Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Torcedor do Galo espera ação do diretor de futebol Rui Costa

Faltando apenas três dias para terminar a longa folga dada aos jogadores do Galo, o Atleticano – com razão – se mostra apreensivo com a falta de novas contratações. Até o momento, ao que estamos acompanhando, serão três estrangeiros se juntando ao grupo na segunda-feira. Otero, de volta da Arábia, depois do empréstimo; além dos recém anunciados Lucas Hernándes e Ramón Martinez. De bom nisso, a certeza da liberação de David Terans, diminuindo o péssimo legado do Alexandre Tadeu.

Digo isso, pois pelas normas da CBF se permite apenas cinco estrangeiros na súmula em cada partida. Se já temos Cazares (Equador) e Chara (Colômbia), com as chegadas de Hernándes (Uruguai) e Martinez (Paraguai), contando ainda com o retorno de Otero (Venezuela), não tem lugar para Terans.  Tampouco para os irmãos Ángel e/ou Óscar Romero, especulados com insistência para a Cidade do Galo.

Além do Terans, ao que parece deverá ser emprestado a algum outro clube para tentar recuperar o futebol que justificou seu contrato de cinco anos, vamos nos livrar ainda dos salários do Rea (já liberado) e ainda de Leandrinho, Nathan, possivelmente Hulk, Lucas Candido e Carlos César. Mas, ainda tem outros nomes que podem ser disponibilizados. Vejamos: Matheus Mancini, Renan Guedes, Jair, Vinicius, Maicon e Papagaio. Não vejo razão para a permanência de qualquer deles no elenco.

Por outro lado, queria muito que Neto, Bruninho e até Danielzinho tivessem oportunidades como muitos desses acima já receberam dos treinadores do Galo. Todos da base, a custo baixo, seguramente renderiam muito acima que jogadores que recebem centenas de milhares de reais. Alguns deles não justificaram essa aposta, transformando em investimento a fundo perdido. Todos eles, certamente, seriam mais úteis em outras equipes, tanto da série A quanto do módulo B.

Pois bem, além dessa limpa e da chegada dessas caras novas, ainda carecemos de mais duas ou três contratações. Uma pessoa amiga, com trânsito nos corredores da sede de Lourdes, me assegurava antes da paralisação que uma “cereja do bolo” seria anunciada antes da reapresentação. Será? Só espero que não seja a mesma de 2013. Diego Tardelli.

Nada pessoal, mas por duas razões cristalinas. A primeira, seu salário, que serviu de um quase leilão quando foi anunciado pelo Grêmio. Loucuras, como contratações do tipo Fred, não cabem mais na vida Atleticana. E outra sobre Tardelli, se vem, logo arruma uma justificativa pra ir embora a busca da sua definitiva independência financeira. Foi assim nas duas ocasiões que esteve no Galo. Duas grandes passagens, diga-se, mas os tempos são outros. Não quero correr o risco de Tardelli ir atrás de uma “terceira independência financeira”.

Dito isso, o Atleticano quer e espera que o nosso diretor de futebol Rui Costa – que vem merecendo crédito e confiança do Torcedor – entre o dia de hoje e até a apresentação dos jogadores anuncie novos reforços para a continuidade da temporada.

Estamos em três competições e precisamos levantar um troféu para “ovacionar” o nome do Sette Câmara. Brasileiro, Copa do Brasil e Sul-Americana. Quero todas elas, mas me satisfaço com duas ou apenas uma conquista. Lembrando que a última delas, promovida pela Conmebol, é porta de entrada para o Mundial de 2021.

*fotos: Bruno Cantini/Atlético

20 comentários em “Torcedor do Galo espera ação do diretor de futebol Rui Costa

  1. Meu Caro Portuga!
    Me diga, quem contratar para o lugar do Elias, até parece que no Galo tá sobrando grana!
    O Elias é bom jogador, concordo que o custo beneficio não seja legal, mas neste momento dispensa-lo não é o melhor. Deixa o Blanco voltar e o Neto vingar e sim podemos negocial-lo, jamais dispensa-lo é a minha opinião!
    abraço!

  2. Uma observação , um desabafo e uma CRÍTICA::
    EVÉRTON , CRAQUE REVELAÇÃO TITULAR A MAIS DE DOIS ANOS DO GRÊMIO E HOJE TITULAR DA SELEÇÃO BRASILEIRA.
    O GRÊMIO RECEBE PROPOSTAS MILIONÁRIAS DO EXTERIOR , MAS AINDA ASSIM SEGURA O SEU CRAQUE.
    O ATLÉTICO MAL ACABA DE TORNAR ALERRANDRO TITULAR JÁ FALA EM “”VENDER “” O FUTURO ARTILHEIRO , ALÉM DE TAMBÉM JÁ ESTÁ “VENDENDO”” O GUGA.
    COMO PODE UM TIME GANHAR TÍTULOS COM ESSA MENTALIDADE “VENDEDORA” ??
    AINDA NÃO ESQUECI O MALDITO ALEXANDRE gallo , QUE AFIRMOU QUE O OBJETIVO DO GALO É “” VENDER , VENDER ,VENDER”
    ALÉM DA ULTRAPASSADA MENTALIDADE DA DIRETORIA EM APEQUENAR O TIME ENCAIXOTANTO A TORCIDA NO PEQUENO CAIXOTE DO INDEPENDÊNCIA.
    ASSIM NÃO DÁ.

  3. Eu fico é rindo de alguns comentários aqui!
    O Diretor precisa é elogiar Elias, Fabio Santos e R. Oliveira. Descer a lenha neles igual a torcida faz apenas desvaloriza perante o mercado. Santos e Galo deveriam ter assentados numa conversa pra saída do pastor! O cara não quer ficar em Beagá!
    Elias é outro… foi o Inter que o queria ne? Pois é…. já deveria estar lá a muito tempo!!
    Isso tudo é pra Atleticano nenhum esquecer o nome de Alexandre Gallo!
    Outra coisa aqui… porque não coloca jogada dupla nos jogos em casa do Galo? 1º jogo são junior depois time principal! Assim torcida tem acesso aos jogos.

  4. Bom dia Eduardo acho que o nosso diretor em termos de contratações e dispensas pode parecer que deve um pouco, mas tivemos um que contratava a rodo e deu no que deu, acho que a evolução do elenco dentro de campo também passa pelo Rui Costa, jogador sai p da vida no jogo e volta pianinho, respeitando os companheiros, jogadores do Atlético estavam igual filho sem pai e mãe mimados pelo avô, então nem só de contratações se avalia o desempenho de um diretor de futebol, é nítida a evolução dos tempos que cabeças de bagre sem experiência no comando ditavam as regras, pode não dar certo? Pode, mas o início é bem promissor, aguardemos, no mais um ótimo final de semana, e fique ligado nas ocorrências policiais que a qualquer momento podemos ter mais novidades

  5. Rui ainda não surpreendeu positivamente nem negativamente. Continuo aguardando novidades.
    Mudando o assunto,
    Voltou a circular nas redes sociais as fotos do maria que trabalha no Galo. Além de pendurar os filhos e parentes de conselheiros, Kalil e cia continuam usando o Clube para politicagem. O cruzeirense Pedro Magalhães é filho do presidente da Gasmig, Pedro Magalhães e sobrinho do deputado estadual João Magalhães (aquele que ano passado foi preso pela PF na Operação Capitu). Ê, Kalil/Sette/Lasáro/Gropen!
    Não sei se o moço está ou não à altura do cargo de diretor de marketing. Mas sei que CERTAMENTE há Atleticanos aptos a ocupar esse cargo. É ultrajante, desonroso, depreciativo, aviltante e blasfematório ver alguém que já fez chacota com o Galo, hoje trabalhando no NOSSO Clube. O Clube Atlético Mineiro é de e para Atleticanos! Ou deveria ser…

    1. Assino e dou fé em vossas colocacões,prezada! O maria_ tbm diretor de organizada felpuda, diga-se_ é tão (in)competente que os dois deptº que menos funcionam dentro do organograma do Clube estão sob a sua batuta; o marketing e o GNV. Será pq hein!? Talvez o vrrruuuummmf2 explique! Forte abraço e #GALOSempre

    2. Isso é um absurdo!
      Inacreditável! Revoltante!!
      Esses cartolas, (Kalil e quadrilha) seriam mesmo atleticanos, caríssima Lucy?
      Abraços.

  6. bom dia Eduardo e massa. Grande texto Eduardo. não acredito que venha um cereja do bolo,aliás eu acho que não vem mais reforços. ainda precisa fazer uma varredura no elenco com vários ex jogadores. Elias. pastor pipoqueiro e Fábio Santos deveria ser os primeiros a vazar do galo mas o Rui Costa vive elogiando estes peladeiros e temos que atulerar até o fim do contrato,aliás falam em renovar o contrato com o bunda de chumbo. do Elias. no mínimo tinha que sair 10 jogadores que andam a mamar no galo. vou citar alguns. pastor pipoqueiro. Elias. Fábio Santos. Carlos César. jair. therans. Leandrinho. Real. Vinícius. bolt. Léo Silva aposentado. Nathan. e outros que esquece. olha tanto ex jogadores que andam a mamar no galo. acorda diretoria. obs.ontem foi 2 vexames da base. sub 20 teve a lata de perder em casa pelo tupi. sub 17 foi engolido pelo grêmio. acorda diretoria. vai galooo.

    1. Bom dia. Olha há muito tempo não via um time tão medíocre igual ao sub 17. Ontem foi um vareio de bola, e olha que eles já tinham tomado um chocolate do Palmeiras dentro de casa. Acho que a barca do time principal tem de passar na base tb, principalmente nos ex jogadores que atuam por lá.

  7. Pra dispensar todos esses tem encargos. Quem fez contratos longos ja se foi, o Rui Costa te reestruturando o futebol do GALO. Nesses ultimos 3 anos so amadores ou iniciantes, agora um Diretor ecperiente. Deixa o homem trabalhar CORNETAS.

  8. Quero no mínimo dois títulos , dos três que estão sendo disputados.
    ELIAS e R.OLIVEIRA também precisam ser dispensados , pois são caros e nada produzem em troca , causando um enorme prejuízo aos cofres e ao futebol do GALO.

  9. Boa Noite,

    Cinco jogadores estrangeiros na mesma súmula e sete jogadores inscritos pelo mesmo clube, regra de estrangeiros na CBF.
    Gostaria de fazer um parentese sobre nosso time sub 17 que perdeu hoje de 0 x 1 para o Grêmio nas oitavas de finais do Brasileiro sub 17.
    Show de horrores por parte da equipe do Galo, jogaram uns 14 jogadores mais se salvaram uns 4 foi muito. Falaram que a tempos a base do Galo está perdendo tudo no mineiro, digo se este time do Galo chegar pelo menos numa semi final de mineiro, pode fechar este campeonato, porque não tem nada que preste.
    Tem um volante, capitão, um meia pela esquerda e o goleiro e falaram que o centro avante é bom e artilheiro, vou acreditar porque hoje não jogou nada, o resto é pura comédia de mal gosto, erram passes, erram cruzamentos, erram domínio de bola.
    Aos 39 do segundo tempo, o time perdendo e o lateral esquerdo cai no chão se contorcendo, adivinha, ia ser substituído, mas, o vício falou mais, o time correu para ele o lembrou que estava perdendo, aí ele levantou e saiu rapidinho e correndo, vergonhoso, aos 40 o jogador pela esquerda que recebeu um rebote da área após um escanteio, efetuou um cruzamento na arquibancada, o mesmo já tinha se repetido umas 4 vezes.
    o artilheiro não marcou, pegou uma bola sozinho, ao dominar na canela ela fugiu para o goleiro.
    Se relatar pelo menos 1/10 dos erros ridículos vocês vão chorar.
    Resumo, estamos na merda nesta geração.
    Quanto a paralisação, diria que a copa América e o mundial feminino não estão com nada. Volta galo, não aquento mais. Estamos até sem assunto.

    1. WELLINGTON ,
      bastaria que o Atlético reativasse a ideia da figura
      do cônsul no interior de Minas (que nada recebia,
      a não ser o próprio título, diga-se) que em menos
      de um mês teríamos uns 30 infanto/juvenis na
      Cidade do Galo com suas chuteiras e seus sonhos
      para formarem uma equipe promissora .
      Seria a coisa mais fácil ( e barata ) deste mundo ,
      na minha modesta opinião .

  10. Concordo plenamente, podíamos trazer o Lucas pratto de volta, ia ficar muito bom. Fora pastor, Jair, Vinicius, lucas candido, cesar e cesar,etc…

  11. Bom tarde massa e Guru

    Assino embaixo Guru, a barca tá estacionada na porta da cidade do Galo e tem vários passageiros prontos pra embarcar. Mas destes passageiros que vc indicou vou acrescentar: F. Santos, Elias e o Pastor pipoqueiro. Depois de ver times que a imprensa estava elegendo como melhor elenco do Brasil, hoje estão frequentando as páginas policiais e devendo até o seu Zé da padaria. Então cada vez mais, acho que estamos no caminho certo e ainda acredito que coisa boa está por vir.

  12. Se o Tardelli viesse eu acharia legal.
    Pra ganhar uma dessas competições que você citou tem que trazer alguém diferenciado.
    Sobre o número de estrangeiros,apenas 5 podem jogar na mesma partida,mas acho que na regra não há limite para compor o elenco.Então os irmãos Romero seriam muito bem vindos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*