“Empresário tem mais é de se ferrar”

Alô, Emanuel Carneiro, Presidente da Rádio Itatiaia: “seu radialista” e vereador Catatau acha que você tem mais é de se ferrar

Vereador quer que empresários “se ferrem”

Construir um país como o Brasil, meus caros, onde absolutamente nenhum serviço oferecido pelo Estado presta; onde vozes estatizantes ecoam altas e em bom som ainda hoje — vide Ciro Gomes, Marina Silva e o próprio ex-presidente Lula; onde a população que trabalha é tungada em 40% da riqueza que produz; onde mais de 150 empresas estatais servem como cabide de emprego ou fonte de dinheiro sujo para a casta dominante do mundo político-governamental, não é tarefa fácil, não.

A empreitada exigiu ao menos 120 anos (desde a proclamação da República) de trabalho hercúleo de demonização do capital, favorecimento político, patrimonialismo de Estado, guerra à livre iniciativa, aparelhamento da máquina, criação de empresas públicas, corporativismo, analfabetismo (clássico e funcional), pregação religiosa cristã, ideologia marxista e, sobretudo, um ódio descomunal àqueles que servem de lombo e cofre para a farra com dinheiro alheio, os empresários.

O paradoxo soa um tanto falso e sabemos bem disso. Os maiores demonizadores do empresariado, via de regra, são os que mais faturam (clandestinamente) as suas custas. Populistas de moral frouxa e mãos grandes são os primeiros a buscar o dinheiro fácil que — e quando — lhes convém. E o mundo político está infestado desta praga! Aproveitam a baixíssima capacidade de discernimento de grande parte do eleitorado, bem como a revolta natural de quem não possui quase nada, inclusive dignidade, já que também roubada pelo Estado, e investem na luta de classes que mantém o Brasil no mais absoluto atraso e subdesenvolvimento.

A Câmara dos Vereadores de Belo Horizonte foi hoje palco de um show de horrores. Mais um! Não bastasse estar há mais de uma semana sem votar, já que a pauta estava obstruída por um grupo de vereadores que barganhavam, ou melhor, chantageavam o prefeito Kalil, em seu retorno votou e aprovou — com o honroso voto contrário do Vereador Mateus Simões (NOVO) — a cobrança de ISS em uma série de atividades empresariais que até então não eram tributadas. Sem entrar no mérito, qualquer novo imposto deveria ser rechaçado por aqueles (os vereadores) que juraram representar a população, ou os valentes imaginam que as empresas não irão repassar o custo aos consumidores, ou seja, aos eleitores?

Pois bem. Eis que um vereador ganhou destaque. Um tal Catatau da Itatiaia (PSDC), aos berros, comemorou assim o resultado (32 x 1 pela aprovação do imposto): “empresário tem mais é de se ferrar”. Foi apoiado, de forma menos contundente, por alguns pares: Preto (DEM), partido que se julga Liberal; Juliano Lopes (PTC) e Reinaldo Gomes (PMDB). Imaginem vocês, leitores amigos, o conteúdo intelectual deste amigo do Zé Colmeia. Aliás, ele é comerciante, mas deve se considerar uma outra espécie de empresário. Como não paga ISS, imposto no caixa dos outros não dói. Gostaria de ouvir a opinião dele caso o governo do estado decidisse criar alíquotas de ICMS sobre produtos hortifrutigranjeiros. Será que repetiria o bordão?

Que saibam todos os eleitores-empresários de Belo Horizonte, a saber: padeiros, açougueiros, jornaleiros, mecânicos, lojistas e tantos outros pequenos e microempresários que, heroicamente (ao lado de outros empresários de médio e grande porte, que geram emprego e renda, além de trilhões anuais em impostos) lutam diariamente pelo sustento da família, que o vereador CATATAU DA ITATIAIA quer mais é que todos vocês se ferrem!

