Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Um convite ao Atleticano

Por Max Pereira
@MaxGuaramax2012

2019 chega ao fim. Um ano conturbado, de muitos equívocos e de alguns acertos que, em razão dos problemas e dos tropeços que marcaram a temporada atleticana, passaram despercebidos para muitos.

Mas, até os momentos ruins tiveram um lado positivo: o de revelar de vez os riscos e as ameaças que pairam sobre o Atlético e que poderão inviabilizar o clube em um futuro próximo se a forma como ele está sendo conduzido não for repensada.

Para muitos atleticanos o que de mais importante rolou na ultima entrevista do presidente neste ano foi a informação de que o Galo já tem treinador. Para nós do Renova Galo não. Não que a contratação de um treinador não seja importante. É que para nós do Renova Galo já está claro há tempos que o modelo de gestão do Atlético, que vigora há décadas, é feudal e ultrapassado pelas razões já fartamente expostas aqui nesse espaço e em outros veículos que se disponibilizaram a divulgar nossas propostas.

Entendendo que o Atlético precisa de se modernizar e se preparar para as demandas que o futebol certamente já lhe imporá em breve, o Renova Galo aponta  as seguintes questões que já estão a exigir do clube cuidados e ações imediatas e estruturadas:

– Parceria com a Ernst Young (consultoria), cujos termos e limites estão guardados a sete chaves.
– Arena MRV: valor final da obra, agregados, custos excepcionais e eventuais; custo operacional, valor mínimo do ticket, receitas adicionais, etc..
– Orçamento p/ 2020: incongruências, aumento do passivo, queda de receitas, sócio torcedor (desafios e metas), vendas de jogadores (meta e exequibilidade), etc..
– Relação clube torcida: comprometimento de resultados, formas de cobranças, inclusão, participação, representatividade, etc..
– Trabalho de Chavare na base e projeto para o futebol, com a chegada do novo treinador.
– Clube-empresa: riscos, ameaças, avaliação criteriosa dos prós e dos contra, análise de oportunidade e, se for o caso, definição do modelo a ser adotado, caso haja alterações na legislação que viabilizem essa transformação.

– Venda do restante do Shopping Diamond: Preço de mercado? Análise de oportunidade? Retorno? Resultado imediato X resultado ao fim do atual contrato com a administradora do Shopping.

Nada disso é hipotético. É fático. É real. Está em curso. E o Renova Galo se propõe a debater, uma a uma, e a provocar a reflexão de cada torcedor atleticano.

O Renova Galo sabe que é preciso avançar e construir um projeto para o Atlético que vá além de tudo o que já foi dito e apresentado até agora. E o primeiro passo na construção desse projeto é buscar conhecer em profundidade cada um das questões elencadas acima, o que permitiria desenhar caminhos e estratégias para o clube, não só obter os melhores resultados dentro e fora das quatro linhas, como também enfrentar os gargalos e as dificuldades que, por ventura, possam surgir em cada uma dessas frentes.

Dito isso, o Renova Galo propõe uma divisão de tarefas com cada torcedor interessado em agir para construir um Atlético efetivamente forte, campeão e vencedor, porém, equilibrado financeiramente, autossuficiente, inclusivo, democrático e transparente.

Venham caminhar conosco e nos ajudar a construir este projeto. O envolvimento de cada torcedor nesse processo é fundamental para tirarmos o Atlético dessa rota perigosa e fazer com que o clube de nossos sonhos seja uma realidade efetiva e perene.

Venham nos ajudar a intrigar, provocar e estimular cada atleticano a saber mais do clube e, em consequência, agir e se mobilizar para que o gigante preto e branco não se apequene de vez e tenha um futuro glorioso como o seu gigantismo natural sempre projetou.

O que deve decidir o futuro do Atlético? O ódio, a intolerância e o amadorismo negocial como vem acontecendo? Ou o amor ao clube e a proteção de seus interesses maiores?

