Eles roubam, fogem e nós pagamos a conta

Em mais um escandaloso caso de desprezo pela sociedade, um vereador foragido receberá salário, ainda que perca o mandato

Vereador e foragido da Justiça

Jamais ouvira falar de Wellington Magalhães. Um dia, recebo o vídeo de um rapaz o enfrentando na tribuna da Câmara de Vereadores de Belo Horizonte. De um lado, um cidadão comum brigando por algum direito. De outro, um truculento Presidente da Casa cortando o microfone daquele a quem deveria respeitar, e enviando seguranças para retirá-lo da sessão. Foi a única coisa boa que o atual foragido fez na vida!

Conheci Gabriel Azevedo por causa disso. Nos tornamos amigos e eu um admirador. Gabriel me explicou o motivo da briga. Nunca duvidei, mas poderia ter duvidado. Hoje o tempo me daria uma lição. Elegeu-se vereador (independente, filiado ao PHS) e faz um brilhante trabalho, reconhecido nacionalmente. É um garoto ímpar e raro exemplo do que presta na política nacional.

Aliás, um conselho a quem me lê: não queiram ser alvos da inimizade de Gabriel. O vi brigar com Wellington e aí está: um trabalhando e o outro se escondendo. O vi brigar com Narcio Rodrigues, ex-presidente do PSDB de Minas Gerais. Da última vez em que ouvi falar, o tucano era residente da Penitenciária Nelson Hungria. Gabriel também não é lá muito bem quisto por Aécio Neves. Saiu do PSDB, há anos, por conta do que via acontecer. Foi xingado de traidor, mentiroso e invejoso. Bem, ao que parece, mais uma vez tinha razão.

O tal Magalhães está foragido, como todos sabemos. É suspeito de fraudes de mais de R$ 30 milhões. Leia a matéria completa no Portal UAI. Mas vejam que “pérola”: o fujão não só não perderá o mandato (no máximo será suspenso), como também continuará recebendo salário até o fim, ainda que venha a ser substituído pelo suplente. Sim, meus caros, lhes bancaremos R$ 16 mil reais mensais até 31 de dezembro de 2020, chova ou faça sol (quadrado). E sabem por quê? Porque segundo a Lei Orgânica do Município e a Constituição Federal, somente após ser julgado e condenado em todas as instâncias é que dar-se-á por encerrado o mandato.

Pergunto: Alguém aí duvida que as leis são feitas pelos Magalhães, para proteger os Magalhães, com a conivência dos Magalhães?

Como mudar? Troquem os Magalhães por Gabriel, por Mateus Simões (vereador pelo NOVO) e por tantos outros que estão por aí, tão indignados quanto nós, querendo fazer da política um lugar melhor. Do Brasil… um lugar melhor. A bola é nossa! Ou melhor, o voto.

Basta fazermos bom uso.

Leia também.

11 comentários em “Eles roubam, fogem e nós pagamos a conta

  1. Esse país é uma piada mesmo né!!!
    O cara preso recebendo o salario pra não trabalhar kkkk, nunca vi um país sem lei e tão fraco como esse nosso!

    Nos somos uns idiotas mesmo, ninguém reclama das coisas erradas e aceitamos tudo, o povo tem oque merece mesmo!

  2. Pagar mais de R$16.000,00, disponibilizar 02 veículos e bancar 22 assessores, para somente mudar nomes de rua? Nos envergonhar com leis sobre autorização de cerol?
    Bancar faixas de agradecimento em esquinas de pequenas obras ( dizendo serem responsáveis pelas mesmas)?
    Além de receber estas regalias acima citadas(lógico que são mais), alguns ainda trabalham em rádios, clubes de futebol, empresas privadas, etc…. Não trabalham nem meio expediente(a maioria) em seus gabinetes .

    No modelo de atuação atual(maioria dos vereadores), Vereador em BH, deveria ser cargo voluntário.

    Quais destes 41 vereadores cumprem seu papel, que é de pelo menos fiscalizar o executivo?

  3. Primeira coisa a ser feita assim que a intervenção militar vier(vamos torcer)…é Rasgar essa Constituiçãozinha eleborada por politicos corruptos em 1988. Uma nova seria concebida por JURISTAS acima de qualquer suspeita. Uma constituição clara, sem margem para dupla interpretação, sem foros privilegiados…UMA CONSTITUIÇÃO PARA O PAÍS e NÃO PARA POLÍTICOS.
    É um desaforo ouvir da boca desses politicos corruptos e seus advogados inescrupulosos que a Constituição em vigor ‘deve ser respeitada’…Logico, ela deu a esses caras super poderes!…Poder para roubar!
    Sim, estou sonhando, isso jamais acontecerá. Os militares estão mais preocupados com o capitulo da novela e Juristas acima de qualquer suspeita não existem.

  4. Gosto de entrar no seu blog,principalmente quando voce opina sobre o Luladrao o o PT(partido dos petralhas),mais quando é sobre a direita voce pega muito leve e sempre que vai falar do Aecio e sua turma…coloca a esquerda no meio…kkkk.

    1. RObert, obrigado pelo comentário. Mas fiquei curioso: quem é a direita que eu pego leve? Esse vereador, que seria o coordenador de campanha do Pimentel? O Aécio e o PSDB? Como bem você riu… kkkk

  5. Brincadeira! Será qie Petista ou Tucano fanáticos vão insinuar que ele é inocente até que seja julgado em todas as instâncias?? Como muito bem disse o autor, a lei foi feita por eles, para eles. Só isso. Que atire a primeira mortadela, digo, pedra, quem acha que devemos cumprir a risca o que a nossa constituição diz a respeito disso. Tem que mudar. O NOVO traz uma proposta muito interessante: para ser canditado, para começar, tem que passar por 4 etapas. E ali, o sujeito tem que demostrar o conhecimento de como funcionam as casas políticas. tem que ter curso superior. Então quer dizer que o pobre sem estudo nao pode se candidatar? Meu amigo, você colocaria um pobre sem estudo para dirigir sua empresa? Não! VAmos colocar alguém que tenha capacidade técnica para resolver o problema desta pessoa. O unico partido que nao aceita o dinheiro do fundo partidário. Isso é NOVO mesmo. Convido a todos para darem uma olhada. Não sou candidato nem conheço ninguém lá. Só entrei no site e gostei das propostas. Abs!

  6. Para mim, o cargo de vereador deveria ser NÃO REMUNERADO, ocupado por pessoas com destaque profissional na sociedade, sendo empresários ou profissionais liberais bem sucedidos em sua função, com grande capacidade moral e intelectual e com vocação para a participação na vida pública, seja como planejador ou fiscalizador. Sendo-lhe vetada qualquer participação em decisões que envolvesse questões financeiras.
    Não concordo com o modelo vigente e por isso nunca votei em vereadores. Também não voto em deputados estaduais por que para mim não servem para nada. Alguém ouve alguma boa notícia vinda da assembleia legislativa de Belo Horizonte? O Pimentel surfou tranquilo por este seu primeiro mandato sem ser minimamente incomodado pelos deputados mineiros, apesar das pesadas denúncias contra ele. Para que serve mesmo a assembleia de Minas? Alguém poderia me dizer? Qualquer que seja o ocupante no governo de Minas lá estarão os deputados mineiros para protege-lo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.