Se você idolatra políticos, seja Lula ou Bolsonaro, o problema é seu

Me desminta com as minhas palavras e eu aceito. Insista nas suas verdades e continuarei a te chamar de… babaca

Fantoche de político (Imagem: Google)

Se você é fanático por político, se Lula ou Bolsonaro, a responsabilidade é sua. Eu não sou. Nunca fui. Boa sorte e vire-se com sua péssima escolha.

Eu até admiro alguns (políticos). Poucos. Sou amigo pessoal de uns quatro ou cinco. Mas jamais confundi os papéis. Nem eles. Amizade é uma coisa, correligionarismo é outra.

Critico com gosto essa turma. Elogio também, quando merecem. Minha relação com eles é como a de patrão X funcionário. Cada um no seu papel.

Não me sinto devedor de político algum. Nunca pedi a ninguém para que se tornasse vereador, deputado, prefeito ou o escambau.

Tampouco advogo a favor. Ao contrário. Sou um apaixonado pelos fatos. Quando são favoráveis, bom para ele (político). Quando não, azar dele.

Tenho horror ao PT. Tenho horror ao chefe do bando. Tenho horror às esquerdas, no Brasil e em qualquer lugar do mundo.

Bolsonaro me é tão somente — e literalmente — um inocente útil. E essa sua utilidade passa em realizar um bom governo e impedir a volta da vermelhidão.

Paulo Guedes, Sergio Moro e General Augusto Heleno formam o tripé da minha esperança. O resto… Bem, o resto é o que estamos assistindo.

Torço com fervor para que este governo dê certo. Mas jamais poderão me dizer que me iludi ou que acreditei piamente no sucesso deste pessoal.

A internet não mente. Meus textos estão por aí. O blog está aí. Minhas escolhas não mudaram. Minhas opiniões também não.

Bolsokids, Damares, Hasselman, Queiroz, Bebbiano, Frota… Na boa! Presidente com camisa pirata do Palmeiras em pleno Planalto?

Se eu prefiro Lula? Se estou com saudades de Dilma? Claro que não. Eu preferia Meirelles, hehe. Anastasia. Até o Chuchu. Mas se foi o Bolso, que seja o Bolso.

Daí a babar seus ovos ou da sua prole, eu, hein. Tão me confundindo com petista? Tenho cara de comedor de capim gritando “Lula livre”?

Eu escrevo o que quero. Você lê porque quer. Se não gosta, tem duas opções: não ler mais ou ler e criticar. Aceito as duas de bom grado.

Porém, meu chapa, é o seguinte: não espere de mim ser o burro de carga que você é. Quer lamber o saco do Clã Bolsonaro, bom proveito!

Só lembre-se de que, no fundo, no fundo, você está repetindo aquilo que adorava criticar, ou seja, comportando-se como um fanático petista, só que por um outro…. Político.

Tô fora!

Leia mais.

32 thoughts to “Se você idolatra políticos, seja Lula ou Bolsonaro, o problema é seu”

  1. Quem sustenta o sabichão viajante que virou correspondente internacional dos esquerdistas para criticar diariamente o governo Bolsonaro, hein?
    Esse político com Sindrome de Vedete, que lembra a Candinha e foi embora, não faz falta nenhuma para o Brasil. Ele que se comporte como a Regina Duarte no governo Lula e arrume algo para fazer longe daqui porque esse negócio de toda hora falar de homem e lobisomen já encheu o saco.

  2. Se todos os eleitores fosse como vc (e eu peço licença para me incluir nessa), Ricardo, o Brasil já há muito seria um outro país.
    Somos uma grande república de bananas, em grande porque os políticos são, aqui, considerados por uma maioria da população como uma nobreza intocável e formada por seres quase divinos. O político é uma grande pai ou mãe de quem se espera que de vez em quando desça aqui na terra para nos dar roupa, comida e abrigo.
    Lula foi quem melhor soube encarnar esse papel: distribuiu migalhas para os pobres e caviar para os bancos, as empreiteiras
    “us “cumpanheru”, a família Lula etc. Como dinheiro não nasce em árvores (muito menos o dinheiro público), quebrou o País, deixando no colo do povo (principalmente os mais pobres) esse Everest de merda.

  3. É isso ai, o povo tem que aprender que políticos são funcionários públicos, independente do cargo, estão lá pra trabalhar em prol da siciedade. Se fizerem um bom trabalho, nãi fazem nada demais, são MUITO bem pagos pra isto. De estimação só minha vira lata, de pilítico quero distância.