Assim, meus caros, lembrem-se dele nas próximas eleições. Expliquem para seus funcionários que há um vereador que deseja que vocês — seus patrões — se lasquem, e consequentemente pouco se importa caso percam os empregos. Eis aí o tipo de gente que, como disse mais acima, construiu este país que aí está: lindo, maravilhoso, desenvolvido, onde tudo funciona e vai bem. Um belo exemplo de vereador, não é verdade?

Ah, vereador, olha só: eu sou empresário e quero mais é que você se f…! E não sei se é se ferre, não, viu?

Leiam também.

54 comentários em ““Empresário tem mais é de se ferrar”

  1. E o cara é empresário, do ramo hortifruti…
    Passou da hora da sociedade fiscalizar a câmara de vereadores; essas casa viraram um show de horrores
    Ou fiscalizamos ou o país não evolui

        1. Quanto menos pedir nota fiscal, menos estado e menos força para estes cara.

          Combater a força do estado dando mais dinheiro pro estado é algo bem estranho.

          Nota fiscal é para otário que acha que o empresário investiria pior que o político, que é onde este dinheiro vai parar.

          Muito já melhorou no combate a parasitas como estes. Basta as pessoas entenderem que o protetor não é o protetor, é sim o bandido.

          Toda vez que clamar por estado, estará clamando por um político. Pensem então em nomeá-los ao clamar por mais uma solução estatal, e irá ver que preferirá se associar a alguém próximo (padeiro da esquina, açogueiro da avenida, etc) a experar algo em troca de um destes parasitas políticos.

          Exemplo: Tem mais é que pedir nota fiscal na padaria do lado de casa, que sou eu quem pago o imposto, para mandar mais dinheiro para o kalil ou Fernando Pimentel administrarem, e dar mais dinheiro ainda para os vereadores XX, YY, ZZ, assim como para o deputado estadual XX, YY, ZZ, além dos dinheiro indireto mandado para o Temer, Renam, Aécio, Jucá ou qualquer outro parasita (em muitos casos, bandidos mesmos) dos demais partidos.

          Quem paga o imposto da nota fiscal é o consumidor e não o vendedor. Ele só vai fazer a transferência.

          Quanto mais nota fiscal, mais o cidadão se dá mal.

    1. O analfabeto compra um horário numa radio, depois passa a usar o nome da emissora, para se candidatar e vence. Como se fosse dono ou empregado da rádio. Que pobreza desta radio. Nunca vi candidato usar fulano da cbn, ou jovem pan. A culpa é da direção da itatiaia, que permite aquele monte de inúteis usar o nome dela.

  2. Maldito povo que não sabe votar. E por supor que o Emanuel Carneiro seja um cara sério, acho que ele deveria tirar o microfone desses parasitas enquanto ocupantes de cargo político…

    1. Concordo com vc Danilo… Acho que o povo tem que pensar melhor e analisar as propostas, não simplesmente votar porque o candidato é do partido ITATIAIA!!!

  3. Quem o elegeu? empresários? trabalhadores? certamente pois acreditaram em lorotas!
    pois é gente, até pipoqueiro É empresário, lembrem-se disto!!!
    APRENDAM A VOTAR!
    Graças a Deus não voto em BH e onde estou eu anulo por falta de opção; elegeram uma ‘muié’ aqui para de-putada e ela só faz merda pois tem dinheiro e o marido dela é ex deputado ou ex ‘sei que lá o que da quantas’!
    Pobre ADORA puxar saco de rico, os elegem e eles os sacaneiam..ainda tem umas ‘muié’ aqui que conversando dizem: ‘minha fia, hoji cunvercei muitu cum a deputada, ela é muito boa, linda mermu e pedi ela ‘isso e aquilo’ e ela falô pra prucurá ela manhã de manhâ, por isso eu votei nela….temus qui apô-iá as muié e votá nelaz! (na verdade a de-putada só deu um ‘té loguinho’ pra ‘muié'(minha vizinha), eu vi.)
    Mentiroso atrai mentirosos, foi por isso que a de-putada foi eleita!
    Povinho burro!

  4. Acrescentando a lista do Danilo ……. KALIL , JOÃO LEITE , ZEZÉ PERRELA . Esqueci de muitos mais , mas pra mim já está bom . Me deu ânsia de vômito .

