Skip to main content
 -
Gustavo Fonseca é Cofundador do Doutor Multas. Criado há 9 anos com o objetivo de ajudar os motoristas, já evitou que + de 5.200 clientes perdessem a CNH com consultoria administrativa personalizada. É dedicado a disseminar conteúdo relevante para conscientizar as pessoas sobre as Leis de Trânsito.

Pesquisa da Smartia aponta as faixas etárias mais afetadas no preço do seguro auto em 2020

Compartilhe nas redesShare on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

A pandemia do novo coronavírus afetou mercados em todo o mundo e, no Brasil, o de seguro auto foi bastante impactado, como aponta a Smartia.

O ano de 2020 trouxe muitos impactos negativos para a economia, prejudicando diferentes mercados no mundo todo. Com o setor de seguros não foi diferente, especialmente com o de seguro auto, como mostra a pesquisa da Smartia, em parceria com a TEx (Sistema de Multicálculo e Gestão para Corretoras).

Por conta da pandemia, a relação dos clientes com as seguradoras, pagamentos das apólices e os tipos de seguros preferidos pelos usuários tiveram grande variação relativa aos anos anteriores.

Como forma de manter os clientes, algumas seguradoras chegaram a oferecer descontos para renovação do contrato do seguro auto, sendo estes de até 44%.

Mas, como foi o cenário em 2020 para as seguradoras de seguro auto?

Mercado de seguro auto em 2020

O impacto da pandemia sobre o setor de seguros, em especial, para carros, resultou em grande queda na quantidade de contratação. Além disso, influenciou negativamente nos pagamentos dos contratos ativos.

Enquanto a renda de muitas famílias diminuiu, outros profissionais começaram a trabalhar em home office, afetando diretamente na arrecadação das seguradoras.

O primeiro ponto fez com que os brasileiros passassem a optar por quais débitos quitar. Já o segundo mostra que, ao correr menos riscos por não utilizarem seus veículos para trabalhar, o seguro de automóvel não teve muita importância na vida de alguns brasileiros.

Como resultado, a CNSeg registrou uma queda acima de 5% na arrecadação de seguros de carros, em relação aos meses de janeiro a julho de 2020, comparado ao mesmo período em 2019.

Outro responsável pela queda nas contratações do seguro de carro é a quantidade de vendas de carros novos no Brasil. De janeiro a agosto, por exemplo, foi registrada uma baixa de 27,5% nas vendas de carros, conforme apontado pela Fenabrave.

Com a diminuição dos preços na contratação do seguro auto, pagamentos, tipos de coberturas e vistorias, o setor também foi impactado.

O impacto da pandemia nos preços do seguro auto nos estados brasileiros, por idade

De acordo com a pesquisa da Smartia, em parceria com a TEx, no estado de São Paulo, os seguros por faixa etária, que somaram aumento no acumulado do ano, foram as proteções para segurados até 19 anos, de 40 a 44 anos e de 45 a 49 anos.

Para usuários de até 19 anos, o aumento do valor do seguro foi de 14%, considerando o período de janeiro a novembro. Já as informações obtidas entre os meses de outubro e novembro, a faixa etária de 50 a 54 anos atingiu maior aumento, sendo de 10%.

Assim também, as faixas etárias registraram quedas nos preços do seguro para carros entre janeiro e novembro, com destaque para usuários de 20 a 24 anos, que somaram diminuição de 7%. Enquanto isso, de outubro a novembro, a maior queda registrada foi na faixa etária dos 35 a 39 anos, com total de 18%.

Outros estados também fizeram parte do levantamento da Smartia, como Rio Grande do Sul, Bahia, Goiás e o Pará. Veja a tabela com um resumo das faixas etárias que tiveram aumento no seguro auto, no acumulado do ano!

Estado Faixas etárias com aumento Percentual
Rio Grande do Sul 60 a 64 anos 24%
Bahia 50 a 54 anos 13%
Goiás 50 a 54 anos 45%
Pará 25 a 29 anos 13%

Faixas etárias com quedas nos preços do seguro auto, de janeiro a novembro/2020:

Estado Faixas etárias com queda Percentual
Rio Grande do Sul Até 19 anos 59%
Bahia Até 19 anos 53%
Goiás Até 19 anos 25%
Pará Até 19 anos 7%

Levantamento da Smartia aponta a média de preço do seguro de carro em todo o País, por idade

A Smartia também realizou um levantamento sobre o preço do seguro auto por idade. Assim, obteve dados que mostram qual é a faixa etária que paga mais e menos pela proteção, no quesito faixa etária.

Os dados foram obtidos em parceria com a TEx e apontam que a média de preços do seguro para carros, em novembro, foi mais baixa para usuários de 65 a 69 anos. Por outro lado, segurados com idade até 19 anos pagam mais pelo seguro de carro.

A tabela a seguir, da Smartia, mostra a média de preço do seguro auto pelo Brasil, por faixa etária.

Faixa etária do segurado Média de preços do seguro no Brasil
até 19 anos R$ 5.292,40
20 a 24 anos R$ 4.750,85
25 a 29 anos R$ 4.086,11
30 a 34 anos R$ 3.934,55
35 a 39 anos R$ 3.936,38
40 a 44 anos R$ 3.593,77
45 a 49 anos R$ 3.584,70
50 a 54 anos R$ 3.866,48
55 a 59 anos R$ 3.663,64
60 a 64 anos R$ 3.713,19
65 a 69 anos R$ 3.306,06

Com o levantamento, também foi possível acompanhar qual perfil do motorista que paga menos e mais na proteção. Confira!

Região do País Quem paga menos Menor preço do seguro em novembro (média) Quem paga mais Maior preço do seguro em novembro (média)
 Sudeste Feminino Divorciado/Separado R$ 2847,823 Masculino Divorciado/Separado R$ 4859,647
Sul Feminino Viúvo R$ 2042,105 Masculino Viúvo R$ 4134,176
Norte Feminino Divorciado/Separado R$ 3245,819 Masculino Viúvo R$ 5502,701
 Centro-Oeste

 

Feminino Divorciado/Separado R$ 2361,509 Masculino Viúvo R$ 11619,33
 Nordeste Masculino Viúvo R$ 1581,462 Masculino Solteiro R$ 4802,833

 

Sobre a Smartia Seguros

A Smartia é uma insurtech que auxilia os consumidores no processo de compra de vários produtos financeiros como seguro auto, seguro residencial, plano de saúde, seguro de vida e consórcios, provendo informações e conectando-os a corretores e seguradoras de forma rápida e eficiente.

Sobre a TEx

A TEx é uma insurtech pioneira, e que segue na liderança em oferecer soluções on-line, criando produtos e serviços para seguradoras e corretoras, aliada a mais atual tecnologia. Assim, desenvolve plataformas on-line para esse nicho de mercado, integrando seguradoras, corretoras de seguros e segurados em tempo real.

Fontes: TEx Analytics e Revista Apólice

 

Compartilhe nas redesShare on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.