    1. Eu, por exemplo, votei no Bolsonaro, e votaria de novo.
      Queria o quê? Que votasse na múmia comunista do Haddad?!? Nesse poste do político que comandou a maior roubalheira de dinheiro público já vista na história do mundo? O candidato do partido que cometeu o mais criminoso governo de nossa história, e afundou o País nessa profunda recessão, desemprego, insegurança.
      Queria que votasse no posto do presidiário???

      1. O seu burro, olha la na operação lavajato qual é o partido com maior numero de indiciados!! Isso se voce souber ler né. O PSL, assim como qualquer outro partido político no Brasil, é tão sujo quanto o PT. Só vocês que acham que existe esquerda e direita no Brasil. Quanta burrice. Abre o olho zé povinho, as bandeiras mudam as siglas mas a falta de educação e a pilantragem são as mesmas. A ordem é VAMOS AO PODER QUE O DINHEIRO ESTÁ LÁ!!
        Só não compreende isso quem não quer, ou é muito burro pra enxergar mesmo.

        1. Ô Anta, votei no Bolsonaro como uma opção de nos livrarmos do retrocesso cleptocrata do lulopetismo.
          Não tenho partido político ou adoração ´popr qualquer ser humano- muito menos por um político. Mas dizer que o PSL é tão sujo quanto o PT é , aí é demais! Só o MDB pode ser equiparado ao PT. Agora, a roubalheira e o desastre adimnistrativo, econômico, social e moral do gov PT não tem nada que chegue perto nem de longe no Mundo. Quanto ao gov Bolsonaro, é esperar que as reformas de elaboradas por Guedes e Moro possam reconstruir e reconduzir o País no rumo do séc 21, depois do desastre e retrocesso neo-populista do PT.

  4. Tô aqui morrendo de rir do blogueiro. Ele está desesperado, numa saia justa danada, só porque declarou voto no “bozo”, no “coiso”, “talkey”? E, AGORA, ainda vem fazer comparação, ainda que indireta, do MENTIROSO com Lulinha paz e amor. Certamente ele viu e ouviu os vídeos que estão bombando na internet, do “diálogo” do bozo com o laranjaço cúmplice de tudo! Coisa prá mostrar ao MUNDO o quanto o Brasil está enfiado no maior lamaçal da história! LULA LIVRE!

  5. Adendo: não sou “fantoche de político”, PORQUE NÃO DEPENDO DELES PARA NADA! Apenas digo o que penso e porque, AINDA, tenho esperança (embora pouca) de que este país ainda vai encontrar o seu caminho.

    1. Mais um devoto do presidiário que comandou a maior roubalheira da história!
      O típico idólatra que vem aqui se ajoelhar e rezar para seu “lulinhapazeamor”

      1. Ao contrário do que você imagina, ou ignora, Lulinha Paz e Amor é reconhecido INTERNACIONALMENTE. Não apenas eu. Até as pedras sabem que, não fosse o golpe iniciado em 2015, para atingir, dentre outras metas, o afastamento do Lulinha das eleições, ele estaria eleito e seria hoje o Presidente deste país, que, com certeza, não se encontraria no caos em que se encontra. Você duvida que ele seria eleito? Responde aí, porém com ARGUMENTOS. Não adianta não: LULA LIVRE.

        1. Tanto “seria eleito” que a campanha da múmia comunista do Haddad, em desespero, teve que retirar a imagem do presidiário e mudar o vermelho para amarelo/verde, PORQUE DESCOBRIRAM QUE A ASSOCIAÇÃO COM A IMAGEM DO CORRUPTO DO ESTAVA FAZENDO PERDER VOTOS!

        2. E mais: o “caos em que se encontra” foi provocado exatamente pelos dois mais nefastos e corruptos governos de nossa história: o do lulinha-paz-e-amor-pelas-propinas-das-empreiteiras e pela Dilma Pasadena.

    2. Concordo contigo. O país será uma benção quando todos esses aposentados por antecipação que fazem pesca ilegal apearem do poder. Enquanto isso, siga lamentando por 4 anos.

      1. Olha aqui mais um devoto do presidiário que comandou a maior roubalheira da história!
        O típico idólatra que vem aqui se ajoelhar e rezar para seu “lulinhapazeamor.