  5. É apenas, mais um episódio triste em uma casa legislativa, das muitas casas legislativas deste estado em situação deprimente, retrato de um país decadente, onde somente o interesse próprio é que importa. O último que sair, apague a luz. E assim caminha a humanidade.

  6. Tem de tudo no mundo. Até idiota pra falar isso. Esse cara não representa a Rádio Itatiaia. Tenho certeza disso. Lá tem gente boa. Inclusive votei numa pessoa de lá e não me arrependo. Mas esse idiota, não merece nem usar o nome da Itatiaia. Otario.

  7. Consultando na internet a declaração de patrimônio desse vereador, verifiquei que de 2012 a 2016 ele teve uma evolução patrimonial de -65%. Perdeu inclusive os 3 veículos que possuía em 2012. Será que com esse resultado pessoal negativo ele consegue contribuir de forma positiva para BH?

    1. o ganho patrimonial dele depois de eleito vai virar +65%, pois entrou na política exclusivamente para se locupletar de verbas de gabinete e pixulecos

      1. O país está dominado por bandidos por toda parte. O que fazer nesse caso? Em 2018 vamos completar 30 anos do fim do regime militar. Isso quer dizer, que estamos na mão de bandidos há 30 anos, só passou ladrão na política brasileira nesse período, nenhum salva. Observo que as pessoas que reclamavam do regime militar e lutaram para acabar com ele, são as mesmas pessoas que hoje são acusadas e presas por roubo e bandidagens sortidas. Ora, se estamos há 30 anos na mão de bandido e só afundamos, porque não tentar com os militares de novo, pior não vai ficar. Pelo menos, eles podem prender.

  8. Ainda cabe veto do executivo?

    O prefeito apegou-se ao cargo e função politica e agora só quer saber de fazer discursos para as minorias, como se os demais habitantes fossem inexistentes. Provavelmente deverá concorrer a algum cargo de âmbito federal e será eleito pelo “povo”!

    Quanto ao vereador em questão, é mais um vagabundo que ocupa as câmaras pelo Brasil afora.

    Infelizmente, é difícil combater esta praga, uma vez que usam a máquina pública para obterem ainda mais vantagens. Mas ainda vão pagar a conta!

  9. Burro é este cara, que ACHA que o aumento não o atingirá, apesar de não pagar em sua atividade fim, ele também contrata serviços como transporte, contabilidade, dentre outros sem falar nos serviços que ele contrata como qualquer pessoa.
    A injustiça dos impostos está exatamente neste efeito chamado cascata que pegará toda a população direta ou indiretamente.
    Ele só errou na composição da frase, deveria ser: Empresário e CIDADÃO tem mesmo é que ser ferrar.

  10. Ricardo, esse estamento político parasita e sanguessuga é a desgraça do Brasil.
    Que gente nefasta!
    Só pensa em seus interesses mesquinhos. Pudera, quem mandou votar num tal de Catatau da Itatiaia.

    1. olha o recalcado aí geeeeeeente; voltou??? seu patrão já lhe deu umas chibatadas no lombo hoje e você veio aqui choramingar? snif snif. tadinho do trabaidô reprimido!!!

      Ah! Passa vaselina que dói menos, hehehe

    2. Cidadão Ita. Sinto muito informar que, quem faz esse tipo de afirmação que você fez, é, quase sempre, um funcionário ruim, empregado ruim, preguiçoso, incompetente, irresponsável, antipático e demais adjetivos. Já trabalhei com gente assim e não é bom não. Tem forte queda em defender partidos esquerdistas, que dão apoio a esse tipo de profissional, se é que podemos chamar assim. Mas, concordo que o empresariado brasileiro é bastante questionável. Quando sairmos dessa situação difícil em que nos encontramos, será preciso rever muitos conceitos, pois, nesse meio, a lógica é bastante distorcida. Podem até ser lógicas circunstanciais, mas viraram vício e isso não pode. Se é para consertar, temos que consertar tudo.

