Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Valeu apenas pela liderança

O resultado contra o Uberlândia não mostra verdadeiramente o que foi a partida. O Galo, de modo sincero, não mereceu a vitória, sequer o placar dilatado. Entretanto, os três gols asseguram a permanência na liderança do Campeonato Mineiro. Nesse quesito, temos mesmo que comemorar. A atuação da equipe, meus amigos, serviu para avaliar o futuro na temporada.

Logo de início, dois registros. Primeiro: Fred agora é dono absoluto da camisa 9; depois da venda de Lucas Pratto, a numeração foi liberada e o artilheiro aposentou a 99. Segundo: um fato vem intrigando muitos Atleticanos. No horário da partida, às 17h, a depender do sorteio realizado antes do apito inicial, o sol fica em frente ao goleiro que atua ao lado direito das cabines de rádio e TV. Do lado oposto, o goleiro fica à frente da Galoucura. Entendem muitos, inclusive quem vos fala, que o ideal seria a inversão dessa situação. Ocorre que, via de regra, no Independência o Galo fica nessa posição. É opcional ou a moeda só cai do lado contrário. Se for opção, merece uma justificativa convincente, uma vez que ocorre desde tempos anteriores. Ou seja: atuamos com o sol na cara do goleiro e a pressão do segundo tempo sobre o goleiro adversário fica relegada pela condição inicial.

Evidentemente que isso não ganha jogo, mas seguramente representa evolução extracampo. Permitam-me um breve pitaco com relação ao placar eletrônico. Numa partida, ele marca o tempo de jogo, noutra não, como ontem foi a partir dos vinte minutos da etapa final. Estranho, também, é que voltaram a distribuir a ficha do jogo aos jornalistas. Será que a máquina de reprodução estava no conserto?

Sobre o jogo propriamente: o Galo não teve a mesma atuação, mostrando-se aquém ao que o Atleticano esperava. Se no primeiro tempo, no empate sem gols, podemos registrar que a partida foi sonolenta, o início da segunda parte foi desesperador. Tanto que o primeiro gol só saiu aos 31 minutos, deixando o Torcedor aflito com a possibilidade de perder pontos para uma equipe do interior, jogando em Belo Horizonte. Como consequência disso, caso ocorresse, deixar outro time tomar a dianteira na tabela de classificação.

Fotos: Bruno Cantini/Atlético

Mas aí veio o gol que proporcionou alívio. Quem marcou foi Danilo, jogador que vem conquistando a Torcida de modo muito sincero. Logo depois foi a vez do Atleticano Rafael Moura inaugurar seu retorno com um belo gol. Quis o destino que fosse exatamente do mesmo lado que quando saiu daqui, execrado pelo Torcedor, perdeu uma bola que originou o gol de empate do Atlético Paranaense. Prenúncio de novos tempos. Só faltava mais um gol para o Galo voltar à liderança do campeonato. Foi quando apareceu o novo dono da camisa 9, Fred, que bem ao final do jogo assegurou a manutenção do primeiro lugar e os 100% de aproveitamento. Ufa!!!

Cazares e Otero estavam mal na partida. Foram substituídos por Maicosuel e Clayton, respectivamente. O primeiro, apesar de prender demasiadamente a bola, foi decisivo para o resultado final. Clayton continua devendo. Pelo visto, continuará. Ele e outros contratados na última temporada não justificaram até hoje o investimento da diretoria. Já Rafael Moura, que entrou na vaga de Elias, mostrou o brilho de sua estrela. Será uma interessante opção para as conquistas que o Atleticano aguarda para 2017.

Entre aqueles dispensáveis no atual elenco, ao que soube, o Grêmio quer Carlos Eduardo.  Como o outro gaúcho, Inter, já levou Carlos e Eduardo, seria interessante que o tricolor dos pampas nos livrasse do resto do trio. Disse aqui no ano passado e relembro. Um tem o nome do meu pai; o outro o meu próprio nome; e o terceiro congrega os dois nomes. Foram, todos, decepcionantes. Do meu amigo e twitteiro sagaz, Zeca Devotos, pego emprestado a sugestão. Quem sabe quitamos a famosa dívida do Victor com o Grêmio ao liberar o jogador que foi revelado lá mesmo. Imaginem. Victor por Werley e mais Carlos Eduardo. Um sonho!

No mais, além da péssima apresentação do Galo, também merece destaque o desastroso trabalho do trio de arbitragem. Nenhum se salvou. Benevenuto é conhecido e reconhecido como algoz Atleticano. Fez por onde na partida de ontem. Seus dois auxiliares seguiram à risca a cartilha. Fomos prejudicados, em lances simples, o jogo todo. Impedimentos, laterais, escanteios, aplicação de cartões e faltas, sempre em desfavor do Galo. E deu um minuto de acréscimo, mesmo tendo ocorrido seis substituições no segundo tempo. Uma lástima. Nem precisava, o time estava muito mal. Mas, ao final, por obra e graça divina, três a zero e de volta a liderança do Mineiro.

Ah! O Torcedor chiou e xingou muito. Mas tem determinado xingamento que para certos árbitros não causam qualquer desconforto, portanto …

64 thoughts to “Valeu apenas pela liderança”

  1. É notótio que os jogadores ainda estão assimilando as táticas do técnico Roger.
    A sáida de bola ainda é artificial e mecânica, mas com o TEMPO vai se tornar natural e objetiva. A defesa tem melhorado e o meio precisa de um camisa 10.
    È bom ver que o time tem potêncial para crescer. Vai ser mais um grande ano pro GALO !!

  2. O Grêmio bloqueou parte (quase total) da venda do Pratto? Ótimo, ficamos sem o jogador e sem o dinheiro! Parabéns diretoria do Galo! Vocês são brilhantes, mesmo!

  3. Mozart, sinto muito, mas você está iludido. Perdemos a chance de levantar taças que nos colocariam entre os grandes vencedores do Brasil. De 2012 a 2015, montamos times capazes e tínhamos rivais em baixa. Essa onda passou e Flamengo, Palmeiras, São Paulo e outros estão se reerguendo. Acorda Galo!

  4. Como já disse noutro post, não vejo nenhuma terra arrasada no GALO, início total da temporada, início de um novo treinador, são necessários no mínimo 5 ou 6 jogos para começar articular o time e conseguir o padrão esperado, é absolutamente normal que não consiga os resultados que a torcida deseja. Futebol é coletivo, tudo funciona por osmose, então há de se esperar um pouco mais para que apareça o trabalho do Roger, que na minha humilde opinião será treinador ídolo no GALO dentro de pouco tempo. Os jogadores estão motivados, tentando acertar o posicionamento, logo haverá o entrosamento tanto esperado e com certeza boas novas virão. Danilo foi uma grata surpresa, felizmente/infelizmente dentro de pouco tempo o veremos indo embora por alguns milhões de euros, deixando os cofres abarrotados. Tenhamos paciência e perseverança, acreditemos como sempre, a recompensa será imensa. Valeu galera.

  5. Perguntinha que não quer calar (a última que faço sobre o assunto, prometo): o Pratto, com 28 anos, estava sendo considerado quase que “velho”quando foi vendido, mas o Elias, com 31 anos, é considerado “novo” pela diretoria para ser contratado? É isso?

  6. Boa tarde, Eduardo e todos os atleticanos decepcionados ou não com o jogo de ontem. Pois bem, Eduardo, que seja só pela liderança. Veja se dá para entender, o time vence por 3×0, mantém a liderança e nós estamos apreensivos e reclamantes. Não foi o jogo de ontem propriamente dito que nos deixa (alguns) apreensivos. É a leitura que fazemos do time que não demonstrou nada de coisa alguma e não dá tranquilidade para o futuro. Se um time montado às pressas para um campeonato mineiro e que provavelmente será desmontado após esse torneio foi capaz de anular o time do Galo, o que podemos esperar? Será que vamos ganhar os próximos jogos na base do oba-oba e salve-se quem puder? Porque ontem foi assim. Ou algum otimista de plantão dirá que o time mostrou evolução técnica e capacidade? Continuo oferecendo um bom prêmio para quem for capaz de dizer a formação tática do time em campo ou qualquer tipo de esquema de jogo demonstrado ontem. Não digo que foi um horror porque num país que tem um Congresso Nacional como o nosso é difícil para qualquer outra coisa ser horrorosa. Mas, mediocridade pode ser um bom substantivo para um time sem substância alguma. O Fabrício Rondônia disse que foi doído ver o jogo de ontem. Será que o Galo está deixando de ser doido para ser doído? O Roger, em quem não confio, mas estou dando crédito por causa de tantos outros companheiros aqui da página insistirem nisso já teve tempo suficiente para pelo menos conhecer os jogadores do elenco. Então porque ele insiste em desperdiçar tempo com Clayton, Carlos Eduardo, Hiury, etc.? Porque ainda não definiu um time principal e dedicou seu tempo em aprimorá-lo? Está claro que até hoje ele não disse para os jogadores o que ele quer de cada um em campo. Eles estão jogando sem nenhum sentido tático. É pura inspiração individual. Eles estão perdidos sem saber com certeza como devem atuar. É uma desarrumação total. No fim até o próprio Roger jogou a toalha para esquema e partiu para o Deus ajude. Deu certo ontem graças ao empenho individual de alguns. Mas, e amanhã? O JTF mostrou a sua preocupação que não é única. O Roger vai dar razão a ele?

  7. Me desculpe quem acha o contrário, mas vejo MUITA evolução na forma de jogar do Atlético MG do Roger. Os jogadores estão mais pacientes, sem aquela afobação ridícula do Galo doido querendo fazer gols de qualquer jeito. A saída de bola está sendo feita no chão e as vezes com lançamentos, e não mais SOMENTE com lançamentos e chutões. Quase todos os jogadores estão dando no máximo três toques na bola para tocar ao companheiro de time, não mais tentando jogadas individuais a toda hora como era feito. A questão é que para esses novo estilo de jogo ficar mais afinado e entrosado precisa-se de tempo, e espero que a torcida tenha compreensão e paciência para este novo estilo de jogo, e parece que está tendo pois a Muuuuuito tempo não via a torcida empurrando o time do início ao fim como foi contra o Joinville, menos contra o Uberlândia. Se a torcida entender e tiver paciência, e os jogadores compreenderem e colocar em prática o que o Roger quer, tenho certeza que levantaremos taças importantes esse ano ainda!

    1. Boa noite, Mozart. Me desculpe a intromissão. Gostaria de saber a marca dessa luneta ou microscópio eletrônico que você está usando para ver os jogos do Galo e enxergar tudo o que disse. Ou então devo estar com catarata.

  8. Eduardo, permita-me respondê-lo. Não vejo necessidade em esperar o jogo terminar. Não me refiro apenas ao de ontem. Às vezes dez minutos são suficientes para saber no que vai dar. Não compreendo a sua posição e concordo plenamente com o Rondonia. Até aí tudo certo, já que o blog fomenta o debate. Ótimo! Acho que se os amantes desse clube seguirem com a incondicionalidade do apoio, corremos o risco de voltar aos anos 90. Gostaria muito de estar errado e, se estiver, reconhecerei com humildade. Mas, o que sinto e vejo é um Galo perdido. Não temos comando. Acorda Galo!!!!

  9. O time que a diretoria diz que está pronto para ganhar a Libertadores de 2017 é esse de ontem? Espero que não. Acho que todos estão vendo que o Galo precisa de reforços ( e não meras contratações) para conquistar as competições importantes que temos pela frente (Libertadores, Brasileiro e Copa do Brasil). Só que é sabido que a palavra reforço não é do agrado da carniça do nosso diretor de futebol (com a omissão do presidente Nepomuceno), que só quer saber de VENDER, VENDER E VENDER nossos jogadores! Precisamos de um zagueiro de verdade (pois Gabriel não transmite a confiança necessária para a disputa de competições tão árduas e Felipe Santana causou péssima impressão no único jogo de alguma dificuldade que disputou), de um armador e de um jogador para jogar pelos lados do campo (pois não se sabe se Luan voltará a jogar futebol em nível profissional, sem se contundir, ao passo que de Clayton e Hyuri creio que não é preciso falar mais nada). E se Roger Machado continuar nessa de que não vão pedir reforços para a diretoria, que é tudo o que ela quer ouvir dele, é bem possível que no fim de 2017 ele esteja procurando outro time para treinar. Te cuida, Galo!

  10. Caro blogueiro, quero o meu comentário, por favor! Sempre fui respeitoso, creio que deve ser escassez de tempo sua e não censura!

  11. Boa tarde , jogo doído de se ver, time lento, sem criatividade ofensiva, mesmos erros que cobramos do time a quase dois anos. Nada de evolução tatica, compactação e jogadas rapidas de contra ataque, pelo contrario falta isso tudo. Não compartilho do otimismo de alguns que jogou mal mais ganhou. Do Uberlandia???? É obrigação ganhar e bem no horto deste time. Ganhar jogando mal assim aceitamos na liberta, fora de casa , jogo contra time que brigará pelo titulo também!!! Sofremos com mexericas e sergipanos, ai mudamos de patamar com R10 e Cia, aprendemos a ganhar e gostamos disso, não podemos desaprender e achar que ganhar no sufoco de times do interior de MG seja bom ou animador!!!!!!

  12. Como temos poucos reservas confiáveis alguém poderia vir a público e explicar a real situação do Erazo e do Luan , se eles forem ficar no DM é lógico que precisamos de reposição..

  13. Eduardo e amigos do blog, acho que temos de reclamar menos e apoiar mais…
    É verdade que temos muitas carências em nosso elenco e o técnico sozinho não vai fazer milagre.
    O próprio Roger Machado brincou com o Danilo dizendo que ele não pode se machucar pois não tem substituto,è verdade.
    Assim como na zaga se machuca alguém, só temos o Felipe Santana que ainda tá em faze de adaptação de teste.
    Não temos um camisa 10 que comande o time, tomara que o Robinho assuma essa condição.
    Como eu venho dizendo eu confio muito no time titular e em algumas poucas reposições, se não tiver contusões para atrapalhar vamos brigar de igual para igual com qualquer um, pois temos um bom time titular:
    Victor
    Marcos Rocha, Leo Silva, Gabriel, Fabio Santos
    Carioca
    Maicosuel, Elias, Robinho, Danilo
    Fred
    Reservas em quem confio:
    Giovane
    Carlos Cesar, Otero, Rafael Moura
    Reservas que NÃO confio:
    Erazo depois que machucou o joelho nunca mais foi o mesmo, mas tem qualidade.
    Luan problema crônico no joelho tem qualidade mas não consegue jogar
    Jesiel tem futuro mas ainda tá verde para grandes jogos
    Leonan tem futuro mas ainda está verde para grandes jogos
    Cazares tem qualidade mas vive de lampejos
    Clayton tem qualidade mas a camisa do Galo pesou
    Hyuri menos qualidade que o Cazares e também vive de lampejos
    Carlos Eduardo ex jogador em atividade, pior contratação do Galo tem que prender quem contratou, some com ele logo.
    Patric, particularmente eu gosto do futebol do Patric já sugeri várias vezes ele ser um volante pela direita, como o Danilo está sendo pela esquerda, mas o Aguirre acabou queimando ele colocando de atacante e queimou o filme dele, se não for usar empresta a outro time.
    Precisamos de jogadores uteis ao elenco, ficar com Clayton, Hyuri, Carlos Eduardo só vai atrapalhar pois uma hora eles vão entrar e nos matar de raiva, podem ser incluídos em trocas.
    Temos que apoiar pois essa é a realidade, temos um bom time titular mas poucos reservas confiáveis, e como são muitas competições e desgastantes vamos ver até quando aguenta, enquanto esse time estiver entrando em campo em confio, o méquinha que prepare o lombo!! Aqui é Galo!!

  14. Eduardo, é impressão minha ou o Elias tá demonstrando má vontade em jogar no Galo. Além de estar sem ritmo e totalmente desentrosado, quando a câmera foca nele a impressão que passa é que ele tá pensando assim: “Por que eu vim pra cá?” Parece que veio de má vontade pô! Tá jogando nada! E outra: será que a gente não acha no futebol argentino um meia armador de qualidade? Porque esse Cachazares pra mim não vai dar em nada!

  15. O placar é o que menos importa. Precisamos analisar desempenho. E ontem não vi evolução do time. O Roger terá uma semana cheia até o jogo contra o Coelho e mais uma semana cheia até o jogo contra o Democrata. Isso mesmo, dois jogos em 15 dias. O momento é de trabalhar forte e dar um padrão à equipe. Passado este tempo, serão dois meses no comando e a cobrança será natural, afinal o que importa é 08.03. Vamos dar um voto de confiança ao técnico. PS: Clayton não tem condições de jogar no Galo. Patrick e Carlos Eduardo já deveriam ter saído. O que ainda fazem no Galo?

  16. Prezado Eduardo ! 3-4-1 ? 4-4-2 ! Nada disso não adianta se não tiver em um time uma camisa 10 nato ! O Atletico precisa para ontem de um camisa 10 nato ! Um jogador velocista que jogue pelo lado direto do campo ! E de um zagueiro nato, para jogar com o Gabriel ! Se não pode esperar mais um ano no muro das lamentações ! Nepomuceno ou é a prefeitura ou o Galo !

    1. O Diego Souza está comendo a bola, deveriam contratá-lo. Uma passagem ruim por aqui não se repetiria. Vale lembrar que o rival vai passando por cima de todos, inclusive do GALO, que conseguiu perder para o único adversário qualificado que enfrentou.

      1. O Diego Souza odeia o Galo. É só ver a disposição dele quando joga contra nós. Ele faz qualquer coisa para não perder para o Galo e sai chorando toda vez que isso acontece. Ainda bem que é na maioria das vezes.

  17. A marcação bem encaixada do adversário dificultou muito , fato !Roger vem fazendo o que é certo, arrumando primeiramente o setor defensivo que foi nosso calcanhar de aquiles por longo tempo ( hoje somos líderes por saldo de gols .Detalhe ,como menos gols marcados ,só que não levamos nenhum ). Já a criação, ou falta dela, vai de encontro a falta de mobilidade do ataque muito em função do posicionamento.Tanto que Maicossuel como um meia atacante pelo lado do campo ,funcionou melhor que o Cazares centralizado . Fica claro que neste esquema de Roger um armador se faz necessário Outra jogamos com dois centro-avantes e deu certo .Qto ao jogo não vejo motivos p/ temeridade pelo 0x0, e nem euforia nos 3×0 , há sim a necessidade de tempo para acertar e organizar . No fim do ano passado três campeões estaduais que deram tudo no início da temporada ,amargam hoje uma segunda divisão . Mineiro e 1ª liga são para ajustar o time,fazer experiências e chegar voando nas competições maiores ,de que adianta voar agora e perder o fôlego depois . Toda vitõria do CAM é importante ,de disputa de “quem tem mais cabelo no saco” a mijo a distância ,palitinho, birosca e por aí vai . Éh o GALO po##@ ! GALÔ

  18. Placar mentiroso , porém merecemos ganhar, não tem essa não , de que não merecemos Tres cocos a zero .
    Análise : Jogo sonolento e futebol burocrático na primeira etapa , sem criação . Elias mal , apático e sem movimentação , acredito nele , fase de adaptação . Cazares , a cada jogo se revela um possível mico, um foguete molhado , com lampejos . Insisto que é necessário um trabalho com este rapaz bom de bola, avoado e disperso , fora das quatro linhas , parece desconcentrado.
    Acredito que Maicossuel cansou da fase negativa , ontem entrou com vontade e deu no que deu. A torcida espera muito de voce, Maicossuel , volte a jogar futebol, a titularidade é garantida.
    Rafael Moura , o Heman, depois do périplo Brasil afora, voltou com gana , com vontade de mostrar que não é um jogador para Santa Catarina e Paraná , quer ser grande num time grande , tipo última chance de se firmar, e quando se chega neste estágio, amigos, o cara joga , o tempo dirá.
    Roger, poupe a torcida de ver este claiton , por favor. Isto é um blefe , não insista , não irrite a torcida que quer e precisa abraçar este time em formação , a paciencia da torcida tem limite.
    Capitão Léo Silva , é outro patamar.
    O time, em minha humilde opinião, precisa de um jogador agudo, um camisa dez inteligente, um armador de jogada, um jogador que faça o time fugir da mesmice , das bolas recuadas, da ligação direta , dos toques laterais improdutivos e inócuos , cujo único objetivo é ajudar a defesa adversária se posicionar melhor , o chuveirinho constante . Precisamos de um jogador incisivo , pensei que este cazares seria este jogador, parece que me enganei . Ontem ,ele, Otero e Elias , pareciam não estar em campo , ontem achei Roger muito calmo e quieto pro meu gosto , quieto demais para um time que não estava jogando nada . É preciso, a partir de agora , evolução , evoluir . Terá uma semana para isto, já é hora do time mostrar alguma coisa . Se for ficar insistindo com cleiton até a libertadores começar, fica difícil.

  19. Eduardo, nós torcedores do Galo e também do rival, estamos sofrendo muito com a não transmissão dos jogos para a Zona da Mata, acredito que deva estar acontecendo em outras regiões, como querem valorizar o campeonato mineiro, se desrespeitam o torcedor do próprio estado?Presidente Nepomuceno, Gropen, Presidente da FMF Castelar e até mesmo dirigentes de nosso rival no campo esportivo, espero que alguém faça alguma coisa, nós torcedores estamos muito chateados com essa situação, isso não acontecia desse jeito antes…

  20. Muito bom dia!!!
    Se formos depender de Maicosuel para nos remar para vitorias, TAMUFU!!!
    Tirar de vez esse B#$t@ do Rafael Carioca e aproveitar a velocidade e garra do Gabriel no meio, como volante/libero, dando porrada e fazendo coberturas.
    Já ficamos livres do Carlos, UFA! … mas ainda falta Yuri, Cleyton, Patrick, Carlos Eduardo.
    Tomara que 2017 pelo menos nos dê um time equilibrado e competitivo porque, 5 anos se passaram e nós, nas alturas, disputando títulos … mas por “fogo amigo” da Diretoria e do DM, perdemos essas grandes oportunidades e, agora, vejo nosso time na “entre-safra” … sujeito a ficar no meio da tabela pois deveríamos ter aproveita a “bagaça” que estavam os times de SP e RJ nos anos anteriores e seriamos hoje, “tri” campeão Nacional, mas não fizemos nossa parte.
    Agora é ir com o que temos, mas TOMARA que pelo menos uma “limpa” seja feita no nosso plantel, deixando apenas jogadores comprometidos por alto rendimento e vontade de vencer, fundamentos de time grande que nos faltaram nos últimos anos.
    Enfim … alguém com acesso, pedir ao Leonardo Silva que, como Capitão, evite exaltar o time em atuações horrorosas e pautasse por uma visão realista em suas entrevistas. Isso ajudará muito, porque o Capitão enaltecer resultados fracos ou frustantes é senha para “nenhuma mudança à vista” e ficaremos na “fila” mais um ano.
    Para 2017 espero, no mínimo, passar o trator em cima das “esmurfetes” da lagoa e parar com esse “empata-perde” que já deu !!!

  21. Entregaram um Boeing para um motorista de carreta, o Roger é apenas um cara bem intencionado, um estudante do futebol. Depois da demissão do Levir o Galo não teve técnico com competencia para dar uma cara a equipe, um esquema de jogo. Hoje o Galo depende apenas de jogada individuais para obter resultados, futebol de baixo nível técnico da equipe.

    1. O Roger é bem intencionado, dedicado e tem conhecimento teórico. Ainda inexperiente como treinador, é verdade, mas tem potencial. O problema é que, com exceção do Cuca, não há treinador hoje no Brasil que não seja uma aposta assim como é o Roger. Ao demitir o Marcelo, trazer de volta o Levir seria problema porque ele tem o defeito de implicar com jogadores “estrela” como foi com Ronaldinho… quase foi com Tardelli, implicou com Fred no Fluminense.. e hoje temos Fred e Robinho no grupo atual, seria problema na certa. Acho que temos de ter paciência com o Roger, que inclusive ontem fez uma substituição atípica e acertou ao colocar o R. Moura no jogo. Devemos apoiá-lo, porque tirando o Cuca, não vejo treinador à altura do Galo atualmente disponível no mercado. Além disso, a tendência é que se forme uma nova geração de treinadores nos próximos anos e o Roger tem tudo pra ser um cara vitorioso. Que seja com o Galo!!!

    2. Levi com esquema de jogo? calma aí né, aquela CB foi na base do vamo que vamos e o time foi, mas esquema de jogo já é demais.

  22. Mereceu e poderia ter sido mais!!! A corneta como sempre, está ligada, tanto aqui quanto no estádio. Está cada vez mais chato assistir jogo no Horto, torcedor não canta, não apóia do time, só reclama. Agora até com o sol resolveram implicar, picuinha idiota. Saudações Atleticanas e aqui, sempre foi Galo!!!

  23. Resumindo: Finalmente estamos livres do Pratto. Dois gols por ano. Um de penalte. Elias: Estou com medo de termos contratado outra estrela cadente.
    Eu acho que consegui achar o lugar certo para o Robinho: no Santos. Vamos começar a tremer: no próximo jogo o Cruzeiro vai golear o Galo. O time do Galo, com Marcelo ou com Roger, quanto mais muda, mais fica a mesma coisa. Vamos voltar a repetir: “Cê vai ver o Galo é no ano que vem.”

      1. ..e eu também….kkk….mas esse simpatia aí é fiel ao seu blog….frequentador assíduo…deve ser a tremedeira que o faz agir assim…kkk…o que será que significa JTF?…Jurandir tremedeira fogosa….ou será Jurema Tanajura Ferida?…ou Jandira Treme Feio?…sei lá, só sei que pelo jeito tá querendo ficar no meio de torcida de verdade…o time dele coitado, tá gastando 3 jogos pra levar o público que o Galo leva em um jogo do rural no caixote do Horto…kkkk

    1. Ta falando de quem??? aquele que tem 20 anos que não ganha nada internacional? ou será o que não ganha mais nem mineiro? kkkkkkk essas buterfly blues, são mesmo piada.

    2. Boa tarde, JTF. Se não fosse pela tristeza que isso causa eu até concordaria com você. Foi difícil ver o jogo e ficar pensando exatamente isso que você disse, mas, será que para o ano que vem dará?

  24. Bom dia Eduardo. Ganhamos e não convencemos, mas tudo bem, somos lider e com a defesa invicta. Valeu pelo gol do Fred, agora com a 9 pelo gol deste Danilo que parece que já joga no GALO a muito tempo e principalmente pelo gol do Rafael He-Man Moura, ele merecia. Agora é treinar para dar uma sapatada no mequinha domingo. Eduardo gostaria de fazer uma brincadeira com vc e aos demais amigos ATLETICANOS deste espaço. Cada torcedor descrever o time do GALO de todos os tempos. Vou escalar o meu time somente com jogadores que tive o prazer de ver jogar ao vivo. Espero que gostem. Victor, Nelinho, Luizinho, Leonardo Silva e Paulo Roberto Preste; Cerezo, Gilberto Silva, Marques e Ronaldinho Gaúcho; Reinaldo e Éder Aleixo. Abraços e AQUI É SÓ GALO.

    1. Timaço esse escalado por ti. Eu mudaria somente duas posições. Victor, Nelinho, Luizinho, Leo Silva, Dedê, Cerezo, Gilberto Silva, Marcelo Oliveira, Ronaldinho Gaúcho, Reinaldo e Éder Aleixo. O Paulo Roberto Prestes e o Marques entrariam no segundo tempo rsrsrs. Saudações atleticanas!!

  25. O campeonato Mineiro e Primeira liga é treino de luxo, por isso o Roger tem que escalar o time titular em todos os jogos, para entrar na Libertadores voando, como diria o Ronaldinho “Quando tá valendo tá valendo”.
    A muito tempo que temos falado que o time precisa de mais um Zagueiro, Mais um Volante e um Camisa 10, como acho difícil isso acontecer antes de Junho temos que nos virar o que temos.
    E cada jogo vai nos mostrando o caminho, O Danilo arrumou o lado esquerdo tanto na defesa quanto no ataque ele e o Fábio Santos formam uma bela dupla.
    Cazares mesmo depois de tantas oportunidades como titular não consegue render, é no máximo banco, o Maicosuel entrou muito bem ganha a vaga na direita.
    Otero na Direita ele não rende; assume o lugar do Cazares até a volta do Robinho.
    Fred e Rafael Moura estamos bem servidos, e o Pratto tinha que ser vendido mesmo.
    Clayton eu desisto, vibrei com sua contratação jogava muito no Figueirense mas aqui a camisa pesou, está atrapalhando então é melhor sair, como tem valor de mercado pode tentar uma troca pelo Marlone, Pottker ou Valdivia precisamos de jogadores uteis ao elenco uma hora eles vão ser usados.
    Elias ta melhorando e vai nos dar muitas alegrias
    Leo Silva voltou bem demais mesmo nos seus 37 anos tá muito bem.
    Gabriel tá bem, mas prefiro ele de Líbero
    Carioca melhorou
    Rocha é muito importante no ataque, gera muitos gols.
    Giovanne, super seguro.
    Estamos carentes em algumas posições sim, mas o time titular tá se firmando,e algumas peças de reposição também, se as contusões não atrapalhar acredito muito no time e devemos apoiar o Roger vem fazendo um bom trabalho.
    Até o Palmeiras está tendo dificuldades nesse inicio, precisamos apoiar mais e reclamar menos…
    Giovanne
    Marcos Rocha – Leo Silva- Gabriel – Fábio Santos
    Carioca
    Maicosuel – Elias, Otero (Robinho) – Danilo
    Fred
    Reposição que podemos confiar: Otero, Rafael Moura
    Nesses eu confio o resto tem de melhorar muito, foi ótimo termos tempo para arrumar o time para Libertadores, Brasileiro e Copa do Brasil
    O time está se formando durante os jogos e vejo evolução, vai dar certo temos que confiar é só o Roger nos ouvir e não ficar dando murro em ponta de faca.
    Então Roger esse jogo nos mostrou Cazares banco e Maicosuel titular por merecimento, quando Robinho voltar entra no lugar do Otero esse é o time e vamo que vamo!!!
    Some com o Carlos Eduardo de graça e ainda da um troco para quem quiser.
    E arruma uma troca com Clayton enquanto ele ainda vale alguma coisa…
    Saudações

    1. Pablo, concordo que para Libertadores, Brasileiro e Copa do Brasil, ainda precisamos de pelo menos um zagueiro top.

      Analisando com mais frieza, acho que fica muito difícil pra diretoria trazer reforços sem que haja uma redução no grupo atual.

      Se trouxer um 10, o Robinho vai ter que disputar posição pra jogar aberto, porque no banco ele não ficaria. E aberto ele não vai render. É mais viável colocar ele pra fazer essa função mais centralizada e deixar o Cazares como opção de banco. Temos que eliminar problemas do tipo “Pratto e Fred”. Já aprendemos a lição heheh.

      Já temos dois ótimos volantes. Carioca e Elias. O que precisa ser feito é extrair o melhor futebol dos dois e isso leva um certo tempo, tem que ter paciência. Tem o Roger Bernardo, que se chegar inteiro, vai acrescentar muito. Precisamos de equilibrar um pouco o time com raça e estatura. Se não me engano, ele tem 1,84. O time tem muitos “baixinhos”, como Carioca, Otero, Luan, Robinho… Altura também é importante pra equilibrar nas jogadas aéreas. Tem também o Ralph que parece que vai ter uma boa evolução ao longo da temporada.

      Mas para a zaga, não acho nada bom ficar dependendo de Erazo e Felipe Santana. O equatoriano tem sofrido várias lesões, e também é convocado com frequência. O Santana ainda precisa se readaptar e isso leva tempo. Já o Gabriel, eu gosto de vê-lo jogando. É raçudo e joga pelo time. Sei que desde o ano passado ele tem feito um trabalho a parte para compensar a questão da estatura, reforçando as habilidades de tempo de bola e impulsão. Mas caso ele não consiga render o esperado como zagueiro (e o tempo pra saber isso é agora, no Mineiro e Primeira Liga ) ele deveria ser testado como cabeça de área. Ele seria um bom cão de guarda.

      Sobre o Clayton eu concordo também que deveria ser envolvido em alguma negociação. Infelizmente não tá rendendo, tem mais atrapalhado do que ajudado. Uma pena. Mas pode ser útil em uma troca, ou sendo emprestado pode ser que renda algum lucro em uma eventual venda. Carlos Eduardo também é outro que poderia ser envolvido no pacotão de negociações.

  26. O juiz foi até caseiro. Não entendo essa birra…
    O time não está evoluindo muito bem, porém tem tempo ainda.

  27. Alguém poderia me informar se o Elias já estreou??? O meio de campo continua o mesmo dos tempos do Marcelo Oliveira, sem criação e marcando mal. Cazares pode comer banco porque deve estar na farra. Por outro lado gostei da entrada do Maicosuel e ele fez exatamente o que o Galo precisa, ou seja, jogadas pelas pontas e lançamentos precisos para o homem-gol Fred. Nosso camisa 9 sabe fazer gol, mas precisa de jogadores que joguem com ele. Ainda acho que o Galo precisa de um jogador de criação, camisa 10, outro volante e mais 1 zagueiro. Isso se quer realmente ganhar libertadores porque mineiro e primeira liga não valem absolutamente nada. Vamos aguardar…..

  28. Os mesmos toquinhos sem produtividade, Cazares sem objetividade e errando muito, apesar de ver uma defesa mais consistente. Na minha opinião as entradas do Maicossuel e He man foram resposnsaveis pela vitória. Achei a dupla He man e Fred melhor que Pratto e Fred tem que haver uma transição mais rápida da defesa para o ataque e uma melhor coordenação do jogo pelo meio, mas com Cazares jogando do jeito que está fica díficil. Saudações Alvinegras.

  29. Também considero perfeito o seu comentário. O Galo jogou mal. De salto alto… Cazares parece jogador para o banco de reservas. Clayton melhor ficar em casa, pois não tem noção ainda que o futebol é um esporte coletivo. Ontem, por exemplo, chutou longe uma bola que deveria ter cruzado para Fred marcar. No próximo domingo, as marias jogam em Patos de Minas contra a URT. Num “jogo limpo” elas não ganham do time patense. E viva o Galo!

  30. Tem momentos na vida que ficar CALADO é o melhor remédio. Principalmente quando, aqueles que tem o poder de decisão, não querem escutar. Até amanhã!

  31. Bom dia Eduardo e leitores! O time tem muito a melhorar, mas apesar do seu texto indicar que devemos ser bem realistas, o que concordo muito, acho que alguns detalhes positivos importantes puderam ser observados desse jogo contra o Uberlândia.

    Embora seja um time inferior ao do Galo, a proposta de jogo dificultou bastante. Vieram bem fechados e jogaram duro, em cima. Apesar do Campeonato Mineiro ser desprezado em alguns aspectos, um jogo como esse, contra um adversário retrancado é bom pra poder treinar as armas que furem esse tipo de bloqueio. E pelo jeito o Roger vai ter que trabalhar bastante em cima desse quesito. Jogadores como Luan e Maicossuel têm a característica de ajudar bastante contra retrancas.

    Fui contra a venda do Pratto, em referência ao contexto ( por ter sido aos 45 do segundo tempo, com valores questionáveis, etc ), mas tenho que admitir que após a sua saída o comportamento do Fred em campo mudou. Ele correu, segurou a bola, fez o pivô, participou de lances decisivos, e guardou o dele em uma cabeçada típica de bons centroavantes. Por mais que o torcedor esteja dividido em relação ao Pratto, é vida que segue. O Fred merece um voto de confiança.

    Outros destaques… Rafael Moura entrou bem também. Me surpreendeu a mobilidade dele. Apesar de termos 2 centroavantes, acho que vai ser um ataque produtivo quando o time encorpar e se entrosar melhor. O Danilo também tem surpreendido. Se movimenta bem, tá sempre no lugar certo e na hora certa. Só precisa manter esse aproveitamento pra não acabar como o Patrick, um coringa com prazo de validade.

    É notório que o Elias ainda está sem ritmo. Tomara que esteja 100% logo, pois será bem útil. Ele sabe jogar, dá tranquilidade ao meio e tem se entendido bem com o R. Carioca. Falando em Carioca… poxa pessoal, muita gente fica pegando no pé do cara, falando das caretas dele e reclamações, etc. Contando que ele jogue bola, pode fazer a careta que for, reclamar o que for. Estão tão preocupados com a cara dele que não estão percebenedo que o bom futebol dele tá voltando; tem arriscado mais passes em profundidade, fez bons desarmes nos últimos jogos e sabe proteger muito bem a bola quando tá sob pressão. Muito difícil achar um volante assim. A maioria quer se livrar da bola e complica a zaga.

    Continuo achando que o Cazares precisa amadurecer mais. Tem futebol, mas precisa evoluir em campo, ser mais objetivo e ter mais frieza em alguns lances. Com a volta do Robinho, se o Roger não inventar moda, os dois irão disputar posição e provavelmente Robinho será o titular. Que ele seja produtivo!

    Otero foi melhor que Cazares. Foi bem marcado ontem. Volante e lateral em cima dele o tempo todo. A retranca do Uberlândia facilitou essa marcação em cima dele. Mas o venezuelano é aguerrido, ágil e tem bom chute. Se manter o nível vai ser importante no restante da temporada.

    Agora o mais importante é o trabalho do Roger começar a surtir efeito. As linhas ainda estão sem compactação. Os contra ataques continuam muito perigosos como era com o Marcelo Oliveira. Quando o time tá sem a bola a zaga continua muito exposta. O Mineiro serve pra isso, pra acertar esse posicionamento e compactação defensiva.

    Um último detalhe… a zaga com o Léo Silva é outro nível!

    1. Cara, gostei muito do seu comentário e concordo com praticamente tudo que escreveu, ao contrário do comentário do Eduardo, que achei negativo e pessimista ao extremo. Com exceção à Cazares e Fábio Santos, que foram realmente muito mal, o resto do time teve uma atuação relativamente boa. Vejo que a dificuldade que o Galo enfrentou durante quase toda a partida foi devido principalmente ao excelente esquema defensivo apresentado pelo Uberlândia e atuação ruim desses dois jogadores, principalmente a do Cazares, que seria responsável pela armação das jogadas e nem de longe teve competência para fazê-lo, errando quase tudo o que tentou, e apresentando muita displicência. Uma coisa bacana que constatei ontem é que o time, que com certeza ainda tem muito a evoluir coletivamente, tem esquemas alternativos que pode ser aplicados durante os jogos e resolver situações adversas. Ao contrário do time do Cuca, por exemplo, que não tinha alternativa tática, o que nos custou um campeonato brasileiro.

      1. Pois é Amilton, o Cazares é bom de bola, mas precisa melhorar as atuações. Pra jogar na posição que ele costuma jogar, o cara tem que ter personalidade, saber encarar a responsabilidade do jogo, ter frieza e objetividade. Ou seja, habilidade ele tem, mas o psicológico precisa estar bem resolvido pra poder render em campo. O Robinho tem essas características de liderança, por isso é bem provável que seja o titular da posição. E sobre as opções táticas, realmente, com R. Moura no banco, Maicossuel, Luan (se estiver 100%), Robinho ou Otero, as variações de jogo são ampliadas. Isso é bom. Mas antes disso, a engrenagem precisa estar funcionando bem, porque o Roger ainda tem corrigir algumas coisas, principalmente a proximidade das linhas. Parece que o time tá viciado no esquema do ano passado. Mas aos poucos está havendo uma evolução, precisamos apoiar o Roger e ter paciência. Vamos chegar la! Vamo GAlo!!!!!

  32. Prezado Eduardo, não posso concordar quando o senhor diz que o Galo não mereceu a vitória.
    Time esteve mal, bem abaixo do que se esperava. Mas o treinador soube fazer a leitura correta e fez as alterações que garantiram o resultado. Neste contexto, há sim méritos a serem destacados, sobretudo pelas boas opções que o elenco tem no banco e supremacia física, que ficou evidente nos últimos 10min. O placar pode ter sido mentiroso, mas o resultado do jogo foi justo premiou quem foi melhor o tempo todo, buscou o gol e soube ter ousadia. Evidentemente que ainda está longe do ideal, mas a cada dia o trabalho do Roger ganha mais a minha confiança.
    Abraço.

  33. Peraí, dizer que o time estava apático no primeiro tempo até concordo e ainda boa parte do segundo tempo. Mas dizer que não mereceu ganhar, me perdoe cara pálida, aí já demais.
    Eu também já há bastante tempo que ficou intrigado com o Atlético no primeiro tempo atacar para o lado esquerdo das cabines, deixando o goleiro e defesa sob sol escaldante. Ontem analisando bem acho que até tem razão: teoricamente os atacantes precisam correr mais, aí os nossos atacantes ficam na sombra enquanto os dos adversários ficam sob o sol forte onde o desgaste é maior.
    Aqui é GALOOOOOO….

  34. Sempre o mesmo papo: o adversário endureceu ou o juiz prejudicou o Galo! Porque não reconhecer as nossas limitações? O time é fraco, quando pegar adversários alto nível vai tomar aquela sapecada… Eduardo, você comentou que o Otero e o Cazares jogaram mal, e o Elias? Jogou bem? O cara não toca na bola, contratação de peso para ficar passeando em campo junto com o Carioca? Esse ano não ganha nem o “RURAL”.

    1. Elias, se não brilhou, vem mostrando a que veio. Está em todos os setores do campo. Precisa conhecer melhor o espírito Atleticano, se é …

  35. Durante 75 minutos do jogo os jogadores não disseram por entraram em campo. Mostraram apatia, passividade, falta de criatividade, lerdeza, sonolência, inercia (nenhuma troca de posição) um jogo extremamente burocrático. Nos 15 minutos finais o Maicosuel entrou com o espírito de Luan e mesmo um pouco atabalhoado foi deciso para ajudar o Galo a vencer. A jogada coletiva do segundo gol foi muito bonita e tomara que se repita várias vezes. Achei o Danilo muito nervosinho e o Carioca fazendo cara de bebê chorão e marrento a todo tempo.

  36. Xará, bom dia. Não posso dar pitaco sobre o jogo, sabe por quê? A emissora golpista e detentora dos direitos de transmissão, através de sua afiliada de JF, não transmite para a Zona da Mata os jogos do campeonato mineiro, e sim do carioca!!! Pqp!!! Não existe um time da própria cidade-sede da afiliada golpista participando desse campeonato??? É imperdoável!! Nosso campeonato estadual é mais organizado do que o do estado vizinho, mas essa lástima de emissora nos empurra goela abaixo suas vontades!!! Se isso acontece em uma transmissão de futebol, imagina com relação a TUDO que este grupo criminoso propagandeia neste país. ‘Tamos lascados mesmo…
    ‘Bora, Galo, ‘bora Roger, fazer esse time jogar…

    1. Não dá para depender dessa emissora amigo. Isso aí tem grande culpa nesse buraco que estamos vivendo… Vive de massa de manobra de acordo com os interesses. Flamengo que o diga..

  37. Com Prato ou sem Prato o Galo ganha. Por falar em Prato já fizeram aquela perguntinha cretina a ele: quando fizer gol no time do Atlético você vai comemorar? Resposta: sem nenhum problema. Vou comemorar muito!

  38. O jogo de ontem deixou uma coisa clara, precisamos urgentemente de um armador. Se um ou outro não estão inspirado o galo é facilmente marcado pela sua falta de criação no meio de campo. É quando vejo Carlos Eduardo ainda no banco de reservas me arrependo de não ter insistido mais com o futebol e olha que o Yuri ainda tá por aí… Não sei não.

    1. Pois é. Desanimador ter tantos jogadores à disposição, mas no final das contas não acrescentam nada em campo. Clayton e C. Eduardo deveriam ser emprestados, pra desinchar o grupo e economizar os salários. Sabemos que as coisas no futebol não é tão simples assim, mas seria muito bom se a diretoria oferecesse C. Eduardo, Clayton e Patrick em uma troca, mesmo que fosse por empréstimo, por um zagueiro top pra jogar com Leo Silva, ou um camisa 10 experiente pra ser titular.

  39. Bom dia, Eduardo. Assisti ao jogo todo. Confesso-lhe que fiquei desanimado com atuação do GALO, com o primeiro gol só saindo aos 71 minutos de jogo. Por pouco não ficaríamos no empate ou, quiça, até mesmo uma derrota. Não vai aqui nenhum menosprezo ao tipo do Uberlândia. Não, em absoluto! Só não acho que o time do Triângulo sirva para medir a quantas anda o Atlético. O jogo foi péssimo, apesar dos 3×0. Se quiser, realmente, ganhar alguma coisa nessa temporada há que melhorar muito, mas não vejo por onde com esse time aí.

    1. É amigo, acho q para melhorar precisamos de um camisa 10 pra ajudar o Cazares a jogar. Ele não tem reserva pra por pressão nele. Falta a sombra pra ele jogar bola. Aí vai duas sugestões pra diretoria: meia Alex, ex-inter, que rescindiu com os gaúchos ou, minha preferência, Diego Tardelli. Jogando junto com o Robinho, na armação de jogadas e chegando pra finalizar, acho q seria ótimo. Jogando nesse esquema, ele, Robinho e Fred soltos lá na frente… Depois da venda do Pratto não tem desculpa pra não trazê-lo, principalmente pq os chineses aceitam empresta-lo e o contrato dele lá acaba no fim do ano, ficando livre pra renovar por mais temporadas. Acorda Maluf, ou vai deixar outro time contrata-lo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.