Skip to main content
 -
Gustavo Fonseca é Cofundador do Doutor Multas. Criado há 9 anos com o objetivo de ajudar os motoristas, já evitou que + de 5.200 clientes perdessem a CNH com consultoria administrativa personalizada. É dedicado a disseminar conteúdo relevante para conscientizar as pessoas sobre as Leis de Trânsito.

As leis para uso da carretinha no carro

Compartilhe nas redesShare on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

Durante viagens pelas estradas é comum encontrar pelo caminho veículos que tem acoplado uma carretinha, geralmente levando bagagens, bicicletas ou moto. Parece ser um meio de transporte prático e eficiente, alguns modelos levam jet sky. Contudo, será que basta apenas comprar uma carretinha para sair por aí carregando todo tipo de material necessário? Será tão simples para ajudar com o excesso de bagagens ou equipamentos? Melhor mesmo é não se arriscar, por isso, é interessante conhecer as leis para uso da carretinha no carro, senão, é dor de cabeça na certa!

 

Feriado a vista

 

  • Feriadão chegou, para quem se programou é hora de curtir cada momento. Então, é só juntar as bagagens e acondicionar tudo dentro do porta-malas, afinal, dentro do veículo pode colocar no máximo os travesseiros. Caso contrário num acidente, as bagagens soltas podem machucar os ocupantes!

 

Falta de espaço no porta-malas

 

  • A constante falta de espaço dentro do porta-malas para levar a bagagem, pode indicar que a solução é ter uma carretinha no carro. A saída é fazer uma pesquisa para saber carretinha encaixaria melhor nas suas necessidades.

 

Leis para uso da carretinha no carro

 

A carretinha no carro é considerada um acessório, mesmo assim, por lei precisa ter:

 

  • Para-choque traseiro;

 

  • Protetores das rodas traseiras;

 

  • Lanternas de posição traseiras de cor vermelha;

 

  • Freios de estacionamento e de serviço com comandos independentes, para veículos com capacidade superior a 750 kg;

 

  • Lanternas de freio de cor vermelha;

 

  • Iluminação da placa traseira;

 

  • Lanternas indicadoras de direção traseiras (cor âmbar ou vermelha);

 

  • Pneus que ofereçam condições mínimas de segurança;

 

  • Lanternas delimitadoras e lanternas laterais, quando dimensões exigirem;

 

  • Faixas refletivas no entorno;

 

Carretinha no carro, registrada e licenciada

 

  • Os reboques precisam estar registrados e licenciados no Departamento de Trânsito (Detran) da cidade onde o proprietário reside, ou seja, carretinha da Bahia, endereço do proprietário também. Dessa forma a carretinha no carro vai ter uma placa própria e documento;

 

  • É necessário ter o Certificado de Registro de Veículo (CRV), que permite o emplacamento, Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV), que é o licenciamento anual e documento de porte obrigatório;

 

  • O bom é que não paga IPVA, no entanto, seguro obrigatório DPVAT sim, além do licenciamento que deve ser quitado todo ano;

 

Qual categoria de CNH pode puxar uma carretinha no carro?

 

  • Motoristas habilitados na categoria B (carro) podem ter uma carretinha no carro. Entretanto, tem que ficar atento ao peso bruto total do carro e do reboque, já que não podem passar o total de 500 quilos;

 

  • Vale esclarecer que sempre que o peso da carretinha+veículo+carga fique entre 500 e 6.000 quilos, a lei exige que o motorista seja da categoria C. A mesma para motoristas de pick-up, caminhonetes e vans;

 

  • Outro ponto importante, é que a carretinha esteja homologada junto ao Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), órgão que avalia os veículos antes de serem comercializados;

 

Cuidados para uso da carretinha no carro

 

  • Com o propósito de fazer uma viagem tranquila e segura, é preciso ter certeza que o veículo onde a carretinha será acoplada, tenha capacidade para puxá-la;

 

  • Essas dúvidas podem ser esclarecidas no manual do proprietário onde mostra a capacidade máxima de tração do carro e a localização dos pontos de fixação do equipamento;

 

  • Para quem não sabe, dirigir um automóvel com reboque fora das especificações, dá multa, infração grave,5 pontos na CNH;

 

Como dirigir com uma carretinha no carro

 

  • Sem dúvida, é somente para motoristas experientes no volante. Mesmo assim, não pode esquecer que ter uma carretinha no carro, significa que está dirigindo um veículo com uns três metros a mais no comprimento;

 

  • Ao mudar de faixa ou fazer ultrapassagem, precisa dar uma boa distância e voltar para a pista original só com bom espaçamento;

 

  • Ao fazer uma curva, precisa ser um pouco mais aberta, senão passa por cima da guia;

 

  • Cuidado redobrado ao estacionar, visto que o carro vai para um lado e a carreta para o outro;

 

Levar uma carretinha no carro, requer o dobro de atenção e, mesmo durante o dia as luzes traseiras devem permanecer acesas para facilitar a visualização dos motoristas que vem atrás!

Compartilhe nas redesShare on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.