Skip to main content
 -
Pedro Henrique é professor, blogueiro e cruzeirense fanático. Escreve desde 2012 e já teve passagens no Blog Azul Estrelado, Camisa 11, Lance Activo, Guerreiro dos Gramados e Bloguerreiro. Siga @RealPedrin no Twitter e acompanhe diariamente os comentários do blogueiro. Curta a fan page oficial do blog no Facebook: fb.com/blogsomoscruzeiro/

Cruzeiro perde para o São Paulo e está fora da Copinha

Cruzeiro joga mal outra vez, perde e está fora da Copinha. (Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro)

“Uma equipe que sofreu durante toda a competição”. Esta frase, que vem de um seguidor do Twitter, resume bem o que foi a participação da equipe sub-20 do Cruzeiro nesta edição da Copa São Paulo. Na partida de hoje, contra o São Paulo, não foi diferente. O primeiro tempo foi todo do tricolor paulista, que controlou bem o jogo e não permitiu que a Raposa sequer ultrapassasse o meio de campo. Na etapa final, houve uma leve melhora, mas nada que impedisse o gol do adversário e muito menos uma reação que levasse o jogo pelo menos para os pênaltis.

Quem acompanhou o time nas fases inicias da Copinha viu que era questão de tempo para que o Cruzeiro fosse eliminado. Eu, particularmente, nunca gostei muito do técnico Emerson Ávila, nem na base, nem no profissional. Nada contra a pessoa. É mais questão de estilo de jogo e de comportamento na beirada do gramado também. Mas a questão do nosso sub-20 vai além do comando técnico. Tivemos desfalques importantes de atletas que estouraram a idade e não puderam jogar. E falta também mais qualidade.

Acredito que a base deveria estar melhor preparada para lidar com essas perdas de jogadores que atingem o limite da idade no sub-20. Deveria haver reposições planejadas. Pelo menos é isso que a gente esperava após cerca de 20 milhões de reais investidos pela diretoria anterior. A antiga gestão apostou mais na contratação de atletas que estavam prestes a completar 18 ou 19 anos. Alex e Raniel são exemplos.

Agora o sub-20 da Raposa se prepara para a disputa da Copa Libertadores da categoria. Ao mesmo tempo, a nova diretoria do Cruzeiro vai implementando suas mudanças na base. Haverá contratações e dispensas. E mudança de filosofia. Espero que as investidas da nova direção sejam boas para os nossos garotos.

Mas vamos aos destaques do Cruzeiro nesta Copinha.

GABRIEL BRAZÃO – O goleiro de apenas 17 anos foi eleito o melhor arqueiro do Mundial sub-17 no ano passado e já teve a difícil missão de defender a meta celeste nesta Copinha. Ele mostrou muita personalidade e potencial. Tão jovem assim, ele ainda disputará muitas Copinhas pelo Cruzeiro e, assim, terá a chance de evoluir ainda mais. A nossa escola de goleiros continua mais forte do que nunca!

CACÁ – O companheiro de Gustavo Rissi foi um dos jogadores que mais chamou a atenção da torcida nos jogos. Isso porque ele mostrou muito equilíbrio, seriedade e segurança. Se continuar assim, ele poderá ser mais uma grata surpresa no futuro, assim como o jovem Murilo está sendo agora.

VITINHO – O lateral-direito que está atuando como meia-atacante pela direita foi o jogador mais procurado no ataque celeste. Habilidoso e veloz, ele foi o responsável pelas jogadas mais ousadas e perigosas do ataque celeste. Olho nele! Mano Menezes já sabe do potencial desse atleta e só não o promoveu ainda porque o nosso técnico pensa que Vitinho ainda precisa queimar algumas etapas no sub-20. Mas guardem esse nome.

MARCELO – Atacante de área ou ponta pela esquerda, Marcelo também foi uma das referências do ataque cinco estrelas. Com bom porte físico e velocidade, ele incomodou bastante os defensores rivais. O problema é que ele andou pecando muito nas finalizações. Pode ser nervosismo. É só trabalhar isso e ter tranquilidade que as coisas acontecerão para ele.

