Skip to main content
 -
Eduardo de Ávila
Defender, comentar e resenhar sobre a paixão do Atleticano é o desafio proposto. Seria difícil explicar, fosse outro o time de coração do blogueiro. Falar sobre o Clube Atlético Mineiro, sua saga e conquistas, torna-se leve e divertido para quem acompanha o Galo tem mais de meio século. Quem viveu e não se entregou diante de raros momentos de entressafra, tem razões de sobra para comentar sobre a rica e invejável história de mais de cem anos, com o mesmo nome e as mesmas cores. Afinal, Belo Horizonte é Galo! Minas Gerais é Galo! O Brasil, as três Américas e o mundo também se rendem ao Galo.

Temporada da vagabundagem é antecipada

JPG mktplace 300x250Inicialmente previsto para 2018, o aumento das vagas brasileiras para a Copa Libertadores terá eficácia já na próxima competição. A parte de cima da tabela, que tinha uma acirrada disputa pelo G4, agora passa a ser G6. Com isso, a CBF – entidade tida e reconhecida como a casa da maracutaia a favor de cariocas e paulistas – sinaliza com a possibilidade de ascender Fluminense e Corinthians na próxima temporada no torneio sul-americano.

Nesse caso, como no princípio constitucional da anterioridade, as modificações nas regras só deveriam ter eficácia no exercício seguinte. Nem vou entrar na questão técnica do assunto, que é chato, mas a medida “casuística”, além de acalentar os dois clubes mencionados, assegura a possibilidade de uma grande festa na sede da CBF.

Afinal, imaginemos, se – pela ordem – Flamengo, Corinthians e Fluminense tiverem acesso para 2017, nada mais estará configurado que as evidentes malandragens a favor dessa trinca (neste exato ordenamento) historicamente beneficiadas pela entidade, atendendo aos seus dirigentes e ainda à emissora oficial de televisão. Se o time paulista não for, como costumeiramente, beneficiado na Copa do Brasil. Essa CBF continua se superando.

Em 2013, quando o Galo foi campeão pela Libertadores, só avançamos na competição quando o então presidente Alexandre Kalil exigiu árbitro de fora dos quadros brasileiros numa disputa de mata-mata com o São Paulo. Fosse qualquer daqueles da CBF, não teríamos avançado na competição.

CBF sede
Fotos: UAI/EM

A malandragem da CBF é histórica. Ao meu juízo, só existe um caminho, a consolidação de uma liga independente, seja a recém-criada ou outra que tenha gente séria no seu comando. A Primeira Liga, apesar do tímido torneio acontecido, pode ter sido o embrião para a busca da moralidade, que passa à margem da direção do futebol brasileiro.

Teria até outras considerações a respeito da Liga, mas, por prudência e em função do momento eleitoral, poderia ser mal interpretado. Só uma dica, não foi sem propósito que Gilvan – presidente do nosso rival – procurou alguém para peitar a CBF no início daquele projeto. Depois das trombadas e assegurado o mínimo necessário, como se faz com uma fruta, tirou o néctar e o resto todos nós conhecemos.

12 thoughts to “Temporada da vagabundagem é antecipada”

  1. Foi, desde o golpe militar de 1964 que o futebol foi usado como laboratório para o golpe de 2016. Do futebol e do Grupo Terrorista Rede Globo não se pode esperar outra coisa! 🙁
    O 7×1 e o Golpe, tudo haver! 🙁

  2. Eduardo, peço sua permissão para comentar um assunto fora do tópico: Maicosuel é a mais nova baixa no time do Galo. Tal como Luan, Dátolo, Marcos Rocha, se contundiu novamente na primeira partida em que voltou a jogar! Não sou leviano a ponto de colocar em dúvida o conhecimento e a competência de profissionais acerca de um assunto que não entendo, mas assim está difícil demais. A repetição desse estado de coisas pode nos custar os títulos que ambicionamos ganhar este ano. Não há como se acreditar em coincidência ou azar numa situação dessas. Acho que está na hora de alguém vir dar alguma explicação para a massa atleticana. Ou então contratar o pai-de-santo dos nossos adversários, porque tá osso!

  3. A libertadores era a elite do futebol sulamericano, pra conseguir a vaga, premiava-se a preparação, o planejamento o elenco. Tudo isso forçando os times a se profissionalizar em todas as áreas pra conseguir a vga, projeção internacional, cotas. Agora, qq time mundano será capaz. Será isso um real incentivo a melhorar o futebol brasileiro?

  4. Oi Eduardo, Acho q o post em questão foi equivocado.
    Tbm odeio a CBF, mas decisão não foi dela e sim da comembol e o intuito é merolhar o futebol sul-americano

  5. Caro Eduardo, até concordo que o Framengo Curintia sejam apadrinhados pela CBF, mas o Flor já teve seus momentos. O Florminense é aquela putinha que tinha um cafetão rico, mas o cafetão quebrou e a putinha teve que voltar pra zona, esse clube medíocre respira com ajuda de aparelhos. Já os outros dois, é outra história, sempre foram beneficiados. Porém, nem com essa ajudinha, o Curintia conseguirá a classificação, terminará o campeonato lá pela 9ª ou 10ª posição. Amanhã é partir pra cima e afundá-los ainda mais. Saudações!!

  6. aff, q viagem, qual o problema de se aumentar o numero de clubes brasileiros na Libertadores?por acaso estamos com medo de algum deles?temos que parar com esse xororó de sempre estarmos sendo prejudicados, as vezes e já foram mais vezes fomos sim, mas vc ta colocando chifre na cabeça de Galo!

    1. Marcos virou bagunça, agora qualquer um poderá ir a Libertadores, pense Botafogo, Ponte Preta e Chapecoense brigando por vaga na Libertadores, se você analisar a tabela verá que do Coritiba 12 (36pts) para o sexto colocado Atlético Pr (42pts) são duas vitórias, quanta gente entrou na briga sem merecer, acho que uma competição destas merece os melhores times e não apenas dar vaga para satisfazer federação em troca de voto, são 3 times mexicanos viagem longa cansativa e que deveria acabar, isso eles não fazem e o tornei não vale nada para eles já que não dá vaga para o Mundial de clubes, então o que eles estão fazendo aqui? Quando seu time for eliminado por um time Mexicano porque 2 a 3 jogadores passaram mal mal durante este voo e não puderam jogar aí você verá que este é um dos maiores erros da Conmebol, lamentável por assim dizer

  7. Como sempre a dona cbf esta claramente tentado levar o corinthinas a libertadores pois todos estamos vendo que eles estao em queda livre,outra coisa na minha visão esta primeira liga e muito fraca pois os nos diregentes não tem vontade nenhum a de mudança se assim fosse da vontade deles bateria de frente com a cbf ao contrario sempre aceitado sua deciçoes pois eles forao que elegeu este presidente da cbf

  8. Prezado, gosto muito de seus comentários.No entanto este da agora, com devido respeito,está um pouco fora de proposito. Veja bem, 1) a decisão não é da CBF; 2) Malandragem ao beneficiar o, no caso, Flamengo??Como assim se hj ele ja estaria no G4? 3) Hj o sexto lugar é Atletico PR; 4) Este aumento de vaga pode beneficiar, inclusive o Atletico, caso num determinado momento não consiga entra no G4 ( fato que ja aconteceu recente mente (lembra-se que ficou o campeonato inteiro no G4 e dps perdeu a vaga nas ultimas10 rodadas?
    Não estaria o nobre escriba alimentando o chamado “Complexo de vira-lata”? Abraços

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.