Skip to main content
 -
Gustavo Fonseca é Cofundador do Doutor Multas. Criado há 9 anos com o objetivo de ajudar os motoristas, já evitou que + de 5.200 clientes perdessem a CNH com consultoria administrativa personalizada. É dedicado a disseminar conteúdo relevante para conscientizar as pessoas sobre as Leis de Trânsito.

Entenda a diferença entre os cursos de Atualização e Aperfeiçoamento para Renovação da CNH

Compartilhe nas redesShare on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

 Renovar a Carteira Nacional de Habilitação é um processo mais tranquilo do que o condutor imagina.  Com as mudanças na CNH, se tem falado muito no curso de renovação. Com tanta informação desencontrada, o condutor acaba tendo algumas dúvidas com relação a sua habilitação e a todo o processo.

Outra dúvida frequente dos motoristas é referente à diferença entre os cursos de atualização e aperfeiçoamento, que tomou conta dos noticiários nas últimas semanas.

Selecionamos algumas informações cruciais para que você entenda bem a diferença entre o curso de atualização e de aperfeiçoamento.  Compreenda como funcionam esses processos e verifique qual deles é o mais indicado para você.

Compreenda como funciona o curso de atualização para a renovação da carteira

O curso de atualização para a renovação da carteira é destinado àqueles condutores que estão com suas carteiras de habilitação vencidas há mais de 5 anos. O curso também atende motoristas que, de acordo com o artigo 150 do Código de Trânsito Brasileiro, não passaram por aulas teóricas de direção defensiva e primeiros socorros. Geralmente, são condutores que tiraram sua habilitação antes de 1998.

Esse é um curso de curta duração, de carga horária de 15 horas/aula, divididas em 3 encontros. Essa atualização deve proporcionar, ao condutor, a atualização e o aprimoramento dos conhecimentos já adquiridos sobre direção.

Após o termino do curso de atualização, o condutor deve passar por um exame teórico com 30 questões. É necessário que o condutor acerte 70% da prova, ou seja, 21 questões, para ser considerado apto a dirigir. Caso o condutor reprove duas vezes, deve reiniciar todo o processo.

Curso de aperfeiçoamento tem como foco a legislação no trânsito

O curso de aperfeiçoamento seria implantado no segundo semestre deste ano.  Caso a Resolução 726 do Contran não tivesse sido revogada, ele seria obrigatório para o condutor que estivesse em processo de renovação da autorização para conduzir ciclomotor.  Esse seria um curso obrigatório para todos os condutores habilitados em todas as categorias.

Diferente do curso de atualização para a renovação da CNH, o curso de aperfeiçoamento tem, como principal objetivo, atualizar as informações e os conhecimentos sobre as legislações de trânsito. Isso seria necessário, segundo o Conselho Nacional de Trânsito, CONTRAN, tendo em vista as constantes alterações na legislação.

Esse curso teria carga horária de 10 horas/aula. Uma de suas diferenças do curso de atualização para renovação da carteira é que ele poderia ser feito a distância, caso essa fosse a preferência do condutor.

Da mesma forma que no curso de atualização, o condutor deve passar pela prova teórica de 30 questões e ter um desempenho superior 70% para renovar a sua habilitação. A obrigatoriedade desse curso para quem deseja renovar sua carteira foi vetada pelo Ministério das Cidades.

Mudanças no curso de renovação são vetadas pelo Ministério das Cidades

O curso de renovação da carteira iria sofrer algumas mudanças a partir do segundo semestre de 2018, em virtude da Resolução 726 do Contran. O processo ficaria mais difícil para os condutores, já que seria necessário realizar um curso e obter a aprovação na prova teórica.  A decisão foi revogada pelo Ministério das Cidades, que avaliou que isso deixaria o processo mais demorado e mais caro para o condutor.

O Ministério das Cidades, em nota, afirmou que “Por determinação do ministro das Cidades, Alexandre Baldy, o diretor do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e presidente do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), Maurício Alves, revoga a resolução 726/2018 que torna obrigatória a realização e aprovação em Curso de Aperfeiçoamento para renovação da Carteira Nacional de Habilitação”.

De acordo com o Ministério, o objetivo da revogação é não alterar a vida de quem precisa renovar a carteira, além de “reduzir custos e facilitar a vida do brasileiro”.

Preste atenção na data da validade da sua CNH e renove sua carteira. Não perca seu direito de dirigir! Para saber mais sobre as mudanças no trânsito, consulte o blog do Doutor Multas https://doutormultas.com.br.

Para mais informações, contate:

– E-mail: doutormultas@doutormultas.com.br

– Telefone: 0800 6021 543

Compartilhe nas redesShare on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.