O impeachment ficou para trás; o atraso, não

Há um ano, o país livrava-se de um dos piores pesadelos da sua já atormentada história.

E não é que sobrevivemos?

Há um ano, o(a) pior presidente da república que o Brasil já teve foi defenestrado(a) do cargo. Dilma Rousseff, do Partido dos Trabalhadores, uma nulidade sem igual, foi impedida pelo Senado Federal e deu lugar ao seu vice, Michel Temer. Sim, terminamos um capítulo, é verdade, mas infelizmente não viramos a página. Seja porque as personagens são praticamente as mesmas, seja ainda pelo enredo, que pouco se alterou. A história, iniciada pelo lulopetismo em 2003 levará dezenas de anos para se encerrar. Se se encerrar, claro! Pois a chance de se tornar um seriado sem fim é enorme.

Michel Temer é o homem certo na hora errada. Diametralmente oposto à antecessora, no que tange à cultura, educação, preparo político e intelectual, o presidente aglutina também as piores características da estoquista de vento: fisiológico, partidário e sem escrúpulos, além de igualmente sem-vergonha (no sentido de pouco se importar com sua imagem perante a população). Contudo, Temer tem a dimensão exata dos grandes problemas do país e não se acovarda diante da impopularidade crescente que significa combatê-los. Além disso, no campo econômico ao menos, cercou-se do que há de melhor no Brasil e implantou uma agenda progressista que poderá nos livrar da estocada fatal do atraso.

Num país onde imperam impunidade, corrupção e ineficiência — tudo junto e misturado — acrescidos a um gigantismo estatal sem precedentes, o pragmatismo político tornou-se a única forma de sobrevivência possível. Se Michel Temer demonstra ser, no mínimo, tão conivente como foi sua antecessora com corrupção e atos libidinosos no governo, sua obstinada procura pelas reformas essenciais do Estado o transforma em agente fundamental para uma transição menos conturbada até 2018. Temer representa a garantia de um modelo econômico que poderá — como já é visto e percebido — encerrar o ciclo tenebroso legado pelos desastrosos governos petistas.

Se ainda persiste o chamado “Fla-Flu” no país, entre uma minoria ruidosa, que se apega cegamente a um grupo político que se tornou bando criminoso, e a gigantesca maioria da sociedade — a parcela que estuda, trabalha e produz — boa parte da culpa se deve aos aparelhos do próprio Estado brasileiro, carcomidos pela incapacidade e corrupção, mas dispostos a guerrear sem tréguas por sua subsistência. As corporações estatais (quaisquer elas), em franco compadrio com suas franjas espalhadas pelos chamados formadores de opinião, investem virulentamente contra qualquer proposta (seja boa ou não) advinda do governo. Tudo porque o ocupante não é um dos “companheiros” e ousa tentar minimizar os estragos que o “atual estado de coisas” produziu, produz e produzirá enquanto existir.

O livro, ou melhor, o volume (este volume) está chegando aos capítulos finais. Mais um pouco e encerramos o ano. Passados os dias inertes de férias, seguidas do carnaval, o país real começará a se mexer e a definir suas peças e posições políticas para as eleições de outubro. Até lá, muito pouco ou quase nada mudará. Mas a partir de março, senhores, viveremos tempos turbulentos nunca antes sequer imaginados. Sociedade e Estado (não no sentido de nação, mas de representatividade governamental e política) estarão ainda mais distantes e dissociados um do outro. E a depender dos protagonistas políticos de então, a ruptura só tenderá a aumentar, transformando o pleito presidencial em um prefácio do desastre que será o novo governo.

Nossa maior — e talvez única — chance de terminarmos razoavelmente bem esta “obra” de terror, de fecharmos este livro sombrio e exilá-lo numa prateleira empoeirada qualquer, é o surgimento de uma liderança política que, se não aglutine os opostos, ao menos diminua a distância e os tragam para o centro. Uma liderança que promova e estimule o entendimento, e não que pregue a continuidade da cisão. Se esta liderança tomar forma sob um candidato sem o nefasto viés messiânico, tanto melhor. O brasileiro precisa, de uma vez por todas, aprender que não existe “salvador da pátria” algum, e que somente um Estado mínimo e agentes públicos compromissados com o país — não com os próprios grupos — poderão trazer alguma melhora nesta interminável e péssima qualidade de vida que experimentamos há décadas.

Leia também.

84 thoughts to “O impeachment ficou para trás; o atraso, não”

  1. Passando por aqui só para lembrar, que a Dilma, foi inocentada pela PF sobre obstrução da Lava Jato, e inocentada no caso de Pasadena.

    Então, qual foi a grande vantagem em tirar a presidente eleita democraticamente?
    Tudo não passou de recalque do seu partido, do Aécio Never (eterno vice), misoginia etc etc.
    Eduardo Cunha travou o país com as pautas bomba, ele parou o país, mas a culpada era a Dilma.

    Tá ‘serto’.

  2. Provavelmente o melhor texto sobre o tema que eu já li. Parabéns. E como bem dito, página virada, porém não extinta. Os perigos do Lulopetismo persistem e temos de dar um fim definitivo a ele em 2018.

  3. Olá Distinto, a data do nefasto impeachment ficou para trás. Inegável, porém, é que seus efeitos são maléficos, duradouros e alongarão no tempo. Olhemos apenas um dos dentre tantos aspectos. Além dele constituir num soco na cara de milhões de eleitores que não tiveram seus votos respeitados, voto é a pedra de toque de qualquer democracia, pois, é um direito fundamental que caracteriza o Estado Democrático de Direito. Essa quebra de institucionalidade tem, portanto, um alcance destrutivo, notadamente num país como o Brasil que ainda não formou suas instituições.
    Neste sentido, observem que o pretexto mais batido para o afastamento de Dilma foram as chamadas pedaladas fiscais – coisa que nove entre cada dez brasileiro sabe o que é – e agora quando o Vampiro e seus serviçais nos governam eles não praticam pedaladas fiscais, praticam, literalmente o CICLISMO FISCAL, no entanto não ha paneleiros e outros paladinos da moral a gritar e a inflar pato amarelo. O nome disso é desfaçatez e oportunismo, aliás praticados desde ha séculos entre nós.

    1. Concordo, um absurdo cometido com a mais honesta alma vivente no planeta, depois do Lula. Como estes PilanTras desrespeitaram a constituição desta forma? Ignoraram o voto totalmente consciente e ciente do que faziam da população brasileira. Realmente um absurdo,Fernando Collor de Mello foi injustiçado!!!

      Ah, não é desse não!!!

      Falar em “estado democrático de direito” é o argumento utilizado por todos os ditadores, que embalam a população em discursos belos e fantasiosos enquanto surrupiam e dilapidam as base do país. Falar em desenvolvimento e ampliação de direitos é fácil, mas comprometer a nação com os seus deveres primários aí já é pedir demais e não atende aos ideais do partido.

      Existe um ditado dos tempos de minha avó ou bem mais antigo que, se observado com atenção, já nos mostraria o que nos esperava nestes últimos 13/14 anos, “diga-me com quem andas, que te direis quem és”. Só para lembrar seguem algumas das companhias adoradas por estas figuras bisonhas que estiveram no poder e dizem defender os menos favorecidos, os discriminados, os desassistidos: Hugo Chaves (o parceiro), Fidel e Raul Castro (os mestres), Mahmoud Ahmadinejad (o defensor da paz), Nicolas Maduro (sem definição), Evo Morales (o tomador de usinas).
      Não precisa desenhar, precisa?

    2. Vampiro, aliás, eleito democraticamente pela petralhada.
      A propósito, o melhor presidente já eleito pela ORCRIM.
      Se Lula não for preso e não morrer até às próximas eleições, provavelmente levará o Renan de vice. E aí, mais um “golpista” sendo preparado?

  4. Eu gostaria de sugerir os frequentadores do blog, a leitura de dois livros.

    A Revolta de Atlas – Autora: Ayn Rand – Publicado em: 1957
    1984 – Autor: George Orwell – Publicado em: 1949

    Aos que já tiveram a oportunidade de ler, comentem.
    Ricardo, sem picuinha, brigas e etc, caso tenha algum tempo e interesse, comece pelo 1984.

    Abraço.

    1. 1984: o Big Brother vigia todos os lugares; o Big Brother faz aparições constantes em grandes telas de TV e clama pela atenção de todos. A memória é apagada e o passado é constantemente reescrito; sempre se está em guerra, ora são uns os amigos, ora são os mesmos os inimigos, como se sempre houvessem sido. O vocabulário é diminuído e restringido o pensamento. Há a polícia do pensamento. E muito mais!

    2. Para seguir este blog, é melhor ser os livros: A volta dos que não foram, e dos coxinhas azedas e revoltadas online. Ou se preferir, o cheirador de pó, que aliás, falando nisso, o helicoca sumiu, desapareceu, cheirou tudo. Que prejuízo.
      Mas, acho melhor esperar um pouco para ler o livro, BRAZIL, isto mesmo, Brazil com Z, uma colonia, um pedacinho dos EUA. Isto que o nosso digníssimo preside(a)nte(a) esta fazendo. ate a amazonia ele esta doando.

    3. Também recomendo a leitura das obras primas de Dilma Brilhante Rousseff:

      ” Logística de Armazenagem de Ventos”
      ” A dinâmica da saudação à mandioca”
      ” Atrás de um cão sempre vai uma criança”

    4. Diego,
      Atlas era um titã na mitologia grega que não existiu…é ficção!
      Ayn Rand era roteirista e escritora filosófica de ficção…a obra dela é ficção!
      1984 é um livro onde as ideias centrais dão muito o que pensar mas não solucionam nada…é ficção!
      George Orwell era simpatizante da proposta anarquista e a obra que escrevia …é ficção!

      Aqui no Brasil nós temos pt, petista, lula e dilma.
      NÃO PRECISAMOS DE MAIS FICÇÃO, JÁ CHEGA!

      Ricardo, não leia estas merdas, é tudo ficção de anarquistas!

      1. Vai dar uma chupetinha no Ricardo também?
        Está até fazendo um filtro do que ele deve ou não ler.
        Você fez uma pesquisa sobre os autores mas não leu nenhum dos livros.
        Então, não tem como te respeitar.

  5. O lulapetismo foi o início de nosso fim e o temer imoral está sendo a ” continuidade ” de nosso fim.
    Não há como elogiar o temer em absolutamente nada, pois ele é imoral e corrupto e se cercou de igualmente imorais e corruptos ( jucá, moreira franco , eleiseu padilha, meireles..etc).Todo o seu ministério é de gente comprometida .
    Por dinheiro, este velhaco sem escrúpulos, permitia a penetração do joesley safadão no palácio do governo, de noitinha e pela garagem, sem constar da agenda oficial …com certeza não era para “tramar” a favor do povo brasileiro..esse sr. que paga por companhia e apoio no congresso não tem envergadura moral para ser presidente do Brasil..só está lá porque o pt o colocou como vice da retardada!!
    A esperança para o Brasil reside na certeza de que este velhaco não vai ficar como presidente por muito mais temo.. já teremos eleições em 2018!!
    Este imoral deveria ser investigado, julgado, condenado e enforcado!!..mas p/ isto teríamos que mudar nossas leis e as meretrizes do congresso não são capazes de de nada honesto!

  6. Ontem mesmo, no rodapé dos PIGs, por um ato falho, foi anunciado que, a partir de 2008, no nordeste 60% da energia elétrica era originária de USINAS SOLARES.
    Que governo fez ? – – – Vou ajudar 2008 até 2015 ! ! ! – – – – Vamos ver, talvez você seja capaz de responder ! ! !

    1. Não tenho a menor ideia do que seja isso ou mesmo do que quis dizer. Me desculpe.

      Entretanto, o nome Solares me lembrou Solaris, com I, o condomínio do Guarujá onde Lula mantém um tríplex em nome de laranjas

    2. Cara, vai se informar direito… A única usina SOLAR do país fica no Sul… As usina a que você se refere são EÓLICAS (procura no Google se você não sabe o que é). E a construção dessas usinas EÓLICAS no Nordeste é um sem fim de corrupção, editais entre “amigos” empresários, superfaturamento, etc.

  7. Não voto em ninguém mas o máximo foi o Aécio falar em matar o delator antes dele “delatar”. Quem estava torcendo para que ele fosse presidente caiu a cara como o Bonner. Essa torcida vai morrer segurando na do Aécio e criticando a Dilma que até agora está ilesa de provas. Aécio, Serra, o Psdb tiraram ela à força. Até aprovo que eles privatizem como sempre fizeram que acaba essa mamata de mamar nas tetas do povo. Que bom que o Temer está khndo na cara desses puxa sacos.

  8. Não só a página foi virada, como também o livro foi fechado e, aparentemente, foi jogado no lixo, graças a Deus. Vi hoje em vários sites, a afirmação de que o PT não sabe o que fazer com a Dilma. Ora, eu sei o que fazer com ela, tenho tantas ótimas ideias, pena que não posso escrever aqui, senão vou preso ainda hoje. Mas, o mais interessante, é a estratégia do PT de colocar toda a culpa dos roubos petistas nela, tentando esconder o grande vilão, marginal, vagabundo, chamado Lula. Os petistas fazem de conta que é assim que aconteceu, para tentar salvar o bandido nove dedos, mas não tem como tapar o sol com uma peneira. O PT já era, hoje é só um passado maldito, que assombra só os Cidracs da vida.

  9. Ora o Brasil terá sempre que ser governado por um político , mesmo que por oportunismo , o mesmo não se apresente como tal …Trump e Macron são políticos e representamcamadas da população seja conservadora (EUA) e liberal (França ) .
    Bom isto é para dizer que , para mim , Temer é o político certo na hora certa ou seja a hora que o país caminhava para o caos econômico total como na Venezuela .
    Corta despesas e programas inúteis(vide ciências sem fronteiras ) , privatiza o que for possível e temos , enfim , o Brasil saindo do buraco .
    No mais parabéns pelo blog e sempre acompanho seus textos .

    1. Valeu, Gui! Obrigado pelo prestígio, mas olha só: Macron é tão liberal quanto eu sou comunista, viu?

      Abrs

      p.s.: apenas para ficar no mais banal dos exemplos, um liberal jamais gastaria 9 mil euros da população em maquiagem pessoal.

  10. Já que os diegos e os cidracs da vida são tão ciosos em relação ás maravilhas da esquerda petista eu sugeriria que, já que George Orwell foi citado, a leitura também de: – A revolução dos bichos. Talvez eles possam se identificar com os cavalos e bem reconhecer os porcos se, a eles não faltar a inteligência necessária para tal discernimento.

  11. FHC pegou o Brasil com uma dívida pública de 34% do PIB. Doou metade do patrimônio público sob a alcunha de “privatização”. Duplicou a dívida externa. Quebrou o país três vezes, precisando recorrer ao FMI. Entregou o país a Lula sem reservas e devendo 76% do PIB. Já a dívida líquida, que leva em conta os créditos (e não só os débitos) do governo, ele recebeu em 29,5%, deixou em 60,4% do PIB.

    A imprensa diz que ele modernizou a economia.

    O PT pegou o Brasil com a dívida pública em 76% do PIB, recapitalizou a Petrobrás, transformando-a na segunda maior petrolífera do mundo, não privatizou nada, “pagou” a dívida externa (sim, transformando-a em interna), e entregou, no último ano do primeiro mandato de Dilma, a dívida pública em 63% do PIB.

    Já o resultado mais importante sobre o endividamento do país, a dívida líquida, diminuiu a 34,9% do PIB.

    A imprensa diz que a gastança do PT quebrou o país.

    O déficit público de 2014 que motivou o desastre Levy e os jornais falando de “quebra” do país foi de somente 17 bilhões. Diminuir 0,5% os juros teria resolvido. O déficit dos golpistas SÓ EM FEVEREIRO de 2017 foi de 26 bilhões.

    A imprensa diz que Temer está consertando a economia.

    Mesmo que você considere o último ano de mandato de Dilma, ainda assim o PT teria entregue a economia menos endividada do que recebeu do deus criado pela imprensa nacional, FHC. No final de 2015 a dívida estava em 73%.

    Além de que 2015 foi o ano de Cunha e Aécio vandalizando o país, em que o único ato de governo de Dilma foi nomear Levy para executar o programa que a oposição defendeu e a imprensa e a banca exigiam. E isto é FATO, não é especulação. Ela não governou e teve que enfrentar um congresso criando despesas e proibindo aumentar receitas, destruindo as expectativas da economia de um lado enquanto a Lava-jato, de outro, só neste ano, afundava sozinha 2,5% do PIB.

    Depois de um ano de governo temer fazendo tudo o que a mídia e a banca mandam, a dívida já passou, mesmo com a repatriação, os 76% de FHC (alcançados no final de 2016) e atingirá 81% este ano, no mínimo.

    Temer é o maior desastre da história do Brasil, exatamente porque sua escola econômica é fundada na Globo News.

    Ninguém pode negar que esse desastre, no nível em que foi, começou em 2015 com o receituário suicida de austeridade combinado com os maiores juros do mundo de Levy, as pautas bombas do Congresso e a destruição da indústria nacional causada pela Lava Jato.

    Só completos ignorantes podem achar que foi a “roubalheira” em obras que quebrou o país, com um governo que não investe nem 4% do PIB.

    Então blogueiro … você e seus partidários deste blog deveriam estudar mais um pouco. Estudar e não viver de achismos ou ‘eu gosto de um’ e ‘odeio o outro’. Num site de notícias onde tantas pessoas lêem o que você escreve, deveria ser mais responsável, mais didático, menos infantil, menos passional e parcial, e não torcer para um time político. Por falar em futebol, você é cruzeirense ou atleticano?

    1. DESMASCARANDO UM PETRALHA:

      Eu até poderia dizer — e provar! — que seus números são mentirosos;

      Até poderia te alertar, que Joaquim Levy foi nomeado ministro pela criminosa fiscal apeada da presidência;

      Poderia também mostrar como você é incoerente, capaz de escrever coisas como: “…esse desastre… começou em 2015… com a destruição da indústria nacional causada pela Lava Jato”, ao mesmo tempo em que diz “Só completos ignorantes podem achar que foi a “roubalheira” em obras que quebrou o país, com um governo que não investe nem 4% do PIB”.

      Ai, ai!!

      Mas sabe de uma coisa? Sem chance! Há uma frase impecável que diz: jamais discuta com idiotas; eles sempre terão razão. Bingo!

      A única coisa que merece resposta neste festival de besteiras que escreveu, ou melhor, reproduziu, no melhor estilo Control C / Control V (sem dar o devido crédito ao autor, aliás) é:

      Sou Galo!

      p.s.: reprodução de conteúdo alheio, sem autorização ou o devido crédito ao autor, é crime de apropriação intelectual. A página de onde você chupou as besteiras que colou (http://www.tijolaco.com.br/blog/dimensao-do-desastre-do-golpe-por-gustavo-castanon/) será devidamente avisada do fato. Mas o que é um roubinho à toa de textos para quem defende um bando criminoso, não é verdade?

      Beijo, querida!

      1. puta merda uashuashuashu!!!!!! o palhaco metido intequitual se fudeu bonitu na fita mano!!!!! e nois petista farsante de merda…. vcs ja eram seus vermes!!!! lixoooooooooo

      2. Caro Ricardo,
        É impressionante como o método desta gente é o mesmo. São ladrões de tudo, até de ideias idiotas.
        Parabéns por desmascarar mais um desta quadrilha petralha.
        Abraços,
        M.

      3. Opa! Opa! Opa … Espere aí … qual o problema moral ou ético de se colocar informações que são públicas, do conhecimento de todos, senão, escrito aos borbotões por muitos, aqui neste espaço? Diga, blogueiro, qual? É informação, é conhecimento que talvez possa iluminar a sua cegueira e dos asseclas que o seguem. Senão na totalidade, mas em sua maioria, tais informações procedem SIM! Óbvio que a sua insensatez ou má-intenção só poderão negá-las. Mas este parece ser seu papel aqui. O caso é que não dá para se calar diante dos absurdos que você escreve neste blog. Um blog que vai num jornal digital de grande circulação e enorme número de acessos deveria ser algo mais elucidativo, explicativo, ilustrador, luminoso. Uma pena que o seu blog vai na direção contrária … demoniza de maneira passional e impudica um lado político e afaga monstros bizarros a título de ‘progresso’. Os seus escritos então deixam de ser inofensivos e desinformam muito a população. Tornam-se extremamente maléficos e alienam a população quanto às causas do caos que vivemos no Brasil. O senhor já deve ter ouvido aquela frase de Joseph Goebbels – o ministro da propaganda de Adolf Hitler – que dizia: ‘ Repita uma mentira mil vezes que ela passa a ser uma verdade’. Este parece ser o seu ofício aqui: distorcer, adulterar, deformar. O processo da caoticidade brasileira deve-se então aos 12 anos de governo do PT … pára, pára … o senhor … você não está entendendo nada. Vamos abrir os livros de história. Os oficiais e os não-oficiais. Vamos ver lá o que historicamente as forças de direita fizeram com este pais através das décadas. Vamos ver o que a mentalidade da ‘gente de bem’ criou e vamos dar nomes aos seus autores. Eu tenho uma lista aqui enorme.

        O blogueiro poderia ter argumentado o teor do meu texto com idéias, digo poderia … mas cada um faz o que dá conta: preferiu desqualificar um argumento oponente de maneira pequena. Preferiu-me chamar-me de petralha quando não sou adepto de PT ou coisa do gênero. E ainda: de maneira baixa e irresponsável, coloca-se a espalhar o IP dos leitores no blog. Mediocridade é ao invéz de debater um ponto ou contra-ponto, ir pela via de desqualificar o oponente.

        É necessário dizer e repetir, que não sou partidário de idéias de esquerda ou petismos. Não sou refém de idéias. Sou livre para pensar. Mas negar que o caos que vivemos no Brasil agora vem de uma mentalidade secular de direita, de políticas de direita que sempre vieram a privilegiar pequenos grupos em detrimento da população e do desenvolvimento do país, é não entender nada, nada, nada, ou então, pura desonestidade intelectual.

        “Michel Temer é o homem certo na hora errada”. – Hahahahahahahaha!!! Isto atenta contra a inteligência de qualquer um!

        “Temer tem a dimensão exata dos grandes problemas do país e não se acovarda diante da impopularidade crescente que significa combatê-los”. – Tem gente hoje que defende a idéia de que o holocausto não aconteceu e que os alemães não tiveram culpa na segunda guerra. Havia um pastor evangélico dias atrás dizendo no youtube que a terra é plana e que a ciência mente. Bem … cada um acredita e escreve o que quer, né. Daí a ser merda pura, ou não, é outra coisa.

        Contudo, devo lhe dar um crédito. No final do texto, o senhor se entregou. Inteligência e atleticano, atleticano e senso de realidade nomes que não combinam.

        1. Seu caso é simples: falsidade ideológica, por postar comentários usando nomes e e-mail diversos (foi desmascarado por isso!) e apropriar-se de conteúdo particular, reproduzindo textos que não são seus — apesar de a idiotice ser a mesma — como se fosse, sem dar o devido crédito ao autor, que, aliás, foi devidamente informado e agradeceu o alerta.

          Por fim, senhor falsário e ladrão de textos, sobre Atlético e Cruzeiro, recomendo o Superesportes, aqui do UAI. Eu acho que lá eles são mais flexíveis com gente como você.

    2. Cada um acredita no quê quiser. Tem gente que acho que a gestão petista foi boa. Tudo bem. É direito de cada um continuar acreditando no quê não vê. É quase uma religião. Mas os fatos que temos conhecimento:
      Lula: comandou o mensalão, capitaneado pelos infames José Dirceu, Palocci e Genuíno (condenados à prisão). O comandante não foi condenado porque de cara disse que “não sabia de nada”.
      Petrobrás tinha o valor de mercado de USS400 bilhões. Hoje vale USS150 bilhões fora a credibilidade já perdeu.
      Refinaria de Pernambuco – cotada a U$$4 bilhões, já consumiu 20, não foi concluída. E nem um centavo de aporte por parte da Venezuela (que ainda se considerará dona, eu aposto).
      Inchaço do funcionalismo público em quase 1.000.000 de cargos, distribuídos entre filiados, sindicalistas, parentes e simpatizantes. Com isso, um dos filhos saiu de tratador de animais de zoológico, para sócio da Oi e dito sócio oculto da JBS.
      O BNDES ficou comprando cotas da JBS (onde já se viu isso).
      Quebra dos fundos de pensão da caixa, correio, banco do brasil, petrobrás.
      Envio de dinheiro para apoio à países com alinhamento político, seguindo definições estabelecidas no funesto Forúm de São Paulo.
      Transformação da dívida externa em dívida interna, à juros mais caros. Alguém saiu ganhando nessa.
      Dilma
      Total inaptidão para o cargo. Colocada pelo prestígio do maligno Asmodeu. Quebrou o país, o sistema elétrico foi destruído. Cercada de incompetentes, como o Corujão Pimentel, que financiou um porto em Cuba em contrato que não pode ser revelado por 30 anos (oculto porquê? segurança nacional?).
      Foi eleita por voto direto, assim como os representantes da Câmara Federal e Senado. Foi cassada dentro da lei, e seu vice (outro bandido) assumiu seu lugar. Nós não temos o dom de ver o futuro, mas se soubéssemos, essa camarilha não teria sido eleita.
      Cabe a nós corrigir o erro.
      Para consertar o país, são 2 décadas pelo menos.
      Privatizações
      O quê a Petrobrás traz de benefício concreto ao povo brasileiro? Temos uma das gasolinas mais caras do mundo, de qualidade péssima. Serve para atender aos desejos do governante de plantão, seja de qual partido for.
      A parte de exploração, a parte de refino e a parte de distribuição….tudo isso preciso ser do Estado? O mais importante: qual é o benefício concreto para a população?
      Banco do Brasil e CEF ==> servem hoje para hospedar pessoas. Compare o quadro de funcionários e os resultados desses bancos com outros bancos privados.
      É só verem os resultados do que foi privatizado. Houve aumento de captação de impostos (Embraer, Vale, CSN (dava um prejuízo de 1 milhão de dólares por dia), e outros).
      Essas empresas “nacionas”, defendidas à unhas e dentes, só atendem à interesses de gestores. Para o resto da população, são só mais despesas a serem pagas.

  12. Lula solução em 2018. Até parece. Estamos soluçando e chorando desde 2003 quando esse merda entrou dizendo que ia salvar o Brasil. Roubou o Brasil e alimentou todas as porcarias do PINDORAMA dos vermelhos. Está na hora de enforcar Lula e Dilma em praça pública, garanto que nunca mais vão desrespeitar o Brasil

  13. Meu caro Leonardo,

    concordo plenamente contigo, mas sinto te dizer meu caro, que aquele que escreve este blog não busca verdade. Ele simplesmente ataca o PT, o problema dele é o PT, a culpa do mundo ser redondo e ter 70% de água é do PT. Ele não escreve fatos, apenas ataques, com palavras do tipo esquerdopatas e outras. Ele não dá réplica em quem o rebate com fatos e verdades, ele só deseja atacar.

    ps. Ricardo Kertzman & Amigos antes que me pergunte por que estou lendo seu blog, é pra ler as pessoas te apresentando verdades e ver que você só rebate aqueles que infelizmente cometem erros no que escrevem, mas não aqueles que te deixam informações que você poderia usar para ser um pouco menos parcial no que escreve. D mentiras meu caro Ricardo Kertzman & Amigos eu to cheio de canais de TV para contar.

    1. Leonardo Feldman, Moisés, huuuuummmmmm…. IP (internet protocol): 220.188.xxx.xxx

      Sei não, viu?

      E tem “Jekyll and Hyde” querendo me dar lição de moral.

      Tá pra nascer!

      p.s.: me parece ser o segundo crime da noite! Agora o de falsidade ideológica. Já, já alcança o Nine Fingers, Nine Years

  14. De quem é a crase no título de chamada _ sua? “… O brasileiro precisa, de uma vez por todas, aprender… “(sic!). Se não é brasileiro, por que não dá palpite na sua lua? Caso o seja, é tremendo arrogante, sabichão… desses que preferem desentender uma sujestãozinha regra-de-três básica do Kennedy (no seu discurso de posse, 1963): “Não me pergunte o que os USA podem fazer por você; mas o que você pode fazer pelos …” estados brasileiros, vá lá.

    1. sobre a crase, é minha, sim. E o leitor Fabio já me alertou, mas não tenho como corrigir, já que está na capa do portal, não no meu blog. Sobre o resto… traduz aí, por favor!! Nun tindi nadica di nada

    1. Fábio, obrigado pelo toque! Só que não há como eu corrigir, já que a chamada está na capa do Portal, e não no blog. De qualquer forma foi um erro meu, já que fui eu quem enviou o arquivo com o erro. Amanhã vou alertá-los e pedir para retirar. Abrs

    2. Fabio, essa afetação com o texto é deveras sintomática. Me faz lembrar do Bruxo do Cosme Velho, no Memórias Póstumas de Brás Cubas nos fala de seu tio cônego o qual se ouriçava todo por um mínimo deslize no cerimonial, mas, passava sempre a mão pela cabeça quantos às infringências a um dos Dez Mandamentos. Haja hipocrisia e impertinência oca.

  15. Parei de ler em: “Michel Temer é o homem certo na hora errada.”. Putz, poucas vezes na vida tive tanta vontade de vomitar ao ler algo. P.S.: E sua paixão pelo Mineirinho, com vai? Já superou o trauma vivido ao ver, em rede nacional, o priminho dele correndo com a mala lotada de “doletas”? Abs.

    1. Duvido! Aposto que leu tudinho e ainda lambeu os beiços.

      Sobre Aécio… snif, snif!! Tô muito triste porque, como você sabe, ele é meu patrão, né? Daí parou de pagar, pô, já que tá sem grana agora. E também como você sabe, o DA, este insignificante 3o maior grupo de comunicação do país, é dele igualmente. Ou seja, estamos todos lascados. Aliás, essa nossa troca de mensagens é uma ilusão. Eu já larguei o blog e o Portal UAI já quebrou.

      Adeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuusssssssssss !!!!!!

    2. Correr com dinheiro escondido na mala, é uma coisa muito ridícula e criminosa mesmo, vergonha sem precedentes em nenhum outro lugar no mundo. Agora, esconder dinheiro na cueca, ainda não conseguiram nem criar um adjetivo para descrever isso, melhor até nem criar.

  16. Olá Feldman, é assim que se argumenta, pena, que os invejosos, tomados, por intenso ódio não querem refletir, pois, sabem apenas atirar pedras ou apanhá-las para alguém atirar. De toda sorte é bom saber que ainda tem gente lúcida nesse atoleiro chamado no qual o Brasil se enlameia.

  17. O país sobreviveu a uma direita entreguista da década de 70 e as trapalhadas intencionais da direita “diretas já”. Então, sobreviver a Dilma é fichinha.

  18. O país sobreviveu a uma direita entreguista da década de 70 e as trapalhadas intencionais da direita “diretas já”. Então, sobreviver a Dilma é fichinha.

  19. Precisamos respeitar as opiniões alheias e também sermos respeitados, mas sobre a reportagem que trata especificamente do campo econômico, sou totalmente contra, pois até aqui, nada de novo aconteceu, o desemprego está pior e a tendência é de se agravar através do trabalho sem nenhuma segurança para o empregado. Na verdade iremos ter “escravos” trabalhando do jeito e da maneira que o patrão decidir, recebendo pouco para isto. Basta ver como estão os empregos na Espanha hoje, estão precarizados e a qualidade de vida ladeira abaixo! Por isso o discurso de “todos sermos patrão”, responda a melhor saída para essa triste novela do futuro do País.
    Quanto a situação política, não dá nem pra comentar….

    1. só uma dica: a Espanha é um país socialista e com forte intervenção estatal no mercado de trabalho, viu? É melhor trocar seu exemplo — se achar um, claro!

    2. Aline, alguns dos paneleiros ainda tentam manter a pose tipo assim, vendendo o carro para botar gasolina, mas certamente não aguentarão, pois, como dissestes, a situação econômica vai piorar e muito, tudo pela óbvia razão: o golpe não foi dado em favor da coletividade, mas para favorecer a elitizinha rapinosa e extrativista que ha séculos suga e sangra Pindorama e seu povo. Essa elitizinha que por pouco dinheiro ou por poucos minutos de holofotes bota milicos, juizecos, mídia e blogueiros a seu subserviente serviço. É básico.

  20. Daqui a pouco este jornalista elitista vai sentir os efeitos do golpe também. Muitos coxinhas já o sentem, só não admitem. Imprensa cada vez mais sem credibilidade. A reforma trabalhista daqui a pouco põe alguém ganhando bem menos no lugar dele e escrevendo melhor com esse sectarismo doentio anti_ esquerda ou não.

  21. Boa ou ruim, foi eleita pelo povo( Maioria dos votos) Qualquer coisa fora disso é Golpe. Foi golpe dado por políticos ladões que continuam no pode e pela classe media que nos governos Lula subiram em uma gilete e se acharam em um pedestal e agora vão pagar a conta do Golpe.

  22. Pois é, depois de um ano sem ela, fomos brindados com essas novas pérolas, como presente de aniversário:

    “Bom, eu estou vendo com, com, é, muita preocupação. Eu acho que o golpe que… um belo dia eles deram o golpe… nós sabemos as razões. E a chamada, é, u, né, o reino da selvageria. A gente tá vendo tudo isso… esse golpe tem desdobramento. Eu acho que um dos desdobramentos desse golpe é u… u… o juiz que vai julgar, de absurdos. Esse processo ele, ele tem também uma pessoa. Eles erraram de pessoa. Tem um erro de pessoa. Porque eles foram mexer com uma pessoa porque não lhes dão, não lhes dá a justiça do Power Point, ele, ele… o inocente.”

    Ass: Dilma Brilhante Rousseff

  23. Um ano após a saída da Dilma a única coisa que mudou, na minha opinião, foi a classe média “revoltada” ter parado de bater panelas.

    Sorte das panelas!

  24. O autor do blog parece ser mais um daquele sem número de brasileiros que bateram panelas, foram pras ruas, colocaram camisas da CBF e exigiram o golpe, que gritavam Aécio…Aécio…Aécio, mas agora, que o o bicho novo não tem 7 cabeças mas sim 2/3 delas nas cadeiras governistas, não vão dar o braço a torcer nem diante de provas como, compra de votos com liberação de emendas, dinheiro pra lá, dinheiro pra cá, gravações e etc. Nada fará com que admitam que estão errados. Fui acusado por você meu caro de ser outra pessoa, de me passar por outra pessoa apenas por concordar com outro e não com você, não faço isso, apenas discordo da sua opinião e concordo com a de outro, de petista não tenho nada, apenas discordo daqueles que pregam o que você prega meu caro DESINFORMAÇÃO AO POVO, mas aparentemente você também é deste tipo de pessoa, se não concordam com você “todos à forca”, ou será que todos que concordam com você aqui são usuários criados por você?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.