CESINHA – O destaque negativo do Cruzeiro foi o camisa 10. Cesinha fez uma Copinha muito ruim e pouco contribuiu para a criação de jogadas no meio de campo cruzeirense. Às vezes prendia a bola mais do que o necessário. Uma decepção. A verdade é que ele precisa abaixar um pouco a bola e jogar mais futebol.

Pedro Henrique

Olá, o meu nome é Pedro Henrique. No Twitter, sou conhecido como o @RealPedrin. No blog, todos me chamam de PH. Desde 2012, escrevo sobre o Cruzeiro. Já redigi no Blog Azul Estrelado, Camisa 11, Lance Activo, Guerreiro dos Gramados e Bloguerreiro. Não sou daqueles blogueiros que gosta mais de cutucar o rival do que de analisar o próprio time. Minha missão aqui é colocar o meu ponto de vista - dentre tantos milhões de pontos de vista possíveis - e abrir o espaço para o debate, para a troca de ideias. E prefiro ser essa metamorfose ambulante do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo. Ei, você curte o blog? Então curte lá a nossa fan page no Facebook: fb.com/blogsomoscruzeiro/. Muito obrigado! Sejam todos bem-vindos!

42 comentários em “Cruzeiro perde para o São Paulo e está fora da Copinha

  1. P.H. Bela análise! Realmente essa derrota de hoje já vinha sendo anunciada e pelos próprios jogadores da base celeste. Esses garotos têm que entender que eles já não são mais meninos e sim jogadores da base de uma grande equipe. Não podemos jogar com times do porte dos bambis, entrando com medo em todas as bolas. A raposinha nessa copinha jogou como time pequeno. Como você P.H bem frisou, os nossos atletas nem assustaram um pouquinho os bambis, que jogaram tranquilos o tempo todo, sabendo que a qualquer momento iria fazer o gol e vencer. Porque esse timinho da Raposinha não consegue se impor em nenhum momento. Precisamos urgente de mudanças tanto no comando técnico como na mentalidade dos dirigentes. Cadê as revelações? desde 2007 que tivemos o Guilherme e o Rafael, que nossa equipe não assustou mais ninguém na Copa São Paulo, que é a maior vitrine no cenário esportivo da base brasileira. “Mudanças já”. Não podemos aceitar uma categoria de base sem nenhuma categoria! Fora Emerson Ávila. Abraços pessoal. E na quarta-feira mais de 30.000, torcedores da Raposa Astuta no Mineirão. Os profissionais sim. Esses vão dar muitas alegrias.

  2. Também acho o treinador muito fraco, não sei como é que vai pra libertadores com esse time, só temos o Brasão, Cacá, Vitinho e o Marcelo, acho que tem que mudar amanhã mesmo de treinador.

  3. Como disse a pouco tempo, o time do Cruzeiro chegou até aqui na sorte. Acompanhei e gravei todos os jogos , desde o início início da copa São Paulo, para não ser precipitado ou injusto ao comentar.Time de mediano pra comum, talvez com uns três a quatro talentos,muito pouco para a estrutura de um Cruzeiro.
    Tenho ciência que mais de quatrocentos atletas são testados na ” peneirada” do Cruzeiro, é muita gente pra pouco talento pescado. Ou a peneirada não é seria , ou não temos tão bons olheiros.
    Tema pra reflexão e cobrança!

  4. O problema não é dos atletas e sim do clube … o time do Cruzeiro é goleiro , defesa , meio burocrático e sem ataque . Um bando , um monte , sem criatividade alguma , totalmente diferente do S.Paulo , defesa segura , meio servindo o ataque e um ataque criativo , com jogadas de pura técnica . Eu particularmente não gostei de ninguém do Cruzeiro , mataram os nossos , Zé Carlos , os nossos Dirceu Lopes , os nossos Joãozinhos , time fraco e sem criatividade , para não falar , sem bola.

