O Leão da receita só olha para um lado

Ao invés de mirar nos milhões de brasileiros assalariados, a Receita deveria concentrar esforços onde a corrupção corre solta

Só ruge para os pobres mortais

 

Todo ano é a mesma coisa. Dia 30 de abril se aproxima e lá vão milhões de brasileiros acertar as contas com a Receita. Ou melhor, lá vão milhões de brasileiros rezar para acertar, pois se errarem, um abraço! É multa na certa. E normalmente pesada. Muito pesada.

Experimente o leitor amigo a trocar um zero naquele recibo do dentista. Ou ouse esquecer de declarar os R$ 60 mensais da vaga de garagem que você aluga. Com os pobres mortais é assim: bobeou, dançou! Azar o seu que não nasceu político ou manda-chuva do PT. Com essa turma o tal Leão costuma ser mansinho, mansinho. Aliás, o Leão está sempre dormindo, de olhos bem cerrados para este pessoal.

A Odebrecht, por exemplo, admitiu ter movimentado mais de R$ 10 bilhões em recursos ilegais nos últimos anos. Só bufunfa de caixa 2 ou dinheiro vivo. Daí eu pergunto: se qualquer saque acima de R$ 10 mil é declarado e rastreado pelo tal COAF, se os fiscais da Receita não saem da cola das empresas, como esta grana toda circulou? Como o Banco Central, por exemplo, não detectou tantas movimentações atípicas em direção ao exterior? E como o TSE aprovou as contas de campanhas destes partidos, meu Deus do céu? Como?

Ou vivemos num mundo de faz-de-conta institucional ou as corporações responsáveis por fiscalizar e garantir a lisura do sistema financeiro nacional — e eleitoral — são integralmente coniventes e cúmplices da bandidagem. Não há uma terceira via. Ou falham grosseiramente por omissão ou endossam o crime. Certamente prefiro acreditar na primeira hipótese, mas daí me pergunto: por que o mesmo não ocorre com os pobres mortais?

Essa é a questão de um milhão de dólares! Quem souber me avise, ok?

Leia mais, aqui.

15 thoughts to “O Leão da receita só olha para um lado”

  1. É o sistema. Feito para funcionar assim:
    1- somos obrigados a votar.
    2- só podemos votar em quem o sistema escolhe, ou seja, neles.
    3- eles fazem as leis que obedecemos e que os protegem.
    4- se não obedecemos, eles usam o judiciário, a força policial e as forças armadas para nos enquadrar.
    5- eles desarmaram a população, para não podemos reagir pela força.
    Em suma, nem pelo voto nem pela força podemos reagir e mudar o que aí está.

      1. Veneto, na mais explícita cantagalice, como aquele pároco do livro de Machado de Assis, um descumprimento do mandamento passa batido, mas qualquer infringência ao ritual deixava o religioso uma pilha. Em outras palavras: como não tem conteúdo cuida apenas da forma. É o industrial da fábrica de bolsa, seus produtos são indefectivelmente ocos.
        (não seria caso de afadigares tanto, os leitores depreendem a palavra pelo contexto, a menos que além de vazio de conteúdo estejais a subestimar a capacidade de todos quantos leem o texto – santa pelonha)

    1. A RECEITA FEDERAL SÓ TEM OLHAR PARA OS MAIS POBRES DO PAÍS, NÃO SÃO COBRADOS IMPOSTOS EM CIMA DAS GRANDES FORTUNAS E O MAIS AGRAVANTE É QUE OS MEGA EMPRESÁRIOS SONEGAM IMPOSTOS E NÃO RECEBEM PUNIÇÃO ALGUMA.

  2. Salvaria o Brasil… caso o pessoal da Receita recebesse este post e não cometessem… mais… “…falham grosseiramente por omissão ou endossam o crime.”

    1. VERDADE CARO COLEGA.

      A RECEITA FEDERAL SÓ TEM OLHAR PARA OS MAIS POBRES DO PAÍS, NÃO SÃO COBRADOS IMPOSTOS EM CIMA DAS GRANDES FORTUNAS E O MAIS AGRAVANTE É QUE OS MEGA EMPRESÁRIOS SONEGAM IMPOSTOS E NÃO RECEBEM PUNIÇÃO ALGUMA.

  3. A receita deveria ir atrás de todas as pessoas desonestas, a começar por FHC, que congelou a tabela a partir do seu mandato. E também não pode passar a mão sobre a cabeça Careca desses safados que se pousam de santos, porém, recebem um mensaleiro para denegrir a imagens de algumas pessoas.

      1. Ricardo
        Você é um guerreiro. Hahaha. Já desisti de tentar corrigir a infinidade de erros cometidos pelos assassinos da língua portuguesa. Hahaha. Aguenta firme.

  4. Senhores,

    Não esqueçam da primeira parcela do IR dia 28 de abril. Senão perdem o parcelamento.
    Senão perdem o parcelamento.
    Nós todos somos uns bundões. Dizem que a Inconfidencia Mineira foi por causa de um quinto de impostos. Hoje pagamos mais de dois quintos.
    O que é democracia? Sinceramente não sei. No Brasil tem mais direitos para alguns grupos.
    Para o bundão aqui trabalhar e pagar imposto.

  5. VERDADE CARO COLEGA.

    A RECEITA FEDERAL SÓ TEM OLHAR PARA OS MAIS POBRES DO PAÍS, NÃO SÃO COBRADOS IMPOSTOS EM CIMA DAS GRANDES FORTUNAS E O MAIS AGRAVANTE É QUE OS MEGA EMPRESÁRIOS SONEGAM IMPOSTOS E NÃO RECEBEM PUNIÇÃO ALGUMA.

  6. Ricardo, também sempre me fiz estas mesmas perguntas.
    Eles “falham grosseiramente por omissão ou endossam o crime”.
    Seria ingênua se optasse pela primeira opção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.