Catatau, Ciro, a professora e seus trogloditas

Sempre há aqueles que emporcalham o debate e saem do local, deixando que seus vassalos tontos limpem a sujeira que produziram

Rastro de sangue

Essa semana que passou foi divertida. Três posts bombaram, como diz a moçada. E os três foram extremamente críticos e duros com uma praga que tomou conta do Brasil, a partir do maldito lulopetismo: a truculência ideológica das esquerdas.

Um vereador de Belo Horizonte (Catatau da Itatiaia), no afã de agradar ao prefeito e aprovar um absurdo aumento de impostos, investiu virulentamente contra os empresários. Como ocorre em 110% destes casos, o autoritário disse agir em defesa do povo pobre e contra o grande capital, que explora e oprime o povo trabalhador. Não sei se a lorota é mais velha ou mais cretina, mas como sempre há plateia disposta a ouvir tais idiotices, os vagabundos intelectuais seguem com a discurseira tosca.

Depois foi a vez do eterno autossabotador eleitoral Ciro Gomes. Como de costume, na sina ininterrupta de ataques pessoais aos adversários políticos — sua única arma ao lado da verborragia fácil e sem conteúdo, o coronel mandou gosma machista para cima daquela “entidade espiritual política”, que a cada ciclo de quatro anos ressurge da floresta para rivalizar com o próprio cabra-macho de Sobral nos discursos enormes e amalucados. Em seguida, tacou-le o pau numa das comunistas que o multiprocessado, e já condenado à prisão, Lula candidamente nominou “grelo duro”.

Por fim, a grotesca violência por parte de uma professora do Colégio Santo Agostinho de Belo Horizonte (unidade Nova Lima) a um aluno que usava uma camiseta do Bolsonaro. A valente obrigou o garoto a vestir, digamos assim, algo mais apropriado aos seus olhos e crenças. Pior: rebateu de forma autoritária e ameaçadora, um desabafo público sincero e extremamente gentil do garoto (15 anos) em sua página do Facebook. Neste caso, especificamente, o que mais me chocou foi o teor de alguns comentários que recebi de adolescentes, reproduzindo os mesmos jargões e ofensas dos adultos: ” seu fascista, riquinho, escravocrata, vendido, burro, idiota, mentiroso, corrupto (vejam vocês!)”.

Um adulto esquerdopata aloprado é comum, todos sabemos. Eles aparelham e patrulham a internet à caça do que entendem por inimigo. Para essa espécie, de miolo mole e casco duro, quem quer que discorde do pensamento autoritário, retrógrado, assassino e parasitário dos seus comissários, é um inimigo a ser batido (não debatido) e destruído (não confrontado).

À soldo ou à alfafa, investem sempre de forma ad hominemou seja, contra o mensageiro e não contra a mensagem. Até porque, o que lhes falta em conteúdo — para contra-argumentar — lhes sobra em violência. Mas ler moleques mal-saídos das fraldas repetirem as mesmas coisas que os velhos boçais, causa um certo desgosto.

Em torno do Catatau, do Ciro e da professora, há um anel obscuro, intolerante, violento e autoritário, formado por bate-paus profissionais ou mesmo inocentes úteis, o que lhes garante não só alguma audiência, mas, sobretudo, a segurança necessária aos covardes, que batem, batem, batem e depois saem de fininho, deixando o trabalho sujo para os militontos fazerem.

Leiam aqui, sobre Catatau, Ciro e a professora.

25 comentários em “Catatau, Ciro, a professora e seus trogloditas

  1. Olá Inundado, José Alencar Gomes, foi, segundo Lulinha Paz e Amor, o melhor Vice Presidente do Planeta Terra. É por essa e outras que o governo do PT foi tão exitoso, porquanto, sendo um partido de viés socialista teve o tirocínio de chamar um grande empresário, do setor produtivo, para compor o governo. Então o resultado foi que naquele período foi o tempo de menores invasões no campo e na cidade que Pindorama experimentou.
    Não podia ser diferente, pois, Lula, não conseguiu ser eleito em 1.989, 1.994 e 1.998, porém não pregou o ódio e teve humildade até que o povo brasileiro o conduziu ao cargo e lá tantas realizações em prol da coletividade. Já o mininu que exigia ventilador ligado para empinar pipa dentro de casa quando perdeu a eleição passou a expelir a baba do ódio e assim foi até ser alvejado por um tiro de garrucha que o jogou por terra enquanto que Lulinha Paz e Amor ha anos sofre, sofre todos os dias, tiros de canhão, entretanto segue impávido rumo a consagração das urnas em 2018. Boa semana a todos. Sorte, Saúde e Cidadania.

      1. Olá Edilson, ele começou pequeno na cidade das palmeiras -, como dizia Carlos Drummond de Andrade -, Caratinga. Antes de ter seu próprio negócio chegou a dormir em corredor de pensões baratas lá pelas bandas da Zona da Mata nas viagens em visitas aos clientes. Quando se estabeleceu a loja se chamava “A Queimadeira”, depois, com o tempo e muito trabalho, seus negócios expandiram e ultrapassaram as fronteiras de Minas e se destacou pelo arrojo e visão. Um dos segmentos teve o nome de Coteminas. Ele também atuou na entidade de classe em âmbito estadual, tendo sido eleito Senador.
        É sem dúvidas um dos grandes empresários da área produtiva. Aqueles que compra, vende, gera emprego, recolhe tributos. faz riquezas e dá rotação ao mundo da economia.
        Ele inclusive deu mostra de grande alma, pois, resistiu bravamente à doença até o fim, e sempre proferia palavras de equilíbrio e esperança para o povo.
        Grato.

      2. Fio,você não conhecer a história de José de Alencar é no mínimo curioso,pois o mesmo,como disse Cidrac,foi grande empresário muito antes de se aventurar na política.A Coteminas é uma das maiorres indústrias têxteis do mundo! Vai estudar,meu fio!

  2. O “anel obscuro” descreve(defeca) perfeitamente cada um destes indivíduos:
    catatau, ciro, a ‘fessôra’, lula, petistas e claro, implicitamente lá bem no ‘fundo do olho’ do ‘anel obscuro’, o cidrac que é um cocô ainda em pleno desenvolvimento fecal.

  3. Até quando esses vermelhos, esquedopatas, mortadelas, lulopetitas, pobres, negros, gays, professores e subalternos em geral irão agredir a nós, cidadãos de bem, brancos e ricos? Estou cansada disso! A Internet deveria ser um local livre dessas pragas.

    Até quando teremos que suportar isso?

      1. Espero que o responsável pelo blog denuncie ao MP e ou PF pois racismo é crime
        Essa violência na internet tem que ser punida. A liberdade de expressão é algo diferente do comentário acima.

        1. Heleno,

          Me parece ser ironia, mas ainda que não fosse, não vejo onde está o racismo que me pede para denunciar.

          Se for sério, sem dúvida que de extremo mau gosto a forma colocada, mas repito: não vejo racismo nenhum.

          Abraço

          1. Quando ele aponta, dentre outros, negro, gay, separando-os de ‘nós, cidadãos de bem’
            Racismo consiste no preconceito e na discriminação com base em percepções sociais baseadas em diferenças biológicas entre os povos.
            O seu amigo Bady pode ser consultado e por certo há de caracterizar…
            De qualquer forma Ricardo, é um comentário alarmante; aqui venho pelos comentários que quase sempre divergem e apontam pensamentos diversos, o que é saudável
            Mas é bom cuidar do seu espaço para não assustar o seu leitor, quando o racismo é presente, a tolerância é zero
            Boa noite

            1. rarará… diferenças biologicas entre os povos… e eu que pensave que o ser humano era um só…. e que biologicamente somos identicos uns aos outros. Mas agora ficamos sabendo que cor da pele e olho puxado são diferencas biologicas… é cada uma que tem aqui nesse blog!!!!!

            2. O racismo está no senhor, sr heleno, veja que o comentário citou esquerdopatas, mortadelas, pobres e etc e vc levou só para o lado dos negros e gays, por que? A não ser que o senhor pense que mortadelas e petralhas podem ser chamados de más pessoas, mas os negros e gays não. Ou então o senhor é um desses que se aproveita para fazer populismo as custas de causas inventadas, Ou então é um deles e fica posando de vitismo aqui. Isso não cola mais não senhor. Tente um blogue de esquerda e lá vão te dar toda a razão.

              1. Para encurtar Solange, escrevi: Quando ele aponta, dentre outros. Ou seja, não quis ser repetitivo, apenas isso. Mas não é nem o gay, nem o negro, nem o esquerdopata, nem o mortadela, que apontam o racismo. O que aponta o racismo foi a frase seguinte: separando-os de nós, cidadãos de bem. Talvez não tenha lido meu comentário, mas o sentido do racismo está na frase seguinte. Não entendi porque a senhora entende que, ao me posicionar, tenho que ir em busca de site de esquerda.
                Vou onde é possível o diálogo respeitoso é construtivo. Aqui venho porque aprecio, nem sempre, as colocações do sr. Ricardo, que tem trazido pensamento diverso, porém quase sempre correto, e sempre sincero em sua expressão
                Boa noite

    1. Sem ironia observando o comentário do Murilo:
      Internet deveria ser fornecida em cotas para os vermelhos incompetentes poderem postar burrices, concorda Carolina?

  4. O que tem tomado conta do cenário é esse tipo de gente que usa as pessoas da maneira mais traiçoeira para alcançar seus objetivos.
    Essa é a herança podre de um governo que ficou 14 anos no poder praticando corrupção,venerando países comunistas,desarmando a população e criando leis para intensificar conflitos raciais e,principalmente,estimulando essa promiscuidade entre ativismo político e educação que esta correndo desenfreadamente em nossas escolas.No que diz respeito a esses professores,que não passam de “terroristas ideológicos”,deveriam ser demitidos sumariamente para o bem da saúde mental dos alunos.

  5. Imaginem o ‘jegão rural willys’ dando aula…(imaginando)…sei que DOI!

    …aí entra um aluno com camisa do ‘Bolso’…(as reticências estão simulando a passagem de tempo para recuperação da sanidade após imaginar a cena)…
    Pergunto:
    É desrespeito a quem apoia aquela ‘exposição’ de criança viada e tentativa de ‘gopi’ na escola?
    o que acontecerá?
    O aluno sairá salivado pela cusparada ou babado de tanto o ‘pofrescô’ abaianado vomitar bobagens?

    1. Hoje está bom. O JLT e a CAROLINA falaram tudo o que esses bestinhas tinham que saber.
      A internet realmente deveria ser dividida em duas áreas. A dos burros e nojentos onde ficariam a turma dos vermelhinhos e a dos competentes onde ficariam os alfabetizados e produtivos, daí Lula teria razão para se revoltar contra os brancos de olhos azuis. Seria como ele sempre desejou, o tal nós contra eles e eles teriam que aprender sozinhos, sem o nosso dinheiro, sem comprar diploma.
      Se a fome batesse quem sabe eu jogaria uma folha seca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.