Cabe ao torcedor escolher o seu lado. Renova Galo já escolheu o dele: o lado do amor ao Galo e do cuidado com a vida, com a história e o futuro do clube. E você?

Imagens: 1) Renova Galo/Divulgação; 2) Atlético/Divulgação

28 thoughts to “Um convite ao Atleticano”

  1. Pessoal, feliz 2020 a todos! Confesso que não engulo a venda de 50,1% do Shopping pelo valor divulgado e muito menos a intenção de vender os outros 49,9%. Sabem quanto custa o aluguel de uma loja daquelas pequenininhas, quase que um “box”? E quanto o aluguel do Shopping inteiro dá, por mês e por ano, para quem tem 100% da receita? Eu realmente não me conformo pela venda inicial, pela mixaria que foi, e menos ainda com o interesse em vender o restante! Seria um problema tornar-se púbico o valor anual do aluguel de 49,9% do Shopping, quando aparecer no balanço do Galo? Será que estão preocupados porque ficará exposto o quanto foi um mau negócio? E porque estes homens de negócio que dirigem o clube fazem tantos negócios tão ruins? Queria pensar diferente, mas, pra mim, o Galo nunca verá o real valor deste shopping, em venda ou aluguel, em seus cofres. E, de forma muito parecida com os outros times brasileiros, verá sua gestão amadora (para ser gentil) levar o time a ser um mero fornecedor de jogadores para os times da Globo (Flamengo e Corinthians). Espero estar redondamente enganado. Um forte abraço e um 2020 de muita paz e saúde para todos!

    1. César, este é um dos assuntos que mais nos atormenta no Renova Galo. Toda a contribuição para formularmos um posicionamento o mais justo e correto possível é mais que bem vindo. Contamos com vc e com todos os atleticanos que se dispuserem a vir juntos nessa missão. Muito obrigado pela contribuição e um grande abraço.

  2. Torço para que essa diretoria faça uma análise do que vem acontecendo com o nosso rival e faça tudo diferente. Cuide do Galo com profissionalismo, pés no chão e muito amor.
    Não faça loucuras como aquelas feitas na gestão do Alexandre Gallo e que o diretor atual também pare de fazer cacas.
    Não podemos mais tolerar ver a diretoria rasgando o dinheiro do Clube com contratações de refugos e apostas. Chega.
    Um basta também aos bois cansados que só seguem usufruindo as mordomias do nosso SPA sem darem retorno algum em campo.
    Sem dinheiro, a Base ainda é a solução.
    Um 2020 repleto de saúde, paz e conquistas para todos nós.
    Saudações Alvinegras,

    1. Jandir, vc foi no ponto. Tudo o que está acontecendo com o rival deve servir de exemplo para os dirigentes do Atlético. Que a torcida continue zoando. Afinal, eles nos zoaram por anos e anos. Mas, os dirigentes tem que buscar na queda do rival tudo aquilo que não pode ser repetido. O Renova Galo defende exatamente isso. Muito obrigado, venha conosco e um grande abraço.

  3. Boa tarde a todos os atleticanos e atleticanas de todos os matizes!
    Finalmente nossos problemas serão resolvidos!
    Na equipe do Dudamel há um coach motivacional venezuelano!
    Patético! Dantesco! Ridículo!
    Assim caminha a estupidez!

  4. Esses executivos atuais do futebol atleticano são fracos e despreparados para tais funções… dois anos de gestão 7C e só fracassos no futebol do nosso CAM… então entraremos em 2020 sem nada pra acreditar em dias melhores… que esses chefões do nosso GALO nos provem que aprenderam com tantos erros e faça algo digno da grandeza do clube… chega de amadorismo… queremos conquistas… canecos… alegrias!!!!!

    Obs.: um ano novo repleto de alegrias, realizações e muita saúde pra todos nós… saudações atleticanas!!!!!!

  5. Prezado Max. Em relação ao Cazares, alem de na vespera do primeiro classico da decisao do Mineiro ter chagado na concentração as 03 hs da manhã( horario estabelecido era 20:00 hs), ainda teve a agressao a mulheres no mesmo dia da derrota contra o Fluminense. Além do mais procurado para discutir uma renovação, pois a partir de junho podera assinar com outro clube ele simplesmente disse nao e que quer sair do Clube. Então, na minha opinião deve ser incluído em negociação para que nao fique aqui na esbornia aguardando apenas o fim de contrato. Jogador assim contamina o elenco. Obrigado pela atenção

    1. Meu caro Domingos,
      Sei que todas essas “informações” sobre o Cazares que vc elencou foram fartamente exploradas nas redes sociais e em vários segmentos da mídia convencional. Mas, com todo o respeito, vc tem certeza de que tudo o que se falou de Cazares é a expressão absoluta da verdade?
      Não, não estou dizendo que Cazares é santo. Ele não o é. E quem o é, afinal?
      Vc já se perguntou pq aqueles mesmos canais das redes sociais ou aqueles mesmos segmentos da mídia convencional que deram destaque pomposo e histriônico aos possíveis maus feitos do equatoriano, em sua grande maioria, ou não repercutiram ou deram pouco ou nenhum destaque, por exemplo, ao arquivamento do processo contra o jogador por agressão e tentativa de estupro, POR ABSOLUTA FALTA DE PROVAS.
      Pq será que estes mesmos “formadores de opinião” não noticiaram e nem repercutiram o fato do jogador, mesmo dispensado pelo clube para acompanhar o nascimento de um filho, apareceu para treinar? E pq houve gente da mídia convencional que interpretou os aplausos dos companheiros ao equatoriano como ironia por uma atraso que não aconteceu, quando na verdade eram apenas felicitações a quem se tornara pai mais uma vez? E mais: pq muitos nas redes sociais, prenhes de ódio, acompanharam prazerosamente essa interpretação maldosa e longe da verdade?
      Não, acredite em tudo o que lê e em tudo que escute. Cheque tudo. Confira tudo com o maior número de fontes possível, inclusive o que é dito, denunciado e criticado por nós do Renova Galo. Em todos os setores e segmentos existe gente séria e gente não séria.
      Consciente disso tudo, o Renova Galo tem como uma de suas bandeiras, como citado nesse artigo e em outras oportunidades, o trato da relação clube/torcida que, a nosso ver, precisa urgentemente ser renovada.
      Mais uma vez, muito obrigado pela sua contribuição.

  6. Prezado Barata. Essas postagens sao de pessoas diferentes. A minha é a primeira ( 08:05). A outra é de outra pessoa. Doravante para evitar essas confusões vou identificar como Domingos Savio Galo. Um abraço.

  7. DOMINGOS SÁVIO ,
    li as suas duas postagens e não entendi
    nada quando você diz estar convicto que
    o Sette Câmara está no caminho certo e
    logo em seguida você detona o trabalho
    da diretoria .

    Você diz que a base está em boas mãos
    quando por lá se implanta a filosofia de
    se trazer jogadores já “rodados” por aí
    para se aprimorarem no Atlético , ação
    totalmente saída da prancheta como se
    fosse uma grande “sacada” .

    Não se esqueça que Bruno Henrique e
    Michael , melhores jogadores do Brasil
    neste ano , saíram da várzea , sem que
    os “professores” da base lhes dessem
    o devido valor .

    1. Prezado Barata. Essas postagens sao de pessoas diferentes. A minha é a primeira ( 08:05). A outra é de outra pessoa. Doravante para evitar essas confusões vou identificar como Domingos Savio Galo. Um abraço.

  8. Feliz 2020 pra todo mundo, inclusive os que irão viajar pelos rincões do país na saga da série B
    Aqui é Galo, caraio!!!!!

  9. Bom dia, massa!

    Sou crítico costumas desta diretoria, mas não me iludo que qualquer movimento irá modificar o clube a curto e médio prazo, então prefiro apoiar o que esta sendo feito pela diretoria atualmente. Sei que muitos aqui querem ações imediatas e bombásticas, mas esquecem que se formos por este caminho poderemos fazer companhia a um tal time calcinha azul falido.
    Nossa realidade é outra e não podemos entrar na onde de competir com times mais endinheirados ou com diretorias irresponsáveis. Não temos a rede ROBO injetando dinheiro em nossos cofres. Assim, a diretoria tem de agir com responsabilidade e dentro da realidade financeira do clube.
    Aos poucos os erros estão sendo corrigidos com a saída de vários encostos que nos custam uma fortuna mensalmente, substituídos pela a vinda de jogadores jovens. Devagarzinho o sub 40 está sendo desmontado.

  10. bom dia Eduardo e massa e max pereira. 2 anos sem ganhar um misero titulo. 7 câmera um dos piores presidente do galo. aliás para mim éo pior presidente da história do galo. não renusciou e continua na presidência e com este Rui bosta que toma toco de todos.aonde se viu o ano acabou e não temos se quer um treinador e jogadores para 2020.não é possível que temos atulerar em 2020.Ricardo Oliveira.fabio Santos. Otero. bolt com 450 mil por mês. therans. patrick. rever.victor frangueiro. therans. Nathan. aliás está diretoria amadora quer renovar com este péssimo jogador Nathan. parabéns diretoria inúteis vocês conseguiram uma grande austeridade. Socorro tira nosso galo da lama. aff. aos amigalos e marias infiltrados que aparece aqui no blog. um feliz ano novo com saúde e paz para todos. vai galooo.

  11. Com essa diretoria, amadora, sem noção de administração de um clube de futebol, qualquer decisão é temerária!
    É preciso a pressão e intervenção da torcida sob pena de apequenarem o grande Clube Atletico Mineiro, irreversívelmente!
    Não confio, não confiem nesses mandatários que se instalaram como uma praga nessa diretoria!
    Que esse seja o ultimo ano deles!
    Abraço a todos!

  12. BOM DIA.
    ÓTIMA COLUNA.
    SÓ NÃO ENTENDI OS TAIS
    “MOMENTOS POSITIVOS” DE 2019. PARA MIM SÓ HOUVE NEGATIVOS.
    QUANTO AO RESTANTE DAS OBSERVAÇÕES ESTÃO MUITO BEM COLOCADAS .
    É EVIDENTE QUE O ATLÉTICO PRECISA POR UM FIM NESSA BADERNA ADMINISTRATIVA , COM DINHEIRO SENDO JOGADO NO LIXO NUMA VERDADEIRA FARRA DE PÉSSIMOS NNEGÓCIOS.
    VENDENDO MUITO MAL E CONTRATANDO PIOR AINDA.
    NO CAMPO TÉCNICO , JOGADORES NÃO SÃO COBRADOS , FAZEM O QUE BEM ENTEDEM , O PREPARO FÍSICO DOS JOGADORES É MUITO FRACO , SE MACHUCAM MUITO E
    DEMORAM A SE RECUPERAR.
    PORTANTO PARA 2020 A MUDANÇA DE MENTALIDADE TEM QUE SER GERAL E AMPLA.
    VITÓRIAS E TÍTULOS OBRIGATORIAMENTE TEM QUE SER A META A SER CONQUISTADA.

    1. Paulo, vc não entendeu os momentos positivos exatamente porque eles ficaram escondidos em razão do grande peso e da exacerbação de sempre dos maus momentos atleticanos. O galista sempre com a sua autoestima em baixa quase sempre percebe e reverbera os maus momentos e menospreza tudo de bom que por ventura pode ter acontecido.
      O trabalho de Chavare na base, a boa performance do time ao longo do primeiro turno do Brasileirão, quando se manteve inicialmente no G4 e depois no G6, o desempenho do ataque atleticano, o terceiro melhor na temporada no país, superando até o poderoso e badalado Palmeiras, a contratação de Jair, algumas contratações pontuais para o departamento de futebol e para a base, a formação de uma equipe de transição são, por empalo, algumas coisas positivas que ocorreram nestes dois primeiros anos do mandato de Sette Câmara.
      A tal austeridade, tão odiada e xingada pela massa, é uma imposição necessária e fundamental para o reequilíbrio das contas, tendo em vista o momento delicado das finanças do clube.
      Acontece que os desacertos e os equívocos do comando, associados a uma comunicação institucional tradicionalmente nula e ineficaz, a uma crônica falta de transparência, a uma recorrente falta de cuidado com a marca Atlético, a política de marketing inexistente e a uma vocação cármica para fazer maus negócios, acabam tornando imperceptíveis quaisquer acertos.
      Muito obrigado e um grande abraço.

  13. Caro blogueiro,
    Precisamos além de tudo é rezar pra essa diretoria tomar juízo e parar de pagar salários astronômicos pra Ricardo Oliveira, Di Santo(mais do que técnico, precisamos de um centrocentroavante, URGENTE)Terans,Bolt,Hernandez,etc,etc,etc
    E saber que somos grandes,portanto devemos almejar títulos,porque títulos é que vão nos dar sustentação financeira.
    Pergunte ao Flamengo, se isso não é verdade.

  14. Bom dia, amiGalos Max Pereira e Eduardo de Ávila.
    Enquanto o futebol, assim como a política, for fonte de um bom pixuleco para enriquecimento rápido (e sem risco devido à impunidade), não importando a “lisura” do processo, nada irá mudar, infelizmente.
    Então, vamos continuar torcendo para continuar na série A, enquanto vemos o patrimônio do Galo desaparecer, e vendo, também, contrações e mais contratações de pernas de paus (quem renderam bons piculecos para os envolvidos).
    Vamos torcer, mais ainda, para o Galo não falir assim como aconteceu com pequeno time azul.
    Saudações alvinegras.

  15. Você esqueceu de dizer que a parceria com a consultoria com a Ernest Young só tem um objetivo, a venda do restante do shopping, e pergunto o que fazer e como fazer para tirar da vida do CAM e dos atleticanos esse presidente lixo que não ganha nada, que consegue desvalorizar a marca e nome do CAM no cenário mundial e um conselho omisso, cujos interesses são difusos, apelar para a torcida que não tem conhecimento e cultura, sem poder de influência, mas apenas e tão somente um espetáculo para a mídia faturar, me desculpe, é jogar para debaixo do tapete.

    1. Caro Sérgio, está é apenas uma das razões que me levaram a citar a parceria com a EY como uma das questões prementes a serem debatidas à exaustão, não só para conhecê-la em profundidade, mas, também criticá-la se for o caso e oferecer sugestões e ideias para corrigir possíveis desvios de rota que possam causar prejuízos ao clube.
      Reza a lenda que a venda do restante do Shopping é a razão de ser desta parceria. Se assim for, não tenho dúvidas de que teremos farto material para análise, críticas, cobranças e sugestões.
      Muito obrigado e um grande abraço.

    2. Caro Sérgio, está é apenas uma das razões que me levaram a citar a parceria com a EY como uma das questões prementes a serem debatidas à exaustão, não só para conhecê-la em profundidade, mas, também criticá-la se for o caso e oferecer sugestões e ideias para corrigir possíveis desvios de rota que possam causar prejuízos ao clube.
      Reza a lenda que a venda do restante do Shopping é a razão de ser desta parceria. Se assim for, não tenho dúvidas de que teremos farto material para análise, críticas, cobranças e sugestões.
      Muito obrigado e um grande abraço.

  16. Óbvio que há erros gravíssimos na gestão atual, mas estou convicto de que Sette Câmara está no caminho certo. É verdade que vez e outra ele “trupica”, mas são percalços que podem e serão superados. Como administrador público, entendo que o caminho traçado é o melhor, a base está em boas mãos, o diagnóstico da auditoria será estudada e aplicado os remédios necessários. Penso diferente apenas no tocante ao Diamond, deveria ser oferecido a Miltiplan, passando pra eles todo o passivo e que se alterasse o estatuto e que se penalize judicialmente as más gestões após o saneamento.
    De toda forma, estamos bem mais arranjados que 90% dos clubes brasileiros, inclusive do Palmeiras.
    Saudações atleticanas e brilhante e abençoado 2020 a todos.
    E que o povo da Enseada das Garças alcance a terceirona.

  17. Bom dia. É broxante ver as noticias do Galo: Diretoria se esforça para renovar com Natan. É muito melhor dar chances aos jogadores da base, do que insistir com esse Jogador de empresário. E outra coisa: Ricardo Oliveira, Fabio Santos, Bolt, Vina, Patrick, Rever,Cazares, Otero, precisam sairem do Galo para permitir ao menos sonhar com novos tempos. E por favor demitam Marques, Eder Aleixo, Adilson, pois eles nao produziram nada que preste nos ultimos anos. Esse Marques teve como marco na função de diretor de futebol a proesa de contratar o Bolt, por tres anos, pagando 100 mil euros mensais. Precisamos de mudancas efetivas no Galo. Nao adianta trocar só o treinador. Tem de tirar os jogadores fracassados e desprovidos de qualidade técnica. Nao teremos futuro com Patrick e Fabio Santos nas Laterais. Nós sabemos disso. E esses centrovantes do Galo: Pastor e Di Santo? E até quando Marques, Eder Aleixo vao continuar mamando nas tetas do clube sem produzir nada? Muda Galo.

    1. Faço minhas as suas palavras.
      Esse pipoqueiro Marques deveria aproveitar e debandar pro lado azul pra ser diretor de futebol lá e acabar de acabar com eles.
      Amém

    2. Domingos Sávio, Desde sempre o Renova Galo sempre fugiu da armadilha que geralmente leva a um número crescente é apaixonado de torcedores a atribuir única e exclusivamente a este ou àquele profissional ou à deficiência de caráter de A ou B a responsabilidade pelos problemas do clube.
      Para o Renova Galo o problema maior do Atlético sempre foi de gestão, de governança.
      Vc elencou entre jogadores a seu ver indesejados, o craque equatoriano Cazares, um dos reis de assistência 2019 que está indo embora. Vc sabia que Cazares nessa mesma temporada alcançou o centroavante Lucas Pratto e passou a dividir com o argentino o título de maior artilheiro eiró estrangeiro do Glorioso em toda acusa história.
      Acima respondi a outro companheiro dizendo que no Atlético as coisas ruins tornam invisíveis as coisas boas. Acrescento que a raiva da torcida em relação determinados profissionais acaba por fazer o jogo de quem não gosta do clube, justifica os maus negócios das diretorias que se repetem ano a ano e acabam conspurcando o ambiente interno.
      O Renova Galo tem como uma de suas propostas possibilitar uma nova relação clube/torcida, onde o torcedor não só possa contribuir pro-ativamente, como também ser representado de forma efetiva.
      Em nossa proposta desestatizou visualiza-se um modelo de gestão participativo, inclusivo, democrático e moderno, onde achava e a intolerância não terão espaço.
      Muito obrigado pela contribuição e um grande abraço.

      1. Prezado Max. Em relação ao Cazares, alem de na vespera do primeiro classico da decisao do Mineiro ter chagado na concentração as 03 hs da manhã( horario estabelecido era 20:00 hs), ainda teve a agressao a mulheres no mesmo dia da derrota contra o Fluminense. Além do mais procurado para discutir uma renovação, pois a partir de junho podera assinar com outro clube ele simplesmente disse nao e que quer sair do Clube. Então, na minha opinião deve ser incluído em negociação para que nao fique aqui na esbornia aguardando apenas o fim de contrato. Jogador assim contamina o elenco. Obrigado pela atenção

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.