  5. Realmente, o time é horroroso. Chegou nesta fase apenas com o peso da camisa e sorte nos pênaltis. Eu estava esperançoso de que, contra os bambis, a equipe surpreendesse e finalmente mostrasse algum futebol. Mas o time de hoje foi mais do mesmo. Ficou totalmente envolvido pelo adversário e a derrota de 1 X 0 saiu até barato. Me chamou a atenção também, negativamente, a falta de garra, de gana, de sangue nos olhos e de vontade de vencer. Ficavam tocando bola lá atrás como se estivessem ganhando, principalmente depois de tomarem o gol. Nenhuma jogada ousada, nenhuma tentativa ou competência dos atacantes para partir para cima do adversário em uma jogada individual. Em suma, uma total decepção!!

  6. Hoje a “Marca Cruzeiro” é muito forte , dá Status falar que joga no Cruzeiro. Com isto, existe uma procura muito grande de jovens de todo o Brasil pela oportunidade de fazer um teste e até mesmo um sonho de um dia jogar no Cruzeiro, ou seja a procura é grande e espontânea, o Cruzeiro não precisa mais ficar correndo atrás como acontecia antigamente que todo menino queria jogar no Flamengo.
    Nada contra a pessoa do técnico,mas, se com tanto tempo de lida no futebol,se não me engano ele regula com o Nei Franco, o Emerson Ávila ainda mexe com categoria de base , certamente é porque não demonstrou potencial para ir mais longe.
    Acho que para o bem da nação e para não passar vergonha na ” Libertadores Sub-20″ , diga ao povo que ele não fica.

  7. A base do Cruzeiro tem passado por mudanças recorrentes, trocam-se os coordenadores, os técnicos e até mesmo os jogadores, principalmente pela questão da idade.
    A verdade é que não necessitamos no momento e nem haverá jogador pronto pra jogar este ano no profissional, será até menos pressão pra eles melhorarem durante o ano. O técnico, realmente é fraco, deveria se apostar até mesmo no Célio Lúcio, que é o auxiliar, por que não?
    O único que poderia ser testado como jogador de velocidade para as vagas de Rafinha ou David é o Marcelo, mas ainda precisa de cancha. Bom atacante.
    Onde há tantos zagueiros e volantes, um goleiro que não sabe sair jogando com as mãos pra adiantar o time, um camisa 10 que só sabe driblar pro lado e perder a bola, muitos passes errados, reservas fracos e sem centroavante, realmente não pode disputar com a base dos paulistas, eles são melhores.

  8. E mais, o que me deixa preocupado é o Cruzeiro um dia se tornar tão burocrático como um Corinthians, de toques pra trás o tempo todo, lenga, lenga, como já vimos muito no profissional com o Mano. Este time do Émerson Ávila está nessa toada.
    Falta jogador que pensa, jogador que quer fazer gol, sempre ganhar.. Isto está em falta demais.

  9. DIZER PARA O MM FICAR DE OLHO NO VITINHO É UMA PIADA NÉ PH , O QUE ELE DEU DE CONTRA-ATAQUES , ELE E O CESINHA PARA O SP HOJE FOI UMA BRINCADEIRA , TODA BOLA QUE ELE PERDE ELE DÁ UM PULINHO E FICA OLHANDO , NÃO MARCA NEM COM OS OLHOS , DUVIDO QUE UM CARA DESSES JOGA NO TIME DO MM , PRECISA MELHORAR E MUITO PARA PENSAR EM JOGAR NO PROFISSIONAL .

