Skip to main content
 -
Jornalista que cobre o mundo do empreendedorismo & startups. Apaixonada por tecnologia!

4 habilidades essenciais para se recolocar no mercado de vendas

Carol Manciola, CEO da Posiciona

A crise causada pelo coronavírus deixou os consumidores ainda mais exigentes e atentos às especificidades dos produtos. Essa mudança evidenciou a necessidade de os vendedores saberem se comunicar de forma personalizada, sendo flexíveis e se adaptando às mudanças impostas pela digitalização acelerada.

Segundo Carol Manciola, CEO da Posiciona Educação e Desenvolvimento, empresa de educação empreendedora que capacita as equipes e melhora o desempenho nas áreas de vendas e atendimento, o cliente precisa ser muito bem atendido em sua jornada de compra e, por isso, a conexão com o consumidor sempre será o grande diferencial. A especialista elencou as 4 habilidades essenciais para quem quer se recolocar no mercado de vendas. Confira:

1. Habilidade Comportamental

As habilidades comportamentais se tornaram muito evidentes à medida em que cresce a humanização das empresas e dos processos. Nos dias de hoje, é necessário que os vendedores saibam equilibrar diversos e diferentes comportamentos em meio a imprevistos e dificuldades dos contextos que possam vir a enfrentar. “Atuar com o pensamento crítico e criatividade ajuda no desenvolvimento das habilidades comportamentais para se comunicar com clareza e objetividade, amplia a capacidade de lidar e resolver problemas, além de oferecer ofertas bem empacotadas e conectadas ao perfil do consumidor”, explica Manciola

2. Empatia

Empatia também é uma característica fundamental para vendedores se recolocarem no mercado de trabalho. “Falar de empatia parece algo meio batido, mas é aí que mora a essência da venda”, reforça Carol. Em vendas, não tem só a ver com se colocar no lugar do outro ou tratar o outro como gostaria de ser tratado. Empatia tem a ver com estar preparado para fazer jus a confiança que o cliente deposita na loja ao se deslocar até ela. Para a consultora de vendas, “As pessoas não compram produtos e serviços, elas compram melhorias para suas vidas e compreender isso permite uma grande virada de chave na maneira de atuar do vendedor. Conhecer o produto, as tendências de mercado e, principalmente, de aplicações, permitirá ao vendedor uma abordagem mais adequada, sentindo a “vibe” do cliente, aproximando-se com interesse genuíno e fortalecendo a confiança ao demonstrar que ao lado dele existe um especialista pronto para ajudá-lo”, destaca Manciola.

3. Alfabetização Digital

Independente do nível hierárquico ou da área de atuação, todo profissional deve ter um conhecimento atualizado e constante sobre soluções tecnológicas que auxiliam na personalização do atendimento e relacionamento.

4. Autoconhecimento

Segundo a especialista, o autoconhecimento é a ferramenta chave para entender suas características e qualidades e identificar as necessidades que precisam ser desenvolvidas para obter o resultado necessário. Só podemos compreender os outros quando conhecemos a nós mesmos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.