Skip to main content
 -
Rosa Maria Miguel Fontes Jornalista e escritora. Contato rosamaria.fontes@hotmail.com

“Os saltimbancos”

Editora Autêntica reedita o espetáculo musical de Chico Buarque de Holanda.

b72977bc-0d43-46ef-81b2-41534b012048

O clássico “Os saltimbancos”, está de volta, agora, ilustrado por Ziraldo e lançado pela Editora Autêntica. A bicharada que conquistou crianças (e adultos) promete encantar o público mais uma vez.

“Os saltimbancos” é uma peça de teatro de Sérgio Bardotti e Luis Enríquez Bacalov, inspirado no conto “Os músicos de Bremen”, dos Irmãos Grimm. Eles criaram uma alegoria política, na qual o burro representaria os trabalhadores do campo; a galinha, a classe operária; o cachorro, os militares; e a gata, os artistas. O barão, inimigo dos animais, seria a personificação da elite, ou dos “detentores do meio de produção”.

Em 1977, Chico Buarque, além da criação das canções para transformar a história num musical, traduziu a fábula e a adaptou para o português.

A história de “Os saltimbancos”, portanto, destaca quatro bichos, que abandonam seus donos por causa dos maus tratos: o jumento que não aguenta mais carregar tanto peso sem recompensa alguma, um cachorro que está muito velho para guardar a casa, uma galinha que não consegue mais botar ovos e uma gata que está cansada de servir como companhia de luxo de sua patroa. Eles se juntam e partem para a cidade em busca do sonho de se tornarem artistas. Na verdade, deixam pra trás a opressão que sofrem de seus “patrões” e vão em busca da liberdade.

Parece que, desde os anos de vida dos Irmãos Grimm (1785-1863) até o musical de Chico Buarque, da era contemporânea, a carga política da história continua bem atual.

5 comentários em ““Os saltimbancos”

  1. oh legal da historia eh q ela tem uma *moral verdadeira*-*porque realmente muita das vezes nos somos igual os bichos dessa historia,e tem pessoas q nunca percebem isso pq sabem que também precisamos de liberdade,por exemplo-tem pessoas que são o jumento porque sabem que estão carregando fardo dos outros e não percebem.ou tem pessoas que são igual o cachorro que se obriga que tem por força guardar algo sem querer mesmo sabendo q esta cansado de guardar.OU ate mesmo como a gata (o) que sempre em que ser melhor q os outros,mesmo não conseguindo ser mais ficam persistindo.Ou ate mesmo a galinha ou o galo que não consegue mais gerar confiança,esperança,etc a si mesmo.MAS na verdade temos que parar para pensar um pouco e veremos o que realmente estamos causando a nos mesmos,e temos que primeiro ver se em algo de diferente em nos para depois corrigirmos os erros dos outros…*

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *