Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Uni, duni, tê… O próximo será…

Se continuar assim, com mais ruptura de tendão de músculo adutor e afins, o Torcedor Atleticano terá ruptura de tesão com a temporada de 2016.

Já tá parecendo brincadeira essa onda de lesões no Galo. Li e ouvi que todos os times estão sofrendo com essa situação, que o calendário brasileiro é o culpado, que isso e aquilo, mas, convenhamos, não acredito que nenhum outro clube – de qualquer das séries, seja A, B, C e até na D – tenha tantos desfalques como vem acontecendo com o Clube Atlético Mineiro em 2016.

A culpa era do uruguaio Diego Aguirre e sua comissão técnica. O blog mesmo aceitou essa teoria e pegou pesado com o gringo, mas em que pese todo o infortúnio de sua passagem, esse legado não pode mais ser debitado exclusivamente a ele, como vinha sendo até o momento. Com isso, agora o setor – ou setores – ao qual cabe essa responsabilidade precisa se explicar. Seja departamento médico, fisiologia ou preparação física.

Cazares - arquivo UAIO emocional do Torcedor chegou ao limite. Ontem, quando a notícia foi divulgada, era nítida a descrença. Inicialmente quanto à informação, depois na falta de uma explicação convincente para essa situação apavorante. Alguma coisa está errada, claro!

Se for fatalidade, então começo a acreditar em bruxas, pois foge à normalidade. Se não em bruxas, em anjo da guarda. Mas nesse caso, que anjo malvado esse que guarda o Patric. Todo mundo machuca, menos o Patric. Não estou aqui sugerindo que o jogador entre também para a enfermaria. Não, longe disso, até porque ele passou – ainda que rapidamente – também pelo infortúnio.

Mas, convenhamos, toda vez que parece que as coisas vão engrenar, determinado jogador vai para o estaleiro e o substituto é o Patric. Seja nas laterais, na armação ou no ataque. Sempre ele é a opção. Foi assim com Levir, continuou sendo com Aguirre e agora Marcelo Oliveira também se rende à “versatilidade” do Patric. Mesmo com a Torcida enxergando diferente, ele é opção para todas as posições.

Patric - arquivo UAI
Fotos: UAI/Superesportes

Ao juízo de quem tenta entender, uma situação sugere. Certamente, além de seu invejável condicionamento físico, Patric é um atleta dedicado, que busca seu lugar no grupo e que pode ser exemplo a muito “come-e-dorme” que não esteja priorizando sua carreira profissional. Daí, a escolha, para, quem sabe, mexer com o brio dos descuidados.

Mas e o resultado? E o Torcedor? Sinceramente, é perceptível que quando o Patric entra jogando, especialmente fora da sua posição, o Torcedor perde muito de sua motivação. O exemplar atleta é reserva da lateral direita. Ponto! Marcos Rocha, segundo o médico, deverá ficar fora por duas a três semanas. Que Patric jogue na sua posição. E mais, que lá mostre qualidades que não demonstrou nas improvisações e oportunidades que teve até o momento.

Como diria a personagem do conto de fadas “Chapeuzinho Vermelho”, ainda resta alguma esperança. Se na historinha infantil era salvar a vovozinha, neste Campeonato Brasileiro ainda podemos sonhar com a vaga no G4, antes que seja tarde.

Mas, com tantas contusões e sem qualquer explicação, vai ficando cada vez mais difícil. Transparência, só isso que o Atleticano quer. Saber o que realmente vem acontecendo. O ano já passou da metade.

 

40 thoughts to “Uni, duni, tê… O próximo será…”

  1. Sabe de quem a a culpa? Do Nepomuceno, é ele quem inventou uma tal Florida CUP, Inventou uma tal Primeira Liga, e inventou um tal de Campeonato Rural. Pelo o Amo de DEUS, monte um time só para disputar Libertadores, Brasileirão e Copa do Brasil, o resto coloque o sub 20 e pronto, afinal o resto é resto e não vale nada e dá prejuizo; Volta Carlinhos Neves, seu luar é na preparação física

  2. É irritante. É incompreensível. Se perceberem toda vez que o “talentoso” Patrick joga, o Galo perde. Patrick no almoço, café e jantar…….ninguém aguenta mais……Deve ser um leão de treino, porém só capacidade física não ajuda. Tem que saber dominar uma bola, se posicionar, ter visão de jogo e isto ele não tem. Ouço comentários de que qualquer time no Brasil que Patrick. Então mãos à obra: Vendam-no porque no Galo já deu. Existem muitas coisas a serem explicadas: Porque Robinho não joga? Porque Hiury e Clayton não rendem? Porque perderam Tabata da base por míseros 80.000,00 por mês quando Robinho ganha 500.000,00 (divulgado). Porque Pratto até hj não voltou e estão o vendendo por 7.500 mi quando recusaram 15.000 mi ano passado, Por que tantas lesões. Com a explicação o inexpressivo NEPOMUCENO.

  3. Eu só questiono uma coisa: como que o Cazares treinou sete dias e durante o aquecimento antes de uma partida sente uma lesão – diga-se, lesão grave que pode deixá-lo parado por até três meses -. Juro, não consigo entender. Ao longo dessa semana não houve reclamação do jogador? Não foram realizados exames, testes ou avaliações? De quem é a culpa? Departamento de fisiologia, médico ou da equipe de preparadores físicos? Cadê a explicação da diretoria? Quais providências serão tomadas? Até o momento só vejo uma diretoria omissa que não está tomando as rédeas. Erros de contratações que nos fazem questionar a existência de esquemas que ganham com a contratação de jogadores péssimos e caros – aqui me refiro a Carlos Eduardo, jogador péssimo, sem vontade, sem compromisso e extremamente oneroso -. A torcida exige explicações, mas, acima de tudo, atitude! Queremos transparência da diretoria. Nosso elenco é caro, volumoso e não está correspondendo. É preciso mudança em todos os setores, administrativo, técnico e profissional. Atitude diretoria. Reage GALO!

  4. Eu estou muito contente com a paeicipação dos amigos nesse espaço . É muito bom ver como temso torcedores com um nível de consciência , esclarecimento e senso crítico para tal .
    Agora ,cabe ao nosso presidente Daniel Nepomuceno vir a público e dar explicações convincentes aos torcedores . Não há porque duvidarmos do seu espírito democrático e da sua honestidade ,mas essa situação exige uma atenção bastante especial.
    Mais uma vez , não sou da área da saúde enão tenho a menor condição de questionar a qualidade de qualque rum desses profissionais .Mas, como já disse, o número absurdo de lesões deixa claro que algo de muito errado aconteceu. Sejacom so profissionais, com anossa estrutura ou mesmo na formação do elenco, algo necessita ser urgentemente mudado .

  5. Eu já havia dito aqui no início do blog: O problema é o DM e preparação física dos atletas. A preparação técnica não tem nada a ver com o que vem acontecendo. Tem que trocar todos, curso não resolve.
    Como os jornalistas aqui são terroristas , anteciparam que Fred pegaria 18 jogos de suspensão. São esses mal jornalistas que estão estragando o futebol mineiro.

  6. O que eu acho pior dessa Diretoria é que ela não dá ouvidos ao clamor do torcedor questões como as ineficiências da base e do DM, mesmo com uma das estruturas físicas melhores do mundo, são simplesmente desconsideras é só ouvir a última coletiva do nosso Presidente que não consegue, de forma imparcial, fazer uma análise mais profunda das possíveis causas do fracasso do time (fracasso considerando a relação custo x benefício e os torneios já disputados). Acho que o DM e a estrutura da Base (desde a captação de garotos até o seu preparo pro profissional) deveriam ser objetos de uma Auditoria de alto nível com profissionais super qualificados inclusive daqueles grandes clubes onde o DM e a Base funcionem, acho que esse procedimento em nada traria demérito à Diretoria, ao contrário mostraria o quanto realmente estariam imbuídos do sucesso do CAM acima de relações pessoais, vaidades ou poder, acima de tudo seria uma atitude profissional e de amor ao Clube e sua Torcida.

  7. Uma pré-temporada mal feita e meses de preparação física ruins com o uruguaio agora cobram seu preço. Tudo isso ocorreu exatamente da mesma maneira no Inter. Mas, mesmo assim, Carlinhos Neves e colaboradores precisam se explicar, porque ele não era o “Coordenador”? Agora, mesmo com o que temos, se o treinador fizer bem o seu trabalho, ainda teremos chances de G4 e Copa do Brasil. Caso nas próximas 4 semanas livres para treinar não surtam efeito no time, melhor contratarmos o Mano e já planejarmos a temporada 2017 e tentarmos a sorte na Copa do Brasil. Abraços!

  8. Eduardo, você conseguiria investigar o que ocorre com nossa base, ou sugerir que algum veículo o faça?

  9. Pois é Eduardo. Transparência é uma coisa que falta, e há muito tempo, ao Galo. Departamento médico, fisiologia, futebol e presidência. A base do Galo é a coisa mais mal explicada da face da Terra. Não revela ninguém e gasta milhões por ano. Jogadores da base entram em litígio para conseguirem se desligar do clube. Jogadores são aliciados. Existem mil promessas na base segundo alguns repórteres. Um monte de “inho”. Um monte de foguete molhado. Ninguém presta. Ninguém sobe. Quem sobe é uma lástima, vide Carlos e Uílson. Uma base que revela 4 jogadores de relevância em 30 anos…Cléber, Bernard, Jemerson, Marcos Rocha e só. Isso levanta muitas suspeitas. É danoso ao clube. E quando acontece algo e é necessário recorrer à base, não tem ninguém. Ficamos em último no brasileiro sub-20. Perdemos todos os jogos. É o fim.

    1. Com todo respeito, caro Tadeu, mas revelamos muito mais que vossa lista. E tem um jogador que acabou de subir, que – dizem – é muito melhor que o Jemerson. Falo do Tiago.

  10. É Dudu, esse ano a coisa tá feia pro nosso Glorioso. Sinceramente fica difícil pensar, quase impossível pra ser sincero, num time eficiente que o MO possa escalar com os jogadores que não estão machucados e tem capacidade para jogar. O que se percebe é um jogador com força de vontade e bom físico e que vem sendo aproveitado em todos os buracos que aparecem no time, claro o Patric, não é culpa dele ser limitado, o problema mesmo é não ter ninguém pra por no lugar dos titulares. Ainda me questiono para que cargas dágua o Galo trouxe Robinho? seria mais uma propaganda do que um jogador propriamente dito? porque fora isso, nosso time joga com menos 1 e isso é triste de aceitar. Clayton, jogador caro e sem brio, Carlos e Yuri, são bons reservas, mas não passam disso. Ai vem a pergunta, escalar quem? Dátolo machucado, Cazares machucado, Donizete machucado, Urso machucado, Luan machucado, Pratto machucado, Marcos Rocha machucado e pra piorar …ehehe..o contratado para lateral esquerda, Fábio Santos, machucado.. e nem jogou ainda…… Tem como escalar um time pra disputar uma partida??? Se tiver… alguém faz o favor, urgente de preferência.. de avisar ao Marcelo Oliveira… quem sabe com essa mágica o time jogue bem. Saudações Alvinegras meu caro….sempre acompanho o blog… e realmente.. compartilho o sofrimento de todos que aqui comentam e vagueiam… Haja coração..eheheh

    1. Marcar com “X”:
      ( ) má vontade e/ou orientação do empresário
      ( ) incompetência do DM
      ( ) A torcida pula o muro do CT e joga ele na parede se ficar no chinelinho
      ( ) Todas as alternativas acima

  11. Eduardo de Ávila,,Sinceramente o que tem me preocupado muito é ler os comentários de seus leitores, pois o que tenho observado que temos muitos “simpatizantes”, mas “torcedores Atleticanos” não entrega os pontos, ou melhor dizendo, como falamos no interior, “o queijo e a rapadura”. Estamos perdendo a luta, companheiros, mas a guerra continua. então façamos valer os gritos: “Aqui é Galo” e “Eu acredito”. Se me permite, vou citar aqui o meu irmão Octaviano Júnior no penalti do Riasco defendito pelo Vitor: “A morte depois da vida, começa aos 48min do segundo tempo”. Ponto. Saudações de verdeiro Atleticano…..

  12. Já tem algum tempo que o Galo contrata e/ou renova com jogadores para recuperá-los e isso é uma roleta russa. Seja fisicamente ou por outra razão qualquer, creio que o histórico de vida social e de lesões deva ser os dois primeiros fatores a analisar (e com muito rigor), ao se gastar tanto dinheiro. Olha, olha que essa tática vai nos ferrar economicamente e pagaremos o preço. Esse ano, pelo que li, o Galo tem o maior orçamento de sua vida em mãos e estamos patinando, patinando. Tomara que em breve não se tenha a noticia de dividas e aí, sim … um saco de merda para cada torcedor ruminar, sem títulos, sem confiança e sem time que mereça usar o manto sagrado. No momento as contusões dos outros acabam justificando as do nosso time, mas sabemos que essa “rotina” nos acompanha desde o de o pós libertadores. Nenhum outro time nesses anos ganha de nós, nesse quesito. Olho nessa Diretoria omissa. Em tempo: “de boa intensão, o inferno tá cheio”, portanto, trabalho sério é o que queremos, dentro e fora de campo.

  13. Xará, a maionese desandou… Não temos outro meia… MO está dando muito azar, mas tb tem suas teimosias e não conseguiu fazer este time jogar sem o Cazares até agora… Vai ser arrastado e sofrido (neste ponto, sem novidade) até o fim…
    É de desanimar, sim, mas fazer o que, lutar, lutar, lutar…
    ‘Bora, Galo!

  14. Dudu, o Galo precisa de presidente. Estamos sofrendo com MO que ainda não explicou a que veio, escalar Patric é ruim olha faca, nem para comediante ele não sabe nada de futebol. Vamos Galoooooooooooooooooo

  15. É exatamente isso. Talvez um pouco mais objetivamente: o Patric é um sujeito que parece legal, cheio de vontade e de boas intenções. Mas, todo mundo sabe: de boas intenções o inferno tá cheio. O que Levir, Aguirre e Marcelo não percebem é que estão acabando com a carreira do cara. Ele não é versátil coisa nenhuma: é ruim. Em todas as posições, ele é ruim. Talvez jogue alguma coisa na lateral. Mas, não me lembro dele escalado por ali. Como meia, volante, armador e atacante ele é o pior jogador do mundo. É o cara que mais arma contra-ataques e dá a bola pros adversários. Insistir com ele, com Marcelo e com os preparadores físicos atuais vai nos levar ao buraco mais fundo que já conhecemos. É hora de mudança no Galo. E o presidente tem que ser transparente. Ele deve uma explicação ao torcedor sobre essa quantidade de gente machucada. Não tem como um time de futebol sobreviver a isso. Saudações atleticanas!

  16. pois é, vc falou da “maldição atleticana” tirou sarro da lesão de um dos atacantes do time de lá, olha no que deu!!!
    e olha que o Fred ainda não usou seu famosa chinelinho!!!

  17. Não obstante a isto tudo , nas coletivas do mandatário e do responsável pelo DM do CAM falou-se nada e explicou-se menos ainda . De centro de excelência o DM Atleticano virou uma indecência . A fase do CAM até este meio de temporada está mais para Macbeth em seu primeiro ato do que um conto de fadas … SAN

  18. O victor precisa urgente de um substituto à altura, vendo o outro jogo, bem que o Galo poderia tentar a contratação do Weverton, goleiro ágil e rápido, sabe muito bem sair do gol, não para esse ano, pois não seria aproveitado, mas para o ano que vem. Seria uma ótima contratação.

  19. Pode esquecer, Edu. Não dá mais para aguentar Patric, Carlos, Cleyton, Robinho, Yuri e Cia. Ltda. O objetivo do Atlético passou a ser brigar para não cair. Ano perdido, que podemos colocar na conta do Exmo. Sr. Presidente Daniel Nepomuceno. Esse time é tão ineficiente e inexpressivo quanto ele.

  20. O Patrick tem lá realmente sua deficiência como atacante, e acho que todo jogador joga mal fora de sua posição original. Mas, convenhamos, estão na posição original: Robinho, Clayton e Carlos… e não fazem nada em campo, senão errar passes e não ter atitude para um chute a gol. Alguns amigos meus dizem que é proibido chutar a gol no ataque do Galo. Parece que eles têm razão. E viva o Galo!!!

  21. Disse no principio do ano que com o Aguirre o Atletico não ganharia nada este ano. O Aguirre saiu e vimos que ele não era 100% culpado. O Atletico já entra em campo em desvantagem pois o Robinho e o Clayton não jogam, o Patrick quando está em campo arma os contra ataques para o adversario, o Victor há muito tempo está falhando feio, já fomos desclassificados por duas vezes na Libertadores por erros seus, o miolo de zaga entrega o ouro todos os jogos, só tínhamos um meia armador, e este é o setor mais importante para qualquer time. Ai eu pergunto , a diretoria e o treinador (de que sou admirador) não estão vendo isto tudo? Será que vão esperar a segundona chegar para tomar alguma atitude?

  22. Pois é. No inicio do ano todos ( até paulistas e cariocas ) achavam que o Galo era o favorito ao título. E todos estavam certos. Mas o título no caso é o de campeão da incompetência. 45 anos sem faturar um campeonato brasileiro! Só nós Atleticanos temos que amargar esse vexame! Quer saber? Se eu fosse o técnico trocava todos os cretinos que estão jogando ( o primeiro dafila seria o tal “Robinho” ) pelos caras do júnior e mandava os que estão no depto. médico para a Argentina ou Afeganistão. Assim, quando perdesse ( o que já é rotina ) ficaríamos com a explicação verossímil de que é apenas um time de juniores.

    1. Luis Eduardo permita-me ! Base ? Não podemos contar com ela. Desde a saída do Micale nossa categoria de base está uma porcaria. Não sei se tu acompanhas ,este ano em todas as competições nacionais – categoria sub -20 – fomos eliminados ainda na primeira fase .Agora mesmo na Taça BH – sub -17 fase de grupos- corremos o risco de não passar novamente. Empatamos em 0X0 com figueirence e paraná . Hoje às 16:00 hrs na Arena Jacaré decidiremos nossa permanência na competição .Nossa categoria de base é outro mistério a ser desvendado , sr. André Figueredo tem muito a explicar … SAN

      1. Contratações ,digamos, bastante questionáveis ; uma divisão de base que muito aquém da de clubes como Santos, São Paulo, Corínthians e Fluminense e índices de lesões de atletas espantavelmente altos. Apesar dos reconhec idos avanços, estou vendo que aluta para profissionalizar o nossso Atlético Mineiro é bem mais árdua do que imaginei .

  23. Dudu, o grande problema é sem dúvidas do calendário, são todas as equipes sofrendo com lesões, deveria se jogar uma vez por mês quarta e domingo dando mais tempo de recuperação ao jogadores, Agora temos mudança climáticas, gramados horriveis e pesados. Temos um elenco de jogadores que parecem que não precisam jogar com a raça e força da alma atleticana. Escalar Patric de armador é um erro do MO, Levir e Aguirre escalava pelas laterais para poder liberar Marcos Rocha ou Douglas Santos. Estamos errando muitos passes, jogando com jogadores que não sabem fazer o simples, trocar passes, o básico do futebol não estamos fazendo, triangular, acertar o cruzamento ou melhor dar um passe correto na cabeça do atacante. Erros e mais erros, ano perdido, não temos banco em condições de mudar uma partida, os jogadores entram e nada fazem de produtivo

  24. Pois é, lesão no tendão adutor (grave): “poupado” pelo Aguirre, copa América foi banco, entrando em 2 jogos bem leves. voltou não estava numa maratona de jogos (ele); então, não entendo. Treinou toda a semana antes do jogo contra o flamengo; e aí no aquecimento?? rompeu o tendão;;;é naõ entendo mesmo…

  25. Só acho que o Atlético poderia aproveitar a ausência de Marcos Rocha e colocar um lateral mais fixo, que não suba muito para o ataque, para sacrificar menos os atacantes. E de preferência que não seja Patric, pois esse precisa passar um tempo nas categorias de base pra ver se aprende a dominar bola, tocar corretamente e acertar cruzamentos… Patric não!!!! Talvez nem no banco…

  26. Uma coisa é certa: o nosso elenco é fraco. Não temos substitutos a altura. É duro ver Carlos, Clayton, Yuri como titulares. Mais um ano perdido.

  27. Simples explicar , um trabalho de 6 meses com uma comissão técnica ainda mais na parte física incompetente como ficou provado no Inter. E no momento temos um dos melhores preparadores físicos do Brasil só que atualmente é coordenador técnico aí fica díficil. Agora que tem muita gente se machucando em todos os clubes do Brasil isso tem, ontem foi a vez do Mina do Palmeiras sair de campo chorando parece que estourou o músculo. Carlinhos Neves na preparação física já.

  28. Este texto tem que chegar à diretoria do galo. E mais, que a diretoria dê as devidas explicações. Pq se muda técnico e não se muda médico, preparador físico, etc? O melhor CT do Brasil, grandes contratações e os resultados são longe do que queremos. Alguém tem de vir a público explicar isso ai.

  29. Perfeito. Quem tem de vir até a torcida e dar explicação é o Carlinhos, que tem cargo de supervisor. Afinal ele esta lá para isso, supervisionar, trazer o melhor para o time, acompanhar jogador por jogador. A culpa não é só de Aguirre, até por que ele já foi a algum tempo. Como vc mesmo disse: queremos transparência, só isso. Não queremos caça as bruxas. Quanto ao Patric acho que vai continuar do mesmo jeito, ou seja, improvisado. Ele joga em todas as posições, menos na sua de origem. Quando teve a chance de jogar na lateral, colocaram o Carlos Cesar e ele lá na frente. É desanimador. Ano passado ele foi bem na lateral, a meu ver, na época, merecia até a vaga do Marcos Rocha. Lá ele vai bem, tem fôlego para atacar e defender, mas lá na frente não, pelo amor de Deus, lá não. Alguém aí próximo da diretoria, da comissão técnica, etc., passa isso para eles. É urgente. Querem inventar, que façam um teste quando o MR voltar. Coloca Patric de lateral e MR na frente, como fizeram com Mancini, Júnior e tantos outros. Quem sabe dê certo. Vamos tb rezar mais, pq os macumbeiros estão agindo forte contra o 9ALO. AQUI É 9AAALLLÔOOOOOOOOOOO…….

  30. Amigo Eduardo,
    Eu já havia cantado a pedra em seu Blog antes. Portanto agora é torcer pra não cair. Esse ano já foi pro saco. E de quem é a culpa? A resposta é simples.
    A culpa é de uma diretoria incompetente e descomprometida com os interesses do clube e da torcida. Associado a isso, temos uma equipe técnica, incluindo fisiologia e DM, sem a menor condição de cuidar de atletas de alto rendimento. Falta reciclagem, manda essa turma pra Europa para estudar e aprender como se faz um futebol profissional de qualidade. Uma vergonha.
    Sem mais palavras.
    VOLTA KALIL PELO AMOR DE DEUS!!!!!!!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.