Skip to main content
 -
Pedro Henrique é professor, blogueiro e cruzeirense fanático. Escreve desde 2012 e já teve passagens no Blog Azul Estrelado, Camisa 11, Lance Activo, Guerreiro dos Gramados e Bloguerreiro. Siga @RealPedrin no Twitter e acompanhe diariamente os comentários do blogueiro. Curta a fan page oficial do blog no Facebook: fb.com/blogsomoscruzeiro/

Clássico se ganha dentro de campo

O clássico é jogado dentro das quatro linhas e ganha quem faz mais gols. Óbvio, né? (Foto: Vinnicius Silva/Portre Imagens)

Clássicos entre Cruzeiro e Atlético eram realizados no Mineirão, com as duas torcidas divididas de forma igual. Mas no ano de 2010 essa realidade teve que ser alterada, uma vez que o Mineirão passou por reformas estruturais por causa da realização da Copa do Mundo em 2014. Sendo assim, os dois clubes se reuniram e decidiram em comum acordo que os clássicos seriam realizados apenas com a torcida do time mandante.

Mas a história do clássico com torcida única não começou a ser pensada em 2010. No ano anterior, o presidente Alexandre Kalil, do Atlético/MG, ameaçou colocar 90% de atleticanos no Mineirão e 10% de cruzeirenses. O motivo? O ex-mandatário do alvinegro ficou insatisfeito com uma decisão da Polícia Militar que impedia que o rival ocupasse o banco de reservas que ficava próximo ao bandeirinha. A polêmica do túnel do Mineirão rendeu várias brigas entre Kalil e Zezé Perrela. Vale lembrar que em 2009 o Atlético conseguiu fazer com que seu time ocupasse o banco próximo do auxiliar de arbitragem. Mesmo assim eles perderam o jogo, e Zezé fez deboche com os atleticanos.

Voltemos ao ano de 2010, quando o Mineirão foi, de fato, fechado. Cruzeiro e Atlético entraram em acordo. Ficou decidido que os clássicos seriam disputados com torcida única. O primeiro jogo aconteceu no Campeonato Brasileiro daquele ano, com torcida exclusivamente atleticana. Não tinha torcida do Cruzeiro. Eram só jogadores e comissão técnica. Nem o presidente poderia estar presente, por “questões de segurança”, conforme Kalil e Perrela combinaram. O Cruzeiro venceu esse jogo por 1×0, na Arena do Jacaré. Depois disso, no returno do Brasileirão, a Raposa mandou seu jogo no Parque do Sabiá, em Uberlândia, com apenas torcedores cruzeirenses. O resultado? Vitória do rival, por 4×3.

De 2011 até o Campeonato Mineiro de 2012, todos os clássicos foram disputados na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas. Foram 4 vitórias do Cruzeiro, 1 do Atlético e 1 empate. Dentre essas vitórias da Raposa, duas foram com mando de campo do rival e duas com mando nosso. No 6×1, na última rodada do Brasileirão 2011, o Cruzeiro foi o mandante. A goleada mexeu com os ânimos do presidente Alexandre Kalil, que prometeu vingança, dizendo que o Cruzeiro iria apanhar por 10 anos (risos).

Depois, em 2012, o Independência, que também passou por reformas, reabriu as portas. Desde então, o Atlético optou por fazer do Independência a sua casa. Fizeram contrato com a BWA com tudo muito bem pensado para que seu clube fosse favorecido em determinadas ocasiões. O clássico é uma delas, uma vez que o estádio do América não possui infraestrutura para abrigar as torcidas de Cruzeiro e Atlético. O primeiro clássico disputado no Horto terminou empatado em 2×2 e teve mando de campo da Raposa. Depois, com a torcida atleticana, eles venceram por 3×2.

Em 2013, o Mineirão estava de volta. A reinauguração do novo Mineirão teve clássico com as duas torcidas, como antigamente. O Cruzeiro venceu por 2×1. Apesar do retorno do Gigante da Pampulha, o Atlético manteve o Independência como sua casa (até porque eles devem cumprir o contrato com a BWA). Já o presidente Gilvan tratou logo de fazer um contrato de 25 anos com a Minas Arena, a administradora do Mineirão. Desde então, Cruzeiro manda seus jogos no Mineirão e o Atlético manda seus jogos no Independência.

Jogando no Horto, o rival conseguiu, de 2013 a 2015, uma invencibilidade de 7 partidas. No entanto, de 2015 para cá, os atleticanos estão em jejum no clássico. E, por incrível que pareça, já são 2 anos sem vencer o Cruzeiro no Independência e 1 ano e 10 meses sem vencer o clássico. O jogo virou e agora é a Raposa a detentora da invencibilidade. Esse troca-troca de invencibilidade é histórico nos confrontos entre Cruzeiro e Atlético e o fator campo e percentual de torcida não interferem nisso.

Ou seja, clássico se ganha dentro de campo. Ganha quem tem a competência de fazer mais gols e pronto. Não estou dizendo que a torcida não influencia. É claro que ela faz a diferença, mas quem joga são os jogadores. Parece tudo meio óbvio, mas toda semana de clássico a polêmica da divisão de torcidas vem à tona e todos se esquecem de que o clássico se ganha dentro de campo.

Amanhã falo sobre a polêmica entre Cruzeiro e Federação. Mas, China Azul, vamos fazer a nossa festa. No Mineirão, façamos muito barulho e pintemos o Gigante de azul e branco. Vamos apoiar nossos jogadores e fazer um grande espetáculo. Se no Independência a nossa entrada não for permitida por quem quer que seja, façamos festa em outro lugar. Acompanhemos a saída dos atletas na Toca da Raposa. Façamos faixas de apoio e qualquer coisa do tipo. Nós somos a festa, diz a música.

Clássicos com torcida única:

30 jogos realizados: 11 vitórias do Cruzeiro, 10 vitórias do Atlético e 9 empates.

Pedro Henrique

Olá, o meu nome é Pedro Henrique. No Twitter, sou conhecido como o @RealPedrin. No blog, todos me chamam de PH. Desde 2012, escrevo sobre o Cruzeiro. Já redigi no Blog Azul Estrelado, Camisa 11, Lance Activo, Guerreiro dos Gramados e Bloguerreiro. Não sou daqueles blogueiros que gosta mais de cutucar o rival do que de analisar o próprio time. Minha missão aqui é colocar o meu ponto de vista - dentre tantos milhões de pontos de vista possíveis - e abrir o espaço para o debate, para a troca de ideias. E prefiro ser essa metamorfose ambulante do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo. Ei, você curte o blog? Então curte lá a nossa fan page no Facebook: fb.com/blogsomoscruzeiro/. Muito obrigado! Sejam todos bem-vindos!

102 comentários em “Clássico se ganha dentro de campo

      1. Aqui em MG com essa FMFranga , isso ja era esperado……T J Deles portiva………..nao respeitam sumula do Juiz , nem parecer do Auditor , que mostraram e reafirmaram a AGRESSAO VIOLENTA , proposital , pensada , premeditada e ás vistas do Pais inteiro pela TV…. em SP estao dizendo que acabam culpando o Manoel cujo rosto tocou no bracinho do PUGILISTA fred que reincidente contumaz , ja havia tomado 5 jogos de suspensao no Rio por outro soco em zagueiro……VERGONHA sem limite , INDECENCIA que protege boxeur agredindo jogador de bola……que exemplo triste !!!!!!!!!!

        1. Simples: vamos ganhar o primeiro jogo e no segundo daremos o título pras frangas por WO. Isso mesmo, basta não comparecer no segundo jogo. Queria ver a cara desse imbecil do presidente da FMF e da diretoria patética no dia do jogo …. seria uma palhaçada completa !! Quem apóia ??

          1. Penso que seria pior. Por mais nobre que seja a intenção de protesto, daria motivo para eles fazerem chacota eternamente. Iriam dizer que corremos, que ficamos com medo… Por mais que não é o caso, mas iríamos ter que aguentar isso pro resto da vida, ele dizendo: Ah, o episódio que o Cruzeiro não teve coragem de jogar… o título de 2017 que ganhamos porque o Cruzeiro correu…

          2. A solução deve ser por meios legais. Basta essa diretoria deixar de ser frouxa. Basta bater o pé e dizer que o jogo do Mineirão vai ser com torcida única. Eles vão alegar que tem direito a ingressos, que isso é assegurado por lei e é aí que está a questão. Podemos exigir torcida no independência. É lei! Se o poleiro não comporta, que arrumem outro lugar. Visitante tem direito a ingresso. É lei.

  1. Perfeito, PH. Clássico se ganha dentro do campo. Ótimo o seu histórico.

    Vou voltar um pouco mais no tempo: não tão divertido e bobão como o filho Alexandre, mas com o mesmo nível de desequilíbrio mental, o Kalil pai (Elias) mandou construir um túnel do outro lado do campo para eles, abaixo de onde sempre ficou a torcida cacarejante. Ali mesmo onde os galináceos ficam expostos ao sol, enquanto ficamos confortavelmente na sombra. A obsessão azul passou de pai para filho.

    Lembro com saudades dos tempos das rodadas duplas no Mineirão antigo. Naquele tempo o comportamento da torcida era bem diferente.

  2. E tem mais, PH.

    Veja a seguir 10 motivos pelos quais esse TÍTULO está caminhando para ser PERFEITO:

    1) O Cruzeiro vai ser campeão invicto;
    2) O Cruzeiro vai ser campeão invertendo a vantagem deles;
    3) O Cruzeiro vai ser campeão depois de dois anos de jejum de títulos;
    4) O Cruzeiro vai ser campeão dentro da casa deles.
    5) O Cruzeiro vai ser campeão com 100% de galináceos na arquibancada (cadeiras).
    6) O Cruzeiro vai ser campeão sendo o único a ganhar deles.
    7) O Cruzeiro vai ser campeão jogando contra os galináceos, contra a FMF, contra a PM e contra o TJD:
    8) O galináceo presidente dos galináceos vai seguir sem ganhar da gente.
    9) Os galináceos vão chegar ao segundo ano sem ganhar o campeonato rural.
    10) O técnico dos galináceos vai ser mandado embora.

  3. Boa Tarde Pedro Henrique, sou Atleticano e discordo da diretoria atleticana, o clássico tinha que ser com torcida dividida, fazer um setor com torcida mista (exemplo sócios do GNV Black que é o sócio top + o sócio com melhor plano do Cruzeiro, digamos que são em teoria pessoas mais civilizadas rsrs) para que sirva de exemplo como foi feito no sul, portanto ambos os jogos tinham que ser no Mineirão, afinal se não ganharmos do Cruzeiro como iremos ganhar a Libertadores, fato é que o time do Galo se acertar, ambos os times tem tudo para fazer um bom ano, saudações alvinegras e que tenhamos realmente um clássico da paz

    1. Alissom, obrigado pela sua participação aqui no blog. De fato, o que a gente quer é ver o Mineirão cheio, com as duas torcidas, com bandeiras, papel picado, fumaça azul, fumaça preta, as duas torcidas cantando e se provocando. E, claro, que seja sempre um clássico de paz e que os torcedores entendam que não somos inimigos, apenas torcemos para clubes diferentes. Infelizmente nossos diretores e a própria Federação Mineira – que deveria prezar pelo bem de todos os clubes de Minas Gerais – não dão exemplo.

  4. Na minha visão se as frangas, PMs, FMF baterem o pé que será uma torcida só, eu se fosse presidente do Cruzeiro não entrava em campo de forma alguma, pois aqui sempre fizeram isto com a gente, mas nunca tão claramente para todos. No mais podíamos enfiar mais uma de cinco nas frangas e depois não ir ao jogo e da um W x O pra elas. Só penso que cada dia que passa estão montando em cima, acorda diretoria, acorda cruzeiro.

