Parabéns, Estado de Minas! Um time de craques

O mais tradicional jornal do estado, conhecido como o “grande jornal dos mineiros”, marca um gol de placa e inicia uma nova era

Uma das mais brilhantes capas do jornal

Como sabem, não trabalho no Grupo Diários Associados, um dos três maiores grupos de comunicação do Brasil. Sou empresário e apenas tenho meu blog gentilmente hospedado e divulgado pelo Portal UAI, o maior de Minas Gerais. Ainda assim, seja pela amizade e carinho com amigos do grupo (ou mesmo por tamanha gratidão) me sinto um colaborador próximo do time.

Acabo de ser informado de uma excelente notícia. Um timaço de craques do jornalismo nacional está chegando. Timaço mesmo! Reinaldo Azevedo, Marco Antônio Villa, Raul Velloso, Demétrio Magnoli, dentre outros grandes nomes. A partir de agora, as opiniões e análises políticas do jornal estarão ainda melhores e diversificadas. Leiam aqui a matéria completa. Eu, que tenho meus textos esporadicamente publicados também na versão impressa, me sinto um verdadeiro privilegiado por participar disto tudo.

Pois é. O que mais “ouço” aqui no blog, como forma de ofensa dos raivosos de plantão, é: “jornal decadente, falido, provinciano, acaba até o fim do ano, folhetim do PSDB, do PT, jornal chapa-branca” e outras babaquices do gênero. Os tais haters, na falta do que fazer e dentro da limitação intelectual que lhes é peculiar, babam sem parar. Como respondo sempre: se está decadente e falido, na boa, não vejo a hora de me tornar um, hehe.

Parabéns, EM! Vida próspera e longa ao maior, melhor e mais tradicional jornal de Minas Gerais. O sempre grande jornal dos mineiros. Viva.

Leia também.

4 comentários em “Parabéns, Estado de Minas! Um time de craques

  1. “A partir de agora, as opiniões e análises políticas do jornal estarão ainda melhores e diversificadas. ”

    É para rir? “Diversificadas” como, se todos estão do mesmo lado do espectro político?

    Vamos aos nomes:

    Raul Velloso: foi membro da equipe econômica do governo FHC, aquele que fez o endividamento do país explodir.

    Reinaldo Azevedo: confidente de Aécio, saiu da Veja e da Jovem Pan depois de ser flagrado tricotando com Andréa Neves (que mandou e desmandou na imprensa mineira durante o governo do irmão).

    Marco Antônio Villa: pittbull contra Haddad, poodle contra Dória.

    Demétrio Magnolli: figurinha carimbada da Globo, tucano disfarçado de isentão.

    Tanto Magnolli quanto Velloso são membros do Instituto Millenium, fundado por ex-membros do governo FHC e intelectuais de direita. Já Azevedo e Villa nem se preocupam em esconder suas óbvias inclinações tucanas.

    Esse “time de articulistas” aí só vai fortalecer a percepção que as pessoas têm do Estado de Minas como um jornal de velhos reacionários. Se tirar as verbas oficiais de publicidade da Cemig, Gasmig e do governo estadual, o velho dinossauro dos Diários Associados desmonta, porque ninguém mais compra jornal impresso.

    1. inteligentíssimo como de costume! Todos são ligados ao PSDB e contra o PT, mas segundo esta sumidade intelectual o jornal só sobrevive graças às verbas do governo estadual (do PT). Haja capim!

      1. Poderia dizer qual ou quais das afirmações estão incorretas?

        1. Os nomes que você citou não são ligados ao PSDB e opositores do PT?

        2. O jornal não recebe verbas do governo estadual?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.