Skip to main content
 -
Jornalista que cobre o mundo do empreendedorismo & startups. Apaixonada por tecnologia!

Medei facilita offboarding de mais de 12 mil funcionários e economiza 56 mil horas de empresas de todo o Brasil

Pioneira em tornar pós-desligamentos e demissões mais transparentes, humanas e ágeis, a Medei viu sua demanda pelo seus serviços mais que dobrar com a chegada do COVID-19 no Brasil. Segundo dados do IBGE, o número de desempregados no ano de 2020 alcançou o pico de 14, 1 milhões de pessoas em todo o país.

Em um reflexo desse cenário, a plataforma realizou mais de 12 mil homologações no total, sendo 7.706 mil sem justa causa, 56 mil horas economizadas em processos de demissão pelas empresas e atingiu um faturamento de R$ 4,3 milhões. Os números representam um crescimento de 50%  para a startup e a expectativa  para este ano é de crescer mais 300%, rumando o valor de R$ 11 milhões.

Além disso, no último ano o número de clientes saltou para 35 e foram conquistados nomes importantes para a carteira, como os bancos BMG e Mercantil e a empresa de saúde global Abbott Laboratories.

“Foi um ano desafiador, com muitos aprendizados e inovações aqui na Medei. Crescemos durante a pandemia e ultrapassamos nosso faturamento ajustado para o pós-covid. Para 2021, queremos continuar ressignificando o momento da demissão, além de trazer conteúdos para que essas pessoas consigam a tão sonhada recolocação no mercado”, afirma Fernanda Medei, CEO e fundadora da startup.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.