ manter a máquina estatal funcionando? Então só podemos contar com investimentos privados (nacionais e/ou estrangeiros). Ora, quem vai investir num país quebrado, com uma dívida crescente, à beira de se tornar uma Grécia, uma Venezuela? Quem vai investir num país que tem uma dívida pública de 5 tri , que cresce velozmente c/ um déficit anual de 150 bi, com uma infraestrutura deficiente, c/um regime fiscal maluco e que penaliza o investimento produtivo e favorece o especulativo/financeiro? ?

  2. O blogger é uma pessoa de opiniões fortes, mas presta um bom serviço abrindo esse espaço para discussões que podem ser proveitosas. O PT cometeu erros e é passado. Notícia velha. Reprise de novela. Imagino que o blogger seja do mundo corporativo onde também trabalho. E, por incrível que pareça, indo contra todas as tendências e provas, no que se refere a Lula, os empresários adoram esse cara. Não me pergunte porquê. Mas vou arriscar alguns palpites. O Lula, a despeito de ter cometido ilegalidades ou não (cumpre ao judiciário dizer), e isso não é diferencial, já que Bolsonaro, segundo reportagem da Veja, também esteve envolvido em supostos ilegais na caserna, consegue de algum modo atrair a confiança dos investidores. Foi isso que ouvi na Associação Comercial de Minas, tanto quanto na de outros estados da Região Sudeste. O Bolsonaro segue uma linha oposta. Ele tem o discurso moralizador do militar radical e do evangélico radical. Há militares e evangélicos que não se importam com os LGBT. E há militares e evangélicos que não os suportam e, pior de tudo, temem essas pessoas como se portadoras de doença contagiosa. Qual a diferença entre esses dois grupos? Os não radicais, como eu e você, temos curso superior. Os demais, não. Mal sabem escrever corretamente. Por isso, são influenciáveis. Não têm cultura. Bolsonaro e Lula não têm curso superior. O primeiro deve ter o ensino médio e o segundo nem isso. O primeiro é contra o acesso às universidades, pois afirmou que curso superior não precisa ser para todos. O segundo, semianalfabeto, valoriza o acesso amplo à universidade. O primeiro, afirmando-se seguidor de Jesus, condena os homossexuais e nem sabe dizer se homossexualidade é hormonal ou genético. Talvez, não saiba a diferença entre os dois conceitos. O segundo, considerado comunista e, por consequência, ateu, não rejeita os homossexuais. O primeiro vê o mundo à sua imagem e semelhança: não tenho curso superior, ninguêm precisa ter. Sou militar, logo o que falta ao Brasil é disciplina e hieraquia militar (por isso vou implantar escolas cívico-militares). O segundo, ao contrário, parece querer que as pessoas tenham o que ele não teve. O porteiro do seu prédio deve ter levado a família à Disney ou ao exterior, no governo do segundo. Não terá uma segunda oportunidade no governo do primeiro. Perguntemos aos crentes: se Jesus estivesse vivo hoje e caminhando pelas ruas de São Paulo e Rio iria fazer cara feia ou proferir discursos contra os LGBT? Iria promover o anticomunismo? Iria se posicionar favoravelmente à tortura de comunistas, ainda que fossem jovens, ingênuos e sonhadores? Iria abonar o que aconteceu com uma das mais belas atrizes que esse país já viu, que, na extrema ingenuidade de seus 20 anos de idade, foi estuprada (Bete Mendes), sendo esse o primeiro ato de seu interrogatório em um porão de uma cidade qualquer da América Latrina? Me parece que não. O Brasil está doente. A sociedade brasileira está doente. Por isso, não enxerga um palmo à frente do nariz. O tempo dos grandes estadistas passou. Hoje, qualquer um se torna presidente da república, do senado ou da câmara. Qualquer um se torna ministro do stf ou stj. Agora o critério para ser ministro do stf é ser evangélico? Essas funções não são mais ocupadas por estadistas ou nomes ilustres. Apenas pelos que querem ser ilustres. Apenas por políticos. E, parafraseando um dos maiores jornalistas que esse país já teve, “política é a arte de fazer o dinheiro entrar mais rápido nos bolsos”. Gostei muito de Belo Horizonte. Ou, de como a chamam as famílias que vieram do interior, caipiras, “bêlôrizonte”. Aqui aprendi que os belorizontinos genuínos pronunciam corretamente o nome da cidade “nasci em Belo Horizonte” e que “belôrizonte” é dito pelas famílias do interior, da roça. Gostei muito da Savassi. Mas, antes da reforma que acabou com sua magia. Hoje é uma praça qualquer, um centro comercial feio e sem lugar para estacionar. Toda vez que vou de carro para a Savassi acabo tendo que estacionar no Pátio Savassi. E, uma vez lá, fico por lá mesmo. Não sou mineiro, mas aqui vivi nos últimos 20 anos. Deixo também o país com minha família, pois já cumpri minha cota de sacrifício na América Latrina. Graças ao bom Deus, pude fazer uma reserva que me permite deixar definitivamente essa parte confusa do mundo. Com a aprovação da Deforma Previdenciária, as possibilidades de meus filhos crescerem aqui são zero. Tive filhos mais tarde, mas em condições de viver com eles em um país de melhor qualidade. Tudo isso disse também um ex-industrial com quem trabalhei. E ele disse, à maneira baiana: “Que vá! Que vá! Já vai tarde.”. Ele está certo. Já devia ter ido antes.

    1. Seguidores de Jesus e da bíblia sabem que homossexualidade não é hormonal nem genética, existe um posicionamento firme na bíblia que você desconhece, pergunte aos verdadeiros crentes conhecedores da palavra que eles lhe informarão com precisão o óbvio posicionamento do ateu não rejeitar homossexuais.
      Li seu comentário com atenção e reli algumas partes, ficou bem claro a 10 metros à frente do nariz que você até disfarça bem sua vermelhidão…parece meio rosa !

      1. É isso JLT. Também comecei lendo com bastante atenção para ver os argumentos, que pareciam a caminho. Mas a pessoa tenta de todas as formas mas não consegue esconder a idolatria. E perdi totalmente o interesse quando começou vieram pérolas como “O porteiro levou os filhos à disney e não vai levar mais” e “Lula quis dar aos outros o que ele não teve”. A fala educada, mansa, supostamente gentil servia apenas para disfarçar a falta de argumentos para a defesa da quadrilha. Então não pode existir um juiz evangélico e totalmente capaz de integrar o STF? Bom para o STR é advogado de partido reprovado em concurso para juiz, ou um advogado de grupo terrorista, ou mesmo um quase iletrado que consegue desmembrar um artigo da CF a seu bel prazer, para ajudar os amigos. Realmente, é uma cópia daquele idólatra de nome diferente (com C) mas com a fala mais “fácil”. Blargh!

    2. Augusto, adiro ao semi analfabeto que promove a educação e a cultura e repele o preconceito. É por essas e outras que Lulinha Paz e Amor inscreveu seu nome na história deste país.
      Muita gente do setor produtivo tem deixado Pindorama, vai sobrar só a XP, os rentistas e os esqueléticos.

  3. Hummm!!!!
    Essa turma do PT adora reclamar: quer direitos, quer regalias, só quer viver à sombra de quem trabalha… Imagina bem essa turma tentando trabalhar?! Não vai dar certo.

  4. Felizmente vou copiar e colar o que escrevi em outra matéria aqui no blog pois em se tratando do pt, não é preciso raciocinar muito pois petistas são óbvios e constantes no ‘empacamento’
    Lá vai:
    “Paula Toller, ex-Kid Abelha, processa os QI de abelha PT e Fernando Haddad
    ou
    Pra reconhecer os petistas na lista da reforma, basta procurar que votou ‘não’ que se encontra facilmente
    ou ainda
    Petista gosta mesmo é de falar mal de quem pode lhes dar empregos por dois motivos:
    1- os empresários geram empregos e eles detestam empresários.
    2- os empresários geram empregos e eles detestam trabalhar.

    (dois parágrafos copiei e colei pois achei ótimos e credito aos autores)

    O pt(partido trapalhista) precisa urgentemente de reforma mas certamente votarão ‘não’!

    Quem quiser ver onde comentei o mesmo, click no link
    https://blogs.uai.com.br/opiniaosemmedo/2019/07/11/verme/#comment-78694
    falei e digay e não talkey pois quem usa talco é bebê ou gay…ó, rimou!

  5. Cara… o que difere Esquerda da Direita; PT do PSDB, é apenas o espaço na mídia para seus defensores. Todos de má índole e de caráter vil e túrpido!
    E é assim que vocês são!
    Enquanto o País está em frangalhos, culpa da incompetência do petê e pelas artimanhas de todos os partidos de direita, nauseabundos como você tentam justificar seus papinhos mequetrefes com seus semelhantes de rodinha.
    Vocês e o petê são semelhantes em tudo!
    Opinião com medo de um homem irriquieto, temeroso em ver um pobre e preto a andar ao seu lado num avião ou cursar a faculdade onde seu filho estuda.

    1. BUZZZZZZZZZZZZZ! BUZZZZZZZZZZZZZZZ! COMUNISTA DETECTADO!
      O que tem a ver um negro pobre andar de avião com isso? kkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      venho aqui pra rir.. ainda bem q o que não falta neste blog de direita são imbecis de esquerda.
      obrigado palhaço!

  6. O seu ódio contra o PT é doentio. Porque você não odeia também toda a corja de políticos que mandam e desmandam no Brasil. É inacreditável como um jornal, um site permite que pessoas como você fiquem publicando textos.

  7. Esta é uma verdade, excelente publicação e vou além, as mordomias que irão perder com a reforma é o grande empecilho para que ela passe, bolsa família tinha que acabar bem como estes inúmeros sindicatos que vem só para roubar o trabalhador e saquear os cofres públicos, com este dinheiro com tanta infraestrutura a se fazer no país iria gerar empregos e novas empresas, mas pensa em um país corrupto, onde o brasileiro é o maior problema, isso mesmo o cidadão que aumenta o preço da gasolina em uma greve, que sobe o saco de batata a preços exorbitantes em vez de ajudar o próximo é o primeiro a se corromper se chegar a ser um vereador prefeito etc, como mudar isso? fazendo uma limpa no congresso, sabendo votar mas ainda tem muitos que votam por legenda infelizmente. O Brasil não tem mais jeito de virar um país de primeiro mundo, longe disso, mas é possível melhorar no momento em que saber separar bandido com cidadão de bem, pena de morte? é uma solução ou alguém em sã consciência acredita que aquele homem que matou uma família inteira em São Paulo, que estrupa e mata uma adolescente, que agride um senhor(a) de idade para roubar, será que algum deles tem salvação, em Brasília uma juíza sem qualquer cabimento soltou um pedófilo que já havia matado 8 crianças e tinha pena absurdamente grande, ele saiu e matou mais seis, um cara destes merece perdão? Que seja julgado na terra pelos homens e depois que vá acertas suas contas com Deus, simples assim

    1. Meia dúzia tá bom? Lá vai:
      Suíça, Dinamarca, Hungria, Áustria, Finlândia.
      Podemos acrescentar muitos outros na lista, basta saber pra onde os petistas viajam pois nunca vão pra cuba ou venezuela, vide Gia wyllys.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.