Skip to main content
 -
Pedro Henrique é professor, blogueiro e cruzeirense fanático. Escreve desde 2012 e já teve passagens no Blog Azul Estrelado, Camisa 11, Lance Activo, Guerreiro dos Gramados e Bloguerreiro. Siga @RealPedrin no Twitter e acompanhe diariamente os comentários do blogueiro. Curta a fan page oficial do blog no Facebook: fb.com/blogsomoscruzeiro/

Cruzeiro sai atrás, mas bota pressão e estreia com vitória na Copinha

Cruzeiro sai atrás, mas bota pressão e estreia com vitória na Copinha. (Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro)

Foi suado. Foi no sufoco. Foi na pressão. Mas o Cruzeiro estreou com o pé direito na Copa São Paulo de Futebol Júnior. O adversário foi nada mais nada menos que o Batatais, equipe que foi vice-campeã do torneio no ano passado. Sem nomes importantes como Victor Luiz, Eduardo, Nickson, Jonata e Thonny Anderson, o técnico Emerson Ávila teve que reinventar a maneira de jogar e no início não deu muito certo.

O técnico do Cruzeiro decidiu escalar a equipe com três zagueiros, quatro meias e três atacantes. Um 3-4-3 clássico. Mas acontece que a escola de futebol da Raposa nunca se deu muito bem com a ideia de três zagueiros. O torcedor que acompanha o sub-20 estranhou a novidade, já que a tendência nacional é que as equipes de base utilizem a mesma formação e a mesma filosofia do time principal, até mesmo para facilitar o processo de transição.

Pois bem. A ideia do Emerson Ávila não deu muito certo no primeiro tempo. O Cruzeiro até começou atacante, arriscando bastante de fora da área, mas sofria na transição da defesa para o ataque. Os zagueiros e os volantes erravam muitos passes e cediam o contragolpe para o Batatais. E foi numa dessas que aos 20 minutos, em uma bola lançada do meio de campo, que o atacante Victor recebeu na área e tocou no canto do goleiro Gabriel Brazão.

No segundo tempo, o comandante celeste tirou o zagueiro Gustavo Rissi e colocou em campo o atacante João Diogo. Assim, o Cruzeiro passou a atuar no 4-2-3-1, que é a formação utilizada pelo técnico Mano Menezes. Precisando empatar o jogo, a Raposa se lançou à frente e fez muita pressão contra o adversário. Aos 21 minutos, João Diogo arrancou pela esquerda, chegou até a linha de fundo, deu um passe rasteiro para Vitinho, que com muita habilidade driblou os zagueiros e bateu firme, sem chances para o goleiro. Um belo gol. O Vitinho é, realmente, uma grande promessa do Cruzeiro. Habilidoso, parte pra cima, faz gols. Mano Menezes disse que ele não vai ser promovido agora porque ainda precisa passar por algumas etapas no sub-20. Mas promete o garoto!

Naquela altura do jogo, o Batatais já vinha promovendo várias alterações na sua equipe. Eles mudaram meio time. Era nítida a disparidade da preparação física entre os dois clubes. O Cruzeiro sobrava em campo fisicamente. Até o momento do empate, a Raposa só havia efetuado uma alteração. A segunda só foi acontecer aos 29 minutos, com a entrada do meia Alesson no lugar do camisa dez Cesinha.

E a pressão continuava. Em alguns momentos, era possível ver o zagueiro Cacá arrancando do campo de defesa e conduzindo a bola até a área do Batatais. Aliás, o beque cruzeirense foi um dos destaques do jogo. Uma belíssima atuação. Aos 39 minutos, Vitinho quase fez mais um, mas o goleiro João Pedro fez grande defesa. Só que na sequência não teve jeito. O capitão Vander, volante, arriscou de fora da área e fez um gol magnífico. O gol da vitória. Merecido, após tamanha pressão. O Cruzeiro esmagou o Batatais no segundo tempo. E o nosso oponente não jogou quase nada na etapa final.

Penso que o técnico Emerson Ávila complicou um pouco as coisas ao mandar um time com uma formação diferente logo na estreia. Ainda bem que ele corrigiu as coisas. A mudança no esquema tático foi fundamental para a virada. E a preparação física da equipe também. Com o triunfo, o Cruzeiro assume a liderança isolada do grupo 12, já que a Inter de Bebedouro e o Nova Iguaçu empataram sem gols. O próximo confronto da Raposa na Copinha será neste domingo, contra o Nova Iguaçu. Outro jogo difícil.

Começamos bem. O grupo é difícil, mas se quisermos levar a taça para casa, vamos ter que superar todos os nossos desafios e os nossos problemas. Os destaques do jogo de hoje foram o zagueiro Cacá, o volante Vander e os atacantes Vitinho e Marcelo. Enfatizo também o goleiro Gabriel Brazão, de apenas 17 anos. Ele foi eleito o melhor goleiro do Mundial sub-17 no ano passado. Que escola de goleiros, amigos!

Pedro Henrique

Olá, o meu nome é Pedro Henrique. No Twitter, sou conhecido como o @RealPedrin. No blog, todos me chamam de PH. Desde 2012, escrevo sobre o Cruzeiro. Já redigi no Blog Azul Estrelado, Camisa 11, Lance Activo, Guerreiro dos Gramados e Bloguerreiro. Não sou daqueles blogueiros que gosta mais de cutucar o rival do que de analisar o próprio time. Minha missão aqui é colocar o meu ponto de vista - dentre tantos milhões de pontos de vista possíveis - e abrir o espaço para o debate, para a troca de ideias. E prefiro ser essa metamorfose ambulante do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo. Ei, você curte o blog? Então curte lá a nossa fan page no Facebook: fb.com/blogsomoscruzeiro/. Muito obrigado! Sejam todos bem-vindos!

22 thoughts to “Cruzeiro sai atrás, mas bota pressão e estreia com vitória na Copinha”

  1. PH, você com toda sua astúcia e seus contatos no cruzeiro, saberia informar o porquê do empréstimo do Thonny Anderson para o Grêmio no mesmo dia quem o Mano fez elogios a ele e até a possibilidade de passa-lo para p profissional? Quais as condições desse empréstimo? Foi com valor fixado? será devolvido no fim do ano? Qual o porcentual do Cruzeiro no passe?
    Saudações 5 estrelas.
    Sérgio Aguiar

  2. Pedro, permita-me uma observação. O Vitinho realmente é mito muito bom jogador. Mas acho que está sendo mal trabalhado na base. E porque estou dizendo isso? Ele é lateral direito de origem. Porém, a cada jogo que assisto do sub-20, vejo-o em uma posição diferente. Já foi, além de lateral, ala (normal), atacante de lado e hoje, no momento do gol era centroavante. Claro, que o futebol moderno exige versatilidade dos jogadores. No entanto, ao meu ver, seria importante que o garoto tivesse uma definição de sua real posição, para que a sua formação seja completa e, a partir daí sua versatilidade seja potencializada. Até porque tenho traumas com jogadores que “jogam em todas” desde o Paraná, que nem a competência de anular o Verón em 2009 após o nosso gol conseguiu e sempre entregava a rapadura de lateral, zagueiro ou “na dele” que era a volância!

    1. Prezado, quem era encarregado de marcar o maior ídolo da galinhada naquele jogo era o Ramires, foi ele quem se acovardou logo no primeiro combate, quando tomou um chega pra lá mais forte. Daí pra frente, deixou o camarada livre praticamente o tempo inteiro, inclusive no início da jogada do gol de empate, quando nem tentou impedir o lançamento do galinhon para o companheiro que entrou livre nas costas do Magrão (que foi igual doido para o ataque e não voltou) e depois cruzou para o autor finalizar.

  3. ESSA DO THONNY ANDERSON ESTA CHEIRANDO MAL , POIS NINGUÉM FOI CAPAZ DE PERGUNTAR AO ITAIR SE O JOGADOR FOI EMPRESTADO COM O PREÇO DO PASSE FIXADO , ELE FALOU , FALOU E NÃO RESPONDEU ISSO , ME PARECE COISA MAL FEITA QUE DAQUI UM ANO QUANDO O JOGADOR ESTOURAR E AI ADEUS JÁ FOI E NÃO SE PODERÁ FAZER MAIS NADA . PH VOCÊ SE ESQUECEU DO JOÃO DIOGO QUE ENTROU MUITO BEM , JOGADOR FORTE COM BOA MOVIMENTAÇÃO , VELOZ , AGORA O CESINHA REBOLADOR ESTA DEVENDO , PRENDE MUITO A BOLA E ELA NOS PÉS DELE NÃO VIRA NADA PARA O CRUZEIRO , PRECISA APRENDER A SER MAIS OBJETIVO SENÃO LOGO LOGO SOME .

    1. É verdade. Eles tem que explicar isso melhor.

      A base é melhor caminho para deixar o time sustentável financeiramente.

      Todos esses jogadores que o Cruzeiro está contratando são muito bons, mas não trará nenhum retorno financeiro para o clube em caso de venda, pois, a maior parte dos investimentos são de terceiros e, eles irão querer um retorno em caso de venda futura, pois, ninguém investe dinheiro a troco de nada.

  4. Também acho o Vinho é uma grande promessa, mas tinha que definir a posição dele, gosto como lateral e meia aberto pela direita, o treinador deu uma de professor pardal no primeiro tempo, jogando com 3 zagueiros, acho o treinador fraco. Temos 4 jogadores de muito futuro que jogaram hoje, o Cacá, Vander, Marcelo e o Vitinho.

  5. O vitinho me pareceu bem confortável jogando lá na frente .Assim como outros destaques, ele merece atenção especial no seu desenvolvimento técnico e psicológico para se transformar num profissional de sucesso.Acho também que o Cacá, tem muita qualidade,aquela jogada que ele passou por vários jogadores da esquerda para a direita,que quase terminou em gol foi impressionante.Tiro o meu chapéu para a nova diretoria por toda a mudança em vários departamentos do clube,na base também teve ,isso é bom.

  6. Uma coisa que nunca consigo entender, é que se gasta tanto na base e pouquíssimos jogadores, com talentos indiscutíveis são efetivados à jogar no time principal. Acredito que a torcida adoraria que esse panorama fosse invertido ou pelo menos explicado. Seria-nos muito interessante. Será que falta coragem, ou seria mau planejamento.
    O ‘Budget (orçamento), não seria extremamente mais lucrativo?
    Talvez até, quem sabe, explicação para esse cenário seria ‘HiDDEN AGENDA’ ( interesses ocultos).
    Pedro, a palavra está com você!

    1. Concordo plenamente com esta linha de pensamento, afinal de contas estamos atravessando uma séria crise econômica em nosso país. Acontesse que em 2018 temos a Libertadores e precisamos sim de jogadores mais cascudos para este tipo de disputa. Só Deus é quem sabe o que acontesse nestas transações milionárias entre jogadores, empresários e clubes envolvidos. Se não houver obras, não tem como justificar o dinheiro gasto nas negociações. Cruzeiro sempre. Abraços

  7. Valeu pelo resultado, mas sinceramente penso que do time de ontem, tomara Deus que eu queime minha língua mas os jogadores 4, 5, 6 e 10, são muito abaixo e destoam dos demais. O zagueiro me lembra o rafael vaz do flamengo que fazer lançamento e é muito ruim, o volante erra muitos passes e só não foi pior pela sua força física ante os franzinos meninos do batatais, o lateral esquerdo quis menosprezar o adversário inventando uma lambreta que deu errado e não produziu nada de efetivo e nosso “camisa 10” dava uma de sedex queria entregar a bola no pé do companheiro e não fez nada que justificasse envergar camisa de tamanha tradição. Por fim, achei muito interessante o zagueiro cacá, consciente e firme, o Marcelo também se sobressaiu mas não vou me precipitar pois o Alano foi muito parecido e o Vitinho é uma grata surpresa, porém muito franzino, lembra o Neilton, tomara que não.

  8. Parabéns a nova diretoria do Cruzeiro, está agindo com competência, só gostaria de dar um puxão de orelha no Itair , para que ele converse menos, ficar divulgando dívidas tais como salários atrasados, todos os times Brasileiros estão com seus salários atrasados só que não divulgam.

    1. A intenção é botar pressão em cima do Gilvan e tirar o dele da reta, afinal de contas acabou de assumir.

      Só está jogando pra torcida, quer ter apoio imediato.

      Itair não tem nada de bobo.

    2. O Itair, vice de futebol do maior de Minas, acabou de quitar salários de novembro e as duas parcelas de 13º salário, informou a Itatigalo, ou seja, espero que a mídia noticie isso também, pois falar das dívidas do clube inclusive de salários atrasados é o que mais falam…

  9. Thonny Anderson é o jogador de maior potêncial da base do Cruzeiro, já deveria ter sido integrado ao profissional faz bastante tempo e agora será “emprestado” ao Grêmio. Não gosto nada dessa história, se tiver o passe fixado é bem provável que fique por lá e brilhe por outro clube.

    O Cruzeiro precisa aproveitar melhor as grandes promessas da base.

  10. O Cacá pode se tornar um grande zagueiro,mas ainda está lento.O Vitinho possui um estilo moderno de movimentação.Poderá render muito no futuro se acharem sua real posição.O Marcelo,se bem trabalhado,poderá de tornar um grande atacante.No mais,o Cruzeiro só venceu o Batatais pelo melhor preparo físico.Em tempo:o Thonny Anderson é foguete molhado.Não decidiu nada na base,quando solicitado.Seu estilo não combina com o futebol moderno.

  11. Se for mesmo empréstimo por um ano acho que vale a pena. Se o cara for bom mesmo, lá terá mais chance e menos cobrança e com certeza voltará valorizado e quem sabe com chances, aqui ele não teria as mesmas chances. Agora o Vitinho joga bem e quem sabe jogar futebol e gosta, joga em todas posições. Gostaria de vê-lo atuando nos profissionais, mesmo raquitico ele joga muito.

  12. VITINHO TEM MUITA SEMELHANÇA DENTRO DE CAMPO, COM ESTILO DO JOGO QUE CAFÚ ATUAVA DENTRO DO SÃO PAULO E NA SELEÇÃO. VERSATIL .
    ESTE ATLETA O VITINHO E UM BAITA JOGADOR. SE JOGASSE NO FUTEBOL DA ARGENTINA, JÁ ESTAVA NO PROFISSIONAL.
    OLHO NESSES ATLETAS! TORCIDA DO CRUZEIRO.
    CESINHA E GABRIEL BRAZÃO E MARCELO E CIA.
    NA ARGENTINA OS JOGADORES DA BASE COM DESTAQUE SÃO LANÇADOS NO PROFISSIONAL ACIMA DE 16 A 18 ANOS,. NO BRASIL PARECEM QUE É COMUM JOGADORES EX BASE RODAM E RODAM E ALGUNS. SURGEM NO FUTEBOL, SOMENTE DEPOIS DOS 24 ANOS A 27 ANOS. EX ( LUCAS LIMA, KENO, EVERTON RIBEIRO, ZE RAFAEL, BRUNO SILVA,BRUNO HENRIQUE, DAMIÃO E CIA ).

    NOVA DIRETORIA SENHORES ,( ITAIR MACHADO E PRESIDENTE WAGNER PIRES DE SÁ E CIA, FOCO A PARTIR DE 2018, EM JOGADORES DE DESTAQUES DE BASE DE OUTROS CLUBES COM IDADE ENTRE 16 A 19 ANOS. JOGADORES QUE POSSAM SURGIREM NA COPINHA DE SÃO PAULO E COPA BH SUB 16 E NA COPA RS SUB 20.
    ESSES ATLETAS SENDO INVESTIDOS GASTAM, MENOS E INVESTIMENTOS E O FUTURO PROMISSORES .
    PENSANDO NO CRUZEIRO EM 2021 A 2030. PLANEJAMENTOS E ESTRATÉGICAS, SEJAM NA COMISSÃO DE OLHEIROS EX ATLETAS DO CRUZEIRO. FUTURO POSSAM ESTAR NESTAS BUSCAS.
    CONTRATAM 4 JOGADORES , REVELAÇÕES DA COPA SÃO PAULO E BUSCAM 4 DESTAQUES DOS CAMPEONATOS ESTADUAIS NO BRASIL ( SP,RS,MG E NORDESTE COM ATLETAS ENTRE 18 A 20 ANOS. BASE EM INVESTIMENTOS E POSSAM TRAZER RETORNO NO FUTURO.
    SEJAM INVESTIMENTOS CUSTOS VIÁVEL. TOCAI E TOCA II.

  13. O Vitinho é muito bom de bola, jogador rápido e habilidoso, só acho que o treinador é muito fraco, escalou mal o time, o Marcelo também é muito bom, acho que precisa de um treinador melhor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.