    1. MARIO FILHO
      Ha quanto tempo?
      Nós que vivemos a trocar figurinha em outro blog , lhe encontro aqui e digo:
      ONDE ASSINO.?
      Pra te falar a verdade, gostei do Brazão, no mais eu achei que se saíssem ninguem sentiria falta.
      Abração amigo celeste.
      Helio

  10. Disse tudo,tem que mudar a filosofia e considerar a importancia que a base tem que ter.Chega de desperdício de dinheiro,espero que os novos profissionais tenham a atitude certa para o Cruzeiro se beneficiar desse importantíssimo departamento do clube.Esses jogadores que vc citou foram os destaques do time,eles merecem ser olhados com responsabilidade.O Cesinha quando apareceu,impressionou,mas parece que não tem futuro,não é objetivo, e apesar de ter algum talento,a cabeça não ajuda.

  11. A BASE EXISTE PARA SELECIONAR ATLETAS QUE TENHAM TALENTO E QUALIFICÁ-LOS ATRAVÉS DO APRIMORAMENTO TÉCNICO E DO DESENVOLVIMENTO DE SUAS POTENCIALIDADES ESPECÍFICAS, PREPARANDO-OS PARA QUE INGRESSEM NOS PROFISSIONAIS. DENTRO DESSE RACIOCÍNIO, É INCONCEBÍVEL QUE OS ATLETAS DO SUB 20 DE UM CLUBE COMO O CRUZEIRO NÃO SAIBAM TROCAR PASSES SEM ERRÁ-LOS OU TOMAR UMA DECISÃO ACERTADA QUANDO TÊM A POSSE DE BOLA, SEM FALAR EM OUTROS EQUÍVOCOS MENOS GRITANTES. ISSO SEM FALAR DA CULTURA DE ATACAR COM BOLAS LONGAS, OS CHUTÕES, TÃO A GOSTO DE EMERSON ÁVILA. NÃO É SEM RAZÃO QUE ÉLBER E ALISSON NÃO SÓ NÃO SABEM FINALIZAR, COMO QUASE SEMPRE TOMAM DECISÕES ERRADAS QUANDO TÊM A BOLA EM SEUS PÉS. TANTO NO BRASILEIRO SUB 20/2017, QUANTO NA CB/2017, JOGAMOS UM PÉSSIMO FUTEBOL E AMBOS FORAM DECIDIDOS NOS PENALTIS, O QUE PARECE AGRADAR AO TREINADOR,POIS TORNOU-SE ROTINA. DESSE TIME AÍ, LEVAM JEITO BRAZÃO, LUCAS SOARES, CACÁ (ESSE É BOLA CHEIA) E VÂNDER. VITINHO NÃO É LATERAL E CEZINHA É ESCALADO EQUIVOCADAMENTE DE MANEIRA QUE SUA IMENSA HABILIDADE NÃO SEJA APROVEITADA, SENDO ANULADA EM UM ESQUEMA TÁTICO QUE NÃO PERMITE QUE ELA APAREÇA. GUARDIOLA É, COMO TELÊ SANTANA O ERA, UM GRANDE TREINADOR ACIMA DE TUDO POR SABER APROVEITAR AS QUALIDADES DE CADA JOGADOR, BASTA VER O QUE RENDEM QUANDO SÃO TREINADOS POR ELE E O CITY HOJE É A MAIOR PROVA DISSO, COM VÁRIOS JOGADORES QUE ERAM MEDIANOS VIRANDO PROTAGONISTAS.

  12. No gol do são paulo o zagueirão do cruzeiro, mal posicionado, ficou olhando pro alto, falhou feio, e ainda por cima tentou por a culpa na lateral esquerdo, a bola veio pelo centro da area, é brincadeira, estes zagueiros da base, inclusive os que subiram pro profissional não tem a minima vontade de JOGAR FUTEBOL.

  13. Se alguém tiver acesso às estatísticas dos jogos do Cruzeiro pela Copinha, poderá comprovar um fato, astronomicamente, absurdo: o volante Márcio errou 90% dos passes, Assisti a todos os jogos e esse jogador atuou em todos, e nem substituído foi. Aí tem “treta”.

  14. Uma base que se tem peneira de cartas marcadas , ai sobe essa perebada ai!

    Precisa de um limpa dos empresários na base , tal como o Santos fez, sabemos que tem dedinho de gte com influencia na base que coloca quem quer lá.

  15. Esse treinador do Cruzeiro é fraquíssimo, muito ruim, se não troca-lo seremos um fiasco na libertadores. O Cruzeiro não convenceu em nenhum dos seus jogos e mesmo quando jogou com o Atlético ficou evidente que jogamos pior. Se não mudar a comissão técnica não vamos para lugar nenhum.

  16. Sofremos nós, que esperamos um Cruzeiro sempre combativo e que passe alguma esperança de que vai ganhar o jogo. Não vi isso ontem. Não vi mudança alguma do primeiro para o segundo tempo. O time tomou um gol em um jogo decisivo e continuou sendo dominado do mesmo jeito que vinha sendo dominado desde o início. Não mudou a postura, não partiu para cima nem que fosse para achar um gol e forçar os pênaltis. Acho que o treinador demorou demais para mexer no time.

    Ainda assim, tivemos chances e não soubemos aproveitar.

    Além de o time do São Paulo ser superior, pareceu-me também com melhor preparo físico.

  17. Sem dúvida nenhuma o time é PÉSSIMO!!

    Não enxergo nenhum jogador com possibilidade de chegar no profissional. Falaram que o tal de Vander, que não jogou ontem por estar suspenso, é a maior promessa da base, se for verdade, estamos mal. Ele acha que joga algo, mas não passa de um jogador comum que só toca de lado ou para trás, não tem poder de marcação e não faz uma jogada aguda..ou seja, é fraco.

    Sobre Outro que falam muito é o Cesinha. Fraco, não joga nada…é o nosso camisa 10..Que nível!!

    Resumindo, tem que trocar tudo….

  18. Esse sub 20 celeste dispensa comentários. Eta turma ruim de bola viu! Tanto investimento pra isso aí. Acho que o Cruzeiro tá jogando dinheiro no ralo, gastando fortunas anualmente com esses caras. Tudo mascarado e jogar bola que é bom, nada…Pra quem acompanhou os jogos da copinha viu que dali dificilmente sairá alguém pra o time de cima. É hora da diretoria tomar pé da coisa e mudar radicalmente aquele departamento. Uma vergonha!

  19. O técnico é o espelho do seu par, no profissional, Mano. Medroso, sem iniciativa, vimos isso todo ano de 2017, principalmente, jogando em casa: foi salvo pela Copa do Brasil. Como disse o colega Túlio, na crônica passada, esse Marcelo é muito parecido com Allano, e, incluo aí, ainda, tem estilo parecido com Joel…. Cruzeiro, muda a base urgente! E Mano, se não mudar a visão e estilo de jogo, será difícil: começar o ano com seus protegidos, Cabral e Henrique, mesmo após a contratação de reforços, por milhões, como Bruno Silva e outros, é brincadeira… E não me venham falar que tem que ir colocando os caras aos poucos: Cabral, cuja contusão (não desejo mal a ninguém) para o time, em 2017, foi um reforço e até o considero um bom reserva, experiente, tem técnica, porém muito lento, mas não teria saído nunca pelas mãos do Mano!. Portanto, na minha opinião, nada justifica ele voltar titular, após meses de longa recuperação. Itair e o jogo contra as frangas marcado para a semana da LA no independência, porque será??? Temos que cobrar!!!

    1. Esse jogo contra as frangas em véspera de Libertadores não é a primeira vez, e ainda passaram para o calor das 11h da manhã. O jogo está marcado desde dezembro e até agora nenhuma nota da diretoria sobre a jogadinha da federação mineira de frangas.

  20. O que mais me deixa indignado é uma base ter a estrutura que tem com um centro de treinamento onde jogaram Dirceu Lopes, tostão, Nelinho e toda seleção de 82 e não conseguir sobressair sobre times sem expressão da primeira fase. Acho que tem que trocar dos olheiros ao treinador!

  21. Acho que deve se ter muito cuidado ao se analisar um jogador da base. Principalmente porque são inúmeras histórias de jogadores que foram reprovados em vários testes em equipes grandes e depois arrebentam em outras. E isso ocorre mito pela incompetência de quem está trabalhando na formação desses jogadores. Conheço a maioria daqueles meninos, pois sei aula pra eles na TOCA I. Muitos desses meninos, como já dito por alguém antes estão no Cruzeiro pela Vitorino que o clube é. No entanto, não têm o sonho de ser jogador de futebol. Têm o sonho de ser famosos, se tornarem celebridades. Caso, por exemplo do Cesinha. Mas não creio que seja uma geração totalmente perdida. O clube precisa trocar o treinador e não só a coordenação. Minha sugestão são os treinadores da base do Botafogo, cuja mentalidade de formação está mais ligada à tradição de jogo do Cruzeiro. Estou acompanhando o Emerson Ávila desde o ano passado e ganhamos o Brasileiro com vitórias magras e empates nos 4 últimos jogos do mata mata. Depois mais dois empates e novo título nos pênaltis contra as frangas. Nesses jogos todos o time só se defendeu. É visível que não se sabe o que fazer quando está de posse da bola. Seja pra propor o jogo ou pra sair no contra ataque. Mas acho que tem bons nomes. Brasão (os erros de saída são falta de treinamento), Vitinho (que foi muito mal ontem, mas tem potencial e precisa ter uma definição de onde joga como já disse anteriormente), Marcelo (muita qualidade que está sendo desperdiçada por ter que voltar pra marcar o tempo todo, faltando-lhe “perna” às vezes pra concluir melhor as jogadas) e Cacá ( que foi mal improvisado na volância ontem, mas que mostrou Boa técnica e visão de jogo como zagueiro).
    Em tempo, perguntado por um coordenador se preferia ganhar 500 mil euros no Real Madrid ou 1 milhão de euros no mundo árabe, Cesinha respondeu a segunda opção, “pois ainda vou ganhar relógio e até carro dos xeiques quando eu arrebentar lá”!

  22. PH, muito bom seu comentário, também acho que foi uma das piores participações da Rapozinha na Copinha desde seu início, concordo com tudo, os destaques e a grande decepção Cesinha, aliás parece que o sufixo “inho” para alguns jogadores não faz bem, tornam se mimados e mascarados muito cedo. Concordo plenamente que a nova Diretoria tem que interferir imediatamente, aliás já está realizando algumas mudanças e a principal é mudar o comando técnico, ao contrário do profissional, acho que o técnico deveria ser uma pessoa mais de idade, a molecada precisa tipo paizão, que tenha moral para puxar as orelhas se for preciso. Tipo Givanildo. Gastar 20 milhões na base é consequência da péssima administração da ex diretoria. Se não mudar radicalmente, este time vai dar vexame na Libertadores da categoria, aí a coisa complica, não podemos cair na chacota das frangas no recente torneio do Mickey, se tem rebaixamento os garnizes estaria rebaixados.

  23. Esse Cesinha é um lixo, uma marra danada, reclama de tudo, não toca a bola, não faz uma jogada coletiva produtiva. Ver esse menino com a 10 do Cruzeiro demonstra a incompetência da base Celeste.

  24. Jogadores estilo Cesinha,Thonny Anderson, Ganso,D’Alessandro,etc…Não tem mais espaço no futebol.O padrão e melhor fundamento é o passe,bem como a ocupação inteligente de espaços vazios.Carregar a bola e o drible são “recursos”.Temos exceções como Messi e Neymar.Estes são talentos natos.
    O mais estranho é que esse estilo “medroso” do time Sub-20 vêm desde o ano passado.
    Por outro lado,jogadores chegarem ao Sub-20 sem estarem aptos em fundamentos básicos do futebol é muito estranho.É até uma surpresa,para um time estruturado como o Cruzeiro.
    Ter um meio de campo com jogadores horrorosos como os volantes Vander e Márcio é inadmissível.Além disso,o armador é o peladeiro Cezinha.
    Se jogadores estouraram a idade,uma categoria de base planejada e bem estruturada,teria “reposições” à altura.
    Vencer ou perder faz parte do esporte,mas vencer “nos penaltes” e perder “sem sangue e talento” indica algo muito errado na gestão das categorias de base do Cruzeiro.

  25. Desculpe-me mas a noite não foi ruim para o Cruzeiro. Ruim foi e é o time do Cruzeiro.
    Gabriel Brasão, Gustavo Rissi, Cacá e Vitinho são talentosos, o resto só entram em campo porque precisam de 11.
    Acompanho esse Cesinha desde o Sub-15, ele sempre foi assim: mascarado, desinteressado, preguiçoso, com má vontade. Precisa ser emprestado para uma equipe de Sergipe, Roraima, Rondônia, Amapá… Precisa reconhecer a estrutura que lhe é oferecida hoje, caso contrário será mais uma eterna promessa, como foi Joaozinho, Bernardo, Luis Fernando, etc.

  26. O Cruzeiro Continua com a síndrome de perder para o São Paulo e agora até nos Juniores! Que coisa ? Mas cá pra nós: Que treinador fraco esse do Cruzeiro heim? Um time sem nenhum entrosamento, sem toque de bola, sem esquema tático, jogando com medo…. olha, mereceu perder! Simples assim!

  27. Time horroroso. Sinceramente salvam o goleiro e zagueiro cacá, o resto são todos feijão com arroz. Com esses jogadores este time não vai chegar a lugar nenhum na libertadores. é por isso que é difícil revelar alguém da base, a maioria são medianos.

  28. A síndrome Mano Menezes contaminou a base. Um timinho letárgico, que não agride. O mesmo do comandado pelo “mestre”. Entra em campo para não tomar gol. Quando toma, não tem como reagir. Falta de mentalidade dos comandantes. E, por falar nisso, a torcida tem que ficar de orelha em pé. As lambanças já feitas pela nova diretoria, são muito perigosas.

  29. Esse sub-20 tem treinador fraco, time fraco e perspectiva ruim para uma renovação. Com essa “base” a melhor solução foi investir mesmo em jogadores cascudos. Agora temos que torcer para o time principal dar muito certo, caso contrário essa diretoria poderá QUEBRAR o clube. Temos exemplos do Fluminense, Corinthians e até mesmo o Patético de investir muito dinheiro e não ganhar nada e a a conta chegar muito alta. O caso do Roni mostrou um amadorismo muito grande dos dirigentes: como repassar um jogador para o Botafogo sem antes resolver a situação com o time japonês ? Tomara que esse time possa engrenar logo …

  30. Time Fraco da Base e Técnico Burro!!!!
    Será que o Técnico não viu que o São Paulo estava dominando o jogo até quando estava vencendo??? Alguns jogadores já se acham Super Estrelinhas também.
    O Jogador do Cruzeiro perdeu um Gol na cara do Goleirinho do São Paulo, depois quem não faz leva mesmo. Alguns Garotos da Base se acham o Novo Pelé, Messi, CR7, etc.
    Mereceu ser Eliminado mesmo.

  31. Bom dia, PH.
    – é JUSTO e NECESSÁRIO o descontentamento com as atuações do time de júnior nas competições, pois nos habituamos a jogar cadenciado, com habilidade, raça e com espírito vencedor, por isso exigimos sempre que o CRUZEIRO mesmo que não conquiste títulos, mas que jogue como academia, SEMPRE!
    – Sabendo que disputaria a Copa São Paulo de Futebol Júnior, jogadores substitutos já deveriam estar treinando para a competição desde setembro! FALTA DE PLANEJAMENTO
    – A peneirada é seria? Basta filmar a peneirada para comprovar a não seriedade do “responsável”.
    – A impressão de que o time estava apático e sem garra é a efetiva falta de jogadas treinadas ofensivas e excesso de jogadas defensivas desse medíocre pseudo treinador. RETRANQUEIRO! Igual ao MANO.
    – Emerson Ávila é medroso, sem iniciativa e assim jogou todo ano de 2017 tal qual o time do Mano. Emerson Ávila é sinônimo de treinador fraco cujo time é desentrosado, sem toque de bola, sem esquema tático, jogando com medo. NADA CONTRA A PESSOA, e SIM COM O TREINADOR!
    – A Copa do Brasil foi conquistada na bacia das almas, SORTE, e sorte não acontece sempre. Para não passar vergonha na ”Libertadores Sub-20 e Libertadores Profissional″ é preciso mudar os treinadores ou eles mudarem seus esquemas RETRANQUEIROS, pois se assim continuar vai ganhar jogos apertados e títulos TALVEZ!
    – É preciso treinar a base como ACADEMIA, tal qual o CRUZEIRO jogava. Este regimento interno tem que ser seguido e ter o modelo de treinamentos e técnicos característicos de uma ACADEMIA DE FUTEBOL CRUZEIRO. MUDANÇA JÁ E ESCOLHA CORRETA, JÁ!
    -OBS.: Os jogadores jogam conforme foram treinados.

  32. Não acho o time tao fraco assim como li em alguns comentários.
    Acho o time mal treinado e jogadores MASCARADOS. Precisam ver a realidade de onde estão.
    Não vejo tbm tanto futebol nesse Marcelo, na minha opinião, só se salvou o Kaká.
    Quanto a Libertadores, com esse técnico e esse time que está Aí, não teremos chances.

  33. PH, ótimo o seu comentário… realmente, não só o Cruzeiro, mas o futebol brasileiro tem que dar um toque profissional nas categorias de base. Para que serve uma base? Não é para formar jogador? Ora, o que mais se vê na base é jogador errando tudo e em todos os jogos… fundamentos que deveriam ser treinados à exaustão, deixam a desejar e muito… será que os técnicos não os cobram nos treinamentos? No meu modo de ver, sendo um clube uma empresa, a base serve para produzir peças para o time principal… quais são as nossas deficiências atuais? Laterais, armadores e finalizadores… nesse time sub-20 do Cruzeiro salva-se muito pouco… o Cesinha tem tudo para ser craque, mas parece ter se perdido na passagem do sub-17 para o sub-20… talvez falte um técnico de verdade para orientá-lo melhor, dar a ele suporte, coisa que infelizmente o Emerson Ávila não é capaz de fazer, mesmo porque o que mais vejo ele fazer é tirar o garoto durante o jogo ou deixá-lo na reserva… isso não é ser base… esses meninos precisam ganhar cancha, criarem casca… desde à época do Enderson Moreira não surge um jogador promissor no Cruzeiro… Algo está errado nisso tudo!!!

  34. PH, esqueci de comentar a respeito da colocação em campo do Cesinha… ele não é armador, dá pra ver claramente que ele se enrola com a bola… na realidade ele é atacante pelas pontas, mas o nosso técnico, diante da sua incompetência, não enxerga isso!

  35. Dos grandes clubes o Cruzeiro sempre foi um dos que apresentaram mais resultados pífios.Tem algo errado nas categorias de base do Cruzeiro.É muito investimento pra pouco resultado,isso a décadas.Ver aquela atuação horrível contra o São Paulo (já vinha mal desde o início) foi de dar vergonha.Parecia um time do Acre ou Rondônia dominado totalmente pelo São Paulo.Revelar é o mais importante, mas os caras tem que aprender a ser campeões desde cedo.O rival no sub-20 tem 33 titulos mineiros,mais que o dobro do Cruzeiro,que fica atrás até do América.As administrações do Cruzeiro sempre falharam na base.VERGONHA!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *