A primeira a gente nunca esquece!

Publicado em Sem categoria

Frase feita, né? Mas não é assim mesmo? Quem não se lembra das primeiras vezes? Primeiro beijo, primeira transa, primeira Libertas, primeira Copa do Brasil? E se as tais primeiras vezes aconteceram de formas incrivelmente especiais: O beijo naquela(e) gatinha(o) linda(o) dos sonhos, a transa com a(o) namorada(o) amada(o), em um lugar maravilhoso, e conquistas épicas, com viradas sensacionais, jogos históricos, emocionantes e… até mesmo decisão contra o maior rival?!? Certamente inesquecíveis e memoráveis.

Hoje foi definido através de sorteio o primeiro adversário do Galão da Massa na Copa do Brasil 2106. Será a Ponte Preta, em dois jogos, 24 de agosto, em BH, e 21 de setembro, em Campinas. Quem sabe não beliscamos mais esta né, não? Apesar que meu foco é total no Campeonato Brasileiro. Já passou da hora! Chega desta fila interminável. E chega desta sina maldita. Chegamos 14 ou 15 vezes, nem me lembro mais ao certo, entre os quatro finalistas desde 1971 quando fomos campeões pela única vez. Por isto nem me importo muito com a Copa do Brasil. Principalmente porque ainda nem parei de comemorar a primeira, em 2014. E como eu poderia, não é verdade? Uma campanha épica como jamais se viu no mundo. Sim, no mundo! Ou me digam quando um clube bateu todos os principais adversários do país e ainda por cima, na final, enfrentou o maior rival e o castigou duas vezes. E nem vou falar das viradas sobre o dançarino Mano e o Flamengaço Classificadaço.

De qualquer forma, como todos sabem, discurso é discurso e jogo é jogo, porque é claro que dia 24/08 estarei lá (Indepa ou Mineirão) urrando feito um desgraçado e não aceitando nada menos que uma vitória segura, para que o jogo da volta não seja aquele eterno tormento insuportável. Sei não… tô achando que papamos mais esta! Eu acredito!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.