  11. Os serviços sujeitos à tributação pelo ISSQN estão elencados na lista anexa à Lei Complementar Federal nº 116/2003, que recentemente foi alterada pela Lei Complementar nº 157/2016, com o acréscimo de novos serviços. Portanto, os vereadores não tem competência para “incluir novos serviços” à tributação desse tributo municipal, pois a Lei Complementar Federal só pode ser alterada por outra Lei Complementar, nunca por uma lei municipal. O que houve foi a simples adequação da lei municipal à nova redação da Lei Complementar Federal nº 116/2003. Então a discussão deve se ater ao aumento da alíquota de 3% para 5%, no que o vereador Mateus Simões emitiu voto contrário.

      1. Tô dentro. Melhor defender Aecim do Pó, do que o Pimentel da roubalheira absoluta e completíssima. O Anastasia está chegando ai de novo, é ano que vem.

      2. Uirçu Arviz,

        o ‘pó’ quando jogado pro alto abaixa sozinho quando não é “aspirado”
        mas as ‘aspirações’ petistas não são respiráveis.

        Vamos ver se vc entendeu…. se doer , reclame!

        Eu, que sou mineiro afirmo:
        Mineiro é ‘curto’ (1) e ‘grosso’ (2) !
        (1) não me refiro à cultura(não é curto de ‘curtura’) e sim ao comprimento
        (2) me refiro à bitola e não à educação ou comportamento

  12. Este Catatau é um imbecil , analfabeto que serve para fazer o papel de bobo da corte do programa do Eduardo costa que já gostei , mas anda tambem bem bobinho .
    isto que dá votar em analfabeto. vou apartir de hoje exigir notas fiscais dos sacolões onde compro.
    chega de imbecis na politica , é por isto que varias empresas de prestação de serviços então indo para outras cidades da região metropolitana.

  13. Caro Ricardo, gosto muito de suas considerações e leio todo dia. Mas hoje uma coisa me deixou muito incomodada. Porque você colocou “pregação religiosa cristã” no mesmo saco da ideologia marxista? Existem maus cristãos assim como maus budistas, assim como maus arquitetos, assim como maus professores. Os cristãos ganharam aí uma agressão gratuita, por causa da incoerência de alguns. A religião não tem nada a ver com isso. Grande abraço e muita força para continuar o trabalho!

    1. Clarice, a “pregação religiosa cristã” está relacionada exclusivamente com a questão capitalismo x socialismo, onde é sabido que a Igreja prega a linha socialista. Só isso!!! Em nada se refere — e nem poderia — ao caráter criminoso de boa parte dos representantes do Estado.

      Espero ter esclarecido. Grande abraço e muito obrigado pela participação e prestígio.

  14. O pior que algumas pessoas esquecem que aumentando os impostos o repasse e ônus são do cliente final. Se o empresário se ferrar, muitas famílias que dependem dos seus empregos se ferram tb.
    O povo burro sô!!!
    Facebook. MarceloAguiarDeSousa

  15. Esse Catatau é um sujeitinho de fala insuportável, voz e sotaque de caipira manhoso. Faz um bico no programa do Eduardo Costa. Quando ele abre a boca eu desligo o rádio.

  16. Pessoal, não desmerecendo quem não tem curso superior, mas o nível de parlamentares que não sabem nem ler um discurso que um profissional escreveu, fica difícil. Em 2020 teremos eleição para vereador … façam pesquisas a respeito do perfil de cada um. Se batem na tecla que a EDUCAÇÃO é o princípio de um país melhor, como podem aceitar que nossos representantes não tem nem um bom ensino médio. Começa a pesquisar a formação de cada um. começa pela presidente da casa e vai enfrente. Gente, acontece em todas as esferas( municipal, estadual e federal, presidente ,etc).
    Êta turminha difícil e ainda se acham o máximo sem fazerem nada. Entra ano e sai ano, termina o mandato e ali estão eles sem querer lagar osso e nem procuram estudar. É só bate boca e puxação de saco . Ai sim, o povo que se FERRA geral.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.