  5. Todo jogo se ganha em campo. Mas essa ação nos bastidores faz diferença no clima que o time chega lá. A FMFranga realmente não tem vergonha alguma de ser parcial e a diretoria do Cruzeiro não dá resposta à altura. FMFranga recebe dinheiro de arrecadação dos jogos? Blz, vamos jogar na Toca I todos os jogos com entrada liberada e time júnior. Ou inventa uma modo dele ter os torcedores sem FMFranga ver um centavo. Só ficar soltando nota de repúdio não serve. Esse Franguellar não vai nem se importar.

    1. “vamos jogar na Toca I todos os jogos com entrada liberada e time júnior”. A solução que você dá é mal pensada. A FMF não receberia e o Cruzeiro também não. Clube também precisa de renda do estádio.

  6. É simples, cruzeiro mete a vara nas frangas rosada, uns 3×0, e no segundo jogo, não entra em campo perde o jogo po wo, que é 1×0, como ganhou de 3, ia ser campeão sem entrar em campo….ia ser doido d+++++++++++++ não gosto do perrela, mas nessas horas ele ia ser o cão contra isso aí, uma coisa que não aguento, é essas notas de repudio que o cruzeiro solta, isso não serve pra nada….esse tipo de coisa que estão fazendo (FMF), só estão deixando os torcedores mais acalorados a dispostos a brigarem….vamo colocar a cuca pra esquentar PM e FMFranga!

  7. Pois é, segundo o seu comentário, na maioria das vezes em que o cruzeiro jogou com o GALO sem a torcida cruzeirense, o cruzeiro foi vencedor, então por que tanto mimi se historicamente seu time leva vantagem, sobre o galo, com torcida única?

  8. Na minha opinião ta tudo muito errado! Se o independência não comporta duas torcidas (o que acho um absurdo), o Cruzeiro não tem culpa disso. Agora, o atlético vai ser beneficiado com o direito de ter torcida no Mineirão e torcida única no independência? O Cruzeiro não deveria admitir essa vantagem. Deveria obrigar que o jogo no Mineirão fosse com torcida única então. Agora, onde já se viu um estádio não ter capacidade para duas torcidas? Essa federação também é muito frouxa! Deveria impor que os 2 jogos fossem no Mineirão, com torcida dividida ou 90% pra cada mandante. O atlético também complica demais. Porque não aceitar a sugestão do Cruzeiro dos dois jogos serem no Mineirão e com torcida dividida? É ser muito mesquinho! Quer seus ingressos de visitante mas não quer torcida rival no independência. Falta essa diretoria do Cruzeiro chutar o pau da barraca! Já começava não aceitando torcida rival nesse primeiro jogo.

    1. Parabéns ao comentário de Alfredo Batista. Onde se viu, O infrator sair beneficiado da situação. PM alega que o chiquerinho não tem segurança para duas, daí vai só torcida do gaylinho. Não vi nenhum dirigente falar isso. Para mim,Bastidores, juizes, torcida, jogadores, técnico, tudo isso influencia no resultado. Não podemos aceitar ser passado para trás.

  9. O negocio como vc disse e dentro das quatro linhas, nao podemos cair nessas brigas de bastidores, isso sao artimanhas de time pequenino que depende de ajuda de FmF e jogar em estadio de time pequeno para querer ganhar de 1 adversario que sabe que esta em melhores condicoes para o jogo, deixem elas ficarem felizes com vitorias em tribunal e outras coisas extra campo, e achei ridiculo a atitude de nosso ex presidente hj, se aproveitar de uma situacao para criticar a atual gestao para se promover nas futuras eleições do clube, em vez de criticar podia fazer algo para tentar solucionar o problema pela influencia que têm, vamos apoiar os jogadores e tecnico para fazermos uma grande partida no domingo e sair vitoriosos, saudacoes celestes!!

  10. O regulamento de toda competição não preza pela igualdade de condições entre os participantes? Então está errado essa solução. Engraçado! Aí fica bom pro atlético dizer: Minha torcida vai no outros estádios, mas o meu não comporta e só vai a minha!

  11. PH, jogo de futebol se ganha dentro de campo certo. Mas futebol deixou de ser feito com honestidade e aqui no Brasil principalmente tudo é feito com o famoso jeitinho. Basta ver a questão de punição a jogadores, simulações bizarras, dirigentes só olham para o próprio umbigo em vez de se unirem para fazer belas festas dentro de estadios e fora outras artimanhas que não dá para listar aqui. Por tudo isso penso que esta diretoria do MAIOR DE MINAS é passiva atudo que vem acontecendo no futebol Mineiro, PM, FMF, TJD todos a fvr. das frangas. O Zezé já deu o recado dele e apesar de tudo de errado que ele fez quando Presidente, precisamos de uma cara como ele de novo, as coisas não estariam dessa maneira. Como ele disse estão deitando e rolando em cima do CRUZEIRO. Vamos ganhar delas dentro de campo sim e o Mano tem de levar tudo isso aos jogadores.

  12. Parabéns pelo Blog e pelos comentários sempre pertinentes,mas entendo que a parcialidade da FMF chega a ser irritante e desrespeitosa.Não quero aqui provocar brigas ,mas aceitar essa situação e consentir o tempo todo as mazelas desse clube que ganhar sempre através de favorecimentos de vários seguimentos da sociedade,onde a justiça seria a imparcialidade.Não queremos ajuda de ninguém apenas o jogo limpo.

  13. Desculpe fazer o comentario fora do assunto acima, mas torcedores do Cruzeiro deveriam fazer um boicote irrestrito a Radio Itatiaia. E’ um absurdo o desrespeito a torcida do Cruzeiro e apoio irrestrito ao CAM. Vamos la cruzeirenses, vamos fazer essa campanha, que essa veiculo de comunicacao sentira do bolso.

    1. Amigo, a Rádio Itatiaia deita e rola em cima do maior de Minas, isso é fato. Os motivos são simples; Emanuel Carneiro, dona da rádio é conselheiro das frangas; Castelar Guimarães, presidente da FMF, atleticano confesso; grande maioria dos que compõem o TJD, também atleticanos e ainda por cima, não temos uma diretoria que peita esses caras. Nessa hora o presidente desaparece. Na verdade há muito tempo não temos comando. Agora o que estão tentando fazer com o Cruzeiro é inadmissível. Isto só vem aflorar a ira da torcida e corre o risco de termos problemas sérios nos dois jogos. Será que ninguém desses aí que comandam o futebol não vêm isso? Ah, e voltando um pouco a falar da Itatiaia, outro motivo, aliás o maior de todos, que os levam a estar sempre nos colocando em segundo plano, é que em BH não existe outra rádio que possa fazer frente a eles. Só tem rádio evangélica e eles são soberanos.

  14. P.H. penso que essas polêmicas são boas para promover o clássico. E o Btlético sempre gostou de vencer nos bastidores. Eles pensam que assim são mais felizes e se perderem no campo pelo menos ganharam nos bastidores. Penso com a maioria, que o nosso Azul cinco estrelas tem que brigar também nos bastidores, faz parte de ser um grande campeão. Não podemos estar sempre abaixando a cabeça pra essas frangas. Penso que nesse domingo então a torcida deveria ser única da Raposa e não deixar frangas entrar, por que com certeza no outro jogo elas farão assim. Vamos à luta. Abraços

  15. Absurdo é essa diretoria aceitar e assinar um regulamento esdrúxulo desses em que o mandante da última partida possa escolher o local apenas na semana que vem sendo que o Cruzeiro sairia prejudicado de qualquer maneira já que só tem o Mineirão como casa. Absurdo é estar no regulamento que quem detém o mando dos jogos de semifinais e finais é a FMF e ela rasgar essa claúsula deixando pras frangas o poder de decisão. Absurdo é a URT ser impedida de jogar em seu estádio por questões de regulamento e o Horto claramente não estar enquadrado em caso de decisão técnica da PM e mesmo assim corrermos o risco de ser liberado para torcida única. Concordo que clássico se ganha dentro de campo, mas às vezes podemos começar a perdê-lo antes do apito inicial do árbitro. Diretoria passiva e amadora!!!! De novo!!!!!!!!!!!!

  16. Belo Horizonte é uma cidade atleticana, o resto de Minas Gerais não é, a prova disso é eleger Kalil para prefeito, muita falta de noção impregnada em um só local. O atlético mineiro é um time medíocre e sua torcida também é, está no DNA. É time de segunda divisão, quase várzea. O cruzeiro está muito a frente, não dá pra comparar. Mas, essas falcatruas de pessoas influentes, podem favorecer esse time medíocre do atlético, a única saída é tentar ganhar no campo. Então, mãos a obra.

  17. Quanto aos comentários do Zezé Perrela, ele tem razão. Alguns ficaram nervosinhos, mas, nesse momento, estão todos unidos para favorecer o atlético e prejudicar o cruzeiro, ninguém ponderou nada, nem a federação, nem a PM, muito menos o próprio atlético. É ganhar o campeonato mineiro e ponto final. Mas, se mesmo assim, o cruzeiro ganhar esse título, ele deve ser muito comemorado, porque não será só um troféu, será também a vitória sobre a imoralidade, a falta de caráter, de esportividade e etc, etc e tal. Valores, que nós já sabemos que os atleticanos não tem.

  18. Sempre achei que o Atlético leva seus jogos para o Horto numa tentativa medrosa ,covarde, de tentar garantir resultados . Além de arrecadar menos ,priva seus torcedores de jogos importantes ,sendo um desprestígio para os torcedores que também medrosos não se manifestam contrários .Isto é que é pensar pequeno ,se bem que coerente com o currículo do clube .

  19. FEDE-RAÇÃO……..Que chiqueiro, “galinheiro”, sei lá, é qualquer porquera.
    Os tempos mudaram, hoje em dia é muito difícil para a PM controlar 50/50 de torcedores em qualquer campo de futebol…Infelizmente a PM esta tendo muito trabalho para manter a ordem em toda cidade. Triste mas é verdade. Agora se for 90/10,15,20 é mais fácil de controlar no entanto tem que ser nos dois espaços…….Pau que dá em Chico, dá em F……Saudações

  20. O colega de blog Douglas observou muito bem em seu comentário. Os dirigentes deveriam de tratar dos dois jogos ao mesmo tempo. Este negócio de que para o 1º é assim e para o 2º é assado, tá errado

  21. Boa noite PH,
    Acho um desaforo o que estão tentando aprontar.. eu acredito que se prevalecer isso aí de torcida única, o cruzeiro não deve entrar em campo.. por mais que torcida não faça a diferença” é extremamente injusto, e o Cruzeiro não pode aceitar de forma alguma. Que não entre em campo, se querem tanto favorecer o Atlético que ele fique com esse título, já que o mineiro é tão importante pra eles a ponto de se juntar com FMF, PM e tudo mais numa tentativa clara de beneficiar o Atlético. O parecer da PM foi muito conveniente, libero o jogo lá mas com torcida única, e eles podem ter torcida na nossa casa? Porque se só pode com torcida única e a PM vetou a torcida, o regulamento diz q os órgãos de segurança podem diminuir a presença visitante, não fala em excluir.. então a PM deveria ter vetado o jogo lá.. se isso ocorrer, que o cruzeiro não entre em campo..

    E as organizadas, as que adoram uma briga, será que elas vão aceitar? Se não for ter torcida no estádio, eles vão brigar fora, e talvez seja pior.. a PM não pensa nisso.. elas provavelmente vão ir com ingresso ou sem ingresso só pra caçar confusão.. Jajá pipocam ameaças na internet dizendo q irão mesmo sem ingresso e a PM que se vire pra garantir a segurança das frangas..

    Enfim.. eu ainda acredito que o MP vai barrar essa história de torcida única.. e se não o fizer.. que o cruzeiro não jogue.. porque não podemos ser coniventes..

    SDS.

  22. Infelismente a federaçao mineira de futebol esta esnobando o cruzeiro, sacaniando o cruzeiro porque os nossos representantes sao fracos, nao tem liderança nao tem comando, ja disse o presidente Gilvan e um pessimo gestor assim como o Vicintin nao tem pulso nao tem comando, e o presidente da federaçao a serviço do Atletico, deita e rola o Zeze Perrela ta fazendo muita falta. volta Perrela e faça com que estes dirigentes respeite a instituiçao CRUZEIRO.

  23. Ô Jão para quem sabe ler, não precisa cortar os is e nem os ts……I de ignorante e T de “treticano”……..Patativa do Assaré, Zé Coco do Riachão, Carolina de Jesus, Luiz Gonzaga……..Conhece? Uma vez um “oreia” perguntou para o Luiz Gonzaga se ele sabia escrever música”partituras” e e ele respondeu. Ô oreia seca, mal mal sei escrever o nome.
    PS: Eu aprendi a escrever música desde criança na Escola Santa Cecília de Sabará e a escrever “poesias” na escola da vida, é o que todos dizem..Tchau

  24. Não sei pra que existe punição acima de 4 jogos se existe também um tal de efeito suspensivo que sempre é praticado. Não me lembro de algum que tenha sido mantido, sempre reduzem as penas. Falo isso como esportista, pois esta decisão sempre favorece o infrator, pois quer ou não o Fred faz diferença, assim como também poderia ser um jogador do cruzeiro. Com relação a jogos de cruzeiro e atlético ser realizado no Independência com duas torcidas, acho um absurdo, pois o risco é enorme, desta forma penso que deveria ser terminantemente proibido esta partida. Se nosso rival se acha poderoso jogando ali, é pensar pequeno para um time que se diz grande. O mais absurdo é a imprensa achar que a polícia tem obrigação de dar conta. Vamos pra cima que temos condições de ganhar em qualquer campo que eles quiserem.

  25. blog ridículo ! vcs ficam ai discutindo futebol …querendo se auto intitularem especialistas em futebol …paixão nacional enquanto suas escolas e hospitais caem aos pedaços ! Circo para o povão idiota e iludido …enquanto isso os seus ex-presidentes de clubes viram deputados, senadores e prefeitos ! ACORDEM !

    1. Caro Alexander. Sou blogueiro e gosto de falar sobre futebol. Mas além de blogueiro eu sou professor. E além de professor eu sou cidadão. Sei da situação precária da Educação e da Saúde. Sei da situação política do nosso país. Mas não sei qual é a sua intenção ao vir aqui neste espaço e chamá-lo de ridículo. Não sei por que não poderíamos discutir futebol por causa da situação do país. Discutir ou não o futebol não muda absolutamente nada no que diz respeito à sociedade, à política, à cidade. Acho que você se equivocou.

  26. A verdade meus caros amigos torcedores do Maior de Minas, a triste verdade pra nós é que temos um presidente tosco, omisso e fraco. Porque esse boçal não mostra a cara e vem a público defender nosso amado clube. Pelo amor de Deus não vejo a hora desse jacú da roça que mal sabe conversar largar o osso no final do ano e passar o bastão pra um presidente que tenha ” saco roxo “e nos defenda e abandone a Federação Mineira das Frangas. Cruzeiro Sempre!

  27. Esta FMF é uma vergonha para o futebol mineiro. Também puseram um torcedor do Atlético como presidente para fazer exatamente o que está fazendo, ou seja, favorecer o Atlético em tudo que pedirem. Quem viu a foto do presidente do Atletico na Itália visitanto o estádio da Juventus? Pois é, quem estava assentado ao seu lado? O presidente da FMF!
    A Diretoria do Cruzeiro deveria se posicionar mais firme, inclusive pensando na hipótese de não disputar mais este campeonato da FMF e do Atlético!

  28. O Cruzeiro e sua torcida não podem ficar prejudicados por conta dessa vedação da PMMG. Se os arredores do Independência não favorecem essa final, se a PM não pode garantir a segurança dos torcedores, então que aquele estádio seja vetado! Essa deveria ser a linha argumentativa do Cruzeiro nesse momento. Existe sim o princípio da reciprocidade, funcional, primordialmente, aqui, no sentido de amainar os ânimos, uma vez que suscita o sentido do justo. Na fritada, fica a sensação de que o Atlético “se deu bem”, beneficiando-se injustamente de uma circunstância exógena. Ou se revê essa possibilidade de a finalíssima ser em estádio para uma torcida ou esse campeonato mineiro poderá ficar manchado como INJUSTAMENTE decidido.
    ps: muito legal sua iniciativa no sentido de um breve e belo histórico do clássico mineiro.

  29. PH diga para o Alexander que existem sites para se discutir tudo e este é para futeboL, se ele não gosta que procure o melhor se enquadra com sua performance.

  30. Alexander o dia tem 24 horas e as vezes a gente precisa dar uma arejada, precisa se permitir um pouco….Temos que ter uma pausa de silêncio entre as marteladas da vida….A situação do país está muito cansativa mas não nos escondemos disto, tô ligado e todos terão que ressarcir a sociedade de tudo que não lhes pertencem……Vamos confiscar o que é do homem o “……” não come….Pode crer, até porque este tipo de riqueza não tem valor algum……Para matar a cede, temos que cavar nosso próprio poço.
    Está perdendo seu tempo em ler o que vc considera inútil……………………….
    PS. Nunca votei em cartolas nem para isso e muito menos para aquilo……….

  31. Dessa vez, não concordo com seu comentário… O cruzeiro só quebrou a série invicta do rival quando o Luxemburgo exigiu q a diretoria requeresse a volta da torcida cruzeirense no “poleirinho”. Não queria, de maneira nenhuma, a volta do Perrella pois nós sabemos da sua índole e ele venderia, rapidamente, os maiores valores do time, como o Diogo Barbosa e Rafael. Mas o Perrela não abaixava a kbça pra ninguém e ganha mta força com a incompetência dessa atual diretoria, principalmente com o comportamento do pamonha mor do Gilvan, que coloca o rabo entre as pernas em qualquer situação… Será um grande ABSURDO se essa fraquíssima diretoria do cruzeiro permitir q as coisas fiquem dessa maneira. A presença da torcida cruzeirense no “poleirinho” faz sim, mta diferença…

      1. Existe uma grande diferença dos estádios como o mineirão para o “poleirinho” do Horto, pois é um estádio mto pequeno e q a pressão da torcida faz mta diferença. Os próprios jogadores do cruzeiro já disseram q a presença dos torcedores, mesmo q em 10 porcento, é importantíssima nesse estádio. A torcida cruzeirense consegue calar a torcida delas em vários momentos… Faça uma estatística da diferença de vitórias do cruzeiro no independência, com e sem torcida única delas e vc verá q a diferença é enorme… A torcida cruzeirense está cansada de ver esse borra botas do Gilvan aceitar tudo q as frangas impõe. Não podemos achar q está tudo bem, como cordeirinhos, e falar q ganharemos no campo, pq assim, elas levarão vantagem mais uma vez… Chega!!!! Não queremos uma diretoria omissa e covarde, queremos q lutem pelo q é justo, nada mais q isso…

        1. No Independência, vencemos 3 clássicos com a presença do nosso torcedor e perdemos 2 clássicos com a presença do nosso torcedor. Não vejo tanta diferença assim. O negócio é dentro de campo, não tem jeito. Mas, só pra você saber, é claro que eu prefiro que a nossa torcida esteja presente em todos os clássicos e com a mesma porcentagem de torcedores rivais.

          1. Ótimo… Levamos vantagem nos confrontos em que a nossa torcida esteve presente no independência, mas e a estatística dos jogos em q nossa torcida não compareceu???? Esse é o grande detalhe… Não podemos nos curvar, mais uma vez, às más intenções do adversário, estão usando de má fé para levar vantagem. Aproveitam da fragilidade e omissão da nossa diretoria e, principalmente, do nosso presidente “pamonhão”. Como falei, não queremos nada mais q nossos direitos e devemos impô-los… Será um absurdo se aceitarmos mais um golpe ridículo das frangas…

  32. Se o independência não tem capacidade de abrigar duas torcidas com segurança, essa porcaria de estádio deveria ser vetado para qualquer partida de futebol. Só por aqui mesmo que quem supostamente é incapaz de garantir a segurança é beneficiado e o adversário é prejudicado.

  33. PH, concordo com você quando diz que clássico se ganha dentro de campo, mas a diretoria não pode aceitar o fato de jogarmos no independência sem torcida. É uma enorme desvantagem pro Cruzeiro não poder contar com sua fanática torcida. Achei muito suspeito essa declaração da PM ontem. A impressão que dá é que foi tudo combinado previamente entre PM, MP e frangas. Acorda diretoria azul.

  34. As famílias que “vivem” nos arredores do Independência já fizeram várias ocorrências e reclamações junto de PMMG a respeito do vandalismo feito por “torcedores” que frequentam aquele espaço, inclusive de invasões…… O cidadão comum precisa ser mais respeitado e isto é constitucional…Abçs

  35. O que o presidente das franguinhas disse ontem só vem a comprovar o que está na cara de todo mundo, continuo com minha opinião, se a torcida do Cruzeiro não pode entrar no estádio o time também não, estão colocando a gente a abaixo, tá difícil. vamos jogar no ginásio do horto e vamos arrebentar, chupa frangas.

  36. Se abrisse o estádio no Mineirão no jogo do independência contra o gaylo e vesse o jogo no telão ?! Obrigado não sei se pode RS seria uma boa.

  37. O absurdo não é a sujeira atleticana…Não está exatamente no indecente presidente franga da FMF…Mas,em quem assinou esse regulamento bizarro no início…Essa diretoria está permitindo o Cruzeiro perder em “tudo” nos bastidores nos últimos anos…Para piorar,nos últimos dois anos,também,montou time para perder em campo…

  38. Fala meu querido PH! Bom dia!
    Essa questão a respeito das torcidas no estádio me parece artifício da diretoria rosada para criar um ambiente de animosidade antes do clássico.
    Infelizmente não teremos nossa torcida no estádio do Mequinha para acompanhar a partida que nos consagrará campeões do rural.
    Acredito que mais que a necessidade de nosso presidente se manifestar a respeito, mostrar sua insatisfação e apresentar a nossa torcida que está correndo atrás (mesmo que não apresente o resultado que gostaríamos, queremos que ele demonstre esforço em lutar pelos nossos interesses, é o que se espera de um presidente), o departamento jurídico tem fraca atuação.
    Como um departamento jurídico não consegue expor argumentos plausíveis que demonstram ser incabíveis tais critérios de “boicote” à nossa torcida? Se um estádio não detém condições de abrigar uma torcida com segurança então não consegue manter a segurança dos jogadores que ali atuaram. Está se atribuindo a falta de estrutura do estádio a um determinado grupo de torcedores (no caso, a torcida do Cruzeiro). Hora! Então, se a torcida rosa quiser fazer algazarra, balbúrdia, entrar em conflito, o estádio não tem infraestrutura só para nós, cruzeirenses?
    Esse argumento “técnico” da PMMG não é nada técnico.
    Sinceramente, em respeito ao estatuto do torcedor, ao código de defesa do consumidor, e aos princípios constitucionais que amparam as legislações retrocitadas. Mas, mais que isso, o princípio da reciprocidade.
    Não poderemos ter torcida no Mequinha Stadium, então não terão torcida na Toca da Raposa III.
    Quando os envolvidos começarem a agir de forma imparcial, respeitando os limites da boa convivência e com o objetivo de progredir o futebol mineiro como um todo, volta-se o diálogo.
    Talvez minha visão sobre o tema seja um pouco revanchista, até um pouco maniqueísta, mas é cansativo ver apenas um dos lados tentando tomar decisões parcimoniosas enquanto o lado de lá não tem a mesma preocupação.
    Ademais, o texto fala algo que de fato deve ser praticado. O futebol se ganha em campo.
    Que todas esses acontecimentos não afetem negativamente o espetáculo, os jogadores. Essa briga é da torcida, dos bastidores dos envolvidos. Que sejam dois jogos bem jogados, com paz, garra, qualidade e que a vitória seja nossa!
    Abraço ao blogueiro e aos que aqui comentam. Saudações Celestes aqui do DF!

  39. A verdade é que a turma do poleiro não consegui ver nossa cara de felicidade, isso incomoda D+, sinto muitíssimo por vcs. Um dos gestos mais nobre do ser humano é saber tirar o chapéu para o semelhante e isto infelizmente é para poucos. Já deveriam ter aprendido….Abraços Celestes

  40. Por motivos de trabalho, tenho um irmão que vive em São Paulo, uma entre umas e outras ele disse que lá em Sampa se diz torcedor do Cruzeiro porque os outros times aqui de Minas não tem “moral” na praça e que não queria que suassem da cara dele por aquelas bandas e que com esta identidade assumida de Cruzeirense a conversa era outra….Menos aí, nóis é nóis e boi num lambe…………..Falou

  41. Pois é! Esta palhaçada do Castellar safado e da imprensa e do Atlético não deve nos incomodar mesmo! Somos incontestavelmente o grande campeão de Minas, ou seja, quem melhor representa o estado de Minas Gerais no cenário futebolístico no Estado, no Brasil e no Mundo é sem dúvida o Cruzeiro, e isto é fato! Tudo o que dizem não pode tirar isto da gente, está na história do futebol e acabou! Agora, daqui pra frente é futuro, e o futuro está pra ser feito, como a história de cada jogo está pra ser feita. Que eles venham com a arrogância (não sei de quê), com as “conversas fiadas” e nós com o futebol bem jogado! Que os jogadores do Cruzeiro joguem com inteligência e não caiam na armadilha psicológica que querem tentar fazê-los acreditar. É só isso! Vencerá quem jogar melhor. Eu sou Cruzeiro de qualquer modo, antes e depois do jogo seja qual for o resultado!

  42. Concordo que jogo se ganha é dentro de campo. Mas pra quem não se lembra, o Gilvan ficou um tempo “dispensando” os ingressos para o Independência, e o Cruzeiro se deu mal durante aquele tempo, e a verdade é que quando o Luxemburgo chegou e impôs que queria ter torcida do Cruzeiro lá, o que realmente aconteceu, o Cruzeiro ganhou e desde então não perdeu mais para as frangas. Tenho pra mim que faz sim diferença, mesmo os mil e poucos guerreiros azuis que puderem ir dão sim uma força para o time dentro de campo, e é mais gostoso ainda quando calam os mais de 15.000 torcedores adversários. Ainda que seja legal, é IMORAL deixar a torcida do Maior de Minas de fora do jogo final. #VoltaPerrella

  43. Bom dia!

    No meu ponto de vista o Cruzeiro não deveria mais jogar o Campeonato Mineiro, enquanto esse CANALHA desse Castelar estiver na presidência, cínico.

    FMF a única coisa que faz é “(des)organizar” o campeonato mineiro, ou seja, se o Cruzeiro não disputar o campeonato mineiro o campeonato vai perder força, afinal, vai perder o principal time.

    Não disputa o campeonato mineiro e corta relação com a FMF, simples.

    Mais esse ano vamos meter o ferro nas frangas, que essa canalhice desse time sem títulos sirva de motivação aos jogadores do Cruzeiro.

    Sds celestes.

  44. PH. Curto muito os seus comentários. Concordo plenamente que clássico se ganh nas 4 linhas. Porém as frangas sabem que se jogarem os 2 jogos no mineirão saiem em desvantagens. É hora de aproveitar essa semana de descando e ir pra cima. Vimos ontem que foi só o libertad atacar um pouco que a defesa teve trabalho. O melhor ataque é atacar sempre!

  45. Os dirigentes de ambos os times estão fud…. com o futebol Mineiro! Cruzeiro e Atlético sempre proporcionaram espetáculos invejados por todo Brasil, principalmente pela festa das duas torcidas de lados opostos no gigante da Pampulha! O Futebol mineiro é um patrimônio do povo mineiro e esses dirigentes estão conseguindo acabar com tudo! Quem apoia que esse clássico seja disputado fora do Mineirão não torce nem pra Atlético nem pra Cruzeiro!

  46. PH dessa vez discordo de você. Clássico também se ganha fora de campo.
    Lembra os problemas que tivemos antes da fina da CB/14? Não tivemos torcedores no Horto e com certeza isso teve influência no resultado.
    Além disso, pode parecer teoria da conspiração, mas nada me tira da cabeça que essas arquibancadas foram montadas antes de qualquer alvará, já com esse intuito. E digo mais, tem pena do Kanil nessa história.

  47. Na verdade o Atlético e a federação mineira estão agindo como instituições de varzea. Um absurdo esse privilégio que o presidente da FMF dá ao seu clube de coração. Porém pra mim Cruzeirense até gosto pois quero ser campeão em cima de toda essa cachorada, com Fred , independéncia e tudo.

  48. Olá PH, bom dia. Parabéns pelo blog. Sempre leio o que você escreve, e os comentários. Essa é minha primeira vez em que opino. Essa situação do estádio tem me incomodado.
    Quando lá atrás, na reunião que decidia os estádios, todos os times apresentaram os seus, inclusive o Independência.
    Só que durante o campeonato, as frangas resolveram fazer um “puxadinho”, alterando o que foi apresentado.
    Aí eu te pergunto, e aí??? O correto seria o “mauricinho” da federação dizer: escuta aí, vocês alteraram o que foi apresentado lá trás, e numa final, precisa, mesmo que 10%, das duas torcidas. O seu estádio está vetado, pra uma final.
    Mais ele não tem esse peito todo pra encarar o “prefeito” de BH.
    Não gostaria de ter a volta do Perrella ao Maior de Minas. Só que essa briga é política, e aí já não sei se seria uma boa a volta.
    Com o bocudo na prefeitura, e o mauricinho na frangueiração, vamos perder todas nos bastidores.
    Vamo que vamo… Cruzeirão 3×0
    Abraços

  49. Na minha visão se as frangas, PMs, FMF baterem o pé que será uma torcida só, eu se fosse presidente do Cruzeiro não entrava em campo de forma alguma, pois aqui sempre fizeram isto com a gente, mas nunca tão claramente para todos. No mais podíamos enfiar mais uma de cinco nas frangas e depois não ir ao jogo e da um W x O pra elas. Só penso que cada dia que passa estão montando em cima, acorda diretoria, acorda cruzeiro.

  50. Há muito, muito tempo atrás na terra do pão feito com derivado de leite, existiam dois ‘grandes’ clubes de futebol, um roedor e uma ave….eles dominavam as atenções esportivas e se achavam os bambambans da área. Então surgiu um terceiro, predador de aves e roedores, e logo veio o ciúme(ou seria medo?), como dois filhotes mimados que perderam o posto pra um irmão caçula, fizeram birrinha(a ave fez bem mais,lógico) e se uniram pra destruir o temido novato. Planejaram chamá-lo até a beira de um precipício e empurrá-lo pra morte. -Venha aqui na beira! -Não posso, tenho medo, disse o mais novo. -Venha aqui na beira, insistiram… E ele criou coragem e foi. Eles o empurraram… E ele voou… e nunca mais voltou ao nível dos outros dois, sempre acima. A história e os fatos não deixam dúvidas: Cruzeiro é, por direito absoluto e incontestável, o Maior de Minas. E pelos fatos recentes comentados aqui, fico feliz em concluir que sempre será assim. PS: pela lógica a ave que deveria voar, mas essa espécie citada na historinha foi condenada geneticamente a viver no chão, o máximo que sobe é na altura do fogão quando vai pra panela. Abraço PH.

  51. Sou Galo na veia, mas gosto de ler seus comentários, são racionais e imparciais, você trata do meu Galo com respeito, assim como dever ser, o futebol é a coisa mais importante , das menos importante. Com relação ao mineirão , uma pena, somente em minas tem essa coisa , futebol mineiro perde muito com essa rivalidade . QUERIA MUITO VER O MINEIRÃO SENDO ADMINISTRADO , ASSIM COMO O HORTO, PELO GALO E CRUZEIRO, ASSIM COMO NA ITÁLIA, FICANDO CADA VEZ MAIS FORTE E RICO. E O RESTO GALERA É FUTEBOL , COM PAIXÃO E NA PAZ. ABRAÇOS E AQUI É GALO

  52. O cruzeiro jogara a final do mineiro 2017 alem do atletico, jogara contra TJD ,FEDERAÇAO MINEIRA DE FUTEBOL, REPRESENTADO POR UM PRESIDENTE ATLETICANO QUE VESTE A CAMISA DO ATLETICO, UMA VERGONHA, e joga tambem contra a radio itatiaia declarada atleticana.Em represalia o cruzeiro nao deveria disputar este mineiro pelo menos enquanto este presidente atleticano que define todas as situaçoes desde que o atletico seja beneficiado, veja no primeiro jogo o atletico tera 10 por cento da carga de ingressos, o cruzeiro tera 90 por cento porque e o madante, ja no segundo jogo qando o atletico e mandante o atletico tera 100 por cento o cruzeiro zero, se o independencia nao tem condiçoes de jogo pra atender as duas equipes iguais, que a federaçao mude o local da partida, absurdo a imprensa brasileira esta abismada com esta situaçao. VERGONHA VERGONHA VERGONHA.

  53. Quando eles perdem o jogo, ficam eufóricas, braqueciando e aí começa tudo……Ainda bem que não moro nas adjacências do poleiro. A PMMG deveria analisar mais esta situação…………Sejamos sensatos……..Amém…JC

  54. O Independência deve ser “vetado” e só reaberto para orações dos que tem culpa no cartório……….Aqui se faz, aqui se paga………..

  55. também penso que o campinho do América e o Mineirão são suficientes para mandarmos jogos aqui em BH, desde que os dirigentes dos times daquí junto com o de Vespasiano administrem os estádios…Jogos contra os “grandes” na toca III é óbvio, já jogos de menor relevância, lá no campo do Coelho…………Simples assim……….Êtas dirigentes oreias………..

  56. Realmente um absurdo uma torcida poder ver os dois jogos da final e a outra poder ver apenas um jogo. Coisa de português. Se houver confusão, brigas e outras coisas acho que o débito deverá ser anotado na conta do presidente da FMF. O torcedor-presidente da federação deveria agir com imparcialidade, como presidente e não como torcedor de um clube. Outro cara sem ética é esse presidente da cachorrada. Sujeito morrinhento, birrento e babão que não faz sala com ninguém e herdou a doença do ex presidente Boca Murcha. A coisa tem que ser do jeito que ele quer. Barbudinho mixuruca que precisa aparar o cabelo para que se pareça menos um débil mental. Mas vamos lá, Cruzeiro é muito maior que esse monte de vermes e vai meter o ferro na franga. Lembrando: o Botafogo do Rio é o pior time dos considerados grandes do Brasil com apenas um título de expressão, sabem quem é o segundo pior? Saudações.

  57. Se ainda não liberamos ingressos, os 10% para as frangas no Mineirão e eles não querem reservar os outros 10% do Horto então ta tudo certo só não liberar mais pra eles e pronto deixa a torcida deles na rua e depois segura onda.

  58. O Cruzeiro já disputou vários torneios pelo mundo afora, dentre eles: Tereza Herrera e e e Ramon de Carranza na, na Espanha. Fomos campeões e até “convidados” para participar em outros anos..Bueno, é como diz minha esposa, mudando 360 graus . Uma vez lá no Vietnã um tal time de Vespasiano foi lá participar de um “torneio” naquelas bandas. Ao desembarcarem lhes perguntaram! Where you come from? R…BH…Uau é do Cruzeiro?……..Engoliram sapo, a comissão, mais uma vez e não acostumaram………

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *