Vote: Bin Laden!

 

A política brasileira é o lixo que é, e não é à toa. Reclamamos dos nossos representantes, mas esquecemos quem os colocou lá. Em verdade, sequer lembramos em quem votamos. Pior do que um povo despolitizado é um povo apolitizado. O brasileiro desdenha a política. Só sabe que existe através do Jornal Nacional e em época de eleição. E ainda assim, prefere nem saber. Dá no que dá.

Um sistema político-eleitoral podre, viciado e construído de forma a manter intocável a estrutura de poder dos partidos e seus caciques, baseado em leis eleitorais estúpidas e arcaicas que nos presenteia, a cada dois anos, com um verdadeiro show de horrores, que é o programa eleitoral na TV e no rádio. Ainda bem que este ano o tempo diminuiu. Menos espaço para tanta inutilidade.

Eu lhes pergunto: Alguém decide o voto baseado numa imagem tosca e numa fala de três segundos? Outra coisa: Por que os candidatos não se apresentam com nome e sobrenome ou, no máximo, um apelido que lhes substitua? Eu, por exemplo, tenho vários apelidos a depender da turma de amigos: Noiva, Chilique, Xiba, Chibunga. Mas ou sou um destes ou sou o Ricardo Kertzman. O que não dá é para ser o Ricardo da academia, o Ricardo do Ceasa, o Ricardo Flanelinha ou, o pior deles, o Ricardo Bin Laden. Putz! É muito mau gosto e muita estupidez.

Para mim, candidato tem de ter nome, sobrenome e se mostrar como é. Nada de perucas idiotas, óculos de carnaval ou roupas esquisitas para “chamar a atenção” dos eleitores. Ou a pessoa possui qualidades pessoais e intelectuais ou não presta para ser meu representante. Ou por outra: Lugar de palhaço é no circo!

Ouvi no rádio há pouco: “Por uma saúde e uma educação de qualidade, vote Bin Laden.” Dizer mais o que?

 

10 comentários em “Vote: Bin Laden!

  1. NO BRASIL, PRA VOCE SER LIXEIRO, VOCE TEM QUE TER NO MINIMO PRIMEIRO GRAU COMPLETO, E FAZER UM CONCURSO PUBLICO. PRA VOCE SER POLITICO, E SO ESCREVER O NOME, E UMA VERGONHA UM PAIS DESSE.

  2. Ricardo, sim, infelizmente algumas pessoas decidem o voto baseados numa imagem tosca e numa fala de 3 segundos. Por isso que existem essas aberrações por aí. Mas a falta de consciência, para não dizer inteligência, não atinge só os brasileiros que elegeram um palhaço não. Só para dar um exemplo no “primeiro mundo”: em 1987 a atriz pornô Cicciolina foi eleita deputada na Itália.

  3. Ja disse e volto a repetir. neste pais so a monarquia funciona. um pais que 80% e semi-analfabeto ou achista, so na base do chicote. nao gostou? continue ai com sua “democracia”

    1. Sabe que não é por causa disto, Kris? Meu segundo sobrenome é Misionschnik. Na escola uma professora falava Misionschilique e aí pegou. Mas confesso ser meio chiliquento mesmo. Abs!

  4. …moradia popular ajuda de custo para alimentação transporte econmomico, e o salarioque o cabra ganha na sua vida secular, se for um desempregadso nao tera direito a se candidatar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.