  6. Então vamos começar a exercitar. Um texto detonando com tudo, do mesmo jeito que você fazia quando o PT estava no poder com os seguintes assuntos:
    1) O caso do laranjal.
    2) Cadê o Queiróz?
    3) Cadê o Bebianno?
    4) Sérgio Moro (seu ídolo): caixa 2 não é crime de corrupção!
    O dia em que eu vir um texto com algum desses temas eu acreditarei que você pensa da forma como escreveu.

      1. Engraçado. Eu sempre leio e não me lembro de nada. Até porque você não vai escrever sobre esses assuntos. Mas se fosse com o PT, aí sim era um texto por dia!

  7. O Bolsonaro precisa se conscientizar de que saiu da observação hospitalar e agora ingressou na observação do povo.
    No momento atual, ele tem a faca, o queijo e a caneta bic na mão para tornar o país um grande exemplo de vida em sociedade justa e democrática.
    Entretanto, ele só alcançará o que prometeu, cercando-se de aliados sábios e com fichas limpas, em vez de políticos em que respondem por acusação de desvios ou em regime de ressocialização.
    Estranho é misturar direitos trabalhistas (FGTS) com previdenciários na reforma em andamento. Mais estranho ainda é aceitar orientação jurídica flagrantemente inconstitucional que desobedece os princípios elementares de equiparação no direito no trabalho, ao esbofetear os aposentados.
    Alguém que sabe do assunto e atua de modo independente precisa avisa-lo que não basta extinguir a justiça do trabalho, pois a Comum também irá ficar abarrotada de ações de aposentados lesados pleiteando a aplicação igualitária da lei. Um parecer isento de alguém do porte de Drausio Rangel ajudaria muito e ficar com conselheiro tributarista de políticos vai dar merda.

  8. Marcos,
    O “Lulinha Paz e Amor e Grana” está preso.
    Quando você fala de ministro A e B, blogueiro A e B, já está falando indiretamente de seu amado ex-presidente etual presidiário.

    Saiba analisar os textos com maior sensibilidade.
    Os erros de Bolsonaro ocorrem e ocorrerão.
    De todos os políticos, isso pode vir.
    Reclamar de uma coisa ou outra, não é nada demais.
    Damares e o azup e rosa? Ministro da educação e frase de Cazuza?
    Língua sem papas dos Bolsokids?
    Marcos, palavras idiotas é mais barato que saquear nossas estatais.
    Portanto, ainda que idiotice irrite, pelo menos economiza nossa carteira.
    É mais barato votar no Shrek do que no Robin Hood.
    Ouvir bobagens há desvantagem? Claro. Mas bobagem gratuita é mais
    preferível que “paz e amor” pagos com corrupção.

    Sobre alguns que criticaram Moro:
    ele disse que Caixa 2 não é CORRUPÇÃO. Em um país
    repletos de semi-analfabetos, não estranho alguns

    não terem entendido o que Moro disse.
    Ele disse que Caixa 2 não é CORRUPÇÃO, e não que Não é IRREGULARIDADE.
    Exemplo, estupro não é corrupção, mas eu afirmar isto,
    não significa que eu disse que tal prática deva ser legalizada.
    Apenas omiti essa atitude ilícita para algo fora do âmbito “corrupção”.
    Caixa 2 é absuso eleitoral, não corrupção passiva ou ativa.

  9. Eleitor de Bolsonaro não idolatra político, não precisa disso porque trabalha e é sustentado por si mesmo. Agora, como não gostam de trabalhar, os Luloparasitas tem o hábito de idolatrar político criminoso e alcoólatra.

  10. Nas culturas mais adiantadas,os políticos realizaram que não são vistos como seres do outro mundo,e agem como tal.Quem sabe um dia essa corja brasileira vai chegar no mesmo ponto.

  11. O sindicalista luladrão entrou para a política entendendo que seria a maneira mais fácil de se enriquecer e se f….
    O Presidente Bolsonaro, continuará sendo perseguido pela rede globo, folha de são paulo, etc…, mas pelo seu passado como homem público, acho que é praticamente impossível que irá passar o restante de sua vida como um presidiário.

  12. Deixa de ser ridículo, apoiar essa reforma é dizer adeus a aposentadoria e afundar ainda mais a população trabalhadora deste país. Esse jornal deveria rever e ter vergonha de dar algum espaço à você.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.