Liquida, Brasil! 70% de desconto é pouco

Minhas preces começam a ser atendidas: governo inicia venda de estatais e Eletrobras é a primeira que já vai tarde

Ainda tá caro!

Dias atrás, escrevi um post pedindo a Henrique Meirelles e Michel Temer para aproveitarem o momento de “dor de corno” do brasileiro e venderem tudo que não presta dentre as estatais, ou seja, 99,99% das porcarias. Dito e feito! O governo está se livrando de alguns penduricalhos, mas faltam muitos outros. O Brasil possui cerca de 170 estatais. Até camisinha se fabrica no Estado. Claro que por um custo duzentas mil vezes mais alto, né?

Como era de se esperar, a banda podre, que mama sem parar, começou a grita histérica. Dilma “Criminosa Fiscal” Rousseff, a gerenta eficienta que quebrou o país, que comprou uma sucata nos EUA por mais de U$ 1 bilhão, aquela que saúda mandioca e estoca vento foi a primeira a chiar contra a venda da Eletrobras, um dos antros da quadrilha petista, assaltada pelo bando vermelho. Logo ela, que levou o sistema elétrico brasileiro à lona, com mais de R$ 60 bilhões de prejuízo, depois devidamente espetado no lombo dos consumidores.

Hoje o presidente da Infraero, outro barril de corrupção, criticou a venda da estatal alegando que trará R$ 3 bilhões de prejuízo ao país. Sério? Só três? Então que se venda logo. Três bilhas é peanuts se comparado à tunga que levamos todos os anos desta porcaria. Melhor entubar os três de uma vez, que passar o resto da vida bancando a roubalheira dessa gente. Repito: são mais de 150 ralos sem fundos.

Outro a choramingar foi o presidente da Casa da Moeda. Pesquisem, amigos, e vejam a quantidade de escândalos que se fabrica por lá, além do dinheiro do país. Aliás, uma empresa (acho que sueca, não tenho certeza) produz nossa moeda por um custo 20% menor. Mas a goela da tigrada é larga, né? Se venderem o boteco, como é que financiarão clandestinamente suas campanhas; como empregarão os parentes, os sindicalistas e os vagabundos dos seus partidos?

Essa gente é tão miserável, tão cafajeste, que repete o discurso imundo dos esquerdopatas dizendo que está sendo vendido o patrimônio do povo. Do povo, seus vermes? Que povo? Eduardo Cunha e Fernando Collor são povo? Ou Sérgio Cabral e Lula? Que tal Aécio Neves e Renan Calheiros? Povo é o carvalho! O que vocês chamam de povo eu chamo de seus amigos, parentes e financiadores, isso, sim. É o patrimônio de vocês que está sendo vendido, não o nosso!

Alô, Michel Temer: venda tudo! Mas tudo mesmo! Inclusive a joia da coroa dos corruptos, a Petrobras. E a segunda joia, o Banco do Brasil. E a terceira, a Caixa. Quanto menos fonte de corrupção, melhor. Quanto menos cabide de emprego, melhor. Quanto menos espaço para compadrio e troca de favores, melhor. Quanto menos funcionário público, melhor. O dinheiro que esta porcaria toda nos suga é o mesmo que falta para hospital e escola, para estrada e polícia. Para remédio para pobre, pô!

Ah, e por favor não se esqueça dos Correios, viu? Deve ser o único caso no mundo em que uma empresa monopolista está quebrada e devendo bilhões. Imaginem vocês, meu caros: em 2002, lá nos tempos do Mensalão, Roberto Jefferson — com absoluto conhecimento de causa — já nos alertava para o lamaçal que corria solto.

É o seguinte: Se estiver caro, diminua o preço. Se não houver compradores, diminua mais. Se ainda assim não aparecer interessados, “dê de graça”, doe, jogue no lixo, feche, sei lá, mas se livre desta porcariada inteira de uma vez por todas.

Chega de sustentar vagabundos!

Leia mais, aqui.

97 thoughts to “Liquida, Brasil! 70% de desconto é pouco”

  1. Blogueiro alienado … vamos privatizar a sua boca falastrona, alienada e inconsciente? Vai estudar , leia um pouco mais, veja os prós e contras de coisas que você defende sem conhecimento de causa. Como você fala besteira … Vamos vender tudo? É assim mesmo? Então vou lhe citar apenas UM, apenas UM aspecto do que a venda indiscriminada e vertical da nossa terra pode gerar: o governo bestial, incompetente, ardil, usurpador, pilha, salteador do sujeito Temer trava uma ofensiva sem precedentes às áreas protegidas da Amazônia através de privatizações.Este governo publicou nesta quarta-feira (23) o decreto que extingue a Reserva Nacional de Cobre e Associadas (Renca), uma área de 47 mil quilômetros quadrados entre o Pará e o Amapá – o equivalente ao tamanho do estado do Espírito Santo. A região, que é rica em ouro e outros minérios, engloba também nove áreas protegidas, entre florestas estaduais, reservas ecológicas e terras indígenas. Em maio deste ano, a organização WWF-Brasil avisou que o governo pretendia liberar essa área para iniciativa privada – que estava proibida para a mineração desde 1984. É mais uma das medidas previstas pelo governo Temer para estimular o desenvolvimento econômico e engordar o PIB brasileiro.

    A extinção da ‘Renca’ deverá gerar uma série de conflitos entre a atividade minerária, a conservação da biodiversidade e os povos indígenas. A área conhecida como Renca engloba nove áreas protegidas. O Brasil não pode continuar insistindo em abrir suas áreas protegidas de maneira tão irresponsável, negligente, desajuizada em prol de interesses privados. Há compromissos de clima e biodiversidade que o país assumiu internacionalmente e salvaguardas socioambientais que devem ser mantidas a todo custo da exploração internacional.

    Mas, blogueiro … vamos vender tudo, não é ? Você já pensou a matança, a destruição que isso vai gerar para engordar cofres e bolsos de gente lá de fora do país?

    Pior que você e suas considerações dementes, são estes asseclas que ficam bajulando este besteirada diária que você escreve. E por gente que pensa como você, sob vários aspectos, que vamos vivendo a dilapidação do Brasil.

    1. Privatizar minha boca? Como assim, ô comedor de capim? Ela já é privada, nos dois sentidos, hehehe.

      Cê tá bravo com o Temer por causa da reserva florestal que vai virar pó? Tá com medo de faltar pasto, é?

      Sobre o blog e os asseclas que me leem, faz assim: tome o poder e mande nos enforcar! Do contrário, ou cale a boca ou não leia.

      Agora vá caçar serviço e não me amole mais. Tô tomando uma!!!

      1. Esse bloque e esse jornal são a serviço de um senador ultra delatado, gravado e filmado…

        Contra o Brasil e contra o povo brasileiro!!!

    2. Se possível deveria acabar também com as tais agências reguladoras, que são PELEGO daqueles os quais deveriam controlar, e aparelho dos partidos também!

      1. Quanta hipocrisia.

        Repetem o que o golpe lhes ensinou…

        Vagabundo é ser rico às custas do trabalhador que sofre neste Brasil…

      1. Nao se preocupem porque logo, logo, ele perderá o espaço mal utilizado aqui afinal com este tipo de “especialista” frequyentando o jornal, a tendencia será o EM fechar e eu torço apenas para que nao demore muito…. ……

        1. Vixe!!! Há 200 anos que o EM está fechando e há 1 ano estou perdendo meu espaço. Senta aí, Mané, porque em pé vai… cansar!

    3. FALANDO EM ESTATAIS, VAMOS LÁ:

      > 1/3 de Furnas para Aécio, outro 1/3 p/ PSDB paulista e outro 1/3 para o PSDB Nacional cujo presidente era quem? Aécio, é claro!!!

      > executivos Marcelo Odebrecht e Henrique Valladares afirmam, em delação premiada, que o senador Aécio Neves (PSDB-MG) recebeu R$ 50 milhões para defender interesses das empreiteiras Odebrecht e Andrade Gutierrez nas obras das hidrelétricas de Santo Antonio e Jirau, no Rio Madeira, em Rondônia.a

      > Cemig – a estatal mineira – o Governador Aécio colocou a Andrade Gutierrez para comandar… a mesma que participou da construção da Cidade Adm e passou entre 3 a 5% para quem? Aécio.

      > Epamig e o caso das sementes… para quem? Aécio

      > Hidroex-Frutal Cidade das Águas: desvios milionários no governo Aécio/Anastasia e o Nárcio…

  2. Olá Inundado, alerta aos incautos: de tudo que foi entregue até agora com o nome de privatização teve o preço dos produtos e ou serviços aumentados para a população. E olha que mesmo assim a falta de capacidade e inconsequência ainda produziram rombos como o da OI. Gerou vários monopólios. E, aquelas que auferem lucro este é remetido para o exterior, logo, se é bom não é para os brasileiros. É sempre a mesma história, no aperto para colocar gasolina o governo vende o carro para encher o tanque. Quilômetros adiante percebe que não pode encher de novo o tanque e não é mais dono do carro. É tão básico e, sempre contrário aos interesses do povo, mas os venais de sempre se prestam sem cessar a esse trabalho sujo.

    1. Não precisa nem de explicação: só de pensar que o patrimônio público adquirido com a soma dos esforços do povo brasileiro que pagou seus impostos com o trabalho suado está sendo entregue de mão beijada pelo Governo PMDB-PSDB-DEM… Isso já basta.

      Mas é que esses corruptos golpistas estão enchendo o bolso com milhões e milhões nessas privatizações!!!

    2. Você fala isso porque nunca teve que pagar uma linha de telefone no valor de um carro. Se não tivessem privatizado nos anos 90 talvez nem você ou eu estaríamos comentando aqui hoje.

      E outra coisa, a OI, que vem de sucessivos rombos e prejuízos, é a única das operadoras que tem o governo como maior acionista e tomador de decisões por isso é a merda que é.

      1. André, sei sim. Comprei telefone antes dos anos noventa e a compra correspondia a um título que tinha valor e podia ser revendido. A tarifa era bem acessível, inclusive, quando da entrega a assinatura que era menos de R$ 4,00 passou imediatamente para R$ 26, não falo de ouvir dizer. Vivi essa realidade. Veja, com cada telefônica regional havia uma diretoria e técnicos em cada matriz com salário espalhando renda. Depois, com a entrega, as vinte e tantas regionais foram convertidas em uma ou duas com sede no Espigão da Paulista que em bom português significa CONCENTRAÇÃO de renda em poucas pessoas e numa só região do país. E esse sim – a concentração de rendas – é um dos grandes males de Pindorama, a brutal concentração de renda. Acorde pra vida, saia do sarcófago da ignorância ou da maldade.

        1. Olá Banana de Pijamas
          Você é um mentiroso patológico, assim como o seu ídolo (ou amante, vai saber…). Para comprar telefone havia uma fila imensa e demorava anos, Era do preço de um carro. A tarifa nunca foi acessível. Interurbano era um absurdo. Tarifas internacionais então, nem se fala. Essas estatais tinham um monte de de sugadores e pelegos e foram todos demitidos. Era sonho para muita gente ter um telefone fixo, imagina um celular.
          Depois da privatização todo mundo tem telefone. Todo mundo mesmo. Se não houvesse a privatização, provavelmente haveriam mais empresas quebradas e mais dívida para o povo brasileiro pagar, em função da astronômica incompetência e corrupção galáctica dos PTralhões. Deus nos protegeu dessa.
          Concentração de renda em poucas pessoas numa só região do país? Se há concentração de renda, logo são poucas pessoas. É tão analfabeto quanto o Lullão. Há impostos nababescos nas contas de telefone. Procure se informar melhor, mentiroso patológico. Trabalho, humildade e estudo não fazem mal a ninguém.

          1. Sei que queres apenas tentar ofender. Mas, a concentração de renda em poucas pessoas e numa só região do país é assim: Suponhamos que 90% da riqueza esteja em mãos de cinco pessoas, uma em cada região do país, haveria concentração subjetiva e distribuição geográfica. Não é o que se verifica, pois, ha as duas formas de concentração. Em poucas pessoas num pequeno trecho do país.

  3. Ricardo,vc mandou muito bem.Apesar de nao entender muito do assunto,ficou claro para mim o quao prejudicial as estatais sao para nosso maltratado pais.A desonestidade entranhou na cultura,quanto mais asas forem cortadas, menos chances para aqueles que olham para o proprio umbigo e foda se o resto.Inaceitavel um pais nao dar condicao de sobrevivencia para as classes pobres da sociedade,explicando o caos total que vivemos hoje.Sua luta e nobre,hit`em the hardest!(the bad guys).

    1. Edgar, não precisa entender nada!! Quando uma estatal dá prejuízo, nós pagamos. Quando dá lucro, não recebemos. Não há um mísero serviço ou produto que não poderia — ou é — ser feito e produzido melhor e mais barato pela iniciativa privada. O Estado deveria cuidar APENAS de saúde, infraestrutura, segurança e educação. Nada mais!

    2. Não precisa nem de explicação: só de pensar que o patrimônio público adquirido com a soma dos esforços do povo brasileiro que pagou seus impostos com o trabalho suado está sendo entregue de mão beijada pelo Governo PMDB-PSDB-DEM… Isso já basta.

      Mas é que esses corruptos golpistas estão enchendo o bolso com milhões e milhões nessas privatizações!!!

      1. Bravo, também com um sobrenome desses não poderia sem diferente. José Bonifácio de Andrada e Silva é um dos grandes brasileiros. Lamentável que muitos brasileiros não se lembram do valor daquele homem!

  4. É ricardo!!!! seu pensamento além de imundo é de extrema sanidade mental, já estamos sendo Roubados desde ao acordar e quer que nos roube Durmindo, Seu Blog e seus Comentários podem até ser de Qualidade e estimulo, mas esse pwrdeu a oportunidade de ficar Calado.

  5. Desde o mensalão que eu grito nas redes sociais, ” privatiza tudo ” pois vi esses bandidos vermelhos ganhar a primeira eleição falando mal das privatizações da vale e da telesp, quando eles entrou trataram de roubar todas que restou e ainda compraram mais para agrupar a quadrilha de comunista, eles não querem defender patrimônio públicos eu nunca vi ladrão defender nada, ladrão é ladrão.
    Todo petista é ladrão e mamador de tetas de orgãos públicos.
    “PRIVATIZA TUDO” manda esses asnos plantar batata no asfalto.

  6. Aí você acha que já viu de tudo vem esse cara e vomita essa besteira. O problema dessas empresas públicas não são elas meu caro, o problema são suas más gestões e essa política que o senhor tanto defende que sugam até não poder mais. Se essas empresas dessem prejuízo ninguém compraria. Fiquei surpreso com suas palavras. Podia vender tudo mesmo. Inclusive tudo em que você frequentar parques, estradas, sua rua, sua casa, enfim. O cara é tão radical que nem pensa o que escreve. E antes que me esqueça, pode responder com essa falta de educação que você responde as outras pessoas. Realmente o brasileiro merece tudo o que está vivendo, olha a cabeça desse brasileiro.

    1. Mas por que eu responderia com falta de educação a um comentário tão educado assim?

      Você merece algo melhor:

      múúúúúúú!!! pocotó… pocotó… pocotó…

  7. Empresas estatais, na atualidade, tem por único propósito abrigar vagabundos de bandeiras vermelhas. A Petrobras foi privatizada em 2003 em favor de um gigantesco exército de gafanhotos do PT e apêndices, que se assenhoraram daquela que, diziam, seria de todos os brasileiros. Melhor que seja privatizada de verdade, produza e pague impostos.

    1. BANDIDOS VERMELHOS???

      QUANTA HIPOCRISIA:

      Quem tá filmado e gravado em flagrante de corrupção:

      Aécio e Temer !!!

      Vamos falar a verdade pessoal…

      HIPOCRISIA NA CARA DURA E DESLAVADA É CASO SÉRIO!!!

  8. Concordo plenamente com você, Fabrício. O problema das estatais é a má gestão. São pessoas mal intencionadas e que defendem os próprios interesses que estão à frente, que estão no comando de muitas estatais. Com relação ao blogueiro, muito sem noção e desrespeitoso para com seus leitores. Às vezes, a pessoa não precisa xingar, nem dizer palavrões para se mostrar uma verdadeira pessoa grossa e deselegante.

    1. Pra mim deveria privatizar é a política. Privatizar não é a saída, olhem as empresas de telefonia fixa. Melhorou os serviços? Preços?
      Quanto a privatização da Vale. Vagões e mais vagões com material brutos indo pra fora. Poderia beneficiar esse material aqui gerando mais empregos. O errado no Brasil não são essas empresas e sim nossos políticos. E essas empresas não precisam ser doadas para o exterior, elas precisam de um choque de gestão e de um limpa pra eliminar os sangue sugas.
      Mas segundo o Ricardo o ideal é vender. Caro Ricardo. Não concordo com você.
      E pocoto e mumumu pra você também.

  9. CEM POR CENTO CERTO! Como já se disse com acerto, se colocar o governo brasileiro para administrar o deserto do Saara no dia seguinte vai faltar areia. Nos EUA o unico setor estatal não privatizável é o de aguas. O resto, tudo se privatiza. Aos patetas nacionalistas de vitrine o governo deve FISCALIZAR E ARRECADAR. Exercer a atividade economica jamais. Inutil e infeciente

  10. Saúde e Edução também não geram LUCROS. No que se baseia o seu texto também deveria ser privatizado. Agora no que se pode gerar lucro é problema simplesmente de gestão, sem necessidade alguma de privatizar. Privatiza os políticos que sai muito mais BARATO, vociferar ódio em um BLOG é muito fácil ter a coragem de falar na cara deles é preciso ter coragem.

    1. Há que haver boa gestão , responsabilidade e responsabilização .
      E perante a manifesta incapacidade de ser dono de seu próprio destino, de abusar no direito de errar , de esgotar todas as reservas de paciência de uma sociedade … há que não recusar opções válidas que se proponham a resgatar a dignidade de um país .

  11. O prejuízo da OI CIDRAC pateta é por bancarem o vagabundo Lula e o filhinho dele, aquele catador de cocô de girafa do zoológico de São Paulo e que o papai merda dele colocou como sócio da OI e do dia pra noite ficou milionário.
    Tomara que privatizem tudo e acabem com esse funcionalismo vagabundo e ladrão, burrinhos do PT, que o Lula e a Dilma colocaram lá pra terem apoio político.
    Afinal quando vão emparedar o Lula e a Dilma e toda a sua corja? Quero assistir de camarote e pago o preço que me pedirem.

  12. Eu acho que é bem verdade que estatal serve para politico saquear usar como moeda de troca e toda pratica suja comum nesse pais, porem axo mto que oq querem fazer no pais agora eh ajeitar um pe de meia acredito mto mesmo q a lava jato serviu so pra uma coisa terminar a carreira vitalicia de alguns politicos e vejo como aposentadoria oq está se seguindo no pais agora privatizar reforma trabalhista previdenciaria concesão de expliração tudo isso gera mto dinheiro para o politico q apoia ou decreta veremos mto politico sair de cena ano q vem porem axo q vao levar bastante do NOSSO dinheiro antes, acompanho o estado de minas a mtos anos agora utilizo sua pagina virtual para me manter informado sobre minha cidade depois de toda noticia vem esse blog as vezes aparecendo não sei como esse cara desbocado tem espaço num jornal tradicional em belo horizonte cara mal educado alienado partidario com um espaço de comunicação e só sabe destilar odio e insultar, parabens blogueiro

      1. O coice pode ser livre mas, ao que parece, a tua ferradura está precisando ser trocada. Vira o disco meu amigo. O partido pelo qual você torce e até contribui em suas campanhas, levou e continua levando este país à bancarrota. Sugiro uma serena e sutil mudança de foco. O país precisa disso. Fim às dicotomias! Pensamento moderno e busca de soluções viáveis e humanísticas são fundamentais a partir de agora.

  13. O que não foi privatizado ainda, foi arrasado pelo PT e seus asseclas. Partido de gafanhotos, onde pôs a mão virou deserto! Coitada da Embraer (entre outras) se ainda fosse estatal! Teria virado pó! Ou cinzas! Somente empresas estratégicas, saúde, segurança e educação( o povo com melhoria da educação e cultura não votaria nessa desgraça vermelha) deveriam ser responsabilidade do governo. Privatiza tudo mesmo, assim acabam-se com os pelegos e sanguessugas e políticos(vagabundos de profissão).

  14. Alguem falou da Oi aí…. se fosse Telebrás nossa internet ainda seria discada pagando o preço de um pacote de 300 mega…. kķkkkk…. acorda!!! Me cita um serviço do governo que tenha qualidade? O outro falou da Amazônia… qual é a área diária que é desmatada por dia? Se não me engano chega a não sei quantos campos de futebol e a porra do governo faz alguma coisa? Nada!!! Acabe com os mamdores cansado de pagar pela regalia deles!!!

  15. Reportagem como essa é uma “ofensa” ao povo brasileiro. O Brasil é um País “novo” e tem tudo
    para ser um dos melhores do mundo. Populacao com todas as racas do mundo, todas as religioes,
    inteligentes e burros. Temos Sol, mar, florestas, riquesas naturais……. Nós somos capitalistas, socialistas,comunistas, monarquistas,, feios, bonitos, etc. Temos tudo para ser o melhor país do
    mundo. Um dos nossos erros é tentar copiar países como o U.S.A., Russia, China , etc.
    Conheco mais de 36 países , morei mais de 50 anos no exterior . Fale que o capitalismo ou
    comunismo ou manarquia e outros sistemas sao ruins e voce nao será preso………..

  16. Ricardo, concordo em grande parte com o que vc assevera. Todavia farei alguns contrapontos. No Brasil, sob meu ponto de vista, o problema fundamental é o moral. A privatização pouco altera o status-quo. Os que hj mamam nas tetas públicas vão mamarem, de alguma forma, nas tetas do setor privado que, conforme bem disse um analista, a iniciativa privada no Brasil tem muito pouco de iniciativa e de privada. Qualquer sacolejo vão gritando nos ouvidos do Estado atrás de BNDS etc para que sejam socorridos pelo setor público. Como não há almoço grátis, o setor privado tem que arrumar a vida de quem dá as cartas no Público – ver caso JBS, notícias sobre influência de políticos na indicação de cargos de Alto escalão na Vale etc. A privatização por vc comemorada, vai prejudicar aquele servidor honesto e dedicado que lá trabalha e os nossos bolsos. Ou alguém acha que o Chinês que comprar uma usina hidrelétrica da Cemig por exemplo, com investimento já totalmente retornado(mWh custando apenas a operação e a manutenção) vai abrir mão de nos fazer pagar novamente, via tarifa, por esse investimento que ele fez?. Conclusão: nada muda na vida daquele que sangue suga. e nós continuaremos pagando o pato.

  17. Como uma pessoa sem noção do mínimo sobre política e economia pode ter espaço para escrever e espalhar aos incautos tantas asneiras como o conteúdo deste rascunho?
    Nada mais se mostra do que ser uma viúva de Aécio, jogando ao vento ilações sobre “corrupção do PT”,como se todos os outros partidos, inclusive o que governava o país antes do PT fosse um poço de honestidade. E quanto à corrupção atual que talvez não seja maior que a de governos anteriores mas está escancarada com os detentores do poder gargalhando de nossa inércia.
    Chega ao ponto de criticar empresas que “apesar das roubalheiras” rende aos cofres públicos valores acima de 3 bilhões ao ano.
    Será que ele pretende fazer alguem acreditar que se não houver estatais não haverá mais corrupção? E aquela indicação de um apadrinhado para um alto cargo público, acabará junto com o fim das estatais? Aquela propina para se aprovar um projeto em determinado órgão público, acabará junto com o fim das estatais?
    Chega ao cúmulo de falar sobre redução de funcionários públicos, como se o Brasil fosse um dos países que tem grande quantidade de funcionários públicos em relação à população! Chega nas enterlinhas a eleger “PT” e funcionários públicos como únicos responsáveis pela corrupção no pais.
    Falta o mínimo de conhecimento ao aventureiro e sugiro que ele evite criar este tipo de texto o que só joga desinformação para os incautos.

    1. Sem chance!!! Vou é ajudar a acabar com os ratos. Daí, se você se sentir muito sozinha, pode usar as próprias palavras

  18. FALANDO EM ESTATAIS, VAMOS LÁ:

    > 1/3 de Furnas para Aécio, outro 1/3 p/ PSDB paulista e outro 1/3 para o PSDB Nacional cujo presidente era quem? Aécio, é claro!!!

    > executivos Marcelo Odebrecht e Henrique Valladares afirmam, em delação premiada, que o senador Aécio Neves (PSDB-MG) recebeu R$ 50 milhões para defender interesses das empreiteiras Odebrecht e Andrade Gutierrez nas obras das hidrelétricas de Santo Antonio e Jirau, no Rio Madeira, em Rondônia.a

    > Cemig – a estatal mineira – o Governador Aécio colocou a Andrade Gutierrez para comandar… a mesma que participou da construção da Cidade Adm e passou entre 3 a 5% para quem? Aécio.

    > Epamig e o caso das sementes… para quem? Aécio

    > Hidroex-Frutal Cidade das Águas: desvios milionários no governo Aécio/Anastasia e o Nárcio…

  19. Caro Ricardo, não concordo com mutia coisa que você fala, mas nesse post não tenho nada a acrescentar ou retirar, perfeito!!!! Vamos acabar com esse bando de parasitas inúteis que a sociedade que trabalha e produz tem que sustentar. Tenho certeza absoluta que essas empresas serão muito mais eficientes nas mãos da iniciativa privada. Chega de sustentar vagabundo amigo e parente de político que arruma cargo em troca de apoio. A estabilidade é o cancer do nosso serviço público. O parasita estuda uns anos, passa em um concurso e pensa que não precisa nunca mais trabalhar na vida. Ganham muito além do “serviço” que prestam, são inúteis e incompetentes, tem mordomias e privilégios imorais e ainda não podem ser postos no olho da rua como qualquer trabalhador da inciativa privada. Pode ter certeza que quem defende a manutenção dessas “porcarias” ou é um dos que “trabalham” lá, ou é parente de alguém que “trabalha” lá , ou é amigo de alguém eu “trabalha” lá, ou é um dos inúmeros “candidatos” a parasita que estão esperando concurso.

  20. Só mais uma coisa, gostaria que alguém, qualquer um, me dissesse um serviço público que presta nesse país, qualquer um…. A parte administrativa do INSS também deveria ser privatizada. Tenho certeza que faria um grande bem à população que realmente trabalha e produz….. Um trabalhador trabalha o tempo necessário, cumpre com todas as exigências, paga o que é devido e quando chega a hora de conseguir a aposentadoria é tratado por aquela corja, como um vagabundo, como se estivessem lhe fazendo um favor.

  21. Parabéns Ricardo pela ‘praiseworthy’ crônica. Gostaria de entender a razão pela qual não incentivam o transporte ferroviário nesse ‘great scenery’ país, principalmente para estímulo do turismo. As vantagens seriam inúmeras, e como exemplo, poderíamos citar a redução drástica de acidentes nessas fatídicas rodovias.
    Gostaria de obter a sua opinião em em relação ao principal entrave, pra que isso se torne ezequível.
    Será que o fator privatização mudaria esse paradigma? E o que dizer se a petrobras fosse privatizada?
    Um abbraço!

  22. Bom, na minha concepçao temos 4 tipos de empresas publicas: as que dao dinheiro (por motivos obvios nao devem ser privatizadas), as que nao dao dinheiro e nao tem nem como dar dinheiro ( devem ser fechadas pois ninguem quer comprar. se alguem quiser, que venda), as que nao dao dinheiro por incompetencia ( bom, na minha concepçao, dentro dessas tem algumas que deveriam ser privatizadas e outras que deveriam ser reformadas) e, por ultimo, tem a classificaçao que se encaixam a maioria das empresas: que nao dao dinheiro por má fé. Agora, alguem com cerebro (apenas os com cerebro, por favor) acredita que seria certo o governo pegar uma empresa saudavel e com enorme potencial, sucatear, detonar, sabotar para assim poder vender pra um coleguinha? alguem ai lembra da vale? alguem ai tem a coragem de dizer que aquele processo que sangrou o brasileiro foi honesto? Nao existe essa conversa de privatizaçao é ruim ou boa. Cada caso tem que ser olhado de uma forma. Devemos olhar se ela é ADEQUADA ou nao. e limpa ou nao. pra mim, com certeza mais da metade das coisas publicas em geral poderiam se beneficiar com um processo de privatizaçao limpo. limpo. alguem ai conhece algum? eu infelizmente nao. olhem o mineirao. esta concedido. e todo mes o estado desembolsa dinheiro com ele msm assim. telefonia? serviço melhorou demais. porem estao todas com dividas bilionarias com o governo. continuam nos lesando. a Oi com serios riscos de falencia. entao, acho que a discussao nao deveria nem passar pelo “se” devemos ou nao privatizar. e sim outro “se”. se é possivel fazer isso de forma limpa no brasil. e so mais uma coisa: para quem acredita que só serviço publico é ruim no brasil: vcs devem estar morando na suécia. pois no dia de hoje nem os privados estao prestando. muito culpa do brasileiro. que aceita qualquer coisa. e mto culpa de quemr ecebe propina pra fazer vista grossa tb.agradeço ao blogueiro pelo espaço.

  23. Ricardo, estive lendo o Editorial da revista ISTOÉ dessa semana e a própria, mesmo tendo um viés histórico pela esquerda, também defende a privatização como uma das formas de dificultar a corrupção e acabar com a mamata de pelegos do dinheiro público. Torço por isso, ainda que possamos perder alguma coisa com isto, mas quero que esses sanguessugas do dinheiro suado dos nossos impostos passem a ter que TRABALHAR!

    1. A IstoÉ, mais conhecida como QuantoÉ, jamais foi de esquerda. Tampouco de direita. Como a Veja e a Globo, flutuam de acordo com o momento e as verbas. Tirando a porcaria da FSP/UOL (sempre fiel às esquerdas) e o Estadão (inclinado à direita), a grande imprensa brasileira segue uma única ideologia: $. E note: não há nada de errado nisso! Desde que, obviamente, não invente ou omita.

      Abrs

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.