Skip to main content
 -
Gustavo Fonseca é Cofundador do Doutor Multas. Criado há 9 anos com o objetivo de ajudar os motoristas, já evitou que + de 5.200 clientes perdessem a CNH com consultoria administrativa personalizada. É dedicado a disseminar conteúdo relevante para conscientizar as pessoas sobre as Leis de Trânsito.

Modo seguro para levar crianças no carro

Compartilhe nas redesShare on Facebook
Facebook
Share on Google+
Google+
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

Esta é a época do ano mais agradável, pois, além do calor, é sinônimo de viagens de férias! Então é só fazer as malas, reunir a criançada e, pronto! Carro carregado, é só sentar cada um no devido lugar! Só que não é bem assim! Adultos sentam, colocam os cintos de segurança sem maiores problemas. Já os pequenos, dependendo da idade, cada um é de uma maneira diferente. Mas, existe um modo seguro para levar crianças no carro que vai deixar sempre a viagem mais tranquila. Vamos conferir?

 

Qual é o modo seguro para levar crianças no carro

 

  • A primeira regra é, sob nenhuma circunstância, deixe uma, ou, mais, crianças sozinhas dentro do carro. Nunca se sabe o que podem apertar ou mexer, caso sejam maiores;
  • Nenhuma criança deve ficar sentada no banco da frente, nem mesmo coloque cadeirinhas com bebê;
  • Sempre que sair do carro, deixe o freio de mão puxado até o fim. Assim, a última trava do freio é mais difícil de ser desativada, caso, venha deixar mesmo por segundos uma criança sozinha no carro;
  • O carro após ser desligado, precisa estar engatado, afinal, criança vê e pode querer fazer igual ao pai ou a mãe, quando são maiorzinhas. Nesse caso, mesmo que o freio de mão seja liberado, o carro permanece parado;
  • Jamais incentive a criança a dirigir o carro, nem sentada no colo de um adulto como tantos fazem por aí. Afinal, são apenas crianças, e na idade apropriada podem entrar numa autoescola para tirar a CNH;
  • O veículo na garagem da casa deve permanecer com as portas travadas e, a chave não deve ficar fácil para a criança pegar;
  • Crianças devem sentar somente no banco de trás nas cadeiras de apoio correspondentes ao tamanho de cada criança e, presas ao cinto de segurança;

 

Índice alto de acidentes com crianças

 

  • Conforme a ONG Criança Segura, somente na cidade de São Paulo, a principal causa de morte entre crianças e jovens de até 14 anos acontecem todos os anos nos acidentes no trânsito. Grande parte de ferimentos em crianças, é porque não estavam devidamente presas nas respectivas cadeirinhas, ou seja, estavam soltas no carro.

 

Testes de colisão

 

  • Os testes de colisão feitos, apontam que ao ocorrer um acidente com velocidade de 50 km/h, crianças soltas são jogadas para frente com uma força 40 ou 50 vezes maior que o peso delas. Enquanto uma criança que está no colo de um adulto em vez da cadeirinha própria, numa colisão frontal na velocidade de 40 km/h, um bebê de 5,5 kg pode atingir o peso de 110 kg. Ou seja, a mãe jamais conseguiria segurar a criança nessa situação;

No entanto, morte de crianças em acidentes pode diminuir cerca de 71% quando estiverem sentadas nas respectivas cadeirinhas de acordo com a idade, e em crianças de até 4 anos cerca de 69% podem nem precisar de hospitalização;

 

Um modo seguro para cada idade

 

  • Ao preparar o carro para a viagem, cada bagagem, cada criança e cada adulto, deve ter um lugar específico. Portanto, nada de levar uma quantidade acima do número permitido de passageiros. Crianças menores de 10 anos devem viajar no banco de trás, sem bagagens, pois, devem ser guardadas no porta-malas, ou, em cima do carro em bagageiro apropriado, amarrada por cordas.
  • Dessa maneira, numa colisão ou freada brusca, pacotes ou objetos guardados na parte de trás não serão arremessados para frente.

 

Veja o que diz o Código de Trânsito Brasileiro, tudo previsto em Lei e passível de multas:

 

  • Crianças de até 10 anos de idade, devem sentar no banco traseiro;
  • Crianças pequenas devem usar a cadeirinha correta;
  • Crianças de até 1 ano, a cadeirinha deve ficar de costas para o motorista;
  • Crianças de 1 a 4 anos tem de ficar na cadeirinha presa pelo cinto da cadeirinha virada para frente;
  • Crianças de 4 a 8 anos, precisam de um banquinho que se adapte ao cinto de segurança no banco de trás;
  • Crianças de 8 a 10 anos usam o cinto de segurança do veículo, mais baixo possível na bacia, nunca no meio da barriga, porque em colisões podem lesiona, intestino ou coluna;

 

Não basta apenas seguir as dicas do modo seguro para levar crianças no carro, é preciso ficar sempre atento as sinalizações e velocidades!

Compartilhe nas redesShare on Facebook
Facebook
Share on Google